Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Descubra os melhores lugares para estudar piano nas grandes capitais brasileiras

De Fernanda, publicado dia 28/09/2017 Blog > Música > Piano > Onde aprender piano?

Aprender a tocar piano requer muita motivação e força de vontade. O piano é um dos instrumentos mais difíceis de estudar, ao lado do violino e de percussão.

Aquele que deseja começar o piano tem de recorrer a profissionais experientes, que consigam transmitir suas habilidades musicais. E no estudo do piano e do teclado há muito o que trabalhar: teoria musical, técnicas, diferentes estilos musicais, pedais, postura corporal, leitura de partitura…

Quer aprender a tocar Chopin? Progredir rapidamente? Aprender a improvisar? Fazer aulas de piano de jazz?

Aqui estão as nossas recomendações sobre onde tocar piano nas principais cidades do Brasil…

Onde aprender piano na capital pernambucana

Onde estudar piano em manguetown. Ofereça aulas de piano para seu filho em Recife! Aprender o instrumento traz tantos benefícios às crianças!

Ok, você acabou de decidir que quer aprender piano em Recife. Mas e agora? Por onde começar? Será melhor estudar numa escola particular, em conservatório, na Universidade ou com um professor independente?

Veja as principais escolas e universidades para prosseguir seus estudos avançados do instrumento:

  • Conservatório Pernambucano de Música: Com mais de 85 anos de história, o Conservatório é o local mais conceituado do Recife. Oferece cursos regulares (Iniciação Musical, Preparatório e Curso Técnico em Instrumento e Canto) e cursos de extensão –  piano erudito, piano popular, teclado.
  • Centro de Educação Musical de Olinda (CEMO): é uma escola de música bem conceituada em Pernambuco. Oferece os seguintes cursos: Educação Musical Infantil (de 6 a 12 anos de idade); Curso Médio em Música (técnico profissionalizante para pessoas de 13 a 40 anos de idade); Curso de Apreciação Musical (acima de 45 anos).
  • Universidade Federal de Pernambuco – UFPE: o Departamento de Música oferece três cursos de graduação: Bacharelado em Instrumento, Bacharelado em Canto e Licenciatura em Música. O departamento também oferece cursos de extensão como o de piano criativo.

Há também diversas opções de escolas particulares na cidade.

Agora se você procura por projetos sociais de ensino de música, há várias alternativas, como a Escola Técnica Estadual de Criatividade Musical e a Escola Municipal de Artes João Pernambuco (EMAJPE).

Onde aprender piano na capital gaúcha

Porto Alegre possui um público importante do campo erudito; tem duas grandes orquestras (Orquestra Filarmônica da PUCRS e Orquestra Sinfônica de Porto Alegre) e uma orquestra de câmara (Orquestra de Câmara Theatro São Pedro) e diversos grupos menores vocais e instrumentais, além de escolas de música e locais para concerto. Caso você esteja buscando estudar piano clássico ou popular, a cidade lhe oferece muitas opções.

Vamos começar pelo ensino superior e técnico:

A UFRGS, pelo Instituto de Música, forma dois tipos de profissionais: licenciado em Educação Artística com habilitação em Música e bacharel em Música. O Programa de Extensão do Departamento de Música também promove excelentes cursos direcionados à comunidade em geral, nas áreas: Instrumentos Musicais, Alfabetização Musical, Ensino Coletivo do Violão, Teoria e Percepção Musical, Música Eletrônica…

Já o Centro Universitário Metodista (IPA) oferece o curso de Licenciatura em Música. O curso tem como Extensão o projeto Educação Musical em Instituições Conveniadas, integrando o PIBID.

É em POA que é desenvolvido o Projeto Sol Maior: criado em 2007, tem o objetivo de promover a inclusão social por meio das artes, em especial a música e a dança. Assim, professores formados em música ministram aulas para iniciantes para 350 crianças, realizando um trabalho personalizado com cada aluno. Os cursos acontecem nas salas do Theatro São Pedro, e diversos instrumentos são possíveis: piano, violão, bandolim, cavaquinho e pandeiro, entre outros. O projeto vai além: leva apresentações e oficinas nas comunidades e nos locais de residência dos estudantes.

Você encontra na cidade diversas opções de escolas particulares de música, para todos os gostos e bolsos.

Onde aprender piano na capital paulista

Onde tocar teclado na capital paulista. Pânico em SP? Perdido na selva de pedra? Nós temos as melhores dicas para você encontrar sua aula de piano ideal!

Em Sampa, você tem milhares de opções à sua disposição: sejam elas gratuitas, pagas, com nível de graduação, cursos livres, oficinas… Você pode procurar um conservatório ou escola de música, centros culturais, instituições, faculdades e ainda pode optar por fazer aulas de piano em casa, com um professor particular. As possibilidades são infinitas. Aqui, vamos nos restringir aos excelentes centros culturais, que já oferecem diversas modalidades de ensino do piano:

  • Escola Municipal de Música de São Paulo: uma das principais referências em música na América Latina. Há aulas de piano, teoria e percepção musical, harmonia, com tendência ao erudito e clássico. Os estudantes têm acesso livre ao Theatro Municipal de São Paulo. O processo de seleção é realizado duas vezes ao ano, para candidatos a partir de 9 anos de idade. As aulas são gratuitas.
  • EMESP Tom Jobim: antiga Universidade Livre de Música, a Escola de Música do Estado de São Paulo – Tom Jobim pertence à Secretaria da Cultura. É considerada a melhor escola de música do país. Há formação continuada (duração de 3 anos), formação avançada (de 2 a 4 anos de duração) e cursos livres nas áreas erudita e popular – todos os cursos são gratuitos.
  • SESC São Paulo: A vantagem desse sistema é a grande variedade na opção de cursos, que abordam sobretudo a teoria musical em temáticas especiais (apreciação musical, percepção e teoria musical, improvisação, tocando grave) e na ampla localização das unidades.
  • SESI São Paulo: oferecem cursos e concertos voltados para todas as idades. As aulas estão divididas em quatro módulos: Iniciação Musical (a partir de 7 anos), Iniciação Instrumental (a partir de 8 anos), Cordas para Todos (a partir de 18 anos) e Camerata de Cordas (a partir de 8 anos).
  • Projeto Guri: mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, o Projeto é um grande programa sociocultural do país. Voltado para crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos, oferece cursos no período de contraturno escolar: piano, teclado, iniciação musical, canto coral, tecnologia em música, entre outros.

Onde aprender piano na capital carioca

Se você quer estudar piano ou teclado no Rio de Janeiro, pode muito bem recorrer às dezenas de escolas particulares de música espalhadas pela cidade maravilhosa. Mas aqui nós vamos citar duas instituições consagradas e de renome que podem transformar a sua carreira musical. Conheça:

Escola de Música Villa-Lobos: estudar piano no Rio

Criada em 1952, a princípio era um centro popular de ensino de arte. Hoje faz parte da Secretaria de Estado de Cultura. A Escola possui quatro tipos de cursos, todos com duração de 3 anos (menos os livres): Formação Musical, gratuito, para alunos de 8 a 15 anos, com inscrições anuais via edital; Básico em Música, pago e semestral, sem processo seletivo e voltado para alunos a partir de 13 anos; Técnico, voltado para alunos com Ensino Médio completo ou em curso, é gratuito e proporciona habilitação profissional; e finalmente os cursos livres, que são pagos e possuem temática diversificada.

A Escola é mais adequada para aqueles que buscam formação teórica consistente, e sua vantagem está sobretudo no preço, pois alguns cursos são de graça. Além dos cursos, a Escola de Música Villa Lobos incentiva à participação em grupos artísticos, como o Coro de Câmara Adulto, Grupo de Choro Corando Baixinho, Grupo de Jazz, Orquestra Sinfônica e Orquestra Popular.

Conservatório Brasileiro de Música – Centro Universitário

Criado em 1936, certamente uma das escolas mais conhecidas na cidade. Em graduação, há bacharelado e licenciatura em Música e bacharelado em Música e Tecnologia. Já na pós-graduação, Musicoterapia, Regência Coral, Educação Musical. Além da formação universitária, o Conservatório Brasileiro de Música traz programas para iniciantes ou experientes em todos esses instrumentos musicais: piano, teclado, bateria, bandolim, clarineta, flauta doce, flauta transversa, guitarra, percussão, regência, saxofone, trombone, trompete, violão, violino, violoncelo. Essas aulas são individuais, com 1 hora de duração uma vez por semana. Cada professor determina o valor por mês, cerca de 350 reais. O Conservatório ainda mantém a Camerata de Violões, a Clínica Social de Musicoterapia, Núcleo de Pesquisa, TV CBM, além de organizar eventos, seminários, palestras e outras atividades relacionadas à música.

Onde estudar teclado no Rio? O Rio de Janeiro é uma cidade maravilhosa inclusive para se tornar um grande pianista!

Onde aprender piano em Brasília

Se você quer tocar piano no DF, seja para aperfeiçoar seu nível ou então para descobrir um novo estilo musical, a cidade comporta opções boas e diversificadas na área. Duas universidades oferecem cursos para aqueles que desejam aprofundar seus estudos musicais. A Universidade de Brasília (UnB) e o Centro Universitário Claretiano (Ceuclar).

Além disso, lá você encontra o Centro de Educação Profissional Escola de Música de Brasília (CEP-EMB). Em funcionamento desde 1963, é a escola técnica pública mais antiga no DF. Promove cerca de cem cursos de formação na área da música erudita e popular, para pessoas de todas idades e meios sociais. As modalidades são: Formação Inicial e Continuada, opção Iniciação ao Instrumento ou Básicos Instrumentais, Musicalização Infantil, e cursos Técnicos de Nível Médio, entre outros.

Onde aprender piano na capital mineira

Independentemente de sua idade, de seu nível de estudos, de seus objetivos com o piano, não tenha dúvidas: você vai encontrar o seu lugar ideal para tocar piano em BH.

Torne-se pianista na capital mineira! Você sabia que BH é uma das capitais mais ricas quando o assunto é piano e música?

Conheça alguns deles:

  • Escola de Música – Universidade Federal de Minas Gerais: a Escola da UFMG está no topo do ranking dos melhores cursos universitários do país. Fundada em 1925, agrega o renomado Conservatório Mineiro de Música. Oferece atualmente cursos nos níveis graduação (licenciatura e bacharelado), pós-graduação e extensão.
  • Conservatório Mineiro de Música: inaugurado em 1926, o Conservatório é referência para os amantes da música erudita e instrumental, com uma das melhores salas de concertos de BH. O Conservatório tem também como proposta a oferta de cursos livres de música, todos de graça e com temáticas diversas (piano popular, história da música ocidental, entre outros).
  • ESMU – Escola de Música da Universidade do Estado de Minas Gerais: Criada em 1954 como Universidade Mineira de Arte, oferece cursos de graduação em instrumento ou canto (bacharelado e licenciatura), além de uma licenciatura em Educação Musical Escolar. Oferece pós-graduação lato sensu e cursos de extensão.
  • Centro de Formação Artística e Tecnológica (Cefart): Gerenciado pela Fundação Clóvis Salgado, entidade vinculada à Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais, oferece à comunidade o Curso Básico de Música, forma músicos – cantor ou instrumentista – e tem duração de 3 anos.
  • Fundação de Educação Artística (FEA): oferece Cursos Livres e Formação instrumental, no campo erudito e popular, para crianças a partir de 4 anos, jovens e adultos, sem caráter seletivo. Há aulas de teclado, canto, violão, guitarra, violino, viola, violoncelo, contrabaixo, flauta, entre outros.
Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar