Página principal
Dar aulas
alt_photo

Sthefanie

Embaixador

  • Preço hora/aula R$250
  • Tempo de resposta 18h
  • Número de alunos 50+
Pedir aulas

Doutoranda em computação da aulas de programação para estudantes, técnicos e engenheiros em programação do básico ao avançado em linguagem C, C++, Java, Python ou outra conforme a necessida

    • Parque Dez de Novembro
    • Em minha casa
    • webcam

Embaixador

É a crème de la crème dos professores. Perfil de qualidade, diploma verificado e resposta garantida. Sthefanie marcará sua primeira aula de Programação.

Sobre a aula

Doutoranda em Engenharia Elétrica e Computação na Univeridade do Texas em San Antonio (USA), graduada e Engenharia de Software na Universidade Federal do Amazonas (BR), já trabalhei em empresas e atualmente estou em um projeto de pesquisa envolvendo Inteligência Artificial, Banco de Dados e Método Científico. Busco ensinar estudantes de nível básico a avançado a programar e analisarem algoritmos como arquitetos de software.

matérias

  • Programação
  • Linguagens de programação
  • Python
  • +2

    Java

    C++

línguas

  • Inglês
  • Português

níveis

  • Todos os níveis

Mais sobre Sthefanie

Ao trabalhar com lógica de programação, linguagens como C, C++, Java, Python etc meu método de ensino é teoria aliada a prática. Dei aulas técnicas em programação na faculdade, e a didática em passar o conhecimento é fundamental. Além disso a dedicação do aluno em resolver os exercícios é imprescindível para a fixação do conteúdo. Podem ser feitos pacotes promorcionais para aulas com grupos de estudantes. Assim conforme as dificuldades de facilidades do estudante as dúvidas serão esclarecidas e o o conteúdo será aprofundado. "O conselho da sabedoria é: Procure obter sabedoria, use tudo o que você possui para adquirir entendimento." Provérbios 4:7

Tarifas

pacotes

  • 5h: R$1200
  • 10h: R$2250

webcam

  • 250R$/h

Mais detalhes sobre Sthefanie

  • 01

    Tem quanto tempo que você descobriu sua paixão pela informática, poderia nos contar (talvez com um pouco de nostalgia) sua primeira experiência com um computador?

    Na época eu cursava Ensino Médio com Técnico Integrado em Eletrotécnica. Estava realizando um projeto tecnológico que envolvia economia de energia, automação e programação, porém o curso não oferecia aulas de programação, procurei a coordenação, conversamos e solicitei a possibilidade de que eu pudesse assistir as aulas de programação em C++ que eles ofereciam a outro curso. Tive dificuldade no início, mas percebi que amava fazer os exercícios e ver os códigos uncionando, o tempo corria e mesmo nas madrugadas eu não sentia sono, pois ficava muito animada em realizar os exercícios, ouvir música e me aperfeiçoar. Nesse momento percebi que eu amava computação e decidi seguir para essa área e me tornar uma Engenheira de Software

  • 02

    Qual foi a evolução tecnológica que mais te marcou e qual, na sua opinião, será a próxima a revolucionar radicalmente o mundo da tecnologia?

    Uma das revoluções e aplicações tecnológicas que mais me marcaram são as que envolvem a tecnologia na saúde. Há jogos voltados para pessoas deficientes que perderam o movimento das pernas, por exemplo, tais jogos fazem com que o personagem caminhe somente se o jogador enviar estímulo cerebral para suas pernas.
    Os estímulos podem ser detectados com sensores em um capacete. Esses jogos funcionam como uma terapia para que pessoas tentem voltar a andar, e acontece que muitos pacientes acabam voltando a sentir suas pernas e tendo um progresso espetacular. Logo, essa parte de Health Care e tecnologia voltada à saúde é uma das coisas que mais me inspira principalmente na parte de pesquisa e desenvolvimento tecnológico

  • 03

    Nos explique um pouco sobre sua especialidade, seu interesse por essa área e, de forma mais ampla, sua importância no mundo da informática.

    Conheço um pouco de tudo na parte de computação, amo ensinar e dou aulas de Lógica de Programação, Estrutura de Dados, Sistemas Operacionais, Programação Web, Aprendizagem de Máquina etc. Minha especialidade é na parte de Big Data e aplicação desses dados em Modelos Neurais. Sou pesquisadora em projetos envolvendo classificação de sinais biológicos humanos com Modelos Neurais Profundos e pretendo me aprofundar ainda mais nessa área.

  • 04

    Como você enxerga visionários como Bill Gates, Steve Jobs e Mark Zuckerberg?

    Os três foram pioneiros com suas ideias em busca de um computador pessoal, uma tecnologia de ponta e ideias relativamente simples de implementar, como o Facebook, mas que tiveram a iniciativa de fazê-lo. Eles são exemplo de que o conhecimento não é um fim em si próprio, mas um meio para fazer uma ideia fenomenal se concretizar. Eles
    não tinham todo o conhecimento, mas tinham ideias e montaram um time para conseguir chegar onde chegaram, isso nos mostra que a busca de inovação não é um trabalho solitário, mas sim compartilhado e em grupo. Temos que saber que nunca saberemos de tudo, mas podemos nos rodear de profissionais que vão nos ajudar nessa corrida pela sabedoria e estou aqui como professora para fazer parte desse time para utilizar o conhecimento como ferramenta para tecnologia e inovação de meus alunos

  • 05

    Você poderia compartilhar alguma história e/ou curiosidade engraçada relacionada à sua profissão ou as aulas particulares?

    Uma coisa que sempre penso é que as aulas acabam sendo um ambiente de aprendizado tanto do professor quanto do aluno. Em uma das minhas aulas foi conversada a possibilidade de compactar vários modelos neurais a ponto de fazer uma Inteligência Artificial com o conhecimento de um humano, conseguindo nomear desde animais até doenças extremamente específicas, entender a fala e transmiti-la. Pensamos até na dominação do mundo por conta dessas tecnologias e até conversamos sobre esses filmes como Matrix e outros em que a tecnologia é uma ameaça para a humanidade. Penso que a tecnologia não deve ser vista como ameaça e sim como uma ferramenta de construção de um mundo melhor, sabendo que o poder de decisão humano é insubstituível. O apocalipse tecnológico é uma ficção que não se tornará real se trabalharmos acima de tudo, valores éticos e princípios bíblicos como amor a Deus e ao próximo e tendo respeito às diferenças.

  • 06

    O que você diria para uma pessoa que não se sente confortável com novas tecnologias e te diria que a informática é muito complicada?

    Essa dificuldade é completamente normal quando estamos tratando de algo totalmente novo. À medida que persistimos e realizamos exercícios direcionados, tiramos dúvidas e temos aulas expositivas, esse conhecimento em informática e computação se torna cada vez mais fluido e trivial. Temos que ter em mente que o segredo é persistir no
    objetivo e buscar se aperfeiçoar, depois de um tempo a tecnologia se tornará algo natural, você verá muitas oportunidades nela e o que era complicado passa a ser intuitivo

  • 07

    Nos ajude a te conhecer um pouco mais, conte-nos seus hobbys (atrelados ou não a informática)!

    Uma das coisas que me inspiram, além da computação, é a música. Amo cantar e tocar piano, penso que a partitura e as notas musicais são uma nova linguagem, assim como a linguagem de programação. A diferença é que ela não comunica verbalmente e nem para um computador, mas comunica com o sentimento e bem estar. O piano é um
    novo teclado com objetivos diferentes e que trabalha uma área parecida no cérebro. Quanto mais você lê e pratica, melhor você se torna, é um exercício contínuo e que exige dedicação, no final os resultados me trazem grande satisfação pessoal e bem estar aos ouvintes

  • 08

    O que faz de você um Superprof (e que nenhuma IA poderá substituir) ?

    A primeira coisa que temos que entender como professores é que uma vez já fomos alunos, passamos por desafios e com humildade superamos barreiras e buscamos a sabedoria para chegar ao conhecimento que temos. E por conta disso tenho empatia pelos meus alunos, sabendo que todos temos dificuldades, e a partir da dificuldade e resolução da dúvida conseguimos nos aprofundar no conhecimento. Costumo dizer que a dúvida é a origem do conhecimento, uma IA vai gerar dados a partir desse conhecimento, mas a didática e empatia para compreender esses dados é realizada pelo direcionamento do professor. O poder de decisão de ensinar primeiro uma coisa e depois outra é realizado pelo professor também, e esse direcionamento é insubstituível.

Encontre seu professor de programação
5896 profes disponíveis

Ver mais professores
  • Aulas de Programação nas linguagens Python, Java, C, C++, Ruby e Javascript para jovens e adultos de BH - conhecimento adquirido na UFMG e em diversas empresas de Tecnologia

    Arthur Barbosa

    Horto

    5 (17 avis)
    • 200 R$/h
  • Estudante de Ensino Técnico ministra aulas de Lógica de Programação em Python

    Gabriel

    Aleixo (Manaus)

    5 (13 avis)
    • 30 R$/h
  • Professora com experiência nas disciplinas de lógica de programação e linguagens C e Python.

    Ivana

    Planalto

    5 (8 avis)
    • 45 R$/h
    • 1h grátis
  • Estudante de engenharia de controle de automação, ensino na área de informatica e na área matemática em Manaus/AM.

    George

    Monte das Oliveiras

    • 50 R$/h
    • 1h grátis
  • Professor especializado em informática, internet, manutenção de computadores, redes, programação e robótica com arduino (Cubatão Santos São Vicente)

    ROBSON ESCOTIEL

    Parque São Luis (Cubatão)

    • 43 R$/h
    • 1h grátis
  • Graduado em Ciência da Computação da aula de programação, linguagem C, Java, Scilab, Matlab, Python, entre outras.

    Jonathas

    Bom Jesus

    • 40 R$/h
    • 1h grátis
  • Aulas de Programação para iniciantes (JAVA, C++, C, python) - Crianças, Adolescente e adultos.

    Breno

    Cruz das Almas

    • 30 R$/h
    • 1h grátis
  • Mestre em Infomática, Programador de Aplicativos Android, Professor de C++, Doutor em Física

    Marcelo

    Curitiba

    • 450 R$/h
    • 30min grátis
  • Linguagem de Programação, Teoria da Computação, Autômatos, Matemática Discreta e Lógica. Aulas On-line. Tenho doutorado.

    Marcia

    Jardim Jockei Club A

    • 100 R$/h
    • 1h grátis
  • Precisa de ajuda com seus projetos? Sou engenheiro de computação e posso te ajudar!

    Jordan

    Tarumã Açu

    • 10 R$/h
    • 1h grátis
  • Desenvolvedor com mais 5 anos experiência profissional finalista em ciência da computação

    Sergillam

    Distrito Industrial

    • 55 R$/h
    • 1h grátis
  • Programaçáo e manutenção de ordenadores, desenvolvimento de aplicativos en multiples linguagem ()

    DELFIN

    • 50 R$/h
    • 1h grátis
  • Bacharel em Ciência da computação ensina diversos tópicos de informática e programação em geral.

    Marlon

    Cidade Nova

    • 70 R$/h
    • 1h grátis
  • Estudante de sistemas e logistica, aulas de informatica residente em Manaus amazonas

    Jackson

    São José Operário

    • 20 R$/h
    • 30min grátis
  • Analista de Sistemas e Professora de Informática, Programação e Teste de software.

    Samea

    Lírio do Vale

    • 47 R$/h
    • 1h grátis
  • Professora de informática com vasto conhecimento na área para crianças, jovens e idosos.

    Bruna

    Planalto

    • 35 R$/h
    • 1h grátis
  • Cientista da computação da aulas de informática de forma geral em Manaus

    Rodrigo Germanio

    • 30 R$/h
    • 1h grátis
  • Formado pela trybe em Desenvolvimento web Full-Stack, com atuação em vários projetos de larga escala.  Tenho domínio de React.js, Node.js, MongoDB e MySql.

    Gabriel

    Manaus

    • 40 R$/h
    • 1h grátis
  • Estudando de engenharia da computação e técnico em informática que dá aulas de programação e lógica para quem tá começando em Manaus-Am. Mas posso atender online também.

    Rodrigo

    Nossa Senhora das Gracas

    • 80 R$/h
    • 1h grátis
  • Formando em Engenharia de Controle e automação dá aulas de Programação C, C++, Java e Python

    Marcelo

    Ouro Preto

    • 40 R$/h
    • 1h grátis
  • Ver mais professores