"A condicional é a mais bela conjugação do mundo, e evidentemente, a mais confortável." Paule St Onge.

Para aprender a conjugação verbal em espanhol, é preciso ser tão rigoroso quanto meticuloso: entre outras coisas, será preciso memorizar as regras para cada tempo e as irregularidades.

Por essa razão, muitos estudantes escolhem a Espanha (ou algum país da América Latina) para estudar o idioma "direto na fonte".

Aqui estão as nossas dicas para dominar os verbos em espanhol, os modos e tempos da conjugação verbal espanhol: do indicativo ao condicional, no subjuntivo e imperativo.

Por que aprender os verbos em espanhol?

Por que aprender espanhol?
Descubra quais são as vantagens de dominar a língua espanhola!

Espanhol - ou castelhano - é uma língua latina que nasceu entre os séculos VIII e IX da nossa era.

O idioma espanhol foi estendido como resultado da colonização e do comércio, tornando-se o idioma oficial de 22 países, do México ao Chile, passando pela Venezuela ou Argentina.

O espanhol é a língua materna de 468.000.000 de pessoas e é usado por cerca de 559.000.000 de pessoas, o que a torna a terceira língua mais falada no mundo, atrás do chinês mandarim e do inglês.

Fazer aulas particulares para aprender os verbos espanhóis também significa conversar com pessoas espanholas dos nossos vizinhos da América do Sul ou com pessoas pertencentes à diáspora espanhola que se estende por todo o mundo.

A língua Cervantes também é uma das seis línguas oficiais da Organização das Nações Unidas.

Além disso, o espanhol é o idioma da quarta economia da zona do euro, a Espanha. Portanto, é uma lingua muito importante.

De fato, desenvolver habilidades linguísticas e progredir nos verbos espanhóis pode levar mudar completamente a sua vida profissional: no campo da educação (por que não se tornar um professor de língua espanhola? ), tradução, comércio internacional, comunicação digital ou mesmo no setor de relações internacionais.

Aprender espanhol como segunda língua oferece uma vantagem competitiva considerável quando se trata de acessar a sociedade mundial de hoje e também na esfera pessoal.

Quais são os tempos usados ​​em espanhol?

Os dois verbos espanhóis mais usados, são "ser" e "estar", assim como acontece em português. Um ou outro é usado de acordo com o contexto da sentença.

O modo indicativo

Na língua espanhola, os  tempos de conjugação mais comuns são, em primeiro lugar, os indicativos:

  • O presente indicativo;
  • O passado simples;
  • O passado imperfeito;
  • O futuro simples.

Nas aulas de espanhol, normalmente começamos pelo presente do indicativo e o futuro que são mais fáceis de aprender. Mas por quê?

Porque assim que aprendemos os três grupos verbais (primeiro grupo: verbos terminados em -AR, segundo grupo: verbos em espanhol terminados em -ER, terceiro grupo: verbos terminados em -IR), podemos aprender o final da conjugação no presente e aplicá-lo para cada verbo .

Por exemplo:

  • Verbos em AR: o, as, a, amos, áis, an;
  • Verbos em ER: o, es, e, emos, éis, en;
  • Verbos em RI: o, es, e, imos, ís, en.

No futuro, basta escrever ou pronunciar um verbo no infinitivo (hablar, conocer, llamarse, coger, hacer, haber, poner, salir, etc.) e adicionar a terminação do futuro (é, ás, á, emos, éis, án).

Muitas ações resultam em verbos no passado em espanhol: o passado imperfeito, o passado simples, o passado composto e o passado mais-que-perfeito.

Para expressar a repetição e a continuidade de uma ação desdobrada no passado, a língua hispânica utilizará o indicativo imperfeito. Relativamente fácil de conjugar também, ele é formado pelo infinitivo de um verbo mais sua terminação:

  • Primeiro grupo: aba, abas, aba, ábamos, abais, aban;
  • Segundo grupo: ía, ías, ía, íamos, íais, ían.

Nos exercícios de fixação de espanhol,  veremos que o passado simples é muito mais utilizado que o passado composto. Em outros idiomas, como o francês, ocorre o oposto.

 

Tempos verbais em espanhol
Uma das partes que pode ser considerada mais difícil da língua espanhola é a variedade de tempos verbais e a conjugação verbos espanhol.

Aprenda a conjugar verbos em espanhol!

Aqui, novamente, a escolha de um ou outro varia de acordo com o contexto: para o passado composto (conjugado por haber + particípio passado), ele é usado se a ação ainda tiver ligações com o presente enquanto no passado simples, ela está completamente distante.

Mais um ponto de atenção são as irregularidades: declinação e ditongo estão presentes em uma lista de verbos que você precisará aprender. (verbo jugar em espanhol)

O modo subjuntivo

À medida que avança nos estudos, você vai perceber que no vocabulário espanhol o presente do subjuntivo e o imperfeito do subjuntivo estão entre os tempos mais utilizados.

"De fato, é o famoso modo de expressar a inveja, o desejo, a condição, a hipótese que ainda não se realizou ou ainda, a dependência, a dúvida, o dever, um conselho ou mesmo um pedido."

Como regra geral, o presente do subjuntivo é construído com o radical da primeira pessoa do singular do presente do indicativo e a terminação do verbo.

Qualquer aluno pode se familiarizar com os tempos condicionais e imperativos. Para isso será necessário dedicar-se aos estudos - existem algumas ferramentas online gratuitas para auxiliá-lo nisso.

Já usou algum conjugador de verbos em espanhol?

Os verbos espanhóis mais comuns

Para aprender a conjugar o verbo espanhol, uma regra essencial deve aplicar-se a todo aluno que recebe o seu professor particular em casa: foque no essencial, isto é, nos verbos mais comuns.

É impossível tentar assimilar todos os verbos de uma só vez. Será necessário estudar aos poucos, e ir revisando, de modo a ativar a sua memória a cada dia.

Começaremos aprendendo os seguintes verbos: ser, estar, haber, tener e deber.

Há uma infinidade de aulas de espanhol e exercícios disponíveis on-line para ajudar o estudante a assimilá-los.

Recomenda-se fazer uma lista de verbos irregulares, onde esses cinco exemplos são encontrados, e depois revisá-los várias vezes por semana.

"Entre as aulas de música, é melhor fazer meia hora de piano por dia do que três horas antes de sua aula semanal. Para exercícios de conjugação, vale a mesma regra."

Também, uma aprendizagem gradual consiste em aumentar o seu vocabulário com verbos reflexivos:  llamarse, levantarse, despertarse, acordarse, ducharse, lavarse, dormirse, vestirse, encontrarse.

Depois, basta adicionar o pronome específico a cada pessoa para conseguir a conjugação adequada. Por exemplo, para conjugar o verbo encontrarse no presente do indicativo, escreve-se:  me encuentro, te encuentras, se encuentra, nos encontramos, os encontráis, se encuentran.

Note que o verbo "haber" ocupa o lugar de auxiliar na língua espanhola. É conjugado no presente da seguinte forma: he, has, ha, hemos, habéis, han.

O que percebemos? Aqui temos verbos irregulares com ditongos e terminações variáveis.

Para ir além, temos uma lista dos verbos espanhóis mais comuns, de A a Z. (verbos español) Seguem alguns:

  • Abrir;
  • Andar;
  • Beber;
  • Buscar;
  • Cerrar;
  • Caer;
  • Cambiar;
  • Cantar;
  • Coger;
  • Cocer;
  • Conocer;
  • Comer;
  • Creer;
  • Dar;
  • Deber;
  • Decir;
  • Dormir;
  • Elegir;
  • Escribir;
  • Hacer;
  • Haber;
  • Ir;
  • Llegar;
  • Llamar;
  • Necessitar;
  • Oir;
  • Pensar;
  • Poder;
  • Saber;
  • Salir;
  • Seguir;
  • Sentir;
  • Trabajar;
  • Vivir;
  • Volver.

Aprender espanhol na Espanha ou mergulhar em imersão linguística em um dos países latino-americanos de língua espanhola será muito mais eficaz do que fazer exercícios sem sair do Brasil: assim você pode rever as regras gramaticais e, simultaneamente, aprender todos os tempos, enquanto enriquece sua cultura geral! Conjugar verbo em espanhol pode se tornar fácil!

Um pouco a cada dia
O seu cérebro não é uma máquina. Portanto, aprender verbos espanhóis demanda estudos e dedicação.

Outra dica: em uma folha em branco, escreva todos os verbos que você lembrar e tente conjugá-lo em todas as pessoas e tempos.

Como aprender verbos irregulares espanhóis?

Aprender uma língua exige dominar o seu sistema gramatical, a conjugação verbal, as regras ortográficas e praticar - às vezes incansavelmente - exercícios que abordem a aplicabilidade desses conceitos.

O ideal é aprender espanhol enquanto você ainda está no Ensino Médio. Dessa forma, dependendo da profissão escolhida para cursar na universidade, você poderá ter ainda mais oportunidades no mercado de trabalho.

E existem inúmeras listas de verbos irregulares em espanhol para ajudá-lo a diferenciá-los dos regulares.

Nosso conselho n ° 1 : aprender pouco a pouco, de maneira regular e hierarquizada. A ação consistiria em aprender os verbos aplicados a frases simples do dia a dia. Dominar a conjugação de verbos em espanhol assim se tornaria mais espontâneo.

Nossa dica nº 2 : descrever situações da vida cotidiana. No lugar de decorar tabelas e mais tabelas de conjugação, pode-se otimizar sua aprendizagem de espanhol com frases curtas.

  • Pienso que obtendré mis examenes - Acho que vou fazer meus exames;
  • Tengo que trabajar mucho para mejorar mis notas - Tenho que trabalhar muito para melhorar minhas notas;
  • Si tuviera dinero, iría en América Latina -  Se eu tivesse dinheiro, iria para a América Latina.
  • ¡Claro! Conozco este hombre, ¡era mi vecino el año pasado!  - Claro! Eu conheço esse homem, ele foi meu vizinho no ano passado!

Pode-se, portanto, construir um estoque de frases simples com verbos conjugados em todos os tempos e para todas as pessoas. Existem inúmeras possibilidades de frases, mas o principal é memorizar os grupos verbais, e não as frases em si.

Para ir mais longe, também recomendamos incorporar alguns superlativos - absolutos e relativos.  Em espanhol, há processos gramaticais que expressam a qualidade ao mais alto nível:  muy  + adjetivo + sufixo adjetivo ísimo, ísima, ísimos, ísimas + artigo + adjetivo comparativo (el más / menos).

Aviso: certifique-se de que a ortografia está correta, porque um acento mal colocado pode mudar completamente o sentido da oração!

Procurando por um site de conjugação em espanhol?

A Espanha e seus símbolos
Alguns sites se especializam em verbos e cultura espanhola. (espanhol verbos)

Existem sites que listam todos os tempos verbais em um único clique, portanto, são o tipo de ferramenta ideal para checar um verbo do qual você não tem certeza da terminação.

Quando alguém deseja estudar a língua hispânica e seus verbos irregulares, deve-se verificar a ortografia e os ditongos.

Muitas vezes, o "e" torna-se "ie" ou o "o" torna-se "ue", o "c" torna-se "zc" ou o "i" torna-se "y" em algumas pessoas do singular ou plural.

Há verbos irregulares que recebem ditongo -  "e" -> "ue":

  • Acertar, adquirir, apretar;
  • Empezar, enterrar, encender, entender;
  • Pensar, Plegar, perder, preferir.

Quando o "e" se torna "i":

  • Colegir, conseguir, corregir;
  • Pedir, perseguir;
  • Seguir, sonreír, soñar;
  • Vestirse.

Ou quando o "c" se transforma em "zc":

  • Acaecer, acontecer;
  • Crecer, conducir;
  • Embellecer, enriquecer;
  • Nacer.

Quer uma última dica: o site Easy espanhol oferece algumas opções para você rever e aprender novos conceitos.

Faça aulas para melhorar sua conjugação em espanhol

No Brasil, não é muito comum aprendermos efetivamente o espanhol na escola convencional. Por essa razão, tantas pessoas recorrem a cursos específicos no idioma. Entretanto, podemos dizer que, entre todas as línguas vivas, o espanhol ainda tem a sua nobreza nas escolas.

Muitos brasileiros estudam (às vezes com professores particulares em suas próprias casas) para submeter-se a exames para obter certificação oficial como o DELE (Diploma Espanhol como Língua Estrangeira).

No Superprof, nossos professores de espanhol também podem ajudar seus alunos a avançar rapidamente em conjugação verbal através de curso de espanhol online ou presencial.

  • Revisão de verbos irregulares;
  • Revisão de tempos (indicativo imperfeito, futuro simples, passado perfeito, passado simples, particípio passado e passado composto, presente do subjuntivo e imperfeito do subjuntivo, condicional, imperativo, etc.);
  • Trabalho na concordância dos tempos;
  • Percepção dos falsos cognatos;
  • Ampliação de vocabulário;
  • Superação de irregularidades gramaticais.

Um professor particular tem uma abordagem mais personalizada e também poderá mostrar como todos os verbos espanhóis sofrem modificações para cada pessoa no singular ou no plural: você pode se basear nisso para criar suas folhas de revisão. E por que não afixá-las na parede para ajudar na memorização?

Outra alternativa é ter aulas no Instituto Cervantes, considerada uma das mais conceituadas escolas do idioma no Brasil.

Muitas vezes, aprender espanhol com um nativo, ou mesmo um professor mais experiente é tudo o que você precisa para conquistar os avanços desejados no idioma.

Língua espanhola direto da fonte
Estudar espanhol com um nativo pode ser o melhor caminho para aprender o idioma.

E então, o que está esperando para dar o seu primeiro passo rumo aos estudos de espanhol? Acesse a nossa plataforma e encontre as melhores aulas de espanhol.

Por fim, para evitar os erros típicos nas conjugações verbais (uso correto do imperativo, verbos irregulares etc.), você sempre pode verificar algumas páginas on-line:

  • O conjugador do dicionário da Real Academia Espanhola. Quando você procura um verbo, bem ao lado da palavra, encontrará uma caixa que diz «Conjugação».
  • O conjugador Reverso. Você pode introduzir verbos em infinitivo, como "comer", "jugar", mas também formas conjugadas, como "quería", "tuvo", "escribiste". O conjugador reconhece as formas pronominal ("encontrarse", "enojarse") e negativas em infinitivo ("no saber"). Além disso, você pode consultar uma lista de verbos em espanhol com particípio duplo clicando na guia «Verbos con doble participio».

Os melhores aplicativos para aprender espanhol

Bem, hoje o que não falta no mercado é opções de aplicativos. E quando o assunto é aprendizagem de idiomas, nem se fala! São muitos aplicativos educativos de qualidade que podem permitir que você aprenda a conjugação dos verbos em espanhol de maneira rápida, gratuita e divertida.

Se preferir pesquise você mesmo no Google Play (Android) ou Apple Store (iPhone)! Você vai ver a quantidade de aplicativos especializados em línguas. Vai ficar até difícil escolher qual é o mais adequado para suas necessidades.

Aprenda a conjugação espanhola para falar fluentemente.
Vamos lá, repitam comigo!

Com seu próprio celular, você pode aprender os verbos espanhóis do seu sofá, no conforto da sua casa, em um café ou em um parque.

Os aplicativos normalmente são muito lúdicos e utilizam recursos divertidos como testes, jogo, quiz, aulas, etc.

O portal Techtudo selecionou os melhores aplicativos de aulas de espanhol, segue o top 6:

1. Duolingo

Um dos mais conhecidos e elogiados aplicativos para o aprendizado de línguas, o Duolingo está disponível para smartphones Android, iPhone e também na web. O usuário aprende com lições separadas por temas e uma dinâmica de jogo, que trabalham escrita, leitura, compreensão oral e pronúncia. Além disso, é possível definir metas diárias. Conforme avança nos níveis de dificuldade, o estudante desbloqueia novos módulos. Com sua interface simpática, o Duolingo é bem fácil de usar.

2. Babbel

Outro serviço famoso que também oferece aulas de espanhol é o Babbel. A ferramenta é um curso online de línguas com interface simples e intuitiva, disponível para aparelhos Android, iPhone e em versão web. Nele, o usuário pode fazer uma série de atividades com textos, imagens e áudios em espanhol. Os recursos gratuitos, porém, são limitados.

3. Wlingua Espanhol

O Wlingua Espanhol oferece duas opções ao usuário: espanhol da Espanha ou do México. Os conteúdos, divididos em 420 lições, são apresentados com desenhos, tabelas, áudios e exercícios de gramática, leitura e vocabulário. O app é bastante organizado e está disponível para os sistemas Android e iOS. A conta gratuita, porém, restringe o acesso a certas partes do curso.

4. Memrise

Apostando no lúdico, o Memrise vai um pouco além do que o Duolingo, por exemplo, nos elementos de game para o aprendizado dos idiomas. Aqui, você é um super espião na missão de salvar o multiverso. Para isso, precisa desenvolver suas habilidades de linguagem e completar missões. O app possui ainda vídeos de falantes nativos e chatbots para conversação. Disponível para Android e iPhone, a ferramenta foi premiada como Melhor App de 2017 na Play Store.

5. Beelinguapp

Provavelmente, o Beelinguapp é o software mais diferente da lista. Com esse app, você treina um idioma lendo ou ouvindo histórias. O aplicativo coloca duas versões lado a lado - uma na língua nativa do usuário e outra na que está sendo aprendida por ele. Além disso, sua biblioteca tem livros grátis e pagos. O Beelinguapp está disponível para os sistemas Android e iOS e pode ser mais interessante para quem já tem conhecimento básico do espanhol.

6. Rosetta Stone

Esse é um dos serviços de ensino de idiomas mais antigos, tanto que era vendido em CD-ROM. O atual app Rosetta Stone segue em boa parte a mesma linha há anos consagrada por educadores: muita associação entre imagens, palavras e frases na língua estrangeira, sem auxílio do idioma que você já sabe. Por conta disso, exige um pouco mais de paciência do usuário. Vale destacar que ele funciona em aparelhos Android e iPhone, mas os recursos mais avançados só estão disponíveis em planos pagos.

Sou velho demais para aprender espanhol?
Será que existe um limite de idade para estudar a língua espanhola? Claro que não! Comece agora suas aulas!

Os melhores dicionários online de espanhol

Ressurgindo de suas cinzas graças à tecnologia digital, hoje o dicionário é uma ferramenta que pode ser facilmente consultada. As longas e chatas buscas por verbos, nomes, etimologia ou expressões terminaram graças aos dicionários on-line.

O Dicionário da Real Academia Espanhola

O DRAE inclui as palavras que, na opinião da RAE, são de uso correto em espanhol, sem implicar que as vozes que não estão incluídas nele estejam incorretas. Por outro lado, registra várias vozes, marcadas como estrangeiras, vulgarismos ou arcaísmos, para informar sobre seu significado.

Ele contém 93 111 entradas e 195 439 significados. É sem dúvida uma excelente ferramenta para conhecer a ortografia, etimologia e significado das palavras que compõem o castelhano.

WordReference

O WordReference Spanish Language Dictionary possui mais de 50 mil entradas e mais de 150 mil definições e exemplos de uso, incluindo mais de 5 mil vozes e significados do espanhol de diferentes regiões do mundo.

E talvez o mais importante seja que milhares de termos e dúvidas que não aparecem no dicionário principal possam ser encontrados nas perguntas e respostas do Fórum de Espanhol no WordReference.

Dicionário Reverso

Com todas as suas variantes regionais (do espanhol ao espanhol da América Latina) e as diferenças de morfologia e semântica entre elas, neste dicionário colaborativo os usuários podem adicionar palavras que geralmente não são explicadas nos dicionários tradicionais: expressões familiares, termos de gírias, regionalismos, estrangeiros ...

Portanto, você também pode especificar o significado das palavras e expressões desconhecidas para a maioria, adicionar exemplos ou concluir outras definições de dicionário com comentários.

Dicionários de sinônimos

  • Synonimosonline.com. Dicionário online de sinônimos em espanhol, com mais de 20.000 sinônimos de palavras e expressões para consulta.
  • Sinônimos e antônimos de EL PAÍS. Você pode verificar os sinônimos e antônimos de qualquer palavra em seus dicionários de sinônimos e antônimos.
  • Dictionarydesinonimos.es. Dicionário de sinônimos em espanhol, definições, palavras, significados.
  • Sinonimos.com Dicionário de sinônimos e antônimos em espanhol online 100% gratuito.
Precisando de um professor de Espanhol ?

Você curtiu esse artigo?

5,00/5, 1 votes
Loading...

Marcia

Jornalista. Professora. Tradutora. Bailarina. Mãe. Mulher. Dedicada às minhas lutas diárias. Em constante transformação. Escrevo para vencer as inquietações e incertezas da vida.