Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Tudo o que você precisa saber para organizar uma viagem à Espanha!

De Fernanda, publicado dia 09/07/2019 Blog > Idiomas > Espanhol > Nossas dicas para visitar as cidades espanholas

“O impulso da viagem é um dos sintomas mais encorajadores da vida.”- Agnes Repplier

Desde a Sierra Nevada até as mais belas praias do litoral mediterrâneo, desde os patrimônios mundiais da UNESCO até grandes espetáculos de flamenco, a Espanha é um país cuja cultura e paisagens atraem cada vez mais turistas do mundo inteiro.

Mas como preparar uma viagem para a Espanha? Quanto economizar e o que visitar para aproveitar ao máximo a Península Ibérica? Aqui estão todas as respostas!

Top dos edifícios mais belos da Espanha

Top dos edifícios mais belos da Espanha. Os 15 monumentos espanhóis imperdíveis

São muitos os monumentos imperdíveis localizados nesse belo país da Península Ibérica. Aqui, vamos citar apenas alguns deles:

Mesquita de Córdoba

Construída como mesquita em 786 e depois transformada em uma catedral em 1523, a Mesquita de Córdoba é sem dúvida um paraíso arquitetônico que irá deslumbrar seus olhos.

Como a Alhambra de Granada, a Mesquita de Córdoba é um dos principais monumentos da influência islâmica na Espanha. Por todos esse motivos, listada como Patrimônio Mundial da UNESCO, é possível admirar a mais emblemática arte hispano-muçulmana e seus os sumptuosos jardins. Não se esqueça da sua câmera!

Catedral de Santiago de Compostela

Com uma fachada barroca, esta catedral românica, construída entre 1098 e 1738, é o ponto de encontro de uma das maiores peregrinações cristãs. Todos os anos, milhares de caminhantes ou outros viajantes vêm para descobrir este edifício da Galiza, que contém o túmulo de Saint-Jacques, um apóstolo que se encarregou de evangelizar uma grande parte da Península Ibérica.

Muitos visitantes curiosos entram na catedral para descobrir o destino dos peregrinos na estrada para Santiago de Compostela. Em silêncio, você descobrirá o segredo da grande peregrinação.

Catedral de Burgos

Listada como Patrimônio Mundial da UNESCO, como muitos dos monumentos dessa lista, a Catedral de Burgos é notável por seu estilo gótico. Construída entre 1221 e 1765, abriga os túmulos de Rodrigo Diaz de Vivar e sua esposa Jimena.

É uma das maiores catedrais do país, logo após das de Toledo e de Sevilha. Suas diferentes esculturas fazem dela um verdadeiro museu para os visitantes da bela cidade de Burgos.

Catedral de Palma de Maiorca

A Catedral de Palma de Maiorca é um monumento gigantesco também chamado de A Seu ou de Catedral de Santa Maria. Construído no século 13, tem vista para a cidade e foi construído perto do Mediterrâneo. Se você estiver na ilha, a visita é imperdível: mas fique tranquilo, pois é impossível passar batido por ela!

Você pode também aproveitar para admirar a capela construída por Miquel Barceló. A oportunidade de fazer uma pausa entre duas noites na Espanha e descobrir a ilha de outra maneira.

Catedral-Basílica de Nossa Senhora do Pilar

No coração da região de Aragão, a Basílica de Nossa Senhora do Pilar é um edifício religioso dedicado à aparição da Virgem. Ela teria aparecido em cima de uma coluna diante do apóstolo Tiago. Por esta razão, a basílica também é famosa por ser o destino de uma peregrinação cristã.

Se você visitar a bela cidade de Zaragoza, não se esqueça de pôr os pés nesta catedral cuja arquitetura irá deslumbrá-lo.

Quais são as cidades mais bonitas da Espanha?

Quais são as cidades mais bonitas da Espanha? O top 12 das cidades espanholas imperdíveis

Galiza, Astúrias, Andaluzia, por que não passar pela Península Ibérica? Da costa do Mediterrâneo até a fronteira com Portugal, e de norte a sul do país: os viajantes certamente terão muitos programas para fazer ao organizar uma viagem à Espanha. Vamos citar algumas das mais belas cidades espanholas que você pode incluir no seu passeio de férias:

Sevilha, a bela Andaluzia

Sevilha é certamente uma das cidades que mais pensamos quando o assunto é Espanha. Capital da região autônoma da Andaluzia, a cidade é formada por belas ruas de pedestres e monumentos históricos inspirados na arquitetura mourisca, como o Real Alcázar.

Depois de visitar a Plaza de España, visite o sítio arqueológico de Itálica ou o monumento do Parque Maria Luísa. Muitos passeios são possíveis por lá: aproveite plenamente os raios de sol do sul da Espanha.

Por fim, uma boa dica é curtir uma noite agradável nos bares de tapas da cidade para sentir a atmosfera muitas vezes estudantil, enquanto desfruta de um show de flamenco.

Córdoba, a bizantina

Ainda na bela região da Andaluzia, Córdoba é uma cidade que passou por muitas mudanças. Depois de ser uma importante cidade do Império Romano, se tornou, na Idade Média, uma grande cidade islâmica.

Uma história que se revela quando você admira, por exemplo a antiga mesquita, a Mezquita, construída em 784. Você pode então observar as influências bizantinas do edifício, que foi convertido em uma igreja católica pouco antes do Renascimento. Símbolo da arte islâmica, você vai vê-lo depois de atravessar a famosa calleja de las Flores.

A Plaza de la Corredera, o Palácio de Viana, a Plaza de las Tendillas…: o circuito turístico de Córdoba não será tédio algum durante a sua estadia na Espanha!

Girona, bela cidade histórica

Girona não é amplamente conhecida pelos turistas e, no entanto, o seu encanto histórico faz com que ela se torne uma das cidades mais bonitas da Espanha. Rodeada por um rio, a cidade oferece muitos passeios que podem ocupar vários dias de sua viagem.

Visita imperdível: admire a “tapeçaria da Criação”, situada na catedral da cidade, no alto de uma escada com quase 90 degraus. Você também pode admirar a vista oferecida por este mirante. Mas a cidade é mais conhecida por todas as suas ruínas históricas que ainda caracterizam suas ruas. Muralhas do Império Romano, igrejas góticas, a mistura de diferentes épocas leva os visitantes a uma bela viagem no tempo.

Toledo, cidade de três culturas

Local de encontros históricos, a cidade de Toledo há muito tempo acolhe judeus, muçulmanos e cristãos, o que lhe valeu esse apelido atípico.

Esta mistura de culturas pode ser apreciada em particular nas ruas da cidade, onde é possível encontrar sinagogas, catedrais e igrejas, mesquitas, assim como edifícios da era romana. Mas é acima de tudo a diferença de todos esses estilos que tornam Toledo tão atraente.

Rica em obras artísticas e arquitetônicas, não perca esta maravilha espanhola e reserve alguns dias ou mesmo uma semana ou duas para explorar a cidade.

Las Palmas de Gran Canaria

E sim, as Ilhas Canárias fazem parte da Espanha. Perdidas no Oceano Atlântico, elas também são muitas vezes o destino de sonho de muitos turistas. E por um bom motivo! A cidade de Las Palmas é sem dúvida uma das cidades mais bonitas do país. Ela testemunhou a passagem de Cristóvão Colombo durante sua busca pela rota da Índia. Aconselhamos vivamente que você faça uma visita à casa de Colon para descobrir um pouco mais sobre esse personagem histórico.

Mas, como em qualquer cidade grande, Las Palmas atrai multidões e às vezes isso pode dificultar alguns passeios. Tente chegar lá fora da temporada, se você puder, para realmente apreciar a beleza da cidade e suas praias.

Quanto custa uma viagem à Espanha?

Quanto custa uma viagem à Espanha? Saiba quanto você vai gastar para visitar as cidades espanholas

Do norte ao sul da Espanha, os preços de alojamento, alimentação ou transporte são uma parte significativa do orçamento de um viajante. Por conseguinte, é importante calcular o orçamento ideal antes de explorar a Catalunha, a Galiza ou a Andaluzia.

Comer na Espanha nem sempre é barato. Se você quiser ir a um restaurante, pode esperar menus de € 13 a € 25 em média. Você pode também optar por comer em um fast food por um preço entre 6 € e 8 €. Não se esqueça de provar as especialidades da Espanha. Por exemplo, uma boa paella vai custar entre 10 € e 15 €. As tapas podem servir como entrada ou uma refeição completa e normalmente custam entre € 2 e € 4 cada.

Para aqueles que desejam pegar o ônibus ou o metrô, o bilhete de ônibus custa entre € 1,5 e € 2 cada. Se você quiser ficar na cidade por um mês inteiro, optar por um plano mensal certamente será melhor. Informe-se de acordo com a cidade onde você está localizado.

Para se ter uma ideia do preço dos passeios, aqui está uma pequena lista dos locais turísticos e seus valores:

  • Museu do Prado: 14 €
  • Museu Reina Sofia: 10 €
  • Visita à Sagrada Família: 19,50 €
  • Alhambra em Granada: 14.85 €
  • Mesquita de Sevilha: 8 €
  • Museu Picasso de Barcelona: 12 €
  • Museu Guggenheim de Bilbao: 13 €
  • Cidade de Artes e Ciências em Valência: 37,90 €

E sim, é um fato, e todos nós sabemos, uma semana de férias na Costa Brava custará muito menos em novembro do que em meados de agosto. A Espanha é um país com muitas praias, tornando este destino muito popular entre os turistas durante os meses de verão. Assim, você vai desfrutar da doce vida de Córdoba, Lanzarote ou Toledo, sem ter o inconveniente de uma viagem em família que se transforma em um colapso nervoso em meados de agosto.

Onde se hospedar na Espanha?

Onde se alojar na Espanha? Qual alojamento espanhol escolher nas suas férias?

Entre todas as opções de acomodação na Espanha, a primeira que você pensa ao planejar uma viagem é muitas vezes o hotel. Seja na periferia ou no coração da cidade, nem todos os hotéis são parecidos. Albergue da Juventude ou hotel de luxo, a sua escolha depende muito do seu orçamento, mas também do seu nível de conforto. Para desfrutar de um hotel não muito caro, apesar de um bom conforto, muitos pequenos hotéis oferecem tarifas atraentes entre 60 € e 80 € por noite. Isso pode ser benéfico se você estiver viajando a dois para dividir o preço do quarto. Você pode optar pelos albergues da juventude, que chegam a custar 20 € por noite.

Outra opção é ficar em um alojamento em casa de família. Uma maneira mais autêntica de descobrir a Espanha e os espanhóis. As casas de hóspedes oferecem serviços comparáveis ​​aos hotéis, mas de forma mais personalizada. Você se hospeda com pessoas que te recebem, muitas vezes em um quarto individual, com as refeições incluídas. Você também pode recorrer ao Airbnb.

Por fim, saiba que também é possível se hospedar de graça na Espanha! O site de couchsurfing oferece a conexão entre pessoas que procuram acomodações e pessoas que desejam hospedar viajantes por uma ou mais noites. Se você quiser dormir de graça, também é possível ir com sua barraca, seu trailer, seu carro, van ou outro, e estacionar em lugares apropriados, como a borda de uma floresta ou perto de um lago ou de uma reserva. O aplicativo Park4night lhe dará todos os lugares possíveis para dormir de graça na Espanha.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar