Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Saiba o que estudar de língua espanhola para os exames nacionais

De Fernanda, publicado dia 02/08/2017 Blog > Idiomas > Espanhol > O castelhano nas provas oficiais de educação

O Enem – Exame Nacional do Ensino Médio – apesar de todas as polêmicas, vem ganhando importância em todos os processos seletivos pelo Brasil afora, para ingressar tanto em universidades públicas como em universidades particulares.

Criado em 1998, o exame também é exigência para solicitar bolsa integral ou parcial em universidade particular por meio do Programa Universidade para Todos (ProUni) ou para obtenção de financiamento com o Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies). Desde 2009, o Enem vale também como certificação de conclusão do ensino médio em cursos de Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Os especialistas afirmam: é fundamental que o aluno consiga ir bem em todas as provas do exame. A nota da língua estrangeira, por exemplo, pode ter um peso de até 4,4% da nota final do candidato, em função da nota de corte de curso que escolher. As questões de Língua Estrangeira também podem fazer toda a diferença se o candidato estiver solicitando uma aprovação no SISU – Sistema de Seleção Unificada.

Por todas essas razões, fica claro que a prova de língua estrangeira do Enem pode dar pesadelo em muita gente! Há poucas questões, mas elas exigem capacidade de leitura e de interpretação dos candidatos. Por isso, um bom curso de espanhol pode ser de grande ajuda.

O espanhol como língua estrangeira

O que estudar de espanhol na hora de fazer uma prova. Se você escolheu a língua espanhola como Língua Estrangeira no Enem, precisa se preparar! São apenas cinco questões, mas podem fazer toda a diferença na sua nota!

O estudante escolhe a língua estrangeira no momento da inscrição do Enem, com duas opções: espanhol ou inglês. Você sabia que 62% dos candidatos presentes no dia da prova preferem o espanhol como Língua Estrangeira? Pois bem, uma das razões é certamente porque muitos brasileiros acreditam que o espanhol é uma língua parecida com o português; outros optam pelo castelhano simplesmente porque desconhecem o inglês.

No entanto, apesar de termos certa facilidade para compreender o que nossos vizinhos latino-americanos dizem em espanhol, existem muitas diferenças gramaticais e de vocabulário entre as línguas espanhola (aprender através de aulas particulares) e portuguesa, e que podem confundir os estudantes na hora da prova. Essas diferenças podem inclusive resultar em um mau desempenho na prova de Linguagens e Códigos.

Isso justifica o índice de acertos dos candidatos: a média de acertos das questões de espanhol é de 34%, enquanto a média de acertos da prova de inglês é de 45%.

Apesar disso, podemos afirmar que a prova de espanhol do Enem não é difícil: o foco é dado sobretudo à interpretação de texto, e menos a outros aspectos formais da língua como gramática ou outros.

Sabendo disso, o Superprof traz algumas dicas e truques especiais para que os candidatos do Brasil inteiro consigam estudar espanhol e ter um bom desempenho independentemente da prova que for prestar. Fique de olho!

A prova de espanhol do Enem

A prova de espanhol do Enem acontece no primeiro dia do Exame. Ela integra as 45 questões de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias.

São, no total, apenas cinco questões. Todas elas são elaboradas com o objetivo de testar as capacidades do candidato de ler e interpretar um texto, tendência cada vez mais forte nas provas do Enem e dos vestibulares em geral. Vários artifícios são usados para abordar os diferentes assuntos sobre o idioma: charges, tirinhas (Mafalda, Macanudos, etc), desenhos, notícias de jornais, trechos de obras literárias, publicidades, entre outras.

As questões também apresentam diálogos em espanhol (qual é o preço da aula de espanhol?), mas os tanto os enunciados quanto as alternativas são em português.

O que estudar para o vestibular de íngua espanhola? Saiba como se preparar para sua prova de espanhol sem estresse!

E quais são as competências exigidas para a área 2 do Enem? Conhecer e usar a língua estrangeira moderna (LEM) como instrumento de acesso a informações e a outras culturas e grupos sociais.

Na prática, os avaliadores vão examinar a capacidade do candidato de:

  • Associar vocábulos e expressões de um texto em LEM ao seu tema.
  • Utilizar os conhecimentos da LEM e de seus mecanismos como meio de ampliar as possibilidades de acesso a informações, tecnologias e culturas.
  • Relacionar um texto em LEM, as estruturas linguísticas, sua função e seu uso social.
  • Reconhecer a importância da produção cultural em LEM como representação da diversidade cultural e linguística.

Em suma: o objetivo da prova não é fazer o estudante decorar as regras de gramática, conjugação, vocabulário, concordância… Mas que ele consiga decifrar o que está sendo solicitado na prova.

O que estudar para o exame de espanhol

Como já indicamos acima, o foco do Enem e de praticamente todas as demais provas de vestibulares é a interpretação de textos. Por isso, é fundamental que o candidato dedique bastante tempo dos seus estudos com leitura e compreensão de texto. Lógico, você não vai abandonar totalmente seus estudos de gramática e conjugação de verbos de uma hora para a outra. Mas priorize suas horas valiosas com recursos alternativos e, sobretudo, que forneçam conteúdo de conhecimento geral e atualizado.

O Enem exige dos estudantes que escolheram a língua espanhola um bom entendimento de política, economia e cultura dos países latino-americanos (um pouco menos da Espanha).

Por isso, fica a dica de como aprender espanhol: use e abuse dos jornais em língua espanhola, como o El País, da Espanha, e o Clarín, da Argentina. Ambos existem em versões online: basta reservar 10 minutos diários para ler a primeira página. Esses conteúdos trazem temas atuais que caem na prova, como sociedade, política, economia e cultura dos países hispânicos.

Veja o site de alguns jornais do mundo hispânico:

  • Espanha: El País
  • Chile: La Nación
  • Argentina: Clarín
  • México: El Universal
  • Uruguai: El País
  • Colômbia: El Tiempo

Além disso, você também pode explorar os vídeos disponíveis no YouTube. Além de serem totalmente gratuitos e de livre acesso, há centenas de tutoriais comentados sobre as provas anteriores e sobre conteúdos específicos de espanhol. Esses vídeos são elaborados por especialistas, linguistas e professores (de espanhol) de cursinho. Se você tiver acesso à internet no seu smartphone, consegue assistir de qualquer lugar: no parque, na biblioteca, no ônibus, no metrô, numa fila do banco….

Você também pode utilizar aplicativos educativos como o Duolingo, MosaLingua ou Nemo Espanhol. Todos são programas intuitivos e divertidos, e você vai aprender espanhol de um jeito lúdico, sem perceber que está estudando!

Mais uma dica valiosa: procure ampliar diariamente o seu vocabulário! Para treinar, mantenha sempre um caderninho de espanhol ao seu lado. Durante a leitura de um livro ou uma sessão de filmes em versão original, anote a palavra que não entendeu e seu significado. Consulte e revise seu caderninho várias vezes.

Apesar de a maioria das questões terem foco na interpretação, nada impede que você trombe com uma pergunta com tradução, letra de música ou expressão idiomática. Por isso, procure sempre variar seus recursos de estudo e ficar atento à sintaxe!

Encontre as melhores aulas de espanhol online no Superprof!

Como aprender o espanhol para fazer uma prova. Um bom jeito de estudar espanhol é mergulhando na cultura. Você conhece a obra de Picasso?

Veja outros conteúdos que você pode estudar para se preparar para os exames de língua espanhola:

  • Conjunções
  • Advérbios
  • Palavras homônimas em espanhol
  • Artigos definidos e indefinidos
  • Substantivos e adjetivos
  • Verbos ser, estar e haver

Por fim, fique de olho: o importante na hora de prestar esses exames é ter foco, prestar atenção no enunciado e ter a garantia de que interpretou bem o que está sendo solicitado. Com isso, você já tem meio caminho andado! Veja como fazer isso:

  1. Comece lendo atentamente o enunciado em português. Tenha calma e procure entender claramente o que está sendo solicitado.
  2. Leia o texto em espanhol e tente identificar a resposta solicitada.
  3. Leia as alternativas mais de uma vez, com calma, e identifique a que melhor responda ao enunciado.

Cinco truques para arrasar na prova do Enem

Depois de todas essas dicas de como estudar, descubra agora algumas dicas infalíveis que lhe darão mais segurança na hora de enfrentar a prova de espanhol do Enem ou de algum vestibular!

  1. O clássico Lo vs El

É automático: quando estamos lendo um texto, temos a tendência de fazer associações à nossa língua materna. O que induz a muitos erros: às vezes traduzimos os lolalos e las por oaos e as. Puro engano: lo é um artigo neutro, que não existe em português e que tem a função de substantivar adjetivos ou advérbios. A tradução correta para o artigo masculino o, em português, é el.

  1. Falsos cognatos

Os heterosemânticos causam muita confusão e são geralmente o motivo principal de erros na prova. O que acontece é que existem palavras em espanhol grafadas de um jeito muito similar a palavras em português. Por exemplo: escoba (= vassoura), exquisito (= saboroso), pelado (= careca).

Há centenas de heterosemânticos, fique atento! Mais alguns:

  • Aceitar = óleo
  • Alejado = distante
  • Borrar= apagar
  • Bañero = salva-vidas
  • Comedor = sala de Jantar
  • Dirección = endereço
  1. Os verbos

Conhecer a conjugação dos verbos é essencial. Explore os verbos regulares e irregulares, os verbos ser, estar e haver. Quando estiver lendo, procure o significado, identifique a pessoa e regência.

  1. Temas

O Enem e as demais provas de vestibular hoje em dia priorizam a atualidade das questões. Portanto, não adianta fugir: você precisa estar antenado no que está acontecendo no mundo latino-americano e nas relações entre os países falantes de espanhol e o Brasil. Leia diariamente jornais, revistas e redes sociais. Se possível já em espanhol (como aprender nas escolas do Brasil?). Esse é um dos principais segredos para arrasar em qualquer prova desse gênero!

  1. Mergulhe na cultura espanhola

Aqui chegamos na parte prazeirosa dos estudos! Use e abuse de todos os recursos que façam você mergulhar de cabeça na cultura e nos costumes dos povos hispânicos. Ouça seu artista preferido, assista a filmes em versão original, comece a trocar e-mails ou converse mais vezes pelo Skype com aquele seu antigo amigo espanhol… Tudo é válido! O importante é aprender e se divertir ao mesmo tempo.

Você também pode pensar em começar a fazer aula de espanhol, que tal? Uma boa dica e que certamente vai fazer diferença no dia D!

Saiba como encontre um bom profe para um curso de espanhol no Superprof! Bons estudos!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar