Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Pequeno teste de cultura francesa

De Carolina, publicado dia 06/07/2019 Blog > Idiomas > Francês > 54 dados interessantes sobre a França

O que você sabe sobre a França? Certamente muito menos do que você pensa… Por isso, saiba algumas frases essenciais em francês!

Para começar nosso post, vamos logo falando que a maioria dos franceses tomam banho no mínimo uma vez ao dia e que, esses que o fazem, não fedem como acontece em todos os países do mundo.

Eles também não usam uma boina todos os dias e não colocam a baquete nas axilas.

É melhor acabar com esse lugar comum de uma vez por todas, não é?

Mas então, o que você conhece sobre a cultura francesa? E suas tradições?

Fizemos uma lista com 54 fatos interessantes sobre a França. Você já pode conhecê-los, mas alguns poderão te surpreender!

Também acrescentamos algumas curiosidades do idioma francês que dizem muito sobre a cultura francesa! De qualquer maneira, todas essas informações são muito interessantes caso você esteja desejando começar a fazer aulas de francês, caso esteja planejando uma viagem até a França ou caso simplesmente você seja um apaixonado pela cultura francesa! Aproveite esse artigo!

Fatos interessantes sobre a França e a cultura francesa

1. A língua oficial da França é francesa, mas muitas outras línguas são faladas no país. Elas não têm o mesmo status de língua oficial e são o occitano, o provençal, o corsa, o catalão e o basco (sim, como na Espanha – qual língua aprender, francês ou espanhol?). Na parte nordeste da França, em Dunquerque, uma parte da população fala flamengo. Já no oeste, na Bretanha francesa, o bretão é falado. Uma variedade muito interessante, certo?

A França é o país que mais recebe turista no mundo Os turistas adoram a capital francesa! Eles são mais de 10 milhões por ano

2. A França é o destino turístico mais famoso do mundo. De acordo com um relatório publicado em 2014 pela Organização Mundial do Turismo, a França recebeu aproximadamente 83,7 milhões de visitantes.

3. O ritmo de vida na França segue a média européia. A comida é feita entre as 12h e as 13h, enquanto o jantar é geralmente entre as 18h e as 20h.

4. Na França, nasceram alguns dos artistas mais importantes de todos os tempos. Falamos de personalidades que deixaram uma marca na nossa história, como Paul Cézanne, Claude Monet, Camille Pissarro, Paul Gaugin, Pierre Bonnard, Marcel Duchamp, Georges Braque, Henri Rousseau e Honoré Balzac.

5. Liberté, égalité, fraternité é o lema por excelência da França que todos conhecemos. Ele apareceu pela primeira vez durante a Revolução Francesa (1789-1799) e hoje aparece em prédios públicos, moedas e selos.

6. Falando sobre a Revolução, na França é proibido pela lei chamar um porco Napoleão. Tem algo a ver com o personagem da famosa rebelião na fazenda de George Orwell?

7. Em média, os franceses dormem quase 9 horas por dia. É a média mais alta de todos os países desenvolvidos.

8. O hino nacional da França, “La Marseillaise”, foi escrito em 1792 e suas letras, às vezes consideradas violentas e até racistas, receberam muitas críticas.

9. A França (saiba a diferença do francês do Quebec e da França) exporta principalmente aviões, helicópteros e espaçonaves, medicamentos, carros e peças sobressalentes. Os produtos que mais importam são carros e petróleo.

Conheça as montanhas francesas para esquiar O país também é um excelente destino para os esportes de inverno como o esqui e o snowboard.

10. De acordo com um recente estudo da OMS (Organização Mundial da Saúde), a França é o país com a maior taxa de depressão. Cerca de 21% dos franceses experimentaram algum episódio de depressão.

11. Na França é legal se casar com uma pessoa morta. Sim, como você ouviu. Em casos excepcionais, o casamento póstumo é permitido sob permissão do presidente. O caso mais recente ocorreu este ano, quando a namorada de um policial assassinado em Paris foi autorizado a se casar com ele póstuma.

12. Os franceses criaram uma grande variedade de invenções mundialmente famosas. Braille, o sistema de leitura e escrita para pessoas cegas, foi desenvolvido por Louis Braille, que ficou cego quando criança. Alexandre-Ferdinand Godefroy inventou o primeiro secador de cabelo e René Laennec o estetoscópio.

13. A França foi o primeiro país a impedir que os supermercados tirassem ou destruíssem alimentos que não foram vendidos. Desde 2016, lojas e supermercados doam todo o desperdício para bancos de alimentos ou instituições de caridade.

14. Durante a Segunda Guerra Mundial, Hitler visitou Paris. Os franceses decidiram cortar os cabos dos elevadores da Torre Eiffel para que, no caso de ele querer subir, ele tivesse que fazê-lo à pé.

Encontre um bom curso de frances rj ou um curso de francês em outras cidades no Superprof!

Paris é uma das cidades mais visitadas no mundo pelos turistas Você sabia que ela deveria ser destruída depois da Exposição Universal de 1889?

15. Também na Segunda Guerra Mundial, muitos judeus conseguiram escapar graças à Mesquita de Paris que lhes deram identidades muçulmanas.

16. A maioria das celebrações francesas são nacionais, então quase não há celebrações locais. Além disso, eles tendem a ter um caráter histórico. Uma das mais populares é a comemoração da tomada da Bastilha, o dia da anistia e o desembarque de Normandia.

17. O futebol é o esporte mais praticado na França. Na verdade, o futebol francês (conheça a origem da língua) sempre teve grande popularidade em todo o mundo.

18. A França participou de 14 Copas do Mundo e ganhou uma em 1998.

19. Entre 1748 e 1772, as batatas eram ilegais na França porque pensavam que ela causava lepra.

20. A França é o país que mais obteve Prêmios Nobel de Literatura com um total de 14.

21. O francês foi a língua (diferença entre o francês da África, França, Canadá) oficial da Inglaterra por quase 300 anos, quando Guilherme, o Conquistador, emergiu vitorioso do batalha de Hastings em 1066. A partir de então, até 1362, o francês era o idioma usado na corte e nos tribunais

22. O Império Francês controlou 10% da superfície da Terra! Considerando todos os seus territórios, a França abrange 12 fusos horários diferentes, mais do que qualquer outro país!

23. A grande obra-prima da gastronomia francesa é o queijo. Em cada região, são especialistas em pelo menos um tipo de queijo. Estima-se que existem mais de 400 variedades distintas.

24. O rei João I da França foi proclamado monarca antes de nascer. Ele morreu quando tinha apenas 5 dias de vida. Foi o monarca que reinou menos tempo na história e durante toda a sua existência!

25. Em se falando de reis, a França teve um monarca que se auto coroou, Napoleão Bonaparte. Normalmente, quem coroava os reis eram os papas. Napoleão convidou o papa da época, Pio VII, para a cerimônia que aconteceu na Notre-Dame de Paris. Porém, deixou o papa como espectador e coroou primeiro a sua esposa Josefina. Depois disso, coroou a si próprio para a surpresa de todos os presentes. O fato simbolizou o poder de Napoleão, que considerava-se mais poderoso que a igreja católica – coisa impossível de acontecer nas outras monarquias… E olhe que ele nem tinha o sangue azul, ou seja, não era descendente de uma família de nobres…

26. Na França, os concursos de beleza para crianças são proibidos. Eles consideram que as crianças não têm discernimento nem condições físicas e psicológicas para participar de um concurso como esses.

27. A famosa bandeira francesa que todos conhecemos nem sempre foi assim. Na verdade, até a Revolução Francesa, a bandeira era totalmente branca. Durante a Restauração foi usado novamente, mas em 1830, após a queda da monarquia, recuperou a bandeira que conhecemos hoje.

28. A cidade de Paris tem seu próprio lema: fluctuat nec mergitur. Seu significado? “Tocado, mas não afundado”.

29. Os registros de carros foram usados ​​pela primeira vez na França.

30. A taxa de casamentos em França é de 3,7%.

31. A taxa de divórcio na França está abaixo da taxa espanhola, com 1,9% (2,1% em nosso país).

32. Estima-se que um total de 274 milhões de pessoas atualmente falem francês em todo o mundo.

33. O primeiro filme veio dos irmãos franceses Lumière e sua invenção, o cinematógrafo, aconteceu em dezembro de 1895.

34. A França legalizou o casamento gay em 2013 quando François Holland aprovou uma lei que fez da França o nono país europeu a legalizá-lo.

35. A montanha mais alta da Europa está localizada nos Alpes franceses: o Mont Blanc, a 4810 metros de altura.

36. O Louvre foi o museu mais visitado do mundo em 2014, com um total de 9,3 milhões de visitantes. Isso não é surpreendente, considerando que a França é o destino turístico mais visitado no mundo.

Encontre um bom curso de frances no Superprof! (curiosidades sobre a frança)

Visite a capital francesa e seu patrimônio Quem não conhece o belo jardim das Tulheras – Tuillerie? Ele é o jardim do antigo palácio do museu mais visitado do mundo

37. A ponte mais antiga de Paris é chamada, ironicamente, de Pont Neuf (“Ponte Nova”).

38. Existem mais falantes franceses na África do que na Europa.

39. Os motoristas de táxi de Paris devem pagar quase 200 mil euros por suas licenças.

40. O primeiro transplante de coração artificial ocorreu na França em dezembro de 2013 no Hospital Georges Pompidou em Paris.

41. A estação mais movimentada da Europa é a Gare du Nord em Paris com 190 milhões de passageiros por ano. Além disso, essa mesma estação é uma das mais antigas. Ela foi inaugurada em 1846.

42. Os franceses inventaram o sistema métrico em 1793.

43. Você sabe que na França os caracóis são uma iguaria, certo? Eles consomem 30 mil toneladas por ano!

44. Falando de caracóis: na França, é proibido transportar caracóis vivos em trens de alta velocidade, a menos que tenham seu próprio bilhete. E não apenas caracóis, mas qualquer animal que pesa menos de 5 kg.

45. Em geral, os franceses se cumprimentam com dois beijos. No entanto, em algumas regiões, até cinco.

46. ​​A nova culinária francesa revolucionou a gastronomia em todo o mundo.

47. O governo francês concede medalhas às famílias que “criam várias crianças com dignidade”.

48. 40% das músicas tocadas nas rádios devem ser de origem francesa.

49. A Académie Française existe desde 1634. A Academia Brasileira de Letras foi inspirada nela. Ela possui 40 “imortais” que são escolhidos por serem as pessoas que mais dominam o idioma francês.

50. A França tem a ligação ferroviária mais longa na Europa, com 29 mil quilômetros.

51. Não existe “pao francês” nas padarias francesas(!). Sim essa é uma invenção brasileira!

52. Não se come queijo no café da manha. Apesar da França ser um dos maiores produtores e consumidores de queijo do mundo, os franceses não aceitam a idéia de incluir algum tipo de queijo no café-da-manha.

53. Petit Gateau não se chama petit gateau. O equivalente à sobremesa que chamamos de petit gateau no brasil, na frança se chama ‘Coulant’, ou ‘Mi-cuit’.

54. A Torre Eiffel é uma antena de rádio. Os últimos 20 metros da Torre Eiffel, o monumento pago mais visitado do mundo, nada mais é que uma antena de rádio em pleno funcionamento.

Cultura Francesa Curiosidades

Conhecendo atletas franceses Esse país não é feito apenas de belas paisagens

Agora que você já conhece muitas curiosidades sobre a França, que tal descobrir algumas características do idioma francês que estão diretamente ligadas à cultura francesa?

As escolas Autrement Dit e My Target Idiomas destacaram algumas curiosidades:

  • Para falar os números é melhor ser bom de conta: os números causam bastante confusão para os estrangeiros e principalmente aprendizes iniciantes. A partir do sessenta, usa-se outra lógica para formar a nomenclatura do número. Setenta, por exemplo, diz-se “soixante-dix”, ou “sessenta+dez”, oitenta é “quatre-vingt”, algo como “quatro x vinte”. Falar noventa é praticamente ler uma equação “quatre-vingt-dix” (“quatro x vinte + dez”). Por isso, é interessante você ser bom em matemática para falar os números no idioma francês corretamente. Será que é por isso que há tantas universitários na área de ciências exatas na França?
  • Chez moi, chez toi? Você com certeza já ouviu ou leu a preposição francesa “chez”, não é verdade? Trata-se de uma palavra de origem celta e, portanto, não há correspondente a ela em outras línguas latinas como o português ou italiano. O significado é simples, “chez” quer dizer nada mais nada menos do que “em casa” ou “na casa de”, sendo “chez moi” = “em casa”, “chez toi” = “na sua casa”, e assim por diante. Caso queira marcar uma social com algum amigo(a) ou affair na França, por exemplo, pode perguntar em francês “chez moi, chez toi?” (“na minha casa ou na sua?”). Não raramente, “chez” também é usada em nomes de restaurantes. E isso acontece por mais um forte traço da cultura francesa! Para o povo francês, restaurante é praticamente uma extensão da sala de jantar de muitas famílias já que é habitual se reunir em um local próximo, pelo menos aos finais de semana para comer. Sendo assim, “chez Jean Pierre”, por exemplo, significa “restaurante do Jean Pierre”.
  • Só pode ser para confundir! C’est pas mal. Que bem ao pé da letra quer dizer: “não está ruim” para os franceses é um grande elogio. Como não é algo que eles apreciem muito, elogiar, na maioria das vezes, tem certo ar de desdém. Principalmente em ambientes competitivos. Porém, outra expressão é o C’est pas terrible. Traduzindo: “não é terrível”. O que para nós teria um efeito de “não é tão ruim”, certo? Errado. Em francês ‘não é terrível’ quer dizer que é sim terrível, e muito! Enquanto em português, usamos a palavra não como negativa para amenizar a situação em “não é terrível”, na língua francesa negativa do pas, que é o nosso não, enfatiza o lado ruim. Ou seja, c’est pas terrible significa que é realmente péssimo, embora soe como o contrário. Como também sabemos, os franceses gostam de se expandir e de deixar suas marcas mundo afora, e o fazem há séculos! Uma curiosidade sobre a língua francesa é a sua capacidade de penetração pelo mundo.

E para tal, nada melhor do que passar uma temporada aprendendo francês na França. A melhor maneira de aprender os verbos franceses mais frequentes é falando a língua com nativos.

  • A Inglaterra já falou francês oficialmente: Era a língua francesa que se falava na terra da Rainha entre a vitória dos normandos na batalha de Hastings (1066) e o fim do século XIV. Não à toa alguns termos franceses foram mantidos em sua linguagem cotidiana, como “mousse”, “baguette”, “buffet”, “restaurant”, “chic”, “déjà vu”, “garage”, “résumé” e “soufflé”. Atualmente são 136 milhões de falantes em 56 países espalhados dentre os 5 continentes que falam o idioma francês. Se você conhece um deles e alguma outra particularidade da língua, compartilhe aqui conosco.
  • Um dos trava-línguas mais difíceis do mundo é francês, uma das mais engraçadas curiosidades sobre a língua francesa! Se para a maioria das pessoas já é difícil falar “um ninho de mafagafos tinha sete mafagafinhos. Quem desmafagar esses mafagafinhos, bom desmagafigador será” sem gaguejar ou, literalmente, travar a língua, imagina só pronunciar “si six scies scient six cyprès, six cent six scies scient six cent six cyprès”? Em português, a expressão significa “se seis serras serram seis cipreses, seiscentas e seis serras serram seiscentos e seis cipreses” — o que também soa bastante complicado, não é verdade? Acha que consegue pronunciar de primeira? O desafio está lançado!
  • O francês é falado em 56 países: Engana-se quem pensa que somente o inglês é capaz de abrir as portas da comunicação ao redor do mundo. Por incrível que pareça, se você souber falar francês, definitivamente não vai passar aperto em um número significante de lugares. Isso porque o idioma é falado em 56 países — em 25 deles, é a língua oficial.
  • Toda mulher é madame: os franceses são formais no trato com desconhecidos e chamam praticamente todas as mulheres de “madame”. As mais jovens são “mademoseille”, mas, em geral, toda mulher é madame. É engraçado no começo lidar com isso, já que no Brasil só se diz madame com um tom irônico: “a madame não vai ajudar a lavar a louça?” ou “hoje tive vida de madame, fiz compras no shopping e fui ao cabeleireiro”. Se você é mulher e vai passar um tempo na França, será madame.
  • “Adorar” é mais forte do que “amar”: isso mesmo – para nós, amar é o auge. Amamos aquilo a que somos verdadeiramente devotados; é um sentimento profundo, especial, muitas vezes único. Já “adorar” usamos para coisas mais triviais: adoro sorvete, adoro ir ao cinema. Em francês, se você diz “j’adore” (“eu adoro”), quer dizer que aquilo a que você está se referindo é tudo na vida. Já o “j’aime” (“eu amo”) significa algo como “eu gosto”. Usa-se para tudo, o tempo todo.

O rio Sena vai te inspirar e você vai querer aprender a língua francesa

Curiosidades da cultura francesa: os melhores filmes

Para aprender francês e conhecer mais sobre a cultura e o povo francês existem várias alternativas e métodos. Eles são muitas vezes complementares!

Então, em paralelo as suas aulas de francês, recomendamos que você mergulhe o máximo que puder em um ambiente francófono. Isso pode ser feito, por exemplo, assistindo filmes em francês ou com legenda em francês. O cinema francês possui uma ampla gama de filmes excelentes!

Aqui está uma lista de filmes com os quais você pode começar.

  • Bem-vindo ao norte (Bienvenue Chez les Ch’tis)
  • Imensidão Azul
  • O Fabuloso Destino de Amélie Poulain
  • Intocáveis
  • Piaf – Um Hino ao Amor
  • Coco Chanel
  • Yves Saint Laurent
  • Boa sorte ArgéliaHarry, Un Ami Qui Vous Veut du Bien
  • Albergue Espanhol
  • Les Bronzés

Além de conhecer curiosidades culturais da França, ver filmes e séries em francês tem muitas vantagens:

  • Ouça a pronúncia correta: aprendemos ouvindo e imitando a pronúncia
  • Ouça e compreenda a estrutura das frases em francês. Quanto mais diálogos você ouvir, mais você fica familiarizado com a forma a sintaxe francesa
  • Permite familiarizar-se com expressões e jargões locais. O francês é a língua oficial de 29 países, cada um com seus diferentes sotaques e vocabulário. Você pode ouvir diferentes sotaques e gírias da rua.
  • Permite aprofundar a aprendizagem do francês de forma acessível e econômica. Quando você não mora em um país de língua francesa, pode ser difícil ouvir, falar ou se familiarizar com o idioma.

Recomendamos que:

Venha para a capital da França aprender a língua A cidade luz foi o cenário de vários filmes, vale a pena conferir quais!

  • Coloque as legendas em francês (aprenda sozinho)
  • Feche os olhos e ouça. Tire um momento para afastar-se da tela para se concentrar no diálogo
  • Veja um filme que você conheça e goste em francês
  • Leia o seu livro primeiro livro na língua. Existem muitos livros franceses que foram adaptados ao cinema. Então, você pode se concentrar em sua capacidade de ler e entender. então, quando você assistir ao filme, você pode se concentrar em sua capacidade de ouvir
  • Faça o download de textos em francês

Saiba como encontrar um bom curso de francês online ou aulas de francês para iniciantes no Superprof! (frança curiosidades)

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (média de3,60 sob 5 de 5 votos)
Loading...
avatar