Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Você conhece os fundamentos do Hot Ioga?

De Myla, publicado dia 13/11/2019 Blog > Esporte > Yoga > O que é Bikram Ioga?

E aí, com certeza você já ouviu falar em Yoga, não é mesmo? Esse sistema milenar de conhecimento e integração do corpo, mente e espírito anda cada vez mais popular e angaria praticantes às centenas e milhares ao redor do mundo.

Todos nós, hoje, sabemos que a prática do Yoga reduz o estresse e a ansiedade cotidianos, ao mesmo tempo em que fortalece nossa resiliência a situações difíceis e também a nossa flexibilidade e o sistema imunológico. Só para citar alguns dos benefícios dessa prática!

No entanto, por acaso você já ouviu falar a respeito do Bikram Yoga, conhecido também como Hot Yoga? Em anos recentes, essa modalidade tem bombado na França e em outros países. Ela foca no desejo de cuidar do corpo e de se manter em uma condição física irrepreensível, ao mesmo tempo em que trabalha a mente, com a finalidade de se transformar em uma pessoa melhor.

Venha conhecer um pouco mais dos fundamentos e benefícios do Bikram Yoga e porque praticá-lo. Aproxime-se, puxe uma cadeira tranquilo e venha apreciar um ótimo chá em nossa companhia!

O Bikram Yoga é uma modalidade que integra exercício físico e trabalho consciente da mente, resultando em um sistema muito completo.

As origens do Bikram Yoga/Hot Yoga

Atualmente existem tantas e variadas modalidades de Yoga que podemos nos sentir, em certos momentos, meio perdidos em tantas opções, sistemas, escolas e linhagens… Portanto, é muito importante termos muito bem definido para nós mesmos nossos objetivos ao praticarmos Yoga.

Isso é tão fundamental e não deve ser negligenciado, pois é a partir dos nossos objetivos e intenções com a prática dessa atividade que iremos escolher uma modalidade ou escola.

Uma pesquisa pela internet ou até mesmo um papo com um bom instrutor de Yoga pode nos apontar quais modalidades sintonizam-se melhor com o nosso propósito.

Pensando nisso, o Bikram Yoga, também chamado de Hot Yoga, foi fundado na Índia, na cidade de Calcutá, recentemente, por volta de 1946. Seu fundador foi Bikram Choudhury, que desde seus 4 anos de idade iniciou-se na prática yogui, orientado por seu mestre espiritual Bishnu Gosh.

Fato foi que Bikram sofreu um acidente de carro que deixou ambas as suas pernas paralisadas. Após esse trágico evento, Bikram decidiu continuar sua prática diária de Yoga e foi notando uma clara e significativa melhora em sua condição física e mental.

Incentivado pela própria melhora, no final dos anos 1960, Bikram decidiu criar e aperfeiçoar sua exclusiva técnica, inspirado por tudo que já havia praticado e vivenciado em Yoga desde seus precoces 4 anos de vida.

Em seguida, em 1973, Bikram abre seu primeiro centro de Yoga nos EUA. O sucesso foi tão grande que atualmente existem cerca de 600 centros de Bikram Yoga espalhados pelo mundo. Essa é uma das modalidades yoguis que mais cresce na França e em outras nações europeias.

No entanto, alguns cuidados devem ser observados: a prática é recomendada para ser feita 3 vezes por semana; é importante que o praticante esteja bem hidratado antes da atividade para se evitar queda de pressão. Além disso, esse sistema é contraindicado para crianças menores de 12 anos e grávidas que não praticavam a modalidade antes da gestação. Caso você tenha tido febre ou resfriado também não se aconselha a prática até que você restabeleça sua saúde.

Aproveite e espie dicas sobre os fundamentos do Hatha Yoga!

O Bikram Yoga é um sistema relativamente recente, criado por volta de 1946. É também conhecido como Hot Yoga já que o ambiente para sua prática deve estar aquecido a mais de 40º.

As especificidades do Bikram Yoga

Observe que o Yoga é uma prática milenar de integração entre corpo, mente e espírito, catalisadora de muitos benefícios para a vida e visão de mundo do praticante. Dito isso, o Bikram Yoga, em especial, tem se tornado uma das modalidades yoguis mais procuradas quando se trata de relaxar e se exercitar o corpo ao mesmo tempo.

Por utilizar o calor e se basear nas altas temperaturas praticadas na Índia, nação onde foi concebido, esse sistema permite maior flexibilidade ao realizar seus movimentos. Em outras palavras, torna-se muito mais fácil praticar o Yoga e não existe dor ao executar os diferentes asanas, as famosas posturas psicofísicas.

Esse sistema, aconselha-se, requer alguma prática prévia do praticante, pois envolve graus de dificuldade nos asanas. Portanto, não é muito recomendado a praticantes iniciantes. Segundo o praticante e estudioso Jonathan Martín, “as posturas de Yoga são pensadas para a temperatura na Índia e os benefícios que a vasodilatação causa pelo calor. O que tentamos fazer é reproduzir essas condições.” Por isso, a temperatura do ambiente é um fator diferencial em relação aos demais sistemas yoguis.

Em sua prática, Bikram acabou descobrindo que os exercícios realizados em um ambiente em alta temperatura contribuem para uma maior conexão entre corpo e mente. Com o passar do tempo, ele foi notando significativa melhora em sua condição física e espiritual, assim como a diminuição da dor que sentia devido ao acidente sofrido.

Assim, ao longo dos anos e da vivência de sua própria técnica, Bikram desenvolveu um programa de 90 minutos de duração e 26 asanas, a serem realizados de maneira integral. Ademais, deve-se aliar as posturas psicofísicas a exercícios de respiração, executados também em um local com temperatura elevada.

Confira ainda dicas a respeito dos fundamentos do Vinyasa Yoga!

Esse sistema yogui consiste em 26 asanas e 2 exercícios respiratórios, pranayamas, realizados em um ambiente que simule as condições de partes da Índia, entre 38 e 40º Celsius.

Em suma, cada um dos asanas visa tratar um sistema do corpo diferente. Essas posturas são concebidas especificamente por reunir equilíbrio, respiração e diferentes exercícios de alongamento sob o tapete de Yoga. Embora não seja considerada uma modalidade muito difícil, é necessário o cultivo da força nos braços e pernas a fim de se realizar os asanas de forma adequada.

Além disso, recomenda-se muita hidratação antes à prática, como já dito, e o uso de roupas confortáveis e leves, para que o praticante sinta-se à vontade e suporte o calor do ambiente.

A média de perda de líquido durante uma aula é de um litro, portanto, hidratar-se bem antes é fundamental. Note que o corpo encontra um ambiente mais propício para a eliminação das toxinas através do suor e do aquecimento interno.

Agora que você já conhece um pouco melhor essa modalidade yogui, que tal alavancar ou aprofundar sua própria prática? Uma das melhores formas de se encontrar um professor ou instrutor experiente para começar suas aulas de Yoga para iniciantes ou curso de Yoga em qualquer nível é em nossa comunidade Superprof!

E quem sabe você não anima a também praticar Yoga online ou Yoga em casa? Com a orientação de bons professores, seu curso de Yoga pode avançar bastante! Já pensou nisso?

E aí, você também gostaria de saber mais a respeito das modalidades básicas do Yoga?

Os benefícios e resultados do Bikram Yoga

O calor protege os músculos, ajuda a evitar lesões, fortalece o sistema imunológico e combinado com as posturas, ainda auxilia na desintoxicação do corpo. – Yuri Scott, do Bikram Yoga Brasil

Além de ajudar a desintoxicar o corpo, a alta temperatura do ambiente também auxilia no relaxamento muscular. Os músculos do corpo ficarão muito mais relaxados e vascularizados, e isso resulta no aumento de flexibilidade. Até na diminuição da dor ou da sensação da dor, nos casos de lesão, o calor contribui.

Professores experientes dizem que após 5 a 10 minutos, o aluno se acostuma com o calor do ambiente e descobre que ele ajuda a manter a concentração e a sentir cada parte do corpo, até os órgãos, de forma mais fácil e nítida. Ademais, sala aquecida não significa sauna e existe uma grande preocupação com o ar puro circulante no ambiente, já que Yoga tem tudo a ver com respiração.

Aproveite e confira nossas dicas sobre o Ashtanga Yoga!

Dizem que uma aula de 90 minutos de Bikram Yoga pode queimar até 1.200 calorias. Exagero ou não, o que de fato acontece é que o corpo mantém o metabolismo acelerado da prática por até dois dias.

Entre os principais benefícios da prática, destacam-se:

  • reabilitação de lesões novas ou antigas e alívio de dores crônicas,
  • aumento na elasticidade e amplitude dos movimentos,
  • eliminação de vícios,
  • equilíbrio de vários hormônios e do colesterol,
  • trabalha todos os sistemas do corpo: circulatório, respitatório, digestório, ósseo, urinário, muscular e sexual,
  • reorganiza, repõe as energias e revitaliza todas as células do corpo,
  • melhora a qualidade do sono e
  • possibilita a disciplina, incrementa a autoestima e o relacionamento interpessoal.

Em suma, talvez você vá com um pouco de preconceito em relação à primeira aula, já que essa é uma modalidade tão singular. No entanto, à medida em que você for praticando e se familiarizando com o Bikram Yoga, certamente, você começará, também, a colher seus benefícios e sem muita demora!

Separe uma toalha grande, e evite comer 2 horas antes da prática. Essa é uma modalidade que, como dissemos no início, foca na melhor expressão física que você pode vir a cultivar, além dos benefícios nas esferas mental e espiritual também.

Portanto, por que não experimentar algumas aulas de Bikram Yoga e notar como você as encara e o quê acontece depois, ao longo da semana? Muito provavelmente você irá estranhar o calor ambiente, mas apenas no início, e irá notar também que é possível se acostumar a ele sem muito sofrimento.

E os contras do hot yoga?

Como tudo na vida, o hot yoga também tem seu lado bom e ruim.

O lado negativo do hot yoga seria um risco maior de lesões. Alguns diriam que seus músculos ficam mais macios com o calor intenso. Com isso, as pessoas poderiam se machucar mais facilmente.

O calor também seria a causa de uma distração. Os praticantes não prestariam muita atenção aos detalhes como faria de outra maneira.

Quer saber como fazer as aulas com a temperatura à 40º C?

As duas coisas parecem verdade, não é?

Há outra corrente que questiona o fato de aquecer a sala para fazer yoga. Alguns dizem que aquecer a sala só permite que as pessoas eliminem mais água e sal. O calor não serviria para liberar toxinas, como defendido por muitos.

Ao contrário, as pessoas se desidratariam mais que qualquer outra coisa!

O fato de estar em uma sala muito quente forçaria o corpo a regular a temperatura o tempo todo o que poderia causar uma desfunção ou um desequilíbrio térmico.

Trabalhar a mente e o corpo ao mesmo tempo? Funciona?

O hot yoga é uma forma vigorosa de yoga realizada em um estúdio muito quente e úmido – a sala é aquecida a aproximadamente 40° C e tem uma umidade de 40%. O calor é projetado para aumentar sua frequência cardíaca e exercitar seus músculos.

O também chamado Bikram Yoga é um programa de 90 minutos que consiste em uma série de diferentes posturas de pé e alongamento. As posturas requerem contrações prolongadas, fortes e sustentadas de todos os principais grupos musculares.

Portanto, somente a concentração exigida para fazer os movimentos é suficiente para trabalhar o intelecto. Para você que nunca fez yoga, saiba que não é de primeira que fazemos as posições. Por isso, é preciso estar bem concentrado de uma maneira que talvez nunca tenha ficado: temos que prestar atenção em cada movimento do nosso corpo e exercitar certos músculos que nem sabíamos que existiam!

Despertar esses movimentos que fazemos de forma inconsciente ou nem sabíamos que poderíamos fazê-los ou mudar a forma de efetuá-los chama-se consciência corporal. Portanto, as posições do yoga requerem uma grande consciência corporal: saber movimentar aquele músculo da barriga ao mesmo tempo que respirar de uma certa maneira. Pode parecer pouco para a mente, mas ao contrário. Utilizar conscientemente cada parte do seu corpo que normalmente não nos damos conta já faz um bem danado.

Toda essa concentração e consciência corporal é exigida pelo hot yoga. Por isso, sim, essa faceta da yoga trabalha o corpo e mente ao mesmo tempo. Porém, se você está interessado na filosofia yogui, talvez seja melhor se informar com seu professor ou pesquisar sozinho essas informações.

O Birkam yoga também diminui o estresse?

O yoga tradicional pode ajudar a reduzir o estresse e a ansiedade. Portanto, o hot yoga pode ter benefícios semelhantes.

Faça as posições do Hatha com a sala quente!

Um estudo publicado na US National Library of Medicine National Institutes of Health (Libraria Nacional de Medicina dos Estados Unidos do Instituto de Saúde)  analisou os efeitos de um regime de yoga de 16 semanas de Bikram em adultos fisicamente inativos com estresse.

O grupo que fez yoga relatou uma diminuição significativa de seus níveis de estresse no final do estudo.

O hot yoga queima mais caloria que outras modalidades?

O hot yoga se tornou popular devido a argumentos de que ele pode queimar até mil calorias por sessão. A pesquisa não confirma isso, no entanto. Em um pequeno estudo de 2014 publicado no site do American College of Sports Medicine (Colégio Americano de Esportes Médicos), os pesquisadores descobriram que os participantes do hot yoga queimam em média 286 calorias durante uma sessão de 90 minutos.

O gasto calórico varia muito entre pessoas diferentes, devido à idade, peso e condicionamento físico geral. Portanto, o intervalo foi de 179 a 478 calorias por sessão.

Embora muitas pessoas associem a transpiração com queima de calorias e perda de peso, isso não é válido. Suar é o método de resfriamento do seu corpo, e não um jeito de queimar calorias. É cmo correr na esteira com uma blusa de frio… Em outras palavras, apenas porque você sua mais em uma aula de hot yoga que em uma aula de ioga com temperatura normal, isso não significa necessariamente que você está trabalhando mais ou queimando mais calorias.

Outros possíveis benefícios do hot yoga

Os autores de um estudo de 2013 analisaram os níveis de tolerância à glicose em 14 jovens, adultos magros e 15 idosos com obesidade.

Ambos os grupos completaram um programa de 8 semanas de yoga Bikram. Os resultados indicaram que o Bikram yoga pode ajudar adultos com obesidade a melhorar sua tolerância à glicose, mas não teve efeito sobre os adultos mais jovens e saudáveis.

No entanto, é possível que nem todas as sessões de hot yoga possam produzir esses resultados. O estudo foi pequeno e exigiria estudos adicionais para apoiar suas conclusões.

Os pesquisadores continuam estudando os prós e contras do Birkam yoga, incluindo seus efeitos na queima de gordura corporal e na saúde do coração.

Já dissemos acima, mas não custa repetir: o hot yoga não é para todos. A intensidade do treino e as temperaturas quentes têm o potencial de causar doenças relacionadas ao calor. Consulte o seu médico antes de tentar o Birkam yoga, especialmente se você tiver algum problema de saúde ou se estiver grávida.

Provavelmente é melhor não praticá-lo se você tiver:

  • Doença cardíaca
  • Problemas com desidratação
  • Intolerância ao calor
  • Uma histórico de doenças relacionadas ao calor (como insolação)

Se você não tem problemas de saúde e deseja experimentar uma aula de hot yoga, beba bastante água antes, durante e após o treino. Pare se você se sentir tonto ou tiver um mal estar de alguma forma.

Conheça a história do hot yoga no Brasil

De acordo com uma entrevista do canal de youtube Carla Chia, uma das pioneiras dessa modalidade em terras brasileiras seria Andrea Wellbaum. Na época, a professora de hot yoga em um estúdio na Vila Madalena em São Paulo era jornalista e morava em Londres.

Ela conheceu a modalidade na capital inglesa quando sentiu a necessidade de algo para relaxar de sua rotina: ela sentia falta de uma atividade física e de algo que lhe desse uma acalmada mental.

Em 2010 ela larga o jornalismo e vai fazer um treinamento de Hot yoga na Califórnia para se aperfeiçoar na prática. Ao voltar para Londres, acabou dando aulas em alguns estúdios da cidade.

A ideia de vir para o Brasil surgiu em 2012, mas ela tinha medo de abrir um estúdio de Hot Yoga de cara em São Paulo. Porém, a modalidade ainda não era praticada em nenhum estúdio do Brasil.

Finalmente, ela e seu marido decidiram abrir um estúdio da modalidade. Para grande surpresa do casal, o estúdio deu super certo de primeira! Muitas pessoas vieram fazer aulas experimentais: ou porque já conheciam o hot yoga do exterior ou porque viram uma matéria sobre a modalidade no Rio de Janeiro.

Sucesso de primeira! Andrea disse que já sabia que daria certo ao ver como funcionava a dinâmica em Londres: as pessoas faziam o hot yoga, se apaixonavam e o boca a boca ia longe! Assim aconteceu com ela no Brasil também. De 2013 a 2018, mais de 7 mil pessoas praticaram o hot yoga somente em seu estúdio!

Ela falou sobre uma curiosidade sobre a modalidade: como ela foi baseada no Birkman Yoga, quem já a praticou pode praticá-la em qualquer língua porque já conhece os fundamentos dos 26 movimentos do Hatha Yoga. Por isso, ela recebe muitos estrangeiros no seu estúdio!

Hoje, perdermos a conta de quantas salas oferecem o hot yoga no Brasil!

Resumindo o hot yoga…

Há uma quantidade limitada de pesquisas que sugerem que a prática do hot yoga pode aumentar a flexibilidade, melhorar a saúde do coração e melhorar a tolerância à glicose. No entanto, são necessárias mais pesquisas para confirmar esses benefícios.

O Birkam Yoga deve ser feito com cuidado. As pessoas que são novas no yoga talvez devam começar com as aulas tradicionais.

Para quem gosta de suar, o hot yoga pode ajudá-lo a obter uma sensação de calma e relaxamento sem um treino intenso.

Se você não gosta de suar, não vai gostar dessa modalidade de ioga. Embora algumas pessoas gostem de suar, não há evidências de que a transpiração propicie benefícios à saúde. A transpiração é principalmente um meio de controle de temperatura.

Para as pessoas que procuram praticar essa modalidade de ioga, é importante manter-se hidratado e parar se não se sentir bem durante a prática.

Também é importante lembrar que muitos dos benefícios do hot yoga são os mesmos de outras formas de exercício.

E aí, vamos praticar Bikram Yoga?

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar