O forró é um tipo de dança que surgiu no nordeste e é muito comum em festas juninas. Esse ritmo brasileiro possui diversos subgêneros, como: xaxado, arrasta-pé, xote e baião. Além da dança, o nome "forró" também é usado para conceituar uma musicalidade muito popular no nordeste, que tem como principais instrumentos musicais, o triângulo, a sanfona e a zabumba.

O principal artista do forró se chama Luiz Gonzaga, e ele foi o precursor desse ritmo pelo país. Assim, pessoas de diferentes regiões do Brasil começaram a ouvir um bom forró - com músicas que retratam a vida da população brasileira, assim como o samba - dançando "dois para lá e dois para cá". Mas, vale lembrar que o ritmo do forró se modificou bastante nos últimos anos, e que atualmente o forró universitário, por exemplo, possui músicas mais românticas e movimentos mais complexos de dança.

Para te ajudar a entender melhor quais são os diferentes estilos de pé de serra e como aprender a dançar forró, neste artigo preparamos um guia completo sobre o ritmo do forró. Portanto, confira e saiba mais!

Quais os diferentes estilos pé de serra ?

Há diferentes tipos de forró, e os principais são: baião, xote e forró universitário. Existem muitas diferenciações entre esses estilos de dança, e por isso há tipos de forró para todos os gostos. O xaxado, por exemplo, é considerado um ritmo muito parecido com o forró. Veja a seguir quais são as principais características dos diferentes estilos de pé de serra para aprender a dançar forró e se tornar um grande forrozeiro!

Como dançar um xote ?

A dança do xote foi fortemente influenciada pela dança de salão de Portugal. Inicialmente, o xote era dançado pelos homens da alta classe que viveram no país no período do Segundo Reinado. Logo depois, os escravos que viviam no Brasil também começaram a se afeiçoar mais com esse estilo de dança e criar o seu próprio gingado.

Com o tempo, os movimentos do xote foram se modificando por conta da inserção de giros que conferiram maior flexibilidade e vivacidade à dança. Além disso, o xote se mesclou com diversos outros ritmos, como a salsa, o mambo, a rumba e outros estilos da América Latina.

Em geral, na dança de xote, as dançarinas se vestem com grandes saias rodadas e os homens se vestem com roupas de mangas compridas e quadriculadas. As canções de xote são tocadas com triângulo, pandeiro e violas. É possível dançar um bom xote em festas juninas que ocorrem principalmente pelo nordeste do país. Vale lembrar que, nessas festas, você também pode dançar tecnobrega e outros ritmos do norte e nordeste do país!

Como é uma aula de baião ?

aula de baião
A dança de baião é uma das mais populares no nordeste do país! Essa dança é composta por excelentes ritmos e movimentos.

O baião é um ritmo muito popular, principalmente no nordeste do Brasil. Essa dança possui muita influência do batuque angolano. O principal artista do baião foi Luiz Gonzaga que proporcionou uma nova incorporação ao ritmo. O principal instrumento musical que acompanha o ritmo do baião é a sanfona que gera uma nova musicalidade para as canções de forró. A coreografia do baião é formada por pares, e os principais passos do forró são:

  • Rodopio;
  • Passo do calcanhar;
  • Passo do ajoelhar.

Nas danças de baião, as mulheres costumam se apresentar com saias repletas de babados e camisas com bastante decote, já os homens vestem calças de brim e sapatos de couro cru. Para aprender esses maravilhosos passos de forró, basta iniciar o curso de dança e se tornar um excelente forrozeiro.

Como se dança o forró universitário ?

O forró universitário proporciona uma maior incorporação para os passos de forró, mas não se preocupe: eles são de fácil execução. Os passos desse tipo de forró possuem movimentos mais elaborados, além de maior presença de giros. Não há uma vestimenta adequada para dançar o forró universitário, basta escolher um companheiro e iniciar o bom forró! Vale lembrar que, para aprender os movimentos do forró universitário, você pode fazer aulas de forro em curso de dança!

No curso de dança também é possível aprender a sambar com maestria e conhecer vários outros ritmos brasileiros!

Por que aprender a dançar forró ?

aprender a dançar forró
Aprender a dançar forró aumenta a socialização com outras pessoas, auxilia no cuidado com o bem-estar do corpo e da mente e ajuda a ter um maior conhecimento sobre a cultura brasileira.

Há diversos motivos para você aprender a dançar forró, e o principal deles é o cuidado com a saúde. Isso porque essa atividade física é capaz de gerar diversos benefícios para o corpo, cuidando do aspecto físico e psicológico do praticante de dança. As aulas de forró também geram uma maior socialização do dançarino com outras pessoas, afinal a dança é realizada de "par", sendo necessário a presença de duas pessoas.

A prática do forró também transmite muito a cultura do Brasil, em especial a do povo do nordeste do país. Isso porque as músicas de forró - principalmente o pé de serra - conta a história de um povo sofrido, mas alegre, que busca melhorar de vida no nordeste brasileiro. Além disso, as danças de forró consistem em uma mistura de culturas - como a da África e da Europa - que influenciaram a do Brasil.

Portanto, o forró é uma mistura de boa musicalidade, danças sensuais e animadas e rica cultura. Essa mistura tem atraído diversas pessoas que desejam ter uma melhor qualidade de vida, se tornar mais sociável e conhecer mais a cultura do nordeste brasileiro. Por isso, os cursos de dança estão repletos de alunos que desejam aprender a dançar forró.

Se você ainda não sabe nenhum passo de forró, não tenha receio de iniciar um curso de dança, pois existem aula de forró para iniciantes, que são direcionadas para o público que ainda não possui nenhum conhecimento sobre os movimentos do forró e deseja se tornar um excelente pé de valsa.

Para se tornar um excelente dançarino, aprenda a dançar e conheça também as origens da lambada!

Quais os benefícios de dançar forró ?

benefícios de dançar forró
A dança de forró proporciona diversos benefícios para o corpo, e por isso os profissionais da área da saúde sempre recomendam a prática da dança para diversos tratamentos de saúde. Além disso, a dança gera sensações de bem-estar e melhora o humor.

A prática da dança proporciona diversos benefícios para o corpo do dançarino, afinal a dança consiste em um tipo de exercício físico. Além disso, as aulas de forró também podem gerar benefícios em relação à melhoria do convívio social, já que a dança propicia a relação social entre as pessoas. Veja a seguir os principais benefícios da dançar forró:

  • Melhora a memória. Assim a prática da dança impede que você adquira problemas relacionados com demência conforme o seu corpo envelhece;
  • Melhora a coordenação motora, flexibilidade, agilidade e resistência do corpo;
  • Aumenta a força e o tônus dos músculos;
  • Reduz o risco do aparecimento da osteoporose e outros problemas nos ossos;
  • Reduz o risco do aparecimento de doenças cardíacas e diabetes;
  • Reduz a sensação de estresse e ansiedade a ajuda no tratamento de tensão emocional;
  • Melhora a autoconfiança, gera maior vitalidade e ajuda no tratamento de depressão;
  • Proporciona sensações de bem-estar;
  • Promove saúde para o pulmão e o coração, diminuindo o risco de aparecimento de problemas cardiovasculares;
  • Ajuda no processo de emagrecimento;
  • Melhora o desempenho físico e promove o aumento de energia;
  • Fortifica o sistema imunológico.

Fazendo aula de forró e praticando essa maravilhosa atividade física é possível se beneficiar com todas as vantagens proporcionadas pela dança. Portanto, se você tem vontade de aprender a dançar forró e se tornar um grande forrozeiro, não perca a chance de iniciar o curso de dança e cuidar ainda mais da sua saúde!

Quais os principais passos de forró ?

Os passos do forró nordestino, por exemplo, possuem muita malícia e sensualidade, além de gerar maior cumplicidade entre os companheiros de dança. Os principais passos desse estilo são a famosa testada - quando as testas dos dançarinos se encontram - e a levantada de perna pela dançarina. Já o forró universitário possui outros passos mais evoluídos, como estes:

  • Giro do Cavalheiro;
  • Oito: os dançarinos ficam de costas um para o outro;
  • Caminhada: os dançarinos realizam passos para frente e para trás;
  • Dobradiça: os dançarinos realizam uma entrada lateral;
  • Comemoração: a perna do dançarino fica entre as pernas da dançarina.

É possível aprender todos esses passos de forró em aula de forró pé de serra ou aula de forró universitario. Esses passos são ensinados pelo professor de dança, que ensina os movimentos do forró com bastante excelência!

Quanto custa uma aula de forro ?

aula de forró
Não existe um valor exato para o curso de dança, pois as mensalidades das aulas de forró tendem a mudar de acordo com a localização e o nível de conhecimento do professor de dança, por exemplo.

Não existe um valor exato para o curso de dança de aula de forro, já que os valores tendem a mudar bastante, de acordo com a região, localização e nível de habilidade do professor de dança. Para descobrir a mensalidade das aulas de forró, basta acessar o site dos estúdios de dança ou ligar para os cursos (que oferecem também aulas de funk e outros ritmos brasileiros!). Posteriormente, é necessário analisar o custo-benefício dos cursos de dança e escolher o melhor. Portanto, vá em busca do melhor curso de dança e inicie as aulas de forró para se tornar um grande forrozeiro!

Precisando de um professor de Dança ?

Você curtiu esse artigo?

3,00/5 - 5 nota(s)
Loading...

Isabella

Graduada em administração de empresas e especialista em marketing de conteúdo. Apaixonada por educação, redação e mundo digital. Atua como redatora e conteudista.