O samba é um dos principais ritmos do Brasil, pois esse conta bastante a história do povo brasileiro, principalmente das pessoas que vivem na periferia. Devido aos movimentos, gingados e musicalidade do samba, diversas pessoas têm buscado aprender a sambar. Além disso, o samba possui uma cultura rica e forte influência da musicalidade africana. Se você deseja aprender a história do samba e saber como fazer o curso de dança, continue acompanhando este artigo, pois apresentamos um guia geral sobre o assunto!

Qual a história do samba de gafieira ?

história do samba de gafieira
O samba de gafieira é um dos ritmos mais culturais do Brasil. A sua musicalidade e a sua dança tornaram esse estilo musical bastante popular pelo país.

O samba de gafieira possui esse nome porque, antigamente, as rodas de samba eram realizadas em gafieiras que ficavam na região do subúrbio carioca. Nesses mesmos bairros, ocorriam os ensaios das escolas de samba mais populares. Vale lembrar que o nome "gafieira" é utilizado somente por conta do local onde era tocado o samba, pois nas gafieiras, os artistas também tocavam swing e bolero.

Essas festas em gafieiras ocorreram na década de 40, e a alta sociedade era um pouco avessa ao samba. O principal ritmo da época era o "swing", e esse estilo musical influenciou o samba posteriormente. Nesse mesmo período, surgiu o artista Raul de Barros, que criou uma outra conotação para o samba e realizou diversas interpretações.

Assim, surgiu o samba de gafieira, com a inclusão de metais no som, uma maior ginga nos movimentos (bastante comum das danças brasileiras), alegria na batida e nas músicas de samba e externalização da cultura do Brasil. Além disso, o samba de gafieira apresentou influência dos batuques africanos.

As principais características do samba consistem no uso do terno branco, na dança elegante, no molejo dos quadris, na sensualidade e na malandragem. Durante a dança, o dançarino precisa sempre conduzir a dançarina, de forma a protegê-la e em ritmo sincopado e binário. Por conta disso, a dança do samba exige muita concentração e agilidade e os dançarinos precisam ser desinibidos e ter postura aberta.

A boa musicalidade do samba tornou esse ritmo conhecido por todos, e a população brasileira - da classe mais baixa até a classe mais alta - começou a gostar desse ritmo. A dança do samba também é bastante alegre e animada, e várias pessoas gostam de dançá-la, seja nas baterias de dança do Rio de Janeiro ou na dança com um companheiro. Não é à toa que o samba é bastante popular no carnaval carioca (vale lembrar que o tecnobrega e outros ritmos também são muito presentes no carnaval!)

Como dançar samba ?

dança do samba de gafieira
O samba de gafieira é um dos mais populares do Brasil!

O samba de gafieira surgiu no século XX e todos os passos de samba são acompanhados pela musicalidade, com instrumentos de percussão e de corda. Nesse mesmo período, artistas como Lúcio Alves, Dorival Caymmi, Wilson Batista, João de Barro, Herivelto Martins e Geraldo Pereira fizeram bastante sucesso.

Os principais movimentos do samba de gafieira consistem na condução da dança pelo homem a frente da sua parceira. Para conduzir o samba com excelência, o dançarino precisa dançar com ritmo, malandragem, proteção e elegância. Quando os homens dançam samba, ou melhor os conhecidos "malandros da lapa" vão sambar, eles se vestem com camisa branca listrada - de cores preta e vermelha - e um chapéu.

Existem três formas principais de dançar samba de gafieira, que se distinguem uma das outras por conta do compasso das músicas, da quantidade de pisadas no chão e do caráter dos movimentos. As principais formas de dançar samba de gafieira são:

  • Tradicional;
  • Liso ou Clássico;
  • Funkeado.

Samba de Gafieira Tradicional

samba de gafieira tradicional
Os instrumentos de percussão são um dos principais do samba de gafieira!

No samba de gafieira tradicional, a ginga se torna o principal movimento da dança. Além disso, se tem um maior balanço dos corpos e flexão de joelhos, de forma que os movimentos da dança se tornem mais relaxados. A conexão entre os dançarinos ocorre da seguinte forma: o homem enlaça as costas da dançarina com o braço direito, e ela utiliza o braço esquerdo para abraçar o dançarino.

O alinhamento dos corpos dos dançarinos se torna menos vertical e os corpos ganham uma pequena projeção para trás, e por isso os sambistas ficam um pouco mais distantes durante a dança (quando comparado aos demais estilos de samba de gafieira). Os principais passos do samba de gafieira tradicional se chamam "pica-paus" e "escovinhas".

Samba de Gafieira Liso ou Clássico

O samba de gafieira clássico possui passos mais elegantes, apresentando um alinhamento mais vertical dos corpos. Além disso, os movimentos dos dançarinos são mais discretos, com passos como: picadilhos, peões e puladinhos. Em geral, as danças de samba de gafieira clássico são realizadas com músicas de chorinho, que são canções mais harmônicas e rebuscadas.

Samba de Gafieira Funkeado

Na dança de samba de gafieira funkeado é possível ter inúmeras variações de passos. Os ritmos e músicas se parecem bastante com o Blues e o Hip Hop. Além disso, na dança há movimentos de gingados com o quadril e pisadas no chão. Os principais passos do samba de gafieira funkeado se chamam "Romário de costas", "sentada" e "fechamento". A cada dia, o número de adeptos ao samba de gafieira funkeado vem crescendo, e por isso os cursos de dança estão oferecendo aula samba de gafieira com bastante excelência.

Existem outros ritmos brasileiros que também têm muita popularidade no Brasil, e uma forte relação com a história do país, como a lambada! Por isso, aprender a dançar e descobrir as origens da lambada são uma boa opção para se exercitar e aprender sobre a cultura brasileira!

Como é uma aula de samba de gafieira ?

O samba de gafieira consiste em uma dança de salão, advinda do maxixe. Essa dança, que surgiu no século XX, é considerada um ritmo urbano que desenvolve movimentos a partir de refrões e versos de canções. Além disso, a dança ressalta o gingado e a sensualidade da mulher, além de ter um ritmo envolvente e forte.

No início, o samba de gafieira era dançado em cabarés, e não era muito aceito pela população da alta classe na época. Isso porque diziam que o gingado da dança afetava os bons costumes e a moral da sociedade. Com o passar do tempo, a dança do samba de gafieira foi se modificando, e atualmente essa é considerada mais elegante e técnica. Porém, o molejo e o gingado sensual e que esbanja malandragem ainda são bastante utilizados durante a dança.

As coreografias do samba de gafieira possuem ritmo sincopado e binário, sendo realizado por um par de pessoas, ou seja, um companheiro e uma companheira. Isso porque é necessário que o dançarino conduza a sua companheira, de forma a dançar com malandragem e protegê-la, além de mostrar muita elegância. Essas danças são realizadas juntamente com as canções do samba de gafieira, ou melhor, com os gêneros que fazem parte desse estilo de samba, como:

  • Samba de Breque;
  • Samba-Choro, também conhecido como choro de gafieira;
  • Samba Sincopado.

E, os principais passos do samba de gafieira são estes:

  • Escovinha fixa;
  • Dois tempos redondo;
  • Caminhada do malandro;
  • Tirar a dama;
  • Gancho redondo;
  • Puladinho redondo;
  • Cruzado pausado;
  • Pula a cerca;
  • Facão invertido;
  • Dois tempos;
  • Elástico;
  • Gancho;
  • Trança.

É possível aprender todos esses passos no curso de dança, com a aula de samba de gafieira. Isso porque o professor de dança possui competência e conhecimento para ensinar todos os passos do samba a fim de que o aluno se torne um excelente sambista. Com o aprendizado de determinadas técnicas e também com o improviso, você consegue aprender a dançar e se tornar um excelente "dançarino da lapa"! Assim como o samba, um outro ritmo brasileiro bastante conhecido é o forró! Há vários estilos de forró para você aprender a dançar.

Quais as principais diferenças entre os sambas ?

estilos de samba
Há várias diferenças entre os tipos de samba!

Existem diferentes tipos de samba, e por isso há estilos para todos os gostos. O samba mais conhecido é o samba-enredo que se originou no Rio de Janeiro, na década de 30. Todos os anos são escolhidos temas para que as escolas de samba façam uma representação ao longo do desfile de samba. Esse estilo de samba é repleto de coreografias e cenografias.

Há também o samba partido-alto que fala sobre a realidade da periferia do Rio de Janeiro e das comunidades mais carentes. Os principais artistas desse estilo de sala são: Martinho da Vila, Zeca Pagodinho e Moreira da Silva. Além desse estilo, existe também o samba-canção que é repleto de melodias românticas e bastante sentimentais.

O sambalanço também é um tipo de samba, e ele surgiu na década de 50, em festas que ocorriam em São Paulo e no Rio de Janeiro. Esse estilo teve forte influência do jazz e é muito bem interpretado pelo artista Jorge Ben Jor. Por fim, há o samba de gafieira que possui acompanhamento de orquestras e surgiu na década de 40. Para aprender a dançar esses estilos de samba, basta fazer aula de samba no pé. Assim como o samba, o ritmo do funk também possui várias coreografias, e por isso vale muito a pena aprendê-lo!

Como encontrar um professor para ter aulas de samba de gafieira ?

Para encontrar um professor de dança é necessário apenas buscar por plataformas que oferecem aula de dança online ou estúdios que ensinam como dançar samba (vale lembrar que esses estúdios também oferecem aulas de xaxado e outros ritmos brasileiro).

O acompanhamento com professor de dança é fundamental para aprender a sambar com maestria. Isso porque os professores têm o conhecimento necessário para ensinar a dançar. Portanto, se você deseja aprender a sambar, não perca a chance de iniciar o curso de dança!

Precisando de um professor de Dança ?

Você curtiu esse artigo?

5,00/5 - 3 nota(s)
Loading...

Isabella

Graduada em administração de empresas e especialista em marketing de conteúdo. Apaixonada por educação, redação e mundo digital. Atua como redatora e conteudista.