Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Dicas para os bateristas novatos comprarem seu instrumento

De Fernando, publicado dia 12/11/2018 Blog > Música > Bateria > Como escolher as baterias para começar a fazer aulas?

O seu fascínio pela bateria já o levou para aulas e agora você quer ter seu próprio instrumento em casa. Isso é bastante comum entre os estudantes de música.

É essa bateria que permitirá que você encontre seu próprio som e se torne, por que não, um baterista profissional.

Então, como escolher isso?

Superprof te oferece agora um guia de percussão, nosso principiante especial!

quer ser um músico famoso? Seja um grande baterista!

Escolhendo uma bateria clássica

Mesmo que as baterias acústicas ocupem espaço, façam muito barulho e peçam manutenção, é nelas que pensamos quando imaginamos uma bateria.

Nas aulas de música, seu professor de bateria vai te ensinar mais sobre o instrumento acústico e suas configurações possíveis.

E mesmo que mais de 50% dos jovens digam que têm uma parte da aprendizagem autodidata, as aulas de bateria são boas para não levar hábitos ruins para o seu futuro como baterista.

Se você tem a chance de morar no campo ou ter um quarto à prova de som em casa, optar por uma bateria acústica é o ideal.

O toque e a sensação lhe darão o verdadeiro prazer de tocar. E lado estético, nada bate uma bateria real.

É claro que a bateria tem um custo e é importante ter uma ideia do orçamento disponível para garantir sua compra.

Baterias de alta qualidade podem ser muito caras!

Abaixo de R$ 1000, a menos que seja um kit para crianças, esqueça!

Você pode pedir conselhos na loja de música para fazer melhor a sua escolha, mas lembre-se de que o objetivo de um vendedor é principalmente vender.

Fique atento aos conselhos e reserve um tempo para pensar e obter mais dicas antes de comprar.

É aconselhável colocar cerca de R$ 3 mil no seu orçamento para uma bateria iniciante.

Tem uma caixa, um bumbo e um pedal, um chimbal e um pedal, dois tons de agudos e médios e um tom baixo. Você também terá por este preço um banquinho e baquetas.

Tenha cuidado ao comprar um kit, é possível que apenas as caixas sejam vendidos e você tenha que comprar um kit de pratos e pedais separadamente.

Também saiba que dependendo do estilo da música que você quer tocar, a profundidade dos barris não será a mesma.

Optando pela bateria eletrônica

A bateria eletrônica economiza espaço e permite que você toque a bateria no apartamento sem incomodar seus vizinhos.

As almofadas eletrônicas que compõe o instrumento requerem muito menos manutenção e permitem registrar com muita facilidade o toque e até mesmo alterar o som de sua bateria.

Esta é uma excelente compra para revisar seus fundamentos, trabalhar em seus movimentos ou melhorar seu ritmo fora de aulas particulares ou das aulas na escola de música.

Mas uma bateria eletrônica geralmente custa mais em uma faixa equivalente a de uma bateria acústica.

Mas, é claro, melhor uma bateria média do que nenhuma bateria. Ou, você também pode recorrer ao mercado de segunda mão para encontrar sua pequena jóia a preço de banana.

Uma bateria eletrónica de nível de entrada custará menos deR$ 2 mil, uma gama média custará cerca de R$ 3.500 e uma gama mais para especialistas excederá os R$ 5 mil.

Como um iniciante, um orçamento de até R$2 mil é confortável para iniciar a bateria – o mercado de usados é muito útil nesse momento.

Quatro elementos devem ser verificados ao escolher o seu tambor eletrônico:

  • O módulo de som: possibilidade de conectar um fone de ouvido ou um amplificador e gerar sons diferentes,
  • O hi hat: um prato realista e não apenas um pad quadrado,
  • O bumbo e seu pedal: um mecanismo real para o bastão que atinge um verdadeiro bumbo,
  • Os materiais utilizados: a pele em malha é preferível para a caixa para dar uma melhor sensação.

Tente ter o máximo desses critérios atendidos quando você escolher o seu tambor eletrônico ajuda na qualidade do seu aprendizado.

os instrumentos digitais são bons para casa A bateria eletrônica pode ser uma boa opção para os treinos e gravações

As melhores marcas de bateria

Aprender bateria é bom e se puder usar as melhores marcas de bateria no mercado para isso, fica ainda  melhor.

Qualquer baterista que se preze conhece pelo menos 4 marcas de bateria:

  • Pearl: Marca da bateria de Chad Smith (Red Hot Chili Peppers), Joey Jordison (Slipknot) ou Vinnie Paul (Pantera),
  • Ludwig: marca usada por Dave Lombardo (Slayer), John Bonham (Led Zeppelin), Tre Cool (Green Day) ou Ian Paice (Deep Purple)
  • DW: marca dos tambores de Dave Grohl (Nirvana), Neil Peart (Rush) ou Daniel Adair (Nickelback),
  • Yamaha: marca usada por Tommy Aldridge, Matt Cameron (Pearl Jam) ou André Ceccarelli.

As baterias Pearl são japoneses na origem e desde 1946, a sua reputação tem aumentado. Acima de tudo, são os pedais de bumbo que são considerados os mais confiáveis e que tornam a marca famosa. Se você escolher uma bateria Pearl, é bem improvável que dê errado!

Inventor do pedal do bumbo em 1909, Ludwig rapidamente se estabeleceu no mercado de baterias. Mas sua notoriedade realmente decola quando o baterista Ringo Starr (The Beatles) começa a tocar em uma bateria da marca Ludwig.

DW se especializou em baterias de alta qualidade, mas expandiu seu alcance para atender bateristas de todos os níveis.

A Yamaha é conhecida em todo o mundo, mas não necessariamente por suas baterias. Líder mundial na venda de instrumentos de sopro, a Yamaha é conhecida por oferecer todas as faixas de preço para seus instrumentos. Assim, será necessário prestar atenção quanto à escolha da sua bateria Yamaha.

Tama, Mapex, Sonor, Eagletone, Gretsh … Outras marcas de baterias compartilham o mercado, geralmente com mais discrição.

Aprender o ritmo do funk ou da bossa nova para progredir na bateria em um instrumento de uma grande marca é um incentivo a mais.

escolha bem os elementos das baterias Você pode comprar sua bateria em conjunto ou por etapas

O custo de uma bateria para iniciantes

Quando você começa a tocar um instrumento, você fica ansioso e não pode esperar para ter o seu próprio instrumento em casa. Seja um saxofone, um baixo, um violoncelo ou uma bateria, no começo, usamos principalmente os da escola de música ou do professor particular.

Mas antes de embarcar na compra, pergunte a si mesmo: é isso mesmo que eu quero fazer?

Porque a compra de uma bateria requer algum investimento e escolher uma bateria de baixo custo não é uma boa solução: seus acabamentos ruins, acessórios frágeis, pedal de chimbal muito leve, tudo isso vai influenciar na qualidade do seu som.

Não hesite em pedir conselhos ao seu professor baterista ou a alguma referência na música. Se você começar a aprender bateria sozinho seguindo os tutoriais do YouTube, envie uma mensagem para os professores virtuais para saber a opinião deles.

Duas opções estão disponíveis para você na compra de sua bateria:

  • A nova,
  • A oportunidade de segunda mão.

bateria de um iniciante deve custar mais de R$2 mil, caso contrário, ela vai estragar rapidamente. De fato, uma bateria é um instrumento que requer edição e desmontagem frequentes, especialmente se você estiver ensaiando com seu grupo regularmente.

Melhor aposta numa bateria de gama média em torno de R$ 4500. A esse preço, certifique-se de ter todos os tambores e pratos. Você pode ser forçado a comprar baquetas separadamente e esta será apenas a primeira compra de uma longa série…

Os pauzinhos quebram regularmente em repetição ou em concerto de acordo com a força de impacto e a energia do baterista. O golpe regular nas peles e especialmente nos círculos enfraquece a madeira que cede. Eu aconselho você a sempre ter um conjunto de baquetas extra para evitar esse inconveniente.

As varinhas são menos danificados em baterias eletrônicas, mas muitas vezes são usados apenas em casa para revisar seus ritmos de hard rock ou coordenação da mão esquerda com a mão direita.

Para economizar dinheiro, é possível recorrer ao mercado de segunda mão.

Se o seu orçamento é de R$2 mil, por esse preço, pode encontrar a sua felicidade na compra de uma bateria melhor do que uma nova pelo mesmo preço.

Preste muita atenção ao preço inicial do instrumento para verificar se você está fazendo um bom negócio. Verifique o número de anos de uso no instrumento, a marca, o estado de desgaste e teste detalhadamente o instrumento antes de comprá-lo!

sua bateria precisa de bons acessórios A baqueta precisa ser perfeita para o músico

Como escolher suas baquetas iniciantes?

As varinhas de tocar bateria são tão importantes quanto o resto da bateria. De fato, são eles que permitirão que os sons saiam como planejado e são diretamente uma extensão das mãos do baterista.

Uma baqueta consiste em 3 elementos:

  • A ponta: pode ser triangular, redonda, oval ou cilíndrica,
  • O pescoço: é a parte entre a cabeça e o corpo da baqueta, influencia os rebotes,
  • O corpo: esta é a parte mais longa da varinha e influencia o equilíbrio da varinha.

Os pauzinhos podem estar em vários materiais. O material influencia o som:

  • Em nogueira branca,
  • Em carvalho,
  • Em bordo,
  • Em carbono.

Várias marcas disputam espaço o mercado e as principais são Vic Firth, Pro-Mark e Zildjian.

Para escolher baquetas, preste atenção ao comprimento, peso, diâmetro e equilíbrio entre o par.

E também existem outros tipos de pauzinhos: vassouras, bastões ou mallets.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar