Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Como aprender a falar chinês: guia de gramática

De Camila, publicado dia 16/02/2019 Blog > Idiomas > Chinês > Como aprender mandarim: tudo sobre conjugação

Aprender conjugação é um problema de tempo.
Gaëtan Faucer

A dimensão gramatical de uma língua estrangeira é sempre o que mais assusta o aluno, especialmente quando ele está fazendo um curso de mandarim para brasileiros!

Um exemplo da complexidade que uma aula de chinês pode alcançar,  existem entre 400 e 2000 combinações de tons de palavras chinesas!!! Ou seja, se você pretende aprender chines de maneira fluente, vai ser preciso trabalhar bem a sua memória! Isso sem contar no grande esforço que está por vir na hora de se dedicar às suas aulas de mandarim dentro do seu curso de chines!

Você descobrirá nesta matéria (quase) tudo o que precisa saber sobre a conjugação da língua chinesa: os tempos verbais, os verbos mais usados, a construção de uma frase em mandarim e os diferentes tons utilizados na hora de se expressar oralmente.

Os diferentes tons do mandarim

“Uma língua corre muito mais rápido que dois pés.”
Provérbio chinês (1803)

Mas então, o que é o tom na língua chinesa? Como saber utilizá-la de maneira correta? Para aprender mandarim de maneira completa, é preciso saber se comunicar oralmente. Para tal, é preciso saber empregar essas diferenças de tons na hora de conversar no idioma.

Confira tudo sobre os tons na língua chinesa.

Tons: especificidade da língua chinesa

Esta é uma das primeiras dificuldades de quem está tentando entender como falar chinês: compreender que o tom pode mudar o significado de uma palavra.

Mas fique tranquilo: como aprender mandarim é o seu objetivo – e não uma das outras 80 variantes de chinês, como o pinyincantonês ou wu -, você só tem 4 tons diferentes para assimilar.

Se, em português ou francês, o tom é relativamente “monótono”, podemos dizer que o chinês é uma língua tonal e monossilábica, ou seja, baseada em tons que determinam sua morfologia sintática e gramatical.

Atenção: não confunda uma linguagem tonal com acento tônico (como em espanhol) ou entonação (como em inglês)!

Um tom em chinês determina a modulação vocal, um nível de agudo e grave, para guiar o significado não só da palavra, mas também da frase. Nós os distinguimos da seguinte maneira:

  • O primeiro tom (ˉ) é neutro
  • O segundo tom (ˊ) sobe em direção aos agudos,
  • O terceiro tom (ˇ) sobe em direção aos agudos,
  • O quarto tom (ˋ), desce aos sons graves,
  • O tom neutro, às vezes também é chamado de “quinto tom“.

A língua pode até parecer difícil, mas nada melhor do que uma boa motivação para ajudar o aprendizado. Se você é apaixonado pela China e pela cultura chinesa, aprender mandarim pode acabar virando uma brincadeira de criança!!!

Conheça o primeiro tom chinês (阴平)

Este é o tom mais simples de entender em chinês, já que é o tom mais neutro. Este primeiro tom (ˉ)é caracterizado pelos seguintes elementos:

  • Nenhuma entonação na palavra,
  • Vogais estáveis
  • Pronúncia em uma nota “alta”.

Na transcrição fonética, o primeiro tom se materializa com um acento plano na palavra. O exemplo mais comum para o primeiro tom é: (a mãe). Geralmente, em termos de pronúncia, isso corresponde em português ao som que você faz quando seu médico lhe pede para abrir a boca e fazer “aaaaa“. É necessário permanecer no mesmo tom o tempo todo, um exercício às vezes complicado para os novatos!

Domine o segundo tom no idioma chinês (阳平)

O segundo tom é escrito como (‘) e segue uma curva ascendente. Ele começa em um tom entre grave e médio, terminando em um agudo. Isto permite expressar, dentre outros:

  • Surpresa,
  • Espanto,
  • Uma pergunta.

Descubra o terceiro tom em mandarim (上声)

Para um brasileiro que viaja para a China, o terceiro tom (ˇ) é o mais incomum e o mais difícil de se explicar e, consequentemente, de entender.

Ele consiste em uma curva oca e flexionada, que parte de um tom médio, desce para um tom grave e volta ao agudo.

O terceiro tom é o mais complexo de se aprender porque também está sujeito a mudanças de tom, dependendo do lugar da palavra na frase.

Você geralmente tem que dobrar a sílaba final, o que dá “ma-aa-a” na realidade. Este é o caso de espanto, como quando você diz “o quê?!“.

O quarto tom em chinês mandarim (去声)

Esse tom (‘) é considerado como um reflexo do segundo tom. Ele é:

  • Descendente,
  • Alto,
  • Curto.

Em chinês tradicional, é necessário começar o mais alto possível (mesmo nível do primeiro tom), para descer com homogeneidade em direção ao nível 3 dos tons. Isso se materializa com um som grave da palavra. Mà (insulto) é o melhor exemplo.

O quinto tom do chinês mandarim (轻声)

Sua torção silábica é chamada de “leve” precisamente por ser neutra. Esse tom, que às vezes não é um (também pode ser chamado de “ausência de tom“), se materializa sem acentuar a palavra, como no exemplo de ma (partícula interrogativa). Na versão simplificada, estamos simplesmente tentando dizer alguma coisa.

Dicas: aprender bem os tons chineses

Para aprender a pronunciar corretamente, não se deixe enganar: a prática será sua melhor aliada! Se você não tem a oportunidade de ir à China continental para aprender a ler e escrever em chinês, para diferenciar fonemas de expressões idiomáticas, para descobrir o confucionismo ou a pintura chinesa, então que tal recorrer à internet?

Você vai encontrar muitos tutoriais em vídeo, assim como áudios para aprender a distinguir os diferentes tons chineses, além de ver como eles são pronunciados corretamente.

Como construir frases em chinês

“欲速则不达: se você está com pressa, você nunca terá sucesso.”
Provérbio chinês

Para te ajudar a acalmar os nervos antes da sua próxima aula de chinês, preparamos várias dicas de frases em mandarim para você conseguir aprender a escrever e falar fluentemente a língua de Confúcio!

Gramática para construir uma frase em chinês

Na cultura chinesa, os caracteres chineses parecem difíceis aos nossos olhos. A verdade é que a construção de uma frase no idioma muito simples. Existe uma estrutura básica composta de SujeitoVerbo 1 e / ou Verbo 2Complemento, e isso é tudo. Outros elementos podem ser acrescentados nas frases, tais como marcadores temporais e de condição, como mostram os exemplos abaixo:

  • Se a frase for interrogativa, adicionamos ?  (mǎ),
  • Se a frase for negativa, adicionamos 不 (bù),
  • Se a frase estiver no passado, adicionamos 了 (o).

Outra regra básica de gramática do mundo chinês é que todas as palavras da frase (advérbios, negações, complementos circunstanciais de lugar ou tempo e preposições…) são colocadas antes do verbo.

Por enquanto, que tal tomar um chá chinês para relaxar? Não se desespere: depois de alguns meses de aula, os caracteres chineses começarão a fazer sentido para você!

O verbo adjetival em chinês

O que é chamado de “advérbio” aqui é uma criação ocidental. Já os verbos adjetivos, eles são uma particularidade da língua chinesa: enquanto na tradução ao português, você dirá “estar bem“, o verbo chinês correspondente será . Em português, utilizamos auxiliar + o adjetivo. Mas em mandarim, apenas este verbo servirá para forma a expressão: não há necessidade de adicionar auxiliares.

Este é o interesse e a definição de um verbo adjetival: o verbo carrega nele o auxiliar + o adjetivo.  Aqui está um exemplo: 我 好 => “Eu estou bem“.

Aqui estão alguns exemplos de verbos adjetivais que são comumente usados ​​em chinês:

  • 热, Rè => ter calor,
  • 冷, Lěng => ter frio,
  • 忙, Máng => estar ocupado,
  • 累, Lèi => estar cansado,
  • 坏, huài => ser mau (uma pessoa má),
  • 聪明, cōngmíng => ser inteligente.

Em termos concretos temos:

  • 他 聪明 。 => Ele é inteligente(literalmente: “ele inteligente”),
  • 她()热。=> Ela está com muito calor.

A frase simples em mandarim

lugar do verbo na frase é muito importante: é sempre depois do sujeito, para que a sentença seja compreensível.

Podem haver duas situações:

  1. Sujeito + predicado,
  2. Sujeito + verbo + complemento.

No primeiro caso, aqui estão alguns exemplos:

  • 他 (sujeito) 笑。(Verbo) => “Ele”, “rir” => Ele ri,
  • 我 (sujeito) 去。(Verbo) => “Eu”, “partir” =>Eu parto,
  • 中国人喝茶。 => Os chineses bebem chá.

Agora alguns exemplos para o segundo caso:

  • 他 (sujeito) 说 (verbo) 中文。 (complemento) => “Ele”, “falar”, “chinês” => Ele fala chinês,
  • 我 (sujeito) 想 吃 (verbo) 中国 菜。(complemento) => “Eu”, “querer”, “comer comida chinesa” => Eu quero comer comida chinesa,
  • 我们 (sujeito) 要 买 (verbo) 电脑 (complemento) => Nós vamos comprar um computador,
  • 你 (sujeito) 要 做 (verbo) 什么? (complemento) => O que você quer fazer?

Faça frases complexas no idioma da China

Saiba primeiro que existem conjunções para construir essas essas frases. Aqui estão as principais:

  • 可是, (kêshì), a conjunção “mas”: 我有两个妹妹可是(我)没有姐姐 => Eu tenho duas irmãs pequenas, mas eu não tenho uma irmã mais velha,
  • 也 (yê), a conjunção “também”: 我有茶也有咖啡 => Eu tenho chá, eu também tenho café,
  • 因为 (yïnwèi), a conjunção “porque”: 我去商店因为我没有咖啡了 => Eu vou à loja porque não tenho mais café,
  • 的时候 (deshíhòu), a conjunção “quando”, (usar com atenção): 我冷的时候(我)喝茶 => Eu bebo chá quando está frio.

A sentença interrogativa em chinês

Primeiro temos que distinguir entre dois tipos de sentenças interrogativas em chinês mandarim:

  1. Aquela que respondemos sim ou não,
  2. Aquela para o qual não damos informações.

A sentença negativa em mandarim

A forma negativa será usada em três contextos graças a uma partícula de meio. Tais contextos são:

  1. Descrever uma ação negativa em modo de negação (“não…”)
  2. Imperativo negativo,
  3. Negação no passado.

Ou seja, se você estiver na China, nada de ficar perdido! Depois que você começar a dominar o mandarim, você vai conseguir ler todas as placas!

Verbos mais frequentes em mandarim

Se quiser derrubar uma árvore na metade do tempo, passe o dobro do tempo amolando o machado.
Provérbio chinês

Para te ajudar com o seu curso de chines, decidimos focar essa matéria na especificidade dos verbos em mandarim, especialmente em termos de regras gramaticais.

A especificidade dos verbos chineses

Os verbos não sofrem conjugação como em outras línguas como português, o inglês ou o espanhol. O verbo está, portanto, sempre no infinitivo (é pelo menos seu equivalente). No entanto, partículas modais e temporais estão presentes para permitir a contextualização da frase.

Os sufixos denominados “pós-verbais” também são utilizados ​​e permitem fornecer informações sobre a localização, o processo como um todo, a possibilidade, etc.

Isso significa literalmente que você vai ter frases como:你叫什么 ? => “Como-ser-nome-você” => Qual é o seu nome?

Locuções verbais do chinês usadas no dia-a-dia: verbo ser e verbos auxiliares

verbo ser (shì) está entre os verbos essenciais para conseguir se expressar em chinês (ou para entender um texto no idioma). Então se você quer aprender a falar essa língua, é preciso saber o que ele significa.

我们不是美国人,是法国人。=> “Nós não somos americanos, somos franceses

Ao contrário de línguas como inglês e francês, nas quais os verbos de estado e ação são expressos com uma palavra (“to be” em inglês e “être” em francês significam tanto “ser” quanto “estar“), o verbo 是shì em chinês tem um significado único “ser” -, assim como no português.

Além disso, alguns verbos que chamamos de qualitativos expressam um estado ao serem associados ao verbo “ser”:

  • 大 () => ser alto,
  • 小 (xiǎo) => ser pequeno,
  • 好看 (hǎokàn) => ser lindo,
  • 贵 (guì) => ser caro.

Importante: dependendo da forma como eles são usados ​​(forma negativa ou positiva), esses verbos devem ter uma partícula extra.

  • A partícula了 (le), para expressar uma ação passada,
  • A partícula 过 (guo), para expressar uma ação vivida,
  • A partícula 着 (zhe), para expressar uma ação que dura no tempo.

Os principais verbos de ação são:

  • 看, kàn => falar,
  • 走, zǒu => andar
  • 拿, nǎ => tirar,
  • 跑, pǎo => executar
  • 坐, zuò => sentar,
  • 学习, xuéxí => estudar, aprender,
  • 停止, tíngzhǐ => parar,
  • 买 ou 卖, maí => comprar ou vender,
  • 写, xiě => escrever.

Expressar um pedido, um desejo ou uma necessidade em mandarim

Se você não gosta de algo, você tem que saber dizê-lo! Você vai então usar 我不喜欢 => Eu não gosto.

Confira alguns exemplos:

  • 我不喜欢这种颜色 => Eu não gosto dessa cor,
  • 我不喜欢吃肉 => Eu não gosto de carne (o que seria uma pena na hora de provar as especialidades chinesas),
  • 我不饿 => Eu não estou com fome.

Aqui está uma lista dos principais verbos de vontade ou demanda:

  • 要, yào => querer,
  • 给, géi => dar, conceder, oferecer,
  • 要饭, yáofán => implorar (no sentido de perguntar),
  • 要饭, yáofán => perguntar
  • 问, wèn => pedir
  • 觉得, juéde => achar, pensar (verbo de apreciação),
  • 学(习), xué (xí) => estudar, aprender.

Viajar e falar mandarim: verbos indispensáveis

Além de saber como expressar uma ação, descrever algo ou uma situação, é importante ter alguns verbos utilizados durante viagens ou deslocamentos em um território que fale chinês.

  • 打电话, dâdiànhuà => telefonar (para um amigo, para o seu hotel),
  • 回答, huídá => responder (ao telefone, a pessoas, a perguntas),
  • 抽烟, chöuyän => fumar (especialmente para pedir permissão),
  • 打水, dâshuî => pegar água (para partir em uma caminhada, para beber imediatamente),
  • 找, zhâo => pesquisar (sua rota, seus amigos, um lugar específico),
  • 等, dêng => esperar (alguém),
  • 说话, shuöhuà => conversar (com moradores locais, amigos, turistas).

Os tempos verbais na língua chinesa

“A quem sabe esperar, o tempo abre suas portas”,
Provérbio chinês

Preparamos algumas dicas sobre a utilização dos tempos verbais em chinês para você poder começar a aprender essa língua que possui uma cultura tão rica!

Como usar o passado em chinês?

Na cultura chinesa não há conjugação de verbos: são as partículas temporais – às vezes advérbios – que permitem situar o sujeito no tempo.

Quanto ao passado, existem três grandes marcadores a conhecer. Aqui estão eles:

  • 过, guò, para designar um passado que é passado,
  • 了, o, para designar uma mudança de estado,
  • A estrutura 是… 的, shì … de, para designar um aspecto particular no tempo como o lugar, o caminho ou o objetivo.

Histórias em quadrinhos podem ser uma boa prática para a compreensão escrita em mandarim. E que tal praticar sua leitura em chinês através de gibis?

As especificidades do tempo presente na língua chinesa

A vantagem das aulas de chinês, baseadas em fonemas, é que não é necessário aprender muitas conjugações como em outras línguas. Para aprender facilmente o mandarim, você só precisa decorar as modalidades temporais. Vimos acima que existem três no passado. Já no presente, encontramos duas. São elas:

  • 着, zhe, que expressa a simultaneidade de uma ação no presente,
  • 正在, zhèngzài, que é um advérbio que significa “estar em processo de” (algo como o nosso gerúndio em português).

O uso do futuro em mandarim

Para se familiarizar com as regras gramaticais de conjugação, os marcadores temporais do futurosão essenciais. Aqui estão três estruturas para decorar e aprender a utilizar:

  • 要, yào, que é um equivalente do verbo “querer”,
  • 将, jiāng, que designa algo em um futuro muito distante,
  • 将, jiāng, que significa “depois” e pode designar eventos que ocorrem após outros eventos.

Para construir uma frase expressa no futuro, devemos usar a estrutura 以后 + sujeito + verbo + complemento, sempre com o marcador temporal no início da frase.

Expressar o modo passivo em mandarim

As frases no passivo são usadas em três momentos na língua chinesa:

  • Para indicar efeitos negativos,
  • Para dar mais importância à pessoa ou coisa que foi afetada pela ação,
  • Para evitar mencionar a pessoa responsável pela ação.

Atenção: em chinês, o uso da voz passiva tem uma conotação negativa, ao contrário do português, onde podemos expressar incentivo, por exemplo

Para expressar gramaticalmente a passividade, o marcador de tempo a ser lembrado é 被, bèi. Para ser empregado, alguns pré-requisitos são necessários:

  • O complemento do objeto direto deve se tornar o sujeito da sentença com o verbo usado, para 被  ter efeito,
  • O verbo não pode ser muito simples, como um único caractere verbal: você precisa de uma partícula, um complemento ou um objeto adicional junto ao verbo.
Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar