Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Idioma da China: usar verbos no presente, passado e futuro

De Camila, publicado dia 15/02/2019 Blog > Idiomas > Chinês > Como aprender a falar chinês: tempos verbais

“A quem sabe esperar, o tempo abre suas portas”,
Provérbio chinês

O chinês é um idioma único. E como diz o provérbio acima, é preciso ter tempo e paciência antes de dominar os tempos verbais do mandarim.

Ao falarmos de tempo de verbo passado, presente e futuro, falamos também em “partículas” – ou advérbios. Essas partículas são utilizadas para localizar uma ação no tempo dentro da frase desenvolvida.

Aprender chines não é simples. A verdade é que aprender qualquer língua estrangeira é complicado se não nos dedicamos o tanto quanto devemos ao seu aprendizado.

No seu curso de mandarim para brasileiros, seu professor já deve possivelmente ter mencionado durante uma aula de chinês algo sobre a gramática da língua. As regras gramaticais constituem uma das partes mais simples na hora de aprender como falar chines. Afinal de contas, antes de chegar a esse nível do seu curso de mandarim, você vai precisar passar pela fase de memorização de caracteres básicos do extenso alfabeto chinês.

Veja aqui curso de mandarim!

Uma vez chegada a hora da gramática dentro do cronograma do curso de chines, fica impossível não abordar o tema dos tempos verbais. E aí as perguntas começam a pipocar tanto na cabeça dos iniciantes quanto na de muitos estudantes que se encontram em nível intermediário:

  • Quais são os tempos usados em chinês?
  • Como usar o passado, o presente, o futuro ou o passivo na construção frasal?

Essas são apenas algumas das muitas dúvidas que podem surgir ao longo das suas aulas de mandarim. Você pode até estar se perguntando: “Tem como aprender mandarim sem aprender como utilizar corretamente os tempos verbais?” Então aqui vai uma resposta óbvia para uma pergunta óbvia: não!

Para te ajudar nesta jornada, Superprof preparou algumas dicas sobre a utilização dos tempos verbais em chinês para você poder começar a aprender essa língua que possui uma cultura tão rica!

Preparado? Então mãos à obra!

Descubra também tudo sobre conjugação em chinês.

Como usar o passado em chinês?

A língua chinesa não é uma língua como as outras: os cidadãos das cidades de Guizhou e Guangzhou, por exemplo, não expressam tempo ou temporalidade como no português ou no inglês. Por um milênio – ou mesmo mais – os chineses usaram marcadores temporais para expressar se estão no passado, no presente, no futuro ou no condicional.

Sendo assim, na cultura chinesa não há conjugação de verbos: são as partículas temporais – às vezes advérbios – que permitem situar o sujeito no tempo.

Para aprender chinês, é preciso primeiro entender a estrutura gramatical dos verbos: ela não existe!

Quanto ao passado, existem três grandes marcadores a conhecer. Aqui estão eles:

  • 过, guò, para designar um passado que é passado,
  • 了, o, para designar uma mudança de estado,
  • A estrutura 是… 的, shì … de, para designar um aspecto particular no tempo como o lugar, o caminho ou o objetivo.

Esses três marcadores, como você pode ver, expressam diferentes aspectos do passado:

  • uma ação pontual,
  • uma ação passada ou
  • uma ação que trouxe uma mudança.

As redes sociais são ótimas para isso! Encontrar grupos de discussão com nativos da língua é uma ótima maneira de conseguir ajuda na hora de estudar em casa!

Aqui estão alguns exemplos para entender melhor seu uso.

Guò (过)

O marcador guò (过) indica uma ação já passada, já feita, muitas vezes e que tem um impacto no presente.

Exemplo: 我*去*过*法国

Tradução literal: “Eu-ir-passado-França”

Tradução: “Eu fui para a França”

Nela marcamos a anterioridade, uma ação passada que ecoa no presente (por exemplo: é porque eu fui para a França que conheço tal resposta)

O (了)

O marcador o (了) é um pouco mais complexo para entender. Ele pode expressar:

1/ Um passado simples e uma ação completa, se for colocado depois do verbo.

Exemplo:  我买了一本书。

Tradução literal: “Eu-comprar-realizado-classificador-livro”

Tradução: “Eu comprei um livro”.

2/ Para indicar uma mudança de estado.

Exemplo: 我*知道*了我不要了

Tradução literal: “Eu-saber-passado-eu-negação-particípio passado-querer”

Tradução: “Eu sei, eu entendi“.

Nela também está implícito que: antes, eu não estava ciente disso.

Shì…de (是… 的)

Finalmente, o marcador estrutural shì…de (是… 的) expressa um aspecto do passado, como em:

  • 她是在大学见到的他 => “Ela o conheceu na universidade
  • 他是昨天去上海的 => “Ontem ela foi para Xangai“.

Para preparar uma viagem para a China ou descobrir a China pós Revolução Cultural, é melhor saber como utilizar os diferentes tempos verbais em mandarim. Isso pode ser muito útil tanto na hora de passar pela imigração em um aeroporto chinês quanto na hora de pedir seu troco em um supermercado em Yunnan!

O melhor é estudar mandarim quando sua mente estiver relaxada! Nada de stress na hora estudar mandarim, pois nada que um bom curso não resolva!

Preparamos também várias dicas de frases em mandarim!

As especificidades do tempo presente na língua chinesa

A vantagem das aulas de chinês, baseadas em fonemas, é que não é necessário aprender muitas conjugações como em outras línguas. Para aprender facilmente o mandarim, você só precisa decorar as modalidades temporais. Vimos acima que existem três no passado. Já no presente, encontramos duas. São elas:

  • 着, zhe, que expressa a simultaneidade de uma ação no presente,
  • 正在, zhèngzài, que é um advérbio que significa “estar em processo de” (algo como o nosso gerúndio em português).

É preciso ter cuidado para não fazer a tradução chinesa simplesmente por transcrição fonética. Isso porque se traduzirmos literalmente palavra por palavra do mandarim para o português, é preciso, em seguida, reconstruir a frase para melhor entendê-la.

Zhe (着)

No caso do zhe (着), a simultaneidade de uma ação é indicada em relação a outra ação.

Exemplo: 我笑着吃

Tradução: “Eu rio enquanto como.”

Zhèngzài (正在)

No caso de Zhèngzài (正在), expressamos o curso de uma ação.

Exemplo: 我正在做吃的

Tradução: “Eu estou me preparando para comer”.

Lembrete: os verbos, seja qual for o tempo expresso ou a pessoa utilizada, permanecem no infinitivo.

Você vai ter que conhecer várias centenas de caracteres chineses para falar fluentemente a língua, pois existem mais de 60.000 deles!!!

Agora que vimos marcadores dos tempos passado ​​e presente, chegou a hora de entender melhor como usar os do futuro e do modo passivo.

Confira os principais verbos em mandarim.

O uso do futuro em mandarim

Para se familiarizar com as regras gramaticais de conjugação, os marcadores temporais do futuro são essenciais. Aqui estão três estruturas para decorar e aprender a utilizar:

  • 要, yào, que é um equivalente do verbo “querer”,
  • 将, jiāng, que designa algo em um futuro muito distante,
  • 将, jiāng, que significa “depois” e pode designar eventos que ocorrem após outros eventos.

Para construir uma frase expressa no futuro, devemos usar a estrutura 以后 + sujeito + verbo + complemento, sempre com o marcador temporal no início da frase.

Nada melhor do que uma total imersão para aprender a língua. Que tal tomar um chazinho chinês para entrar ainda mais em clima de estudo da língua?

Yǐhòu, (以后)

Deve-se notar que o marcador 以后, yǐhòu também pode expressar as seguintes traduções: “no futuro“, “logo“, “mais tarde“. Tudo depende do contexto da frase.

Aqui estão alguns exemplos para entender melhor como se expressar no futuro em chinês:

  • 我*要*去法国 (“Eu – marcador futuro – ir – França”) => “Vou para a França” (estamos expressando aqui uma ação próxima, certa),
  • 以后 我 要 去 中国 => “Um dia desses, eu irei para a China” (expressamos uma ação certa no futuro, não especificada),
  • 以后 我 要 开 一 个 公司 => “No futuro, eu quero lançar minha empresa” (expressamos uma vontade futura, sem precisão de tempo).

Jiāng ()

Quando expressado oralmente, o marcador de tempo 将 (jiāng) soa mais – e funciona mais – como “会 (huì)

Além disso, a preposição 会 (huì) também vem expressar o equivalente a um auxiliar para algo que vai acontecer ou que está prestes a chegar. Confira alguns exemplos:

  • 他  考 上 大学 => “Ele vai fazer uma prova na universidade”,
  • 明天 你  来 吗 ? => “Você vem amanhã?”

Agora que o uso dos marcadores de futuro já foram riscados desta lista, chegou a hora de ver como podemos nos expressar em modo passivo quando falamos e escrevemos em chinês.

Quer saber também o que é o tom na língua chinesa?

Expressar o modo passivo em mandarim

Enquanto a maioria das sentenças chinesas são construídas no modelo SVO (Sujeito-Verbo-Objeto ou complemento), as frases em modo passivo existem para expressar uma ação enquanto omitem certos elementos (como o complemento, por exemplo).

As frases no passivo são usadas em três momentos na língua chinesa:

  • Para indicar efeitos negativos,
  • Para dar mais importância à pessoa ou coisa que foi afetada pela ação,
  • Para evitar mencionar a pessoa responsável pela ação.

Atenção: em chinês, o uso da voz passiva tem uma conotação negativa, ao contrário do português, onde podemos expressar incentivo, por exemplo

Para expressar gramaticalmente a passividade, o marcador de tempo a ser lembrado é 被, bèi. Para ser empregado, alguns pré-requisitos são necessários:

  • O complemento do objeto direto deve se tornar o sujeito da sentença com o verbo usado, para 被  ter efeito,
  • O verbo não pode ser muito simples, como um único caractere verbal: você precisa de uma partícula, um complemento ou um objeto adicional junto ao verbo.

Basta dedicação e motivação. Não deixe a língua chinesa te assustar: são muitos caracteres, mas você vai tirar tudo de letra!

Exemplo:

SVO: 男孩 吃 了 热狗 => “O menino comeu o cachorro-quente

Passivo: 热狗  男孩 吃 了 => “O cachorro-quente foi comido pelo menino“.

Também é possível dizer, na forma passiva:
热狗  吃 了 => “O cachorro-quente foi comido“, omitindo o complemento.

Outras marcas temporais também podem ser utilizadas para expressar a voz passiva em casos específicos:

  • As preposições  (ràng)(jiào), que dão por exemplo 衣服叫雨淋湿了 => “As roupas são encharcadas pela chuva”,
  • A preposição 给 (géi), para reforçar ou substituir a preposição clássica, que dá 她给地震吓坏了 => “Ela foi perturbada pelo terremoto”,
  • A preposição 由 (yu) também pode ser utilizada, como em 总统由议会任命 => “O presidente é nomeado pelo Parlamento”.

Para falar o chinês corretamente, é essencial conhecer os marcadores de tempo mais usados em mandarim, assim como conhecer as especificidades de cada um desses marcadores.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (média de5,00 sob 5 de 1 votos)
Loading...
avatar