Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Quem foi Newton para as exatas?

De Carolina, publicado dia 19/09/2019 Blog > Apoio Escolar > Matemática > Isaac, a lei da gravidade e outras histórias

“Apenas tome como certo o que é mostrado”. Isaac Newton

Os homens não são os únicos que podem contar. Recentemente, os cientistas (já ouviu falar de Arquimedes?) provaram que os elefantes asiáticos são capazes de contar números relativos. Uma descoberta que muda o curso da história da matemática!

Ao longo da história, os cientistas fizeram descobertas que abalaram nossas certezas. Um deles é notavelmente Isaac Newton.

Lei da gravitação, telescópio reflexivo, método de fluxões, Newton estuda os fenômenos naturais de seu ambiente, a fim de estabelecer verdades científicas que demonstra com eficiência. Sem dúvida, Isaac Newton é reconhecido como um dos maiores cientistas de seu tempo.

Os matemáticos que mudaram as exatas Os gênios não tinham medo de cálculos…

Descubra o papel de Newton na história da matemática, incluindo o cálculo integral.

Matemática: como era a vida de Isaac Newton?

Quando falamos sobre a aula de matemática, é difícil não falar do famoso Newton. Físico, filósofo, astrônomo e matemático (quem foram os que revolucionaram o mundo?) inglês, Isaac Newton nasceu em 1642 em Woolsthorpe na região do Lincolnshire, Inglaterra.

Como seu pai morreu alguns meses antes de seu nascimento, a mãe de Newton se casou novamente quando ele tinha três anos de idade. É, então, sua avó materna quem cuida de sua educação.

Newton foi reconhecido por seus contemporâneos? Newton é um dos personagens mais importantes de seu tempo.

Isaac Newton é uma criança quieta e muito interessada no funcionamento das máquinas que o cercam. Embora o aluno esteja um pouco disperso nas aulas, ele aprende a fazer relógios de sol, turbinas eólicas, dispositivos mecânicos de transporte, pipas, etc. Com certeza ele era muito bom nas aulas de matematica.

Alguns anos depois, sua mãe tira-o da escola para se tornar um fazendeiro. Aos 14 anos, o futuro matemático mostra pouco interesse nessa área. Felizmente, a sorte sorri para ele quando seu ex-professor convence sua mãe a prepará-lo para a entrada da Universidade de Cambridge.

Em 1661, ele se torna um estudante do Trinity College Cambridge. Para não pagar a mensalidade, Isaac Newton faz faxina na escola. Esse arranjo lhe permitiu estudar aritmética, geometria (conhece Pitágoras e seu teorema?), trigonometria, astronomia e óptica. Isaac Barrow, um grande matemático e professor de Cambridge, coloca-o sob suas asas. Newton se formou em 1665.

O cientista desenvolve hipóteses e leis sobre gravitação universal e corpos em movimento. Ele estuda seu ambiente e como os objetos ao seu redor se movem. Ele também faz grandes descobertas estudando o comportamento da luz e a operação da óptica. Newton inventou durante sua carreira o telescópio com espelho.

Mas Isaac Newton não para por aí. O homem do conhecimento também procura nutrir as reflexões sobre teologia, cronologia, alquimia e química.

Após uma grande carreira como cientista, Isaac Newton se mudou da capital inglesa para descansar em Kensington, onde morreu em 1727. Ele foi o primeiro cientista a ser enterrado na Abadia de Westminster (Conhece as descobertas de René Descartes?).

Isaac Newton e gravitação

Isaac Newton é mais conhecido por suas pesquisas sobre gravitação. Segundo a lenda, Newton procurou entender como a lua poderia permanecer orbitando a Terra. Ele, então, observa as maçãs caírem em um pomar. Ele descobre, neste momento, a força da atração à qual a maçã está sujeita e depois fala da lei da gravidade.

Ciência e seus gênios Isaac observou os movimentos e a partir deles criou suas teorias

Ele acredita que o motivo da queda da maçã é o mesmo que mantém a lua perto da terra, apesar da distância.

Quais são as descobertas de Newton? Newton descobriu o básico da gravitação.

Para verificar suas afirmações e hipóteses, Newton estabelece uma equação segundo a qual a força da gravidade depende do quadrado inverso da distância entre dois objetos. Essa lei é chamada de inverso do quadrado.

Para ir além, o cientista aplica sua hipótese para as estrelas como o sol e outros planetas. Mas Newton não faz mais cálculos sobre a relação entre a maçã e a terra porque a distância lhe parece muito curta em comparação com as estrelas do céu.

Ele será conhecido principalmente por essa busca pela gravidade. Ainda hoje, a lenda da maçã é uma das histórias que gostamos de contar nas aulas de ciências.

Matemática: Método de Newton

Embora Newton seja mais conhecido por suas descobertas no campo da física, não devemos esquecer suas habilidades matemáticas. Sob a asa de Isaac Barrow durante seus estudos no Trinity College Cambridge, Newton cria um manuscrito sobre diferentes conclusões matemáticas.

Chamado “De Analysi“, o documento de Newton descreve o cálculo integral e o diferencial, o cálculo infinitesimal.

O cálculo integral e diferencial envolve outros cálculos matemáticos, como:

  • A taxa de mudança de quantidade,
  • A inclinação das curvas em um determinado ponto,
  • O cálculo dos valores mínimo e máximo em funções,
  • O cálculo de áreas com curvas.

Uma vez em suas mãos, o professor de matemática Isaac Barrow mostra o manuscrito para vários cientistas europeus importantes. Isaac Newton torna-se reconhecido como o fundador desses cálculos matemáticos e conquistou um lugar entre os maiores de seu tempo.

Isaac Newton também é conhecido pelo que é chamado binomial de Newton. Isso define que a fórmula “(a + b) n” é possível qualquer que seja o valor de n.

A bela história conta que, com a aposentadoria de Isaac Barrow, a Trinity College Cambridge cogita em colocar Newton como o novo professor de matemática em seu lugar. Newton e a faculdade concordam. O matemático dá sua primeira aula de matematica em óptica, uma de suas grandes paixões.

O trabalho de Newton sobre a luz

Entre todas as suas grandes pesquisas, Isaac Newton presta especial atenção a tudo relacionado à óptica. Essa paixão começa quando o cientista inglês se interessa no comportamento da luz.

Matemática e seus cientistas Para melhorar em exatas, temos que aprender sobre os grandes gênios

Por que a luz branca se separa? O comportamento da luz foi descoberto por Newton.

Para os cientistas da época, a luz branca é homogênea e não pode ser distorcida.

Newton, como sempre, muda as certezas da época.

Para isso, ele usa um prisma transparente e o expõe aos raios do sol. Ele percebe que a luz do sol se transforma em vários feixes de luz de cores diferentes. Ele os chama de “espectro”.

Introduz, portanto, o termo de refrangibilidade. Fenômeno que explica as diferentes cores do raio de sol pelas diferenças de graus de uma propriedade e pelo fato de os raios poderem mudar de direção e se dobrar em contato com certos objetos.

Objetos cujo material permite a mudança de direção são chamados de “objetos refratários”.

Cada cor que compõe o raio de sol tem uma refrangibilidade diferente. Quando em contato com o prisma, todas as cores do espectro não se comportam da mesma maneira. Newton as estuda e observa tudo o que vê em seus experimentos. Euclides, outro gênio da matemática, iria gostar muito dele!

Todas essas observações marcam amplamente o campo óptico pelo qual Newton continua interessado.

A invenção de Newton: o telescópio reflexivo

As descobertas de Newton sobre a luz e o fenômeno da refrangibilidade mudam o jogo no mundo científico. Newton aproveita sua posição como professor de aulas de matemática no Trinity College para continuar estudando todo o campo da óptica.

Depois de descobrir o comportamento do espectro da luz e as diferentes cores que emergem na frente do prisma, Newton revisa a operação dos telescópios feitos na época com lentes.

Essas lentes são feitas de um material, vidro, que modifica a trajetória dos feixes de luz. O cientista decide substituir as lentes por espelhos, para que todas as cores possam refletir da mesma maneira e com mais eficiência.

Em 1668, Isaac Newton foi, portanto, o primeiro a criar esse objeto.

Matemática e seus gênios Aprendemos tudo isso graças aos grandes matemáticos

Como eram as invenções de Newton?

O telescópio está equipado com um espelho de 3,3 cm e um fator de ampliação de cerca de 40. A ciência talentosa combina sua paixão por objetos mecânicos com sua obsessão pelo funcionamento de objetos e luz.

Alguns anos depois, Isaac Newton adquiriu novos títulos de nobreza quando a Royal Society, a Associação de Cientistas e Matemáticos, testou seu telescópio e produziu uma ficha técnica da máquina. Seu status de gênio da ciência é formalizado em toda sua geração e nos próximos anos. Já ouviu falar de Tales de Mileto?

Quanta coisa importante um só cientista foi capaz de descobrir somente observando o funcionamento dos objetos em sua volta, não é mesmo?

Agora que você conhece os principais feitos de Isaac Newton, qual é o seu preferido?

  • A lei da gravitação universal? “se dois corpos possuem massa, ambos sofreram uma força de atração mútua proporcional às suas massas e inversamente proporcional ao quadrado da distância que separa seus centros de gravidade.”
  • As leis do movimento:
  • “Lei da Inércia, diz que todo corpo tende a permanecer em repouso ou em movimento retilíneo, com velocidade constante, se a resultante das forças que atuam sobre ele for nula”.
  • “Segunda Lei de Newton afirma que a aceleração de um corpo é diretamente proporcional à força resultante que atua sobre ele”.
  • “A Terceira Lei do Movimento, ou Terceira Lei de Newton ou ainda Princípio da Ação e Reação explica que toda ação provoca uma reação igual e em sentido contrário”.
  • Ou os trabalhos de Newton sobre a luz?
Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar