Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Estudos para se tornar chefe de cozinha

De Joseane, publicado dia 22/10/2019 Blog > Artes e Lazer > Culinária > Diplomas na área de gastronomia

Com o advento da internet, a chegada da TV e seus inúmeros programas de culinária, muita gente começou a cozinhar de forma criativa.

A dupla famosa “feijão com arroz” tem sido deixada de lado pelos brasileiros que procuram cada vez mais diversificar o seu cardápio. Basta um pouco de criatividade, um pesquisa no youtube e já é possível confeccionar pratos típicos do Brasil e também da culinária mundial

Você vai me dizer que não é preciso fazer faculdade de gastronomia para cozinhar como um grande chef. Certo, talvez algumas pessoas já nasçam picadas pelo inseto da culinária, isto é, possuam grande facilidade para cozinhar, unindo e combinando de forma perfeita os ingredientes e isso possa ser suficiente para agradar o paladar da família e amigos.

No entanto, para aqueles que desejam atuar profissionalmente na área da gastronomia, uma formação abrangente é necessária senão imprescindível!

Trabalhar em restaurante, lidar com o público, criar pratos, ser um chef de cozinha requer muito conhecimento e estes, pasmem, vai além do confeccionar pratos!

Existem uma variedade de formações na área da gastronomia que envolvem desde a seleção de alimentos, até a administração de estabelecimento alimentício, passando por áreas de controle de qualidade, bebidas, entre outros.

Possuir um diploma em gastronomia é conhecer um universo amplo e abrir as portas para um dos mercados mais promissores profissionalmente falando.

Quer fazer um curso de culinária, curso de confeitaria e panificação, aulas de gestão de restaurante e bar, esse artigo é, sem dúvida, para você!

Conhecimentos necessários para se tornar um grande cozinheiro

Pode parecer óbvio que para ser um grande cozinheiro é necessário entender de cozinha e, claro, saber cozinhar.

faculdades de culinária Cozinhar é uma arte!

Certo, mas a profissão de cozinheiro vai muito além do saber básico de alguém que só cozinha para sobreviver. Não basta saber fazer um arroz e fritar um ovo, não basta somente saber cozinhar os alimentos e colocá-los no prato.

Se você já teve visitas em casa e precisou cozinhar, certamente você já se desesperou com a preocupação de todo cozinheiro dito “básico”, o que servir, em que quantidade servir?

Quando se é chefe de cozinha ou um cozinheiro profissional é preciso ter uma resposta rápida para essas situações, e isso é possível graças ao anos de estudos na área de culinária e da gastronomia.

Estudar para se tornar um cozinheiro é o primeiro passo para aprender todos os conceitos básicos desta bela profissão.

O papel do cozinheiro é desenvolver e inventar receitas, enquanto as implementa no cardápio  para servir seus clientes. Entrada, prato principal, sobremesa, o cozinheiro profissional conhece bem os diferentes ingredientes e sabe associá-los.

A profissão de cozinheiro envolve uma parte de trabalho artístico.

Mas o cozinheiro também deve respeitar as regras de higiene e segurança para o bom funcionamento de seu estabelecimento. Uma tarefa que nem sempre é fácil e que os aprendizes de cozinha nem sempre pensa antes de começar os estudos da área.

E o trabalho do cozinheiro não pára por aí!

Um bom cozinheiro também deve saber como gerenciar suas cozinhas, principalmente se for chef. Nesse caso, a profissão de cozinheiro não para no desenvolvimento das receitas.

Você também precisa gerenciar os estoques de alimentos, fazer compras, se necessário, e cuidar das finanças do restaurante. Um trabalho multitarefa que você precisa conhecer antes de começar a atuar.

Todos os cursos da área gastronômica, portanto, ensinam aos futuros cozinheiros os conceitos básicos de culinária, higiene e gerenciamento.

Esses estudos também podem ensiná-lo a gerenciar uma equipe, um cronograma etc. A possibilidade de fazer estágios ou trabalhar alternadamente é muito importante nesse ambiente profissional.

Os jovens cozinheiros devem poder construir experiência (estágio na área de cozinha e restaurante) antes de entrar no mundo do trabalho.

Veja onde estudar gastronomia no Brasil.

A seguir, conheça algumas das áreas de formação no campo da gastronomia e da culinária.

Formação da área de gastronomia: bacharelado

Os lugares de atuação do profissional formado em Gastronomia são variados. Ele pode atuar em:

  • Restaurantes;
  • Bares;
  • Lanchonetes;
  • Buffets;
  • Indústrias, hospitais;
  • Clubes sociais;
  • Hotéis, entre outros.

chef de cozinha oriental Obtenha seu diploma de gastrônomo e vá mais longe na sua carreira de cozinheiro…

Hoje existem até concursos públicos para profissionais da área.

Saiba que o chef não é a única função da profissão de Gastronomia. O setor envolve as bebidas e a experiência de alimentação como um todo, o que requer várias posições de trabalho, como auxiliares de cozinha, sommeliers, pessoas para executar a limpeza, entre outros. O potencial de geração de empregos é bem grande.

Aquele que escolhe a profissão de Gastronomia precisa se formalizar para conseguir posições mais atraentes nas cozinhas. Você pode escolher a formação com grau de bacharel ou de tecnólogo. O curso superior de bacharelado em Gastronomia oferece noções humanísticas e técnicas ao profissional.

No Brasil, temos algumas boas e excelentes faculdades públicas e privadas que oferecem cursos de gastronomia.

A seguir veja quais são as top 10 Faculdades de Gastronomia mais bem conceituadas do Brasil. A lista abaixo foi extraída da avaliação oficialmente publicada pelo MEC. Os integrantes desta seleção receberam nota máxima (5) em pelo menos um dos critérios analisados pelo Ministério de Educação e Cultura.

  1. Universidade Estácio de Sá (UNESA);
  2. Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL);
  3. Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais;
  4. Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI);
  5. Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR);
  6. Centro Universitário UNA (UNA);
  7. Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA);
  8. Universidade Positivo (UP);
  9. Faculdades Integradas de Três Lagoas (AEMS);
  10. Centro Universitário do Instituto de Educação Superior de Brasília (IESB).

Quer saber mais sobre o campo de atuação dos profissionais da área de gastronomia? Dá uma olhada nesse artigo.

O diploma de tecnólogo em gastronomia

O curso tecnológico de Gastronomia tem sua matriz curricular toda composta por disciplinas práticas voltadas à atuação profissional na cozinha, com o desenvolvimento de pratos e receitas realizadas pelo gastrônomo.

cozinheiro em restaurante Realize seu sonho de se tornar um chef de cozinha mundialmente conhecido…

O curso de tecnólogo é uma graduação de nível superior. Prova disso é que o diploma vale para ingresso em cursos de pós-graduação. A duração da formação de tecnólogo é de dois anos, a metade do tempo da formação do bacharel em gastronomia.

A carga horária do curso gira em torno das 1.600 horas, que costumam ser organizadas em quatro semestres de curso, ideal para quem tem pressa de pegar o diploma, mas não abre mão de um ensino de qualidade e de nível superior.

Situada em Curitiba, a Pontifícia Universidade Católica do Paraná oferece diferentes tipos de cursos, entre eles, claro, o de Tecnologia em Gastronomia – pioneiro na região e que oferece um diploma reconhecido no Brasil e no exterior.

Para um aprendizado completo do aluno, a PUCPR oferece uma cozinha didática moderna, biblioteca com um ótimo acervo bibliográfico específico do curso, além de laboratórios de bioquímica.

Objetivos

Formar profissionais de excelência na atuação como cozinheiro, gestor de empreendimentos gastronômicos e consultor em gastronomia através de uma formação multidisciplinar onde teoria e prática caminham lado a lado.

Duração e disciplinas

Por ser um curso técnico, ele tem duração de apenas 2 anos, sendo composto de 4 períodos (1 período por semestre).

Cada período compreende as seguintes matérias:

  • 1º período
    – Técnicas Culinárias Básicas
    – Segurança de Alimentos
    – História da Alimentação
    – Cozinha Fria
    – Medidas em Alimentos e Bebidas
    – Nutrição Básica
    – Língua Portuguesa
    – Antropologia da Alimentação
    – Meio Ambiente e Sustentabilidade
    – Origem, Produção e Identificação de Alimentos
  • 2º período
    – Ciências dos Alimentos
    – Técnicas Culinárias Avançadas
    – Planejamento de Cardápio
    – Empreendedorismo
    – Filosofia
    – Confeitaria
    – Estrutura Física e Ergonomia em Restaurantes
    – Matéria Eletiva
    – Matemática
  • 3º período 
    – Gestão de Pessoal em UPRs
    – Técnicas de Serviço Eventos Gastronômicos e Hospitalidade
    – Gastronomia Hospitalar, Diet & Light
    – Panificação
    – Cozinha Brasileira
    – Ética
    – Matéria Eletiva
    – Projeto Comunitário
    – Metodologia de Pesquisa
  • 4º período
    – Introdução à Enologia e Bebidas
    – Trabalho de Conclusão de Curso em Gastronomia-
    – Cozinha Clássica Internacional
    – Cultura Religiosa
    – Cozinha Contemporânea Internacional
    – Gestão Financeira e Administrativa em Restaurantes
    – Projeto Integrador – Bioética
    – Atividades Complementares
    – Matéria Eletiva
    – Leitura e Escrita de Textos Técnico-Científicos

Quer saber quanto ganha um cozinheiro profissional, veja aqui.

Aula particular de culinária

Se você não pretende fazer uma faculdade ou um curso técnico na área de gastronomia, mas gostaria de desenvolver as suas habilidades como cozinheiro você tem a opção de fazer uma formação não diplomante de culinária.

culinaria online E se você virar uma estrela da gastronomia internacional?

As opções são variadas. Que tal fazer aulas de culinária online, ou mesmo fazer um curso de culinária com um professor particular ou ainda frequentar uma escola de culinária?

Todas essas opções estão disponíveis e podem trazer excelentes resultados. Quando se tem motivação e paixão, aprendera  cozinhar se torna uma atividade prazerosa e simples.

Através da experiência e dos conhecimentos obtidos através do curso de culinária, é possível exercer a profissão de cozinheiro e até de chef de cozinha! Saiba que muitos dos grandes chefes de cozinha nunca pisaram em uma faculdade, aprenderam, por outro lado, com outros chefes de cozinha a exercerem a sua profissão.

Você também pode aprendera  cozinhar de forma autodidata, mas a troca de experiência com outros profissionais da área se revela bastante enriquecedor quando se trata da área gastronômica.

Se você gostou da ideia de fazer aula de culinaria com um professor particular, saiba que temos excelentes profissionais e bons professores de culinárias disponíveis aqui na plataforma Superprof.

 

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar