Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Que tal aprender a calcular o seu IMC?

De Marcia, publicado dia 12/03/2018 Blog > Esporte > Personal trainer > Para que serve o índice de massa corporal?

De ONU a EUA e YMCA, nossa vida é permeada por siglas. Algumas nada mais significam que meras brincadeiras, enquanto outras assumem papéis importantes em nossa trajetória e nossa saúde.

Um bom exemplo disso é o IMC (Índice de Massa Corporal), que diz respeito aos parâmetros de peso ideal, levando em conta a necessidade, a cada dia maior, de preservar a saúde física e o bem-estar.

Desde os assuntos nos consultórios de nutricionistas até a reformulação do cardápio da cantina da academia, passando pela adoção de hábitos de vida mais saudáveis parece que a nossa sociedade precisa adotar medidas para combater os distúrbiois alimentares, a obesidade e os hábitos de comer “besteiras”.

Segundo dados do Ministério da Saúde, o número de brasileiros obesos cresceu 60% em 10 anos. O salto se deu entre os anos de 2006 e 2016. Entretanto, existe muita gente que já se conscientizou de que o peso ideal não diz respeito somente à estética, mas também à saúde.

Prova disso é o crescimento também do mercado vegano em nosso país, o que significa que mais e mais brasileiros estão abolindo não só a carne, mas todos os produtos de origem animal.  Talvez isso reflita não só uma preocupação com o corpo, mas também uma maneira de cuidar do meio-ambiente e da vida animal.

Comer sem carne Muitas pessoas vem abolindo produtos de origem animal de sua dieta.

Outros não abrem mão de um bom churrasco no final de semana, mas fazem questão de, ao menos nos dias úteis, manter uma dieta mais equilibrada.

É claro que você não precisa fixar uma tabela de IMC em sua cozinha e viver obcecado com ela toda vez que for realizar uma refeição, mas é importante saber o seu cálculo para entender até onde seu peso pode ser considerado saudável.

O que é e como calcular o IMC?

Normalmente, antes do início de um programa de exercícios, seja em casa com um personal trainer ou na academia, você será orientado a calcular o seu IMC. E por que não aprender a calcular esse número que diz tanto sobre a sua saúde em sua própria casa?

Definição de IMC

O índice de massa corporal, popularmente chamado de IMC tem como principal objetivo mensurar até quanto o peso de um indivíduo é condizente com o ideal para sua altura.

Ele também pode trazer indícios de problemas de saúde, já que a obesidade sempre vem acompanhada de mal estar e doenças crônicas. E o melhor de tudo é que esse cálculo é confiável para homens e mulheres, dos 18 aos 65 anos.

E não pense que se trata de uma equação complexa digna de um graduado em matemática: trata-se de um cálculo simples, que pode ser realizado por qualquer um de nós. Existem até ferramentas online que o fazem. E a partir dele é possível ter uma ideia se a pessoa está magra demais, no peso ideal ou com sobrepeso.

Sem medo dos números O cálculo do índice de massa corporal não engloba fórmulas complexas: todos nós podemos fazê-lo.

Com essa informação em mãos, você pode começar a pensar em uma dieta que o leve ao seu objetivo, independentemente se trata-se de emagrecer ou ganhar peso. É importante ter em mente, entretanto, que é importante visitar um médico para avaliar os motivos e conseqüências.

Para isso também é imprescindível que a evolução do peso (seja ela para mais ou para menos) seja acompanhada.

Origem do IMC

O cálculo foi criado pelo matemático, estatístico, agrônomo e sociólogo belga Lambert Adolphe Jacques Quételet, que viveu de 1796 a 1874. Não é a toa que no início, esse índice era chamado de “índice de quételet”.

A nomenclatura IMC foi atribuída somente em 1972. Em 1997, entretanto, ela passou a ser reconhecido pela OMS (Organização Mundial de Saúde) como um indicador válido de obesidade. Afinal, não podemos afirmar que um indivíduo é obeso somente porque ele pesa 90kg.

Números devem ser avaliados Se o único critério fosse o peso, pessoas altas sempre seriam consideradas obesas.

Se esse for o peso de uma mulher que mede 1.50mt de altura, sim, ela está obesa. Mas se ela medir 1.95mt por exemplo, podemos afirmar que está dentro do peso esperado.

Fórmula do IMC

Para calcular o IMC, basta levar em consideração o seu peso em quilogramas e dividir pela sua altura em metros elevada ao quadrado.

IMC = peso/(altura X altura)

É claro que, em uma avaliação para início de atividade física, também serão avaliados outros fatores, como condições cardiorespiratórias e presença de doenças crônicas, mas trata-se de um número que não pode simplesmente ser ignorado.

Como interpretar o resultado do IMC?

O resultado obtido pela aplicação da fórmula acima pode dizer algo sobre as condições físicas do indivíduo. E isso poder ser analisado por diversos aspectos. Quer ver?

Interpretação simples

IMC <+=16,5  – Desnutrição

Um resultado de IMC abaixo de 16,5 requer atenção especial, pois pode indicar um estado crônico de desnutrição do indivíduo. É necessário conversar urgente com um médico nutricionista ou endocrinologista para avaliar as condições gerais do paciente.

Normalmente, nesse caso, indica-se uma dieta rica em proteínas, produtos lácteos ou até mesmo açúcares para que ocorra o ganho de massa. Uma “mãozinha” pode ser obtida pelo consumo de suplementos e vitaminas e um programa de treinos que tenha por objetivo o ganho de massa muscular.

IMC entre 16,5 e 18,5 – Abaixo do peso

Nesse caso, o peso da pessoa é baixo demais quando comparado à sua altura. Esse resultado pode ser um indício de distúrbios alimentares, como anorexia ou bulimia. Trata-se também de uma situação que exige intervenção imediata.

Caso a situação não seja revertida, o indivíduo pode acabar desenvolvendo doenças como anemia, deficiência em determinados nutrientes ou até mesmo osteoporose.

IMC entre 18,5 e 25 – Peso ideal

Se o seu resultado se enquadrar nessa faixa, pode comemorar! Ele indica que o seu peso é proporcional à sua altura e, portanto, suas condições físicas atendem ao esperado no que diz respeito à saúde e condicionamento.

Entretanto, é sempre bom ir a um médico para realizar exames de rotina e mensurar as condições gerais do organismo. Caso tudo esteja bem, é só seguir com uma dieta balanceada e uma rotina saudável de exercícios.

IMC entre 25 e 29,9 – Sobrepeso

Estar nessa faixa é sempre um mau presságio. Isso porque trata-se de sobrepeso, um estágio que antecede a obesidade e, embora em proporções menores, também é prejudicial à saúde.

Se estiver associado a idade avançada e histórico de saúde com patologias, os riscos são ainda maiores. Um indivíduo nessa situação está mais propenso a desenvolver diabetes, doenças cardiovasculares, distúrbios respiratórios, desordens pulmonares, problemas nas articulações e até mesmo câncer.

IMC >= 30 – Obesidade

Todas as pessoas com IMC acima de 30 podem ser consideradas obesas. Entretanto, os níveis de obesidade variam. A partir deles, é possível mensurar a gravidade dos riscos à saúde.

Riscos para a saúde Dependendo do valor do seu IMC, será necessário adotar hábitos mais saudáveis urgentemente.

  • IMC entre 30 e 35 – Obesidade moderada: Nesse caso, provavelmente trata-se apenas de excesso de gordura, que pode ser combatido com a adoção de hábitos mais saudáveis;
  • IMC entre 35 e 40 – Obesidade grave: Nesse caso, o indivíduo precisa iniciar o processo de emagrecimento em caráter de urgência;
  • IMC acima de 40 – Obesidade mórbida: Por tratar-se de um nível extremo, muitos pacientes podem precisar recorrer a lipoaspiração, dietas restritivas e programas de treino que visem a queima drástica de calorias.

Quais as precauções necessárias?

Antes de sair por aí dizendo que o IMC é uma fórmula inquestionável porque é reconhecida até pela OMS, leve em conta que existem algumas ressalvas na hora de fazer a interpretação do resultado.

Muitas vezes, ele pode ser considerado um indicativo, mas não o resultado exato da quantidade de gordura que há no organismo do indivíduo. Se pensarmos em mulheres grávidas, fisiculturistas, idosos e pessoas com determinadas doenças, um IMC alto nem sempre indica obesidade.

A massa muscular e a distribuição de gordura no organismo também são fatores que não podemos ignorar. Isso porque a circunferência da cintura do indivíduo também diz muito sobre a porcentagem de gordura corporal e o risco de doenças cardiovasculares.

Bebês, crianças e adolescentes

Se levarmos em conta os parâmetros estabelecidos para IMC, poderíamos pensar que o cálculo não seria válido para crianças, bebês e adolescentes. E é claro que não podemos usar para essas pessoas os mesmos valores de referência que usamos para os adultos.

Para bebês, existem padrões específicos de peso e altura que são mensurados pelo pediatra a cada consulta. Sendo assim, pais e mães podem acompanhar de perto o desenvolvimento do seu filho.

Crianças e adolescentes, por estarem ainda em uma fase de desenvolvimento, também não podem ser enquadradas nos padrões adultos. Para elas, existem valores especiais de referência que também precisam ser avaliados pelo médico.

É importante lembrar também que somente um médico poderá prescrever uma dieta específica para crianças e adolescentes. Aliás, até mesmo um adulto que deseja rever seus hábitos alimentares deve ir a um nutricionista.

Muitas pessoas, ao calcular o IMC em casa, percebem que os valores são altos e acreditam que podem fazer, por si mesmas, dietas radicais para chegar aos níveis “normais”. Essa prática é muito perigosa, visto que nunca se sabe o que pode estar por trás de um sobrepeso.

O ideal, até mesmo para quem está no peso normal, é consultar um médico e realizar exames de rotina. Só assim é possível realizar um acompanhamento do peso e da saúde de maneira segura e responsável.

Se esse post foi útil para você, continue nos acompanhando. Que tal aprender agora a calcular o seu metabolismo basal?

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar