Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Ok, você escolheu ir à Austrália! No mínimo, o quê isso significa?

De Myla, publicado dia 27/04/2019 Blog > Idiomas > Inglês > Conhecendo o inebriante continente dos cangurus

Sabe-se hoje que o Império Britânico (1583-1997) deixou um influente legado pelo mundo. Uma das suas maiores heranças encontra-se atualmente presente na língua inglesa, em sua cultura, costumes e até nos sistemas judiciário e de ensino, que foram copiados por outras nações mundo afora.

Portanto, países como Canadá, Estados Unidos, Irlanda, Escócia e Austrália, que estiveram em algum momento de suas histórias sob jugo britânico, trazem hoje o inglês como língua oficial. Por falarem a mesma língua, mesmo que com variações regionais, esses países são destinos perfeitos! Seja para o turismo ou para o intercâmbio de ensino em inglês e até mesmo para a imigração, estabelecendo-se residência neles, já que apresentam alta qualidade de vida!

E, já que você escolheu ir à Austrália, aqui você encontra algumas informações a respeito desse país tão diverso, esfuziante e único!

De olho na a Austrália!

Conhecida por estar localizada na menor área continental do mundo, a Oceania, a Austrália, ou melhor, o país oficialmente referido como Commonwealth of Australia/Comunidade da Autrália, localiza-se no hemisfério Sul e cobre também a ilha da Tasmânia e várias ilhas adjacentes espalhadas nas proximidades dos Oceanos Índico e Pacífico.

Até durante há mais de 40 mil anos, antes da presença da colonização europeia, esse continente-ilha, como a Austrália por muitas vezes é chamada, e a Tasmânia foram habitadas por cerca de 250 nações individuais de aborígenes. Por meio de expedições esporádicas de pescadores vindos do norte e devido à descoberta dessa região realizada por exploradores holandesdes em 1606, a metade oriental da Austrália passou a ser reinvindicada pelo Império Britânico em 1770. Os britânicos fundamentalmente transportavam seus presos para a colônia de Nova Gales do Sul.

Com o passar o tempo, a população começou a aumentar de forma constante e progressiva, e o continente australiano passou a ser explorado. Durante o século XIX, outros cinco grandes territórios autogovernados foram estabelecidos, dando origem aos seis estados atuais: (1) Nova Gales do Sul, (2) Queensland, (3) Austrália do Sul, (4) Tasmânia, (5) Victória, (6) Austrália Ocidental e dois territórios, o do Norte e o da Capital Australiana.

 

Os seis principais estados da Austrália: Nova Gales do Sul, Queensland, Austrália do Sul, Austrália Ocidental, Victória e Tasmânia e os dois territórios, o Território do Norte e o da Capital Australiana.

A Austrália se transformou hoje em um país próspero e multicultural, apresentando excelentes resultados em muitas comparações ao desempenho de outros países, tais como na área da saúde, esperança de vida, desenvolvimento humano, qualidade de vida, educação pública, liberdade econômica, tão bem como na proteção de liberdades civis e de direitos políticos.

Além disso, as cidades australianas são frequentemente apontadas entre as mais excelentes do mundo em termos de habitabilidade, oferta cultural, equilíbrio entre vida e trabalho e apresentam elevada qualidade de vida.

Ostentando o segundo maior Índice de Desenvolvimento (IDH) do mundo, a Austrália é uma nação tecnologicamente avançada e industrializada. É também membro atuante da Organização das Nações Unidas (ONU), do G20 (grupo formado pelos ministros da Economia e pelos chefes dos Bancos Centrais das 19 maiores economias do mundo mais a União Europeia), da Comunidade das Nações, ANZUS (siglas em inglês do tratado entre Austrália, Nova Zelândia e EUA), da Organização para a Coorperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) e também da Organização Mundial do Comércio (OMC).

Aproveite e espie nossas dicas sobre Nova Iorque, a cidade mais famosa do mundo, e o quê de fato você sabe sobre ela!

A Austrália constitui um mercado de mais de 24,5 milhões de consumidores que desfrutam de um elevado nível de qualidade de vida e de poder aquisitivo.

Atenção ao meio ambiente da Austrália!

Embora grande parte do território da Austrália seja semi-árida ou desértica, essa nação conta com uma variada gama de habitats, desde vegetações xerófilas alpinas até florestas tropicais, sendo reconhecida como um país megadiverso.

Outra razão atribuída à essa megadiversidade reside no fato de que este é um continente de idade avançada, cujos padrões de tempo e eras geológicas são muito variados, além do isolamento geográfico de longo prazo. Tudo isso resultou em uma biodiversidade única e diversificada.

Segundo pesquisas, cerca de 85% das plantas com flores, 84% dos mamíferos, mais de 45% das aves e quase 90% dos peixes costeiros do clima temperado são endêmicos do país. Essa nação conta com o maior número de espécies répteis do mundo.

Em relação à vegetação, a gente pode dizer de forma resumida que as florestas australianas são majoritariamente constituídas de espécies perenes, que não perdem suas folhas. Os eucaliptos se destacam nas regiões mais áridas e as acácias nas mais secas e desérticas.

Os coalas, muitas vezes chamados de ursos coalas, não são mamíferos como os ursos e, sim, marsupiais. Os únicos marsupiais encontrados exclusivamente na Austrália.

Já entre os membros da fauna mais comuns do país estão os monotremados (onitorrinco e equidna-de-focinho-curto), vários marsupiais como os cangurus, os coalas e os vombates, espécie que lembra um pouco uma mini capivara, embora não seja um mamífero, e diversas aves, como o emu e a kookaburra.

Esses vombates possuem um metabolismo extremamente baixo, o que pode levar de 8 a 14 dias para completar a digestão, o que os ajuda a sobreviver em condições áridas. Contudo, caso você se esbarre acidentalmente com algum vombate em seu caminho, o melhor é que você suba em uma árvore e espere que o animal se acalme e que se vá embora.

Mas é bom atentar-se ao fato de que o país é lar de muitos animais perigosos, como algumas das cobras consideradas as mais venenosas do planeta. Portanto, ao se aventurar pelo meio ambiente australiano, tenha sempre muito cuidado, pesquise com atencedência sobre a região que você visitará, e nunca vá totalmente sozinho!

Lembre de levar seu celular, bateria extra de celular, caneta, bloco de anotações, apito, isqueiro e lanterna. Vá trajando roupas de proteção como botas de cano alto, calças longas, bonés ou chapéus, que façam proteção contra os raios ultravioletas e facilitem a respiração do corpo.

E, claro não se esqueça de beber muita água, de reaplicar de tempos em tempos o protetor solar nas partes mais expostas do seu corpo e procure saber sobre os números de emergência praticados na Austrália. Lá o principal número para emergências é o triplo zero (000), além dos 112 e 106.

Confira outras ótimas opções de intercâmbio e turismo nesses melhores países de língua inglesa!

A Grande Barreira de Coral/Great Barrier Reef é um dos principais destinos para exploradores subaquáticos e mergulhadores, já que é o maior sistema de recifes de coral do mundo. Localizada ao largo da costa do estado de Queensland, a Grande Barreira de Coral abrange mais de 3.000 recifes individuais, além de mais de 800 ilhas.

A língua inglesa é tão arraigada que se tornou a língua nacional de facto da Austrália

Você sabia que a Autrália não tem uma língua considerada a oficial? Fato curioso, não é?!

Mas nada disso impede você de ir ao país e de aprender o inglês, já que essa língua encontra-se tão arraigada dentre todo o terrritório australiano que se tornou o que os linguísticas chamam de a língua de facto da nação, sua língua mais praticada.

Além disso, a gente sabe que o inglês australiano é uma variante da língua inglesa, com sotaque próprio e até notações lexicais distintas. E lembre-se que esse país foi colônia da Grã-Bretanha, como a gente já comentou. Portanto, a língua herdou uma gramática e ortografia muito próximas às do inglês britânico, com algumas exceções notáveis.

Note que a língua inglesa é a única falada em casa por mais de 80% da população, seguida pelo italiano, grego, e o cantonês. No entanto, uma proporção significativa de imigrantes de primeira e segunda geração são bilingues, falam a língua da terra natal e a língua inglesa.

Que tal maiores informações sobre como aprender inglês na terra da Rainha?

Além disso, é estimado que, à época do primeiro contato com os europeus, falava-se no continente australiano cerca de 200 a 300 línguas indígenas 100% nativas. Dentre essas, apenas 70 parecem terem sobrevivido até os dias atuais. Muitas dessas línguas são faladas e praticadas exclusivamente por pessoas mais velhas hoje em dia e apenas 18 dessas línguas indígenas ainda são faladas por todos os grupos de diferentes idades espalhados pelo país.

O ensino de inglês na Austrália representa hoje um setor significativo no sistema educacional do país. A cada ano, cerca de 100 mil alunos provenientes de mais de 110 países diferentes procuram a Austrália para aprender o inglês.

Quanto custa fazer um curso de inglês na Austrália?

É nessa hora que você deve pesquisar com toda a calma a respeito de boas escolas de ensino da língua inglesa que ministram cursos na Austrália! Enfim, você se deparará com preços variados, segundo a localização da escola, a duração do curso e a sua qualificação.

A LSI, Language Studies International, por exemplo, escola bem estabelecida na cidade de Brisbane oferece diversos pacotes. O de 20 aulas por semana, dando 4 aulas por dia de 50 minutos cada, com o máximo de 15 alunos por sala, sai a cerca de R$5.000 por mês. Caso você queira incluir a taxa do curso mais alojamento, o investimento sobe para cerca de R$8.400 ao mês.

Já na Kaplan International, outra escola de inglês bem estabelecida, só que agora em Perth, também oferece diversos pacotes. O de 35 aulas por semana, com duração entre duas a 24 semanas, sai a R$6.300 por mês. Caso seja adicionada a acomodação, o mesmo período de um mês de estudo sai a quase R$10.000.

Além disso, como você sabe, existem outras despesas, como passagem aérea Brasil/Austrália, que custa no mínimo R$4.500, seguro saúde obrigatório, seguro viagem, e demais despesas.

Espie nossas dicas sobre o Canadá e o quê saber sobre o país antes de visitá-lo!

Em resumo, como você viu, a Austrália é considerada um dos melhores países do mundo para se viver, para se estudar e também como hub turistíco! Caso você tenha interesse em aprender inglês entre terras de cangurus e coalas, lembre-se que você terá uma experiência única! Muito semelhante ao espírito de uma nação tão única, vibrante e diferente!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar