Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Como se organizar para aprender a tocar teclado?

De Fernanda, publicado dia 07/10/2017 Blog > Música > Piano > A melhor hora para aprender a tocar piano

Para progredir no piano, é essencial praticar, treinar, exercitar com regularidade.

Isso exige um verdadeiro método de trabalho… E claro, tempo disponível para aprender a tocar piano.

Oscar Peterson se tornou um músico profissional apenas aos 14 anos de idade. Uma genialidade que manteve ao longo de sua vida, cultivando sua musicalidade, inventividade e senso de melodia. Mas como diz o ditado: 10% de inspiração e 90% de transpiração! Àquela época ele estudava 6 horas de piano por dia!

Portanto, a questão de “quando praticar o piano” surge muitas vezes e é crucial na formação de qualquer pianista. O tempo de prática é um elemento chave para evoluir.

Aqui estão algumas respostas a esta pergunta!

Pergunte ao seu professor de piano

Aprender o piano acontece em 80 ou 90% do tempo por conta própria, sozinho na frente do piano, decifrando novas partituras, fazendo exercícios, estudando teoria musical. Estudar o piano implica uma boa capacidade de autonomia por parte do aluno. O professor não consegue estar sempre sentado do lado de seu aluno.

Mas ele tem um papel fundamental ao proporcionar um método de treinamento efetivo e um acompanhamento pedagógico eficaz.

Um bom professor não é apenas alguém que dá aula de teclado ou piano de qualidade. É também uma pessoa que sabe, de acordo com a personalidade do aluno, qual a metodologia de ensino mais adequada para ele e qual seu ritmo de estudo. Ele dá conselhos durante aulas e orienta sobre como ele deve estudar o piano em casa. O professor de piano também está lá para estruturar um método de estudo sério.

Como pedir orientação para seu professor particular de piano. Peça ajuda ao seu professor de piano para maximizar o tempo de estudos na frente do teclado.

Para saber quando e como praticar o piano em casa de forma proveitosa, é melhor perguntar diretamente ao seu professor particular. Ele é a pessoa mais indicada para lhe fornecer recomendações personalizadas. Para aproveitar bem seus conhecimentos, você deve lhe explicar claramente como você trabalha normalmente, quais são seus hábitos de estudo, e assim por diante.

É bom saber: alguns professores são muito rigorosos com o método de ensino e por isso impõem horários de treino rígidos aos alunos. Outros simplesmente dão regras gerais do método e uma lista de tarefas a serem realizadas entre duas aulas.

Cabe a você escolher o perfil de professor que se adapte melhor à sua própria maneira de trabalhar.

A importância do estado de espírito e da boa vontade

Se você ainda se faz a pergunta “Quando praticar o piano?“, é possível que você não tenha encontrado um professor adequado, ou que ele ainda não tenha explicado como e quando praticar o piano fora da sala de aula.

Normalmente é ele que vai lhe passar essas orientações específicas.

Mas também é provável que o problema esteja em outro lugar: você não consegue estudar piano sem ter alguém cobrando tarefas, ao seu lado. Talvez você não tenha motivação e vontade suficientes para estudar.

A maioria dos jovens estudantes de piano abandonam o instrumento por falta de perseverança, desânimo ou falta de método.

Daí a importância do estado de espírito. Para treinar efetivamente, existem qualidades fundamentais: a vontade, a motivação e o desejo de progredir. Pois vamos falar a verdade: o piano não é o instrumento mais fácil do mundo de se aprender!

Para ganhar motivação e não cair no desespero (sim, o piano é um instrumento difícil e exige dedicação), o professor de piano, de novo, tem um papel decisivo no processo. Um bom professor de piano é um profissional capaz de motivar seu aluno, que transmite sua paixão pela música e seu gosto pelo estudo ao longo de suas aulas de piano.

A questão da disponibilidade: verdade ou mito?

Se muitas pessoas se perguntam quando praticar o piano, é que elas em geral já não têm muito tempo disponível. Se você é estudante, aluno do ensino médio, vestibulando ou jovem profissional, seus dias provavelmente devem ser bem agitados. Então como, nessas condições, encontrar tempo para estudar seu piano? É a falta de tempo que desencoraja muitas pessoas e as leva ao abandono completo do instrumento. Simples e triste assim.

Este problema de horário realmente existe, e seria absurdo ignorar isso. Algumas pessoas têm muito pouco tempo para se dedicar ao piano, e às vezes têm que sacrificar outros compromissos para conseguir progredir.

Mas, ao mesmo tempo, a falta de tempo é às vezes uma boa desculpa, que no fundo revela uma falta de força de vontade. Se você realmente é apaixonado pelo piano, se você realmente quer progredir e se tornar um pianista de verdade, você vai encontrar o tempo necessário. Você pode tocar piano em casa.

Pergunte a você mesmo e responda com sinceridade: esta falta de tempo para praticar o teclado é real ou é somente um pretexto?

Uma pesquisa da GFk constatou que um adulto no Brasil passa, em média, cinco horas por dia na frente da televisão. Isso é um absurdo!

Todo mundo tem tempo livre. Basta querer encontrar esse momento (exceto em casos excepcionais). Vale a pena parar e observar como você organiza seus dias. Será que você não consegue reservar uma hora a cada três dias para tocar piano? Você verá que é bem possível que sim.

Quando estudar teclado em casa?Como organizar o seu tempo para tocar piano?

Quando praticar o piano: por quanto tempo?

Se você é realmente apaixonado e está motivado a aprender a tocar teclado, você vai encontrar o tempo ideal.

Mas isso não responde à questão principal. A questão principal, quando o assunto é a sua disponibilidade, é na verdade a seguinte: por quanto tempo preciso estudar o piano por semana?

É claro que você nunca vai progredir se não estudar fora do horário da sua aula na escola ou com seu professor. Você também não vai avançar se estudar apenas uma hora por semana.

O número mínimo de horas por semana para progredir no piano não é o mesmo para todos. Alguns conseguem progredir estudando duas horas por semana, e outros levarão pelo menos 4 horas por semana para realmente avançar no aprendizado do piano. Mas o que é importante saber é que o tempo de trabalho por semana não é a única coisa a ter em mente. A regularidade é a chave do sucesso no piano.

Quando praticar o piano: a regularidade acima de tudo

Melhor trabalhar 30 minutos todos os dias do que organizar sessões de estudo de três horas de forma irregular. A regularidade é a palavra-chave. É melhor estudar menos e com regularidade do que o contrário.

A regularidade permite que você imponha disciplina a si mesmo, para criar um estado de espírito favorável à aprendizagem do piano. A regularidade impõe e promove rigor, disciplina e repetição. Preparar a sua aula de teclado é essencial!

Por outro lado, as sessões de estudo ou a prática de exercícios devem durar pelo menos 30 minutos cada. É muito difícil progredir estudando menos de meia hora, sabendo que é necessário pelo menos 10 minutos de aquecimento a cada vez.

Estudar apenas aos finais de semana: é possível?

Algumas pessoas simplesmente não têm tempo para estudar durante a semana. Este é o caso daqueles que acumulam vida profissional, família com crianças, vida de casal e outras atividades extra-pianísticas. Então, as pessoas com esse perfil se perguntam se é possível progredir estudando apenas no fim de semana.

De novo: não existe uma resposta certa que vale para todos. Para alguns, esse ritmo pode ser apropriado e vai permitir um progresso real. Para outros, vai ser mais difícil. Tudo depende da habilidade e da dedicação de cada um, e em especial de sua motivação inicial.

Para alguns, é possível aprender o piano como autodidata. Como foi o caso do grande Ernesto Nazareth.

Porque o principal risco de praticar o piano apenas no fim de semana reside na perda de motivação.

Idealmente, é melhor tocar piano, pelo menos a cada três dias, e, portanto, durante a semana.

Se você só toca aos finais de semana, e quer realmente progredir, vai precisar de pelo menos duas horas de estudo todos os fins de semana. Mas a melhor solução é ainda reservar pelo menos uma sessão de trabalho durante a semana.

E como fazer quando se quer aprender a tocar piano e cantar ao mesmo tempo?

É bom tocar piano todos os dias para progredir. Não transforme seu piano em mesa de cabeceira ou peça de decoração. Toque um pouco todos os dias!

O “quando” e o “como”

A questão do tempo, do “quando”, foi o cerne deste artigo. Mas a questão do tempo é no fundo menos importante do que a do “como”. Em outras palavras, não é a quantidade que conta, mas a qualidade.

Alguns passam uma ou duas horas por dia na frente do seu piano sem conseguir avançar.

Estudo excessivo às vezes é sinônimo de um método de treinamento ruim. Por outro lado, outros “estudam” apenas duas horas por semana e fazem progresso real. Trabalhando qualitativa e intensamente, você pode progredir e fazer suas horas de estudo renderem muito mais.

Apesar de como estudar bem não ser assunto principal desse artigo, vamos dar algumas dicas valiosas para suas horas de treino se tornarem mais ricas e proveitosas:

  • Sempre procure combinar diversão e estudo. Sem prazer, é difícil encontrar motivação e, portanto, progredir.
  • Não treine apenas as suas mãos, mas também e especialmente o seu cérebro. Por exemplo: tente simplificar as obras do piano.
  • Para progredir, o cérebro deve ser estimulado ao longo de todos os estágios de aprendizagem. Concentração e memória, essenciais em qualquer estudo, são faculdades do cérebro.
  • Estabeleça um horário de estudo para cada semana, definindo os objetivos de cada aula de piano: decifrar uma partitura de piano, estudar um aspecto específico de uma obra musical, e assim por diante.

Saiba como encontrar uma boa aula de teclado para iniciantes!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (média de5,00 sob 5 de 1 votos)
Loading...

Deixe um comentário

avatar