Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Alunos de baixa renda podem se beneficiar de aulas extra gratuitas

De Marcia, publicado dia 28/12/2017 Blog > Aulas particulares > Reforço escolar > O reforço escolar gratuito auxilia estudantes mais pobres

Segundo dados do MEC (Ministério da Educação), o número de alunos com nota mil na redação do ENEM vem caindo nos últimos anos. Além disso, aumentou a quantidade de notas zero. Isso pode ser considerado um reflexo de dificuldades escolares que se arrastam por anos.

Muitas vezes, o aluno não consegue solucionar suas dificuldades dos primeiros anos escolares e acaba não acompanhando de maneira plena a evolução de nível que deve ocorrer até o final do Ensino Médio. O resultado pode ser sentido quando chegam a provas oficiais, como ENEM e vestibulares.

É por isso que perceber que a criança não vai bem na escola deixa professores e principalmente pais em posição de alerta.

  • Você passa por essa situação?
  • Seu filho tem dificuldades para fazer os deveres de casa e sempre diz que não entendeu bem a matéria da aula?
  • O que você acredita que pode fazer para ajudá-lo?

O baixo desempenho escolar da criança deixa muitas famílias desoladas. Muitos pais ficam extremamente preocupados quando percebem que o filho vai mal na escola.

Muitos alunos vêm aderindo ao reforço escolar para vencer as dificuldades que enfrentam em sala de aula. As aulas normalmente acontecem em casa, em instituições específicas ou através de sites e aplicativos.

A proposta dessas aulas de apoio é revisar, aprofundar-se e contextualizar o aluno em temas abordados na escola convencional. Trata-se também de uma oportunidade de tirar dúvidas e praticar um pouco mais o conteúdo aprendido.

E todas essas modalidades que citamos, seja em casa, sozinho ou em grupos estão disponíveis em versões gratuitas ou a preços simbólicos. Ou seja, é possível que o seu filho supere as dificuldades escolares sem que você precise gastar muito para isso.

A tutoria online gratuita

Antes de se deixar levar pelo primeiro anúncio de aulas particulares que você ver, é necessário refletir um pouco. Existem hoje diversas opções e você deve analisá-las para escolher com consciência o que será melhor para o seu filho.

Na internet há muitas soluções para aqueles que não estão dispostos a (ou simplesmente não podem) investir uma fortuna em aulas particulares de reforço. Existem sites criados especialmente para auxiliar alunos com dificuldades escolares.

Trata-se de plataformas com exercícios de fixação, videoaulas, jogos educativos, e muitos outros materiais. E o melhor de tudo isso é que esses conteúdos podem ser acessados a qualquer hora do dia ou da noite, em qualquer dia da semana.

Isso permite que, mesmo pais que têm rotinas corridas de trabalho, possam acompanhar seus filhos nas atividades de apoio escolar via internet (e de graça).

E existem diversos sites que oferecem esse apoio. Alguns deles são focados em determinadas matérias, como é o caso do Matemática 100 cola. Já outros oferecem opções em diversas matérias, como o Grátis Vídeo Aulas, que pode auxiliar até mesmo a alunos que estão se preparando para o ENEM.

Normalmente, estudar pela internet oferece algumas vantagens:

  • Organizar-se de acordo com a sua disponibilidade de horários;
  • Ter acesso a materiais em áudio e vídeo;
  • Praticar exercícios de fixação;
  • Ter acesso à correção desses exercícios;
  • Contar com opções de alguns cursos profissionalizantes em vídeo;
  • Fazer simulados.

Mas a internet também pode ajudar de outra forma…

Você pode encontrar um professor particular através de sites especializados. Eis uma alternativa para alunos que buscam algo mais personalizado que o conteúdo online.

Escolher um professor particular significa contar com mais um agente que atuará na motivação da criança, e ainda poderá abordar de outras maneiras aquilo que ela não entender na primeira explicação. Trata-se de um diferencial capaz de ajudar alunos com os mais variados tipos de dificuldades escolares.

Escolher um professor através do Superprof significa ter acesso a uma ampla gama de profissionais e encontrar um especializado nas matérias que o seu filho precisa (e sem precisar fazer grandes deslocamentos para frequentar as aulas).

Associações gratuitas de reforço escolar no Brasil

Para aqueles que não têm recursos para pagar por aulas particulares, existem associações que oferecem o serviço gratuitamente (ou por uma pequena taxa simbólica) para crianças de famílias de baixa renda.

A pobreza não deve ser sinônimo de poucas oportunidades. Todos os alunos podem, de alguma forma, receber aulas de apoio. Crianças que vivem em comunidades carentes também podem ter acesso ao reforço escolar.

Muitas vezes, esses pais não têm condições de ajudar aos filhos com a lição de casa e se sentem perdidos, sem saber o que fazer. É aí que surgem essas associações, que contam com professores voluntários, dispostos a oferecer os conteúdos gratuitamente.

Trata-se de instituições sem fins lucrativos que possibilitam às crianças carentes igualar-se às de famílias mais favorecidas quando o assunto é preparação para o mercado de trabalho.

Mas como funcionam essas associações?

As instituições que oferecem apoio escolar normalmente sobrevivem do trabalho voluntário e de doações das autoridades locais ou de particulares. Para encontrá-las, você pode informar-se em órgãos ligados ao acolhimento social em sua cidade.

Os professores voluntários são pessoas que sentem vontade de compartilhar seus conhecimentos para ajudar a essas crianças. Alguns já são aposentados, enquanto outros conciliam a bela tarefa com seus horários de trabalho.

"A união faz a força." Essa máxima funciona muito bem quando o assunto são entidades de auxílio ao aluno. Associações de reforço escolar sobrevivem de muitas “mãos unidas”, através de doações e trabalho voluntário.

Algumas dessas instituições estão localizadas em bairros onde as diferenças sociais são grandes, como é o caso da AMIS (Associação Morumbi de Integração Social), que auxilia as crianças pobres do Morumbi, considerado um bairro nobre de São Paulo.

A Associação Despertar Sabedoria no Sol Nascente é outro belo exemplo. Localizada em Brasília, ela atua desde 2001 como ponto de apoio no desenvolvimento e educação de crianças carentes. Ela sobrevive de doações e do trabalho de professores locais, que dão um belo exemplo de empatia e amor ao próximo.

Os aplicativos de reforço escolar são eficazes?

É compreensível que você tenha essa dúvida.

Quanto a essas ferramentas, foram desenvolvidas com o intuito de ajudar o aluno a desenvolver-se enquanto se diverte. Ele estuda através de jogos e brincadeiras, que mesclam entretenimento e estudos, tornando o aprendizado muito mais agradável.

Todos sabemos que os smartphones vem se tornando a cada dia mais populares. Por que não utilizá-los então para ter acesso a materiais de apoio escolar? Alguns professores, inclusive, já se beneficiam dessas tecnologias para auxiliar em suas aulas.

Sendo assim, por que não confiar nesses aplicativos para ajudar a seu filho?

Em sua maioria, os apps costumam ser gratuitos (para reforço escolar), pelo menos na primeira versão. Isso significa que você terá a oportunidade de fazer um teste antes de comprar.

Esse tipo de ferramenta atrai a atenção de muitos pais, pois proporcionam um ambiente que leva o aluno a gostar de utilizá-las. Estudar através de jogos deixa de ser uma tarefa chata e monótona.

Elas são desenvolvidas por designers e professores experientes. Dessa forma, fica fácil combinar conhecimentos com efeitos lúdicos e interativos. Assim, combinam o prazer das brincadeiras com a utilidade dos estudos, o que se torna muito eficaz quando o assunto é o progresso educacional do seu filho.

Embora a presença de um professor nunca possa ser substituída por uma ferramenta online, elas permitem que o aluno tenha acesso ao conteúdo a qualquer momento, e ainda oferecem esses elementos extra que falamos.

Existem aplicativos para os mais variados níveis escolares. Enquanto o ABC Kids auxilia alunos que estão em fase de alfabetização, o TED disponibiliza assuntos para estudantes universitários.

O Professor de Bolso tranquiliza os pais que não conseguem responder às dúvidas de seus filhos durante a realização das tarefas de casa. Através dele, o aluno entra em contato com um professor da matéria em questão e esclarece o assunto.

Além disso, outros aplicativos de assuntos específicos estão disponíveis. Através deles, é possível aprender:

  • Fórmulas;
  • Conjugar verbos;
  • Testar seus conhecimentos gerais

Aulas particulares gratuitas: como fazer?

Embora essas ferramentas sejam importantes para ajudar o aluno a sanar suas dificuldades escolares, será que elas são suficientes? Estudar online exige, acima de tudo, disciplina e organização. E os pais precisam acompanhar o desenvolvimento dos filhos a partir desses estudos.

Além disso, o fato de tratar-se de jogos pode fazer com que a criança não leve essa forma de estudar tão a sério e acabe acreditando que se trata apenas de uma grande brincadeira. A autonomia do pequeno com os estudos online pode se tornar mais difícil por essa razão.

Outro fator importante é encontrar a ferramenta certa. Ela deve ser adaptada para o aluno e sua capacidade cognitiva. Caso contrário, ele corre o risco de nem entender os exercícios propostos.

É aí que entra em questionamento o quanto um professor particular é realmente necessário para o desenvolvimento do aluno. Lembramos, entretanto, que escolher um professor particular pode ser mais difícil do que parece em um primeiro momento.

Entretanto, aprender sozinho (de graça) exige muita disciplina e autonomia e o professor é capaz de identificar as dificuldades reais do aluno para trabalhá-las.

Associações gratuitas são a solução

Se você pensa dessa forma, talvez recorrer a uma dessas associações de reforço escolar (gratuitas) que falamos seja a melhor solução.

  • Os professores realmente estão ali porque querem, e não por razões financeiras;
  • O aluno não será pressionado;
  • Há diversos professores, e cada um segue a sua metodologia. O aluno consegue identificar o que funciona melhor para ele;
  • O apoio social se estende também à família.

A assistência social deve ser oferecida, não só à criança, mas também aos seus pais e irmãos. Não somente as crianças, mas famílias inteiras podem contar com o apoio de instituições que oferecem reforço escolar.

Existem associações presentes em São Paulo:

  • Educadores sem fronteiras;
  • Ismart;
  • Projeto English for All.

No Rio de Janeiro também tem:

  • Fibra;
  • Igreja Metodista de Vila Isabel.

E em Minas Gerais:

  • Projeto Incluir (UFMG)
  • Projeto Compaixão

Tem até na nossa capital, Brasília:

  • Voluntárias Cisne Branco
  • Instituto Superar

E olha só na Bahia:

  • ONG Bahia Street
  • ONG Associação Criança na Arte Sarajane (ACASA)

Caso você conheça alguém que precisa desse tipo de serviço, não deixe de indicar esse artigo.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar