Ser um boxeador de sucesso ou apenas um praticante fiel desse estilo de luta é algo que preenche a lista de desejo de muita gente - e não importa se é homem ou mulher, idade ou condição social, a empolgação é a mesma!

No entanto, é claro que, dependendo de onde vive essa pessoa (que está em busca de aulas de boxe), pode ser que o acesso a tal prática possa vir a ser um tanto quanto complicado.

Mas, por outro lado, é notório que, hoje em dia, algumas academias estão começando a oferecer cursos de pugilismo para todo tipo de público.

E para que tal empreitada tenha sucesso, é pertinente que as aulas de luta sejam ministradas por professores capacitados, ou seja, que tenham não só apenas experiência e conhecimento, mas também formação na área.

Mas, que tipo de formação? E como está essa demanda? Além disso, é possível contar com bons professores de boxe disponíveis no mercado?

Frente a essas questões, decidimos trazer neste artigo um breve panorama acerca de quais os principais conhecimentos que um treinador de boxe precisa ter para trabalhar tanto com pugilistas profissionais, como também com indivíduos que desejam apenas praticar um esporte de combate.

Por isso, se você é um aspirante a treinador, acompanhe este artigo até o final para ficar por dentro de alguns conceitos como: se é permitido trabalhar com aulas de boxe mesmo sem diploma, se há cursos voltados a treinadores de pugilismo e, além disso, quais os principais objetivos que um instrutor iniciante deve buscar para se dar bem na profissão!

Jeff personal fight
Jeff personal fight
Profe de Boxe
5.00 5.00 (19) R$85/h
1a aula grátis!
Fernando
Fernando
Profe de Boxe
5.00 5.00 (26) R$96/h
1a aula grátis!
Gabriel
Gabriel
Profe de Boxe
5.00 5.00 (11) R$85/h
1a aula grátis!
Israel
Israel
Profe de Boxe
5.00 5.00 (9) R$65/h
1a aula grátis!
Daniele
Daniele
Profe de Boxe
5.00 5.00 (1) R$100/h
1a aula grátis!
Rafael
Rafael
Profe de Boxe
5.00 5.00 (62) R$120/h
1a aula grátis!
Caio yudi
Caio yudi
Profe de Boxe
5.00 5.00 (6) R$160/h
1a aula grátis!
Prof. Wilson
Prof. Wilson
Profe de Boxe
5.00 5.00 (7) R$75/h
1a aula grátis!

É possível ser treinador de boxe mesmo sem diploma?

Assim como no futebol (e outros esportes) há muitos técnicos que também atuaram dentro das quatro linhas. E no boxe não seria diferente, aliás, é muito comum que ex-lutadores, quando encerram suas carreiras, passam a trabalhar auxiliando novas gerações que querem vestir a luva e partir para o combate.

Mas, é importante destacar que qualquer profissional vai garantir mais oportunidade quando consegue somar experiência e conhecimento com certificados autorizados pelo Ministério da Educação.

Isso significa que mesmo quem já vivenciou muitos combates nos ringues pode até compartilhar sua paixão, atuando como treinador. Mas, antes, é preciso que essa pessoa busque se qualificar em um curso superior, por exemplo, para que o exercício da profissão se dê dentro da lei.

Que curso devo fazer para ser Boxing Coach?

Por enquanto em nosso país, para ser instrutor de pugilismo, é indicado que se tenha, pelo menos, uma licenciatura em Educação Física, uma vez que o atendimento prestado em uma aula de boxe não engloba apenas técnicas de ataque e defesa, mas também a capacidade desse professor dispor de conhecimento pleno acerca de como funciona a biomecânica dos movimentos corporais.

Educação Física!
No Brasil, é obrigatório que, nas escolas, as atividades esportivas sejam conduzidas por professores habilitados!

No Brasil, assim como em vários países, é obrigatório que atividades esportivas realizadas em escolas e salas de treinamento físico (academia e outros espaços), e que possuem monitorias durante suas aplicações, sejam conduzidas por profissionais com formação em Educação Física, por exemplo, sendo que os respectivos certificados são todos emitidos pelo CONFEF - Conselho Federal de Educação Física.

Professor particular de boxe precisa ter diploma?

Quem tem vontade de trabalhar como professor particular de boxe a exigência é a mesma, ou seja, é necessário ter diploma de curso superior.

Pode ser que algumas pessoas não deem muita bola pra isso (o que é um erro), mas em geral, grande parte das pessoas que procuram atendimento personalizado é tão exigente quanto um estabelecimento, por exemplo.

Assim, podemos concluir que sempre se destaca aqueles profissionais que além de experiência e conhecimento também contam com certificações e diplomas na área de Educação Física.

Jeff personal fight
Jeff personal fight
Profe de Boxe
5.00 5.00 (19) R$85/h
1a aula grátis!
Fernando
Fernando
Profe de Boxe
5.00 5.00 (26) R$96/h
1a aula grátis!
Gabriel
Gabriel
Profe de Boxe
5.00 5.00 (11) R$85/h
1a aula grátis!
Israel
Israel
Profe de Boxe
5.00 5.00 (9) R$65/h
1a aula grátis!
Daniele
Daniele
Profe de Boxe
5.00 5.00 (1) R$100/h
1a aula grátis!
Rafael
Rafael
Profe de Boxe
5.00 5.00 (62) R$120/h
1a aula grátis!
Caio yudi
Caio yudi
Profe de Boxe
5.00 5.00 (6) R$160/h
1a aula grátis!
Prof. Wilson
Prof. Wilson
Profe de Boxe
5.00 5.00 (7) R$75/h
1a aula grátis!

Por que um atleta experiente precisa ter diploma superior?

Na verdade, para ser atleta não é preciso ter diploma, mas a partir do momento que esse esportista decide trabalhar como coaching em atividades físicas ou professor em academias, por exemplo, é exigido dele esse tipo de certificado.

Essa é uma questão muito polêmica, pois há quem diga que o que vale são os anos de prática, sendo que todo o conhecimento adquirido é o suficiente para que um ex-atleta venha a se tornar um instrutor.

Por outro lado, há muitos profissionais de Educação Física que alegam que uma sessão de arte marcial, por exemplo, não corresponde apenas à atividade prática.

Há de se considerar aí etapas de extrema importância como aquecimento, alongamento e treinamento físico, sem falar que quem está prescrevendo tais atividades precisa dispor de conhecimento pleno em pedagogia do esporte, fisiologia do exercício, anatomia e outros princípios essenciais da respectiva disciplina.

Existem cursos superiores para esportes de combate?

Certificação!
A emissão de certificados para esportes de combate é uma questão muito discutida no Brasil!

Na verdade não. Trata-se de uma lacuna que envolve toda essa discussão, sendo que o que já foi sugerido em alguns debates é a emissão de certificados que possam comprovar as habilidades dos instrutores por parte das federações brasileiras de boxe, até mesmo para que esses profissionais atuem com segurança jurídica, pois é o que muitas vezes estão a necessitar já que know how acerca do que trabalham eles têm de sobra...

Você quer mesmo atuar como instrutor de boxe?

Pensemos a respeito da possível resposta frente à questão que intitula este tópico: tendo em vista que quem deseja trabalhar como treinador de boxe já ralou bastante nos ringues da vida e, além disso, sabe muito bem o que é enfrentar um combate - seja no sentido literal ou não -, com certeza essa pessoa não vai titubear se ela decidir dar aula de boxe.

Mas como nem todo mundo é igual e mesmo aquele sujeito que aparenta ser bem decidido pode ter lá suas incertezas, é interessante refletirmos sobre o que pode, de fato, fazer com que um aspirante a treinador de pugilismo esteja certo de sua escolha! Bora lá?

O que considerar para ser um treinador de boxe!

A primeira coisa é notar que, como já falamos anteriormente, a experiência e conhecimento são grandes diferenciais no currículo desse futuro boxing coach. Outra coisa é a sua formação superior - que também já elencamos como primordial.

Reconhecimento!
É importante que o Boxing Coach tenha um registro nas principais federações de seu país!

O fato é que independente se esse professor vai atuar como técnico de um atleta profissional ou se vai trabalhar em academias, por exemplo, é importante que ele seja reconhecido pelas federações de seu país e disponha de total domínio em conteúdos que estejam relacionados a algumas funções específicas, como teorias e prática do pugilismo - desde o aluno iniciante até o esportista que já conquistou prêmios com alguns nocautes por aí.

Por isso, se você quer mesmo trabalhar como instrutor de boxe, é importante ter em mente que, antes de qualquer coisa, essa é uma profissão que tem pouquíssimos holofotes e algumas dúzias de problemas que só quem sabe o que é "lutar" é capaz de entender...

Mas calma, a carreira de treinador de boxe pode não ser só desafio!

Apesar desses "perrengues", quando é possível ajudar a construir a carreira de um campeão, o sentimento de dever cumprido torna-se mais forte e, quase sempre, vem acompanhado de fama, indicações e uma graninha a mais.

E mesmo que você não esteja pensando em treinar boxeadores, nas academias a sensação é a mesma, pois não tem coisa melhor quando vemos nossos alunos e alunas progredindo nos treinos.

E para que o sucesso seja garantido, é importante que você, como Boxing Coach, saiba tudo de pugilismo e muito mais como:

  • Conheça muito bem a origem e a história do boxe;
  • Tenha noção de como é a realidade do boxe no Brasil;
  • Como deve ser feita a preparação de um profissional do boxe;
  • Ter paciência com quem está começando e até veteranos no esporte;
  • Saber se comunicar com muita didática;
  • Além de outras características...

O que mais preciso saber para ser um bom instrutor de boxe?

Para ser um bom instrutor de boxe é interessante contar com espírito de liderança, disciplina e saber como motivar atletas e alunos. Além disso, é interessante ter noção plena de estratégias de combate, conhecimento sobre golpes e táticas de defesa, bem como estar por dentro de como funciona as regras dentro de um ringue.

Um técnico de pugilismo consegue a confiança de seus esportistas e alunos quando consegue ensinar que uma das coisas mais importantes (tanto no esporte quanto em outras áreas da vida) é o engajamento.

Ou seja, saber mostrar que o comprometimento com as metas é algo de grande valor e, ao mesmo tempo, ensinando que as falhas e derrotas fazem parte  do percurso e o que vale a pena é o aprendizado que se tira frente a cada obstáculo, a cada desafio.

E, por fim, saber planejar...

Diferenciado
Saber planejar os treinos é algo que faz a diferença nas aulas de boxe!

Se você sonha em ser um instrutor de boxe, saiba que saber planejar as atividades atribuídas, seja em treinos personalizados ou em grupo na academia, é de fato algo de grande valia, pois saber como trabalhar as abordagens é saber como desenvolver um trabalho completo, o qual terá sempre como base a atenção dispensada a alguns aspectos fundamentais de uma treinamento de pugilismo, tais como:

  • Aplicação da teoria em sincronia coma prática, de modo que o aluno possa assimilar a importância de cada golpe;
  • Orientação acerca de como trabalhar o combate nos confrontos, a partir da identificação da estratégia do oponente;
  • Gerenciamento de cada etapa do treino - desde o aquecimento até a atividade com o sparring no ringue;
  • Saber aplicar treino que proporciona resistência física e bom preparo emocional para os combates.

Enfim, agora que você está por dentro de alguns aspectos inerentes a um instrutor de boxe, chegou a hora de verificar quais características e conhecimentos você já possui para, assim, atuar nessa área.

Ah, também não deixe de anotar tudo o que deve ser feito para dar um upgrade em suas habilidades e se destacar no mercado!

Precisando de um professor de Boxe ?

Você curtiu esse artigo?

5,00/5, 1 votes
Loading...

Erico

Professor, roteirista, redator e CEO da ecKOa Conteúdos, além de músico nas horas vagas.