Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Você é destro e quer aprender um instrumento de cordas? Saiba como!

De Fernanda, publicado dia 23/10/2018 Blog > Música > Violino > Como tocar violino com a mão direita?

“Se o violino é o instrumento musical mais perfeito, então o grego é o violino do pensamento humano.” Helen Keller (1880-1968)

Os instrumentos de cordas do quarteto (violino, violoncelo, viola, contrabaixo) são considerados os mais exigentes e exigem a aprendizagem de técnica.

A palavra violino vem do latim médio, vitula, que significa instrumento de cordas. Sua origem vem de instrumentos trazidos do leste da Europa do Império Bizantino. Os primeiros violinos foram feitos na Itália entre os meados do fim do século XVI e o início do século XVII, evoluindo de antecessores como a rebec, a vielle e a lyra da braccio. A sua criação é atribuída ao italiano Gasparo de Salò. Durante duzentos anos, a arte de fabricar violinos de primeira classe foi atributo de três famílias de Cremona: Amati, Guarneri e Stradivarius. Toda a invenção do violino foi conduzida pelas raízes do instrumento milenar chines erhu, as raízes deste instrumento foram os instrumentos de cordas friccionados por arco mais antigos já descobertos.

Mas será que é difícil aprender essa arte milenar? Saiba tudo sobre como estudar o violino se você for destro!

Escolher um violino: destro ou canhoto?

O padrão estabelecido e comumente aceito para o aprendizado do violino é colocá-lo no lado esquerdo e a mão direita que segura o arco – a mão dominante do destro – enquanto os dedos da mão esquerda apertam as cordas para tocar as notas.

Como aprender violino? Todos os violinistas tocam com a mão direita para evitar choques!
Tocar um instrumento na outra direção que os outros: isso seria errado, certo?

O domínio do gesto do braço e da mão direita é, portanto, fundamental para adquirir precisão, destreza, flexibilidade e boa musicalidade.

E sim, tornar-se violinista não pode ser algo de improviso e é difícil de aprender sozinho! Recomenda-se fazer aulas, porque este instrumento requer muitas habilidades de todos os alunos:

  • Evite criar vícios
  • Adquira a posição certa
  • Aprenda teoria musical,
  • Aprenda a decifrar para ler notas musicais,
  • Coloque o seu violino na posição correta, etc.

Quando você está começando, você tende a se desmotivar pela dificuldade implacável deste instrumento de cordas. Este é o objetivo principal da aula de violino: despertar o prazer de tocar enquanto proporciona um bom treinamento musical.

É a maneira de tocar o arco que determina a qualidade do desempenho do violinista.

Deve-se notar que em uma orquestra sinfônica, todos os arcos devem estar voltados para o mesmo lado, razão pela qual em grandes grupos musicais é muitas vezes recusada a entrada de violinistas canhotos, ou então esses devem pelo menos se adaptar a tocar com a mão direita.

Adaptar um violino para pessoas canhotas envolve inverter as cordas, mas também a queixeira, o cavalete e o tampo. Neste caso, os professores de violino particulares também devem se adaptar a cada aluno canhoto.

Um trabalho que pode ser complexo na medida em que precisa transpor os gestos que encorajem o aluno a reproduzir um som, uma melodia ou partituras para violino.

É por isso que tocamos principalmente em um violino para destros: pela simplicidade.

Para músicos canhotos: de acordo com uma estimativa mundial, cerca de dez a cada cem pessoas são canhotas.

Além disso, a mão principal nunca impediu que alguém fosse um virtuoso violinista, alguns dos maiores compositores que marcaram a história da música (R. Shumann ou Beethoven) eram esquerdistas.

Para poder tocar cada nota corretamente, o arco segurado com a mão direita deve ser guiado pelo antebraço e pelo pulso. Portanto, é necessário ter uma técnica muito precisa para manusear o arco do violino.

Precisa de aulas de violino em casa?

Como segurar o arco de um violino destro?

Depois de afinar o instrumento – podemos usar um diapasão para encontrar o lá -, aplicar o breu para gerar adesão entre o arco e as cordas, vamos ter que aprender a segurar o arco.

Podemos estar sendo um pouco repetitivos, mas saiba que a boa manutenção e o manejo adequado do arco são fundamentais para obter um som de qualidade.

Segurar o arco de violino é ainda uma prática muito formal, quase elevada ao nível da ciência.

O mais difícil para os instrumentistas não é somente segurar o arco como tal, mas impedir que o estado dessa ferramenta se deteriore com a velocidade, à medida que o músico toca uma partitura.

Para segurar seu arco, o truque é posicionar o dedo indicador um pouco levantado (naturalmente), e girar a mão direita no sentido anti-horário até encostar o dedo indicador na madeira do arco, de forma que sua mão fique inclinada enquanto segura com o outros dedos. Cuide para que se encoste também a falange central do dedo indicador.

Em seguida, encoste o dedo mínimo na parte de cima na madeira (vareta) do arco, deixando-o bem relaxado e em formato “arredondado”.

O dedo médio e o dedo anelar envolvem naturalmente e servem para apertar o arco, enquanto o polegar segura a parte de baixo da haste.

A mão deve estar relaxada e solta, mas rígida – não tensa – como se estivesse segurando uma pequena pedra em uma parede íngreme ao subir.

As nuances e a obtenção de um som de qualidade resultam do encontro de três fatores primordiais: a velocidade, a pressão e a posição do arco em relação à ponte.

Isso é chamado de “ponto de ressonância”.

Então você tem que aprender como gerenciar a trajetória do arco, onde o ombro direito, o cotovelo e o pulso também estão envolvidos.

Um movimento ideal do arco é fazer o pequeno oito invertido, mas sem fazer círculos, o arco formando um ângulo maior ou menor em relação à ponte.

Aqui está um vídeo no Youtube explicando como segurar seu arco: escute o conselho do profissional!

Aprenda o violino: como soltar a mão direita?

É isso, encontramos a posição certa para o violino, com a base do instrumento no pescoço, a mandíbula apoiada na queixeira e o violino apoiado na clavícula.

Só falta começar a tocar com sua mão direita!

Quem pensaria que fazer música poderia causar lesões nas articulações?
Uma má posição e pronto! Vejo você no fisioterapeuta!

Nosso primeiro conselho é tocar com as cordas soltas para relaxar a mão direita e se acostumar com a empunhadura do arco. E, acima de tudo, para manter a posição correta.

Para conseguir isso, coloque a crina do arco nas cordas, equidistantes entre o cavalete e a voluta, de modo que o arco seja colocado diretamente na caixa de ressonância do violino.

Você movimenta o arco em um caminho reto e paralelo às cordas.

Percebemos que quanto mais pressionamos a crina, mais alto fica o som e vice-versa. Isto será usado para reproduzir as nuances (fortissimo, forte, mezzo forte, piano, pianissimo).

Normalmente, se você não descolar o arco das cordas, elas devem produzir um som contínuo. Caso isso não aconteça, é necessário aplicar o breu.

A reprodução de um som ideal e correto reside na inclinação do arco em relação à voluta.

Agora podemos executar exercícios de tocar cordas soltas, fazendo golpes curtos do talão até o meio do arco.

Então mude a corda levantando ou abaixando o cotovelo para trazer o arco para a altura correta.

Então, praticaremos tocando notas apertando também as cordas com a mão esquerda: isso faz com que você adquira uma boa pressão dos dedos.

Uma vez que somos capazes de fazer uma nota correta, devemos tentar colocar a ponta do dedo médio um pouco mais longe do que o dedo indicador, em seguida, mover para o dedo anelar, enquanto movemos o arco em apenas uma corda de cada vez.

Qual é a técnica da mão direita para o violino?

Bem, nunca é demais repetir: é fundamental que você treine todos os dias, sobretudo se você estiver em um nível de iniciante: é como aprender a tocar guitarra ou piano, você não vai controlar tudo de uma só vez.

Os movimentos mais populares do violinista: para melhorar seu estilo de jogo. Como fazer a caixa de ressonância vibrar da melhor maneira?

Mas dominar a técnica de tocar com o arco requer um treinamento intenso.

Existem, na verdade, muitas arcadas e golpes de arco, dos quais aqui são apenas os principais:

  • Piquetato
  • Fouetté
  • Ricochet
  • Sonfilé
  • Spiccato
  • Sautillé
  • Staccato
  • Détaché
  • Martele

Independentemente do tipo de movimento usado para tocar com a mão direita, aqui estão algumas dicas que serão benéficas para seguir:

  • Coloque o cotovelo direito perto do corpo ao tocar a corda mi,
  • Levante o cotovelo direito ao mover-se de uma corda para outra (do mi ao lá, de lá para ré, do ré para o sol),
  • Abaixe o cotovelo para o movimento oposto,
  • Tenha a impressão de que o arco é horizontal
  • Dar a impressão de mergulhar o arco ao passar pela corda de sol,
  • Mantenha o cotovelo na mesma altura enquanto toca na mesma corda.

Quer progredir e se tornar um músico profissional? Faça aulas de violino em casa! Existem centenas dos professores na plataforma Superprof disponíveis para dar aulas de violino em todo o Brasil.

Última dica: para evitar possíveis problemas e não arranjar briga com seus vizinhos, opte por um violino eletrônico, para tocar em silêncio com um fone de ouvido!

E lembre-se: um passo de cada vez! Ninguém se torna um Stéphane Grappelli da noite para  dia!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar