Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Você é canhoto e quer aprender um instrumento de cordas? Saiba como!

De Fernanda, publicado dia 23/10/2018 Blog > Música > Violino > Como tocar violino com a mão esquerda?

Um provérbio inglês diz: “Amigos são como cordas de violino: não os estique demais.”

Se a maioria dos instrumentos de cordas friccionadas são tocados na posição para destros, como tocar o violino quando se é canhoto? Você precisa se adaptar ou inverter as cordas, mudar a queixeira, e outras partes do seu instrumento…

Tornar-se violinista não é algo que fazemos de improviso e exige fazer aulas de música, seja para soltar os dedos da mão esquerda ou para aprender a tocar o violino com precisão.

De acordo com uma estimativa mundial, cerca de dez a cada cem pessoas são canhotas.

E como começar a tocar violino quando se é canhoto ou tocar com sua mão esquerda em um violino destro? Este é o assunto deste artigo!

Como segurar um violino com a mão esquerda?

O violino tem a reputação de ser um dos instrumentos musicais mais difíceis de se aprender – isso já não é novidade.

Mas fica a dica para todos os aprendizes: para tocar bem, é preciso muita determinação, rigor e persistência!

Onde aprender a tocar violino? O estudo do violino é coisa séria! Descubra nossas dicas para aprender este instrumento com mais agilidade.

Os instrumentistas logo vão perceber que tocar em um braço sem trastes e sem marcas não é nada evidente! Sendo assim, parece maravilhoso ter um Stradivarius ou um instrumento elaborado por um luthier em suas mãos… Mas quase impossível emitir belos sons se você não tiver uma boa técnica.

Para aprender sem vícios e desenvolver uma prática instrumental que faça sua plateia chorar ao ouvir as notas dessa jornada poética e musical, é essencial adotar o bom posicionamento das mãos e dos dedos, e uma boa empunhadura.

Acima de tudo, é importante ficar em pé com os ombros, braços e mãos relaxados.

Em um violino destro, a mão esquerda é aquela que pressiona as notas musicais no braço, enquanto a mão direita lida com o manejo do arco do violino. Por isso, é essencial ter coordenação dos membros para tocar uma peça musical.

O braço esquerdo deve estar dobrado, com o cotovelo ligeiramente para a frente enquanto o antebraço fica oblíquo e inclinado para fora.

Depois de colocar a cabeça do violino na mão esquerda e fixar a queixeira entre o queixo e o ombro – sem inclinar a cabeça – o violino deve ser mantido estável e com perfeição, mesmo soltando a mão esquerda.

Na posição convencional, isto é, a mais comum, o braço do violino é mantido entre o polegar e o dedo indicador da mão esquerda.

Uma vez dominada a técnica do arco, será necessário colocar os quatro dedos da mão esquerda – exceto o polegar – no espelho.

Cada dedo deve permanecer relaxado, com as articulações dobradas, para criar um toque macio e firme. A mão deve ficar na vertical em relação ao braço para ganhar destreza.

Então, poderíamos dizer que o posicionamento dos dedos deve seguir um protocolo, pois deve respeitar uma ordem muito precisa.

A partir daí, poderemos começar a aprender a tocar peças simples para despertar o prazer de tocar. Mas até conseguir ler partituras de jazz cigano de um artista virtuoso como F. ​​Niculescu, você ainda tem chão!

A mão esquerda no violino: como posicionar os dedos?

Eu gostaria tanto de tocar violino… mas meus dedos são grandes demais!

Saiba desde agora que esta observação é uma boa desculpa, porque não é o tamanho dos dedos que faz o jogo, mas a precisão adquirida durante as aulas de violino.

Onde aprender violino?
Onde colocar os dedos no seu instrumento de cordas? | Vá lavar as mãos antes das suas aulas de violino!

No violino como na guitarra (violão, guitarra elétrica ou violão clássico), os dedos da mão esquerda são aqueles que pressionam a corda no espelho para encurtar o comprimento dela: é o comprimento que, com a tensão exercida, que determina o tom da nota.

No violino, diz-se que a base do dedo indicador é um ponto essencial de contato que garante a estabilidade da mão.

Para adquirir um bom posicionamento dos dedos da mão esquerda, é necessário conhecer de antemão as posições do violino.

É o dedilhado que determina a localização e as posições dos dedos que o violinista deve adotar para interpretar ou improvisar uma peça.

Além disso, colocar os dedos em cima da corda com firmeza permite que o aluno garanta a precisão e clareza dos sons. Isso requer que o cotovelo esquerdo esteja inclinado para a direita sob o violino.

Outra dificuldade: se a mão estiver posicionada muito baixo no espelho, você não consegue alcançar o dedo indicador (o primeiro dedo), e é quase certo que a posição das pontas dos dedos nas cordas fique incorreta.

Os dedos são numerados de 1 a 4 para os instrumentos tradicionais do quarteto de cordas (viola, violoncelo, violino) e para o contrabaixo. Como o polegar é usado para segurar o braço e não para tocar, o primeiro dedo é o dedo indicador.

O segundo dedo é o dedo do meio, o terceiro é o dedo anular, o último dedo é o dedo mindinho.

Quanto ao dedilhado, a leitura 0 nas partituras de violino corresponde a uma corda tocada solta, a 1 refere-se ao indicador, a 2 ao do meio e assim por diante.

Como mover os dedos quando você os coloca alinhados em uma corda?

Note que o indicador e o dedo do meio se desloca para a esquerda, enquanto o dedo anelar e o dedo mínimo, se movem para a esquerda (agudos).

Agora que tal conhecermos a técnica de tocar com nossos professores de aulas particulares em casa no Superprof …

Precisa de aulas de violino básico?

Quais as técnicas para tocar com a mão esquerda?

“Tentar acabar com a crise com reformas remendadas é como tocar violino sem arco.” P. Louis Richard.

Quer tocar peças no estilo de jazz cigano como as do artista franco-belga Django Reinhardt?

Aprenda primeiro as técnicas de tocar violino!

Onde aprender violino? Aprenda estimulando seu ouvido: um bom exercício! | Na loja de discos, podemos encontrar muitas músicas para decifrar.

Depois de aprender a ler as notas musicais na clave de sol e na clave de fá, saiba que existem oito maneiras de tocar o violino:

  • Pizzicato (beliscado) [produzido pela mão direita]: Os violinistas nem sempre usam o arco quando tocam. O pizzicato consiste em tocar as cordas com os dedos, dando pequenos puxões ou beliscadas. Raramente o pizzicato se estende pela melodia inteira, e quando se lê na partitura a palavra arco os executantes interrompem o pizzicato e voltam a usar o arco.
  • Vibrato (vibrado) [produzido pela mão esquerda]: Uma das importantes técnicas de instrumentos de cordas. Existem 3 tipos de vibrato: o de dedo, o de punho e o de braço. Consiste em fazer o som vibrar, formando uma flutuação mínima na afinação da nota, para cima e para baixo. O vibrato de dedo é para passagens mais rápidas. O de punho é o mais comum, e o de braço é para expressar com certa força, paixão, drama um trecho. É usado sobretudo em notas longas.
  • Corda dupla [técnica de arco]: Significa tocar, ao mesmo tempo, em duas, três cordas ou até mesmo quatro cordas, e consequentemente duas, três ou quatro notas (sob a forma de acordes), de uma só vez. É possível tocar três ou quatro cordas simultaneamente, sob a forma de acordes, porém pode-se sustentar apenas duas adjacentes.
  • Harmônico ou Flautado [produzido pela mão esquerda]: Notas suaves produzidas pelo toque muito leve com a polpa dos dedos em pontos estratégicos sobre a corda. Assemelham-se às notas da flauta e são usadas com mais frequência na música moderna.
  • Glissando (deslizando)[produzido pela mão esquerda]: O violinista escorrega o dedo sobre a corda, tocando todas as notas dentro do intervalo tocado, o que permite que todos os sons interpostos sejam ouvidos. Os glissandi aparecem quase exclusivamente nas músicas do século XX.
  • Sul ponticello (sobre o cavalete)[técnica de arco]: Indica que o violinista deve passar o arco próximo ao cavalete, o que origina um som de timbre brilhante e estridente.
  • Sul tasto (sobre o espelho) [técnica de arco]: Indica que o violinista deve tanger o arco próximo ao espelho, o que origina um timbre velado e mais suave.
  • Col legno – Termo italiano que significa Com a Madeira. Este golpe de arco consiste na rotação da vara de modo a percutir as cordas com a madeira da mesma. Frequentemente utilizado em orquestra.

A mão esquerda no violino: aprenda teoria musical e escalas

Outro passo fundamental na aprendizagem do violino é aprender as escalas e ler cada nota nas partituras.

Quando aprendemos a ler as notas de uma partitura de violino – não é tão diferente que uma partitura de piano – é possível explorar as escalas maiores, menores, harmônicas, pentatônicas ou até mesmo as tríades ciganas.

Uma escala é uma série de notas crescentes ou decrescentes que formam um acorde.

As escalas também possibilitam improvisar uma melodia.

No nível iniciante, a escala de ré maior é uma das mais fáceis de se aprender: ela começa com a corda de ré tocada solta. Então, é uma questão de tocar as seguintes notas: ré, mi, fá ♯, sol, lá (solto), si, dó ♯ e ré (com o terceiro dedo).

Descobrimos na web uma verdadeira relíquia do aprendizado de violino: um dicionário de 24 escalas para violino que data de 1890!

Certamente, aprender as escalas de cor é um aprendizado muito acadêmico e escolar. Mas saiba que uma hora ou outra você vai precisar dominar todas elas!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar