Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Os melhores métodos para aprender a tocar violão

De Fernanda, publicado dia 01/01/2019 Blog > Música > Violão > Aprenda guitarra com os materiais impressos

Você pode aprender violão de várias maneiras: por meio de aulas de violão clássico, em uma escola de música, frequentando uma instituição cultural em sua cidade, contratando um professor de violão particular em casa …

Mas também é possível aprender a guitarra sem fazer aulas e se tornar o mestre da sua própria aprendizagem graças a um método de guitarra ou violão.

Aqui estão os melhores livros de violão para os níveis iniciante e intermediário! Este artigo está aqui para ajudá-lo na sua escolha e guiá-lo em sua descoberta como um autodidata ou simplesmente como material complementar de estudos.

Por que aprender violão com um livro?

Aprenda a tocar violão sozinho! Como aprender sozinho a guitarra? | Se inspirar nos grandes músicos também pode ajudá-lo a progredir na guitarra!

Começar a estudar guitarra é um compromisso de longo prazo. A maioria dos músicos se forma em no mínimo 7 anos, mas na realidade, a formação real pode durar uma vida inteira.

Há sempre um novo riff para aprender, um novo ritmo ou outra maneira de tocar a escala pentatônica.

Nem todo mundo pode pagar por um professor de violão em casa. Apesar de trazer bons resultados, é caro, e você precisa de vários cursos para progredir rapidamente.

Nem todos os estudantes podem assistir a aulas em uma escola de música. Os horários são rígidos, especialmente quando você tem um emprego, e os valores também podem ser altos. Além disso, o acompanhamento não é necessariamente personalizado como em um curso de violão particular.

Pois bem, a formação como autodidata tem suas vantagens:

  • Economize dinheiro: você pode comprar os métodos a um preço acessível em sebos ou na seção de usados de algumas livrarias especializadas
  • Evolua no seu próprio ritmo: sem restrição de tempo. Se você quer estudar à noite, você pode!
  • Escolha a sua pedagogia de aprendizagem: quando você está com um professor, é ele quem decide o que e como você aprende,
  • Aprenda a teoria musical no seu próprio ritmo: e se você quiser se contentar com as tablaturas de guitarra, também é possível!
  • Desenvolva noções de ritmo: não há ninguém para corrigi-lo – você terá que aprender a identificar notas falsas e erros,
  • Toque o estilo de música que você quiser: às vezes o professor tem a tendência de lhe apresentar as suas preferências musicais… Sozinho em sua casa, você pode decidir tocar rock, bossa nova, folk ou funk!

A vantagem dos livros é que o método é geralmente reconhecido, ao contrário das aulas de guitarra on-line gratuitas que podem oferecer conteúdo de má qualidade.

Em breve os acordes de guitarra ou violão do Clapton, do Hendrix ou do Chico Buarque não vão ser mais um mistério para você!

Aprender com um livro: guitarra e violão para leigos

Se há uma coleção para comprar se você está começando do zero é a obra escrita pelos autores Jon Chappell e Mark Phillips.

Os dois principais volumes são: Guitarra para Leigos e Violão para Leigos.

Como todos os livros da série, eles são muito bem diagramados e completos. Você pode ficar até assustado com as cerca de 400 páginas! Mas se seguir os capítulos passo a passo, você verá que não há nada a temer!

A pedagogia é simples e completa. O vocabulário é acessível e os autores até acrescentam um pouco de humor. Alguns usuários do método fizeram críticas, no entanto, pela má tradução de algumas palavras e expressões do inglês.

Mas os livros dão uma boa base e são práticos e eficazes, seguindo um método passo a passo divertido, com ilustrações e fotos.

Confira o que cada volume tem a oferecer:

Guitarra para Leigos

Aprenda a:

  • Tocar melodia sem ler música
  • Anatomia de uma guitarra
  • Afinar sua guitarra
  • Ler tabelas de ritmo e tablaturas
  • Executar acordes básicos e muito mais

Abra este livro e descubra como:

  • Selecionar a guitarra e os acessórios corretos
  • Desenvolver a correta posição da mão e postura
  • Dedilhar acordes básicos e melodias simples
  • Afinar, trocar cordas e fazer ajustes simples
  • Ampliar seus conhecimentos com técnicas avançadas

Violão para Leigos

  • Conheça seu violão – familiarize-se com o feitio e as partes características do instrumento
  • Comece a tocar – toque melodias em cordas individuais, passe para arpejos e deixe seus dedos em forma com escalas
  • Aperfeiçoe sua técnica – faça pestanas; toque legatos e trinados; lide com harmônicos; domine o tremolo com a mão direita; e se aventure a subir pelo braço do violão para tocar nas posições mais altas
  • Construa seu repertório clássico – do Renascimento e do Barroco ao Clássico, Romântico e Moderno. Toque composições das maiores eras da música clássica
  • Praticar é preciso – melhore seu desempenho com a orientação de especialistas ao longo de cada exercício e composição do livro

Aprenda a:

  • Escolher o violão correto para você
  • Desenvolver a posição de mãos e postura corretas
  • Afinar seu violão
  • Tocar, acompanhando exercícios e peças musicais do CD de áudio

O CD bônus inclui mais de 140 performances gravadas das composições e exercícios presentes no livro. Composições tocadas utilizando compasso marcado, para você tocar no ritmo da música.

Graças a este método, você poderá aprender acordes básicos em 2 horas de estudos.

Como sempre, há alguns pontos negativos:

  • Dá boas bases, mas é melhor complementá-lo com um livro mais técnico da série, como Exercícios de Guitarra para Leigos;
  • A obra é de difícil acesso para crianças e às vezes para iniciantes reais (melhor escolher um método específico para crianças);
  • As tablaturas não estão completas o suficiente;
  • Não há encadernação em espiral, então o livro não fica aberto durante os exercícios.

Torne-se um bom violonista: livros de Henrique Pinto

Onde aprender violão sozinho? Para estudar o violão sozinho, é preciso de muita dedicação e foco. Os métodos orientam, mas o aluno é o seu próprio mestre!

Segundo o site Violão Brasileiro, um dos mais importantes didatas do violão do século 20 em todo o mundo, Henrique Pinto formou várias gerações de violonistas e escreveu uma série de livros didáticos para iniciantes.

Foi um dos poucos violonistas brasileiros a ter experiência com o que havia de mais moderno em termos de didática na Europa (com o curso da Espanha) e nas Américas (com as aulas com Abel Carlevaro), e logo passou a ser o mais requisitado professor de violão da capital paulista, conseguindo mais de 80 alunos. Além das aulas em si, Henrique dizia que algo importante referia-se ao estímulo de um trabalho pessoal com os alunos.

É praticamente impossível citar todos os grandes violonistas que foram seus alunos desde a década de 1960, pois a quantidade é imensa, desde Edelton Gloeden (professor da USP) até o Brazil Guitar Duo, passando por Fernando Lima, Fábio Zanon, Giácomo Bartoloni, Clemer Andreotti, Paulo Martelli e inúmeros outros.Seus livros foram editados pela Ricordi Brasileira e continuam a ser adotados por escolas e conservatórios de todo o Brasil.

Entre os principais estão os dois cadernos de Iniciação Violonística, o Ciranda das Seis Cordas (para iniciação infantil ao violão, que chegou a ser adotado na Itália e outros países europeus), o Técnica da Mão Direita (com forte influência Carlevariana) e o Curso Progressivo de Violão, além de várias transcrições e arranjos de compositores.Seu último lançamento foi em 2006, Violão, Um Olhar Pedagógico, que é o resumo de sua estética violonística. Este trabalho tem desde informações sobre técnica e interpretação até história do violão.

Aqui, indicamos sobretudo:

  • Iniciação ao Violão (Princípios Básicos e Elementares): um ótimo método, indicado para iniciantes. Excelente para aprender conceitos básicos, que ajudam o estudante a tocar melhor, e ter uma postura confortável com o violão. Apresenta exercícios gradativos, através de peças que a cada página aumenta o nível de dificuldade.
  • Técnica da Mão Direita – Arpejos: esta coletânea de arpejos, idealizada pelo autor, tem a intenção de obter um maior resultado para a mão direita.

Aprenda violão sozinho: a obra de Chediak para amantes da mpb

Segundo o álbum Itaú Cultural:

Se você já se aventurou a aprender um pouco de violão popular, provavelmente ouviu falar de Almir Chediak. Músico, produtor, professor, violonista, Chediak produziu um trabalho inédito no Brasil ao lançar a sua série de songbooks no final dos anos 1980. Também teve participação definitiva na carreira de diversos músicos de peso da nossa música ao produzir suas obras e fomentar o mercado brasileiro.

A série de songbooks foi uma produção inédita no Brasil: além das transcrições, os livros trazem biografia dos artistas, fruto de uma pesquisa minuciosa, com fotos raras e uma longa entrevista. Chediak contou com uma equipe editorial e músicos que aprenderam e dissecaram as canções dos escolhidos.

Como aprender violão sozinho? Tom Jobim, Gilberto Gil, Chico Buarque, Caetano Veloso, Noel Rosa, Ary Barroso, Djavan, Dorival Caymmi, Edu Lobo, Vinicius de Moraes, Ivan Lins…. Um tesouro para alunos de violão!

O seu Dicionário de Acordes Cifrados é o mais completo dicionário de acordes para violão existente no mercado nacional. Elaborado com extrema competência, esclarece ao estudante de música assuntos muito importantes sobre a harmonia popular, desde substituição de acordes até análises harmônicas de mais de 40 canções do que há de melhor no repertório brasileiro. O próprio Chediak já afirma em sua apresentação: o presente livro é, também, uma tentativa de racionalizar e uniformizar o sistema de cifragem.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar