"Gastronomia é a arte de usar comida para criar felicidade."- Theodore Zeldin

O Brasil é o país que abriga a maior comunidade japonesa fora do Japão: são mais de 2 milhões de japoneses e descendentes. Não é à toa que a culinária oriental passou a ser uma das mais apreciadas pelos brasileiros. De todos os pratos japoneses tradicionais, sushi e sashimi são os mais conhecidos.

A comida japonesa é especialmente conhecida por seus benefícios à saúde. Vinagre de arroz, algas, gergelim, arroz, salmão cru, gengibre, leite de coco, macarrão, atum vermelho, espetinhos, crustáceos... A maioria dos alimentos traz muitos benefícios. Mas caso você não tenha condições de ir todos os dias ao restaurante japonês, como você pode trazer a culinária japonesa para o seu prato?

Aqui estão algumas respostas!

O que é sashimi no Japão?

O sashimi não é uma receita muito complicada e faz parte dos pratos tradicionais japoneses. Foi inventado por um ex-imperador japonês no século VIII. Mas qualquer que seja sua origem, o sashimi agora é amplamente difundido e apreciado por japoneses e turistas do mundo todo que visitam o arquipélago nipônico.

O sashimi também é frequentemente vendido em restaurantes japoneses no Brasil. Às vezes são servidos ao lado de sushis e makis.

Os sashimis são preparados com fatias de peixe cru com cerca de um centímetro de espessura. São, portanto, fatias grandes.

Como fazer cozinha japonesa?
Você sabe qual é a diferença entre um sashimi e um sushi? O sashimi pode ser feito com uma grande variedade de peixes.

Atenção! O sashimi não deve ser confundido com o sushi, cuja base é uma preparação de arroz com vinagre. O sashimi consiste apenas em peixe e pode ser servido com uma folha de shiso e rabanete daikon.

A preparação do sashimi tem uma base muito estética e faz parte da arte culinária japonesa. Desde a compra dos ingredientes até o servir o prato na mesa, todo o desenvolvimento do sashimi é um processo quase artístico. A receita usa vários métodos de corte, dependendo do peixe escolhido.

Aqui está uma lista dos peixes mais usados ​​para fazer sashimi:

  • Anchova
  • Badejo
  • Camarão
  • Cavala
  • Cavalinha
  • Salmão
  • Faqueco
  • Garoupa
  • Lula
  • Atum
  • Namorado
  • Olhete
  • Olho de boi
  • Pargo
  • Pitu
  • Polvo
  • Prejereba
  • Robalo
  • Sardinha
  • Serra
  • Linguado
  • Zerelete
  • Marlin
  • Meca
  • Carapeba
  • E outros frutos do mar.

No passado, as baleias também eram usadas. Mas hoje a caça deste animal é condenada e muito menos comum.

O sashimi também pode ser feito com peixe fugu (no Brasil baiacu). Mas cuidado, se estiver mal cozido, pode se tornar tóxico para os seres humanos. Apenas alguns cozinheiros japoneses sabem como cozinhar.

Enfim, todos os peixes podem se transformar num delicioso sashimi: no final, é tudo uma questão de gosto.

Procurando por aulas de japonês?

Maurício
Maurício
Profe de Japonês
5.00 5.00 (24) R$60/h
1a aula grátis!
Massumi
Massumi
Profe de Japonês
5.00 5.00 (83) R$50/h
1a aula grátis!
Henry
Henry
Profe de Japonês
5.00 5.00 (9) R$35/h
1a aula grátis!
Tamires yasmin
Tamires yasmin
Profe de Japonês
5.00 5.00 (24) R$70/h
1a aula grátis!
Maru
Maru
Profe de Japonês
5.00 5.00 (16) R$80/h
1a aula grátis!
Tatsuro
Tatsuro
Profe de Japonês
5.00 5.00 (6) R$70/h
1a aula grátis!
Kengi
Kengi
Profe de Japonês
5.00 5.00 (16) R$70/h
1a aula grátis!
Guilherme
Guilherme
Profe de Japonês
5.00 5.00 (4) R$80/h
1a aula grátis!

Quais ingredientes comprar para preparar o sashimi japonês?

A receita do sashimi é simples. O segredo para o sucesso de um bom sashimi está mais na compra de um bom peixe (e sobretudo um peixe fresco!). Mais do que de fato ter algum talento culinário.

A compra do peixe é, portanto, essencial.

No Japão, o sashimi não é uma refeição tão comum assim. Para os japoneses, o peixe fresco é caro. Em qualquer caso, mais caro do que no Brasil. No Brasil é relativamente fácil encontrar peixe fresco em feiras e mercados grandes.

O ideal é evitar comprar peixe a vácuo nos supermercados. Eles sempre serão menos frescos do que o peixe que você encontra na feira livre.

Se você não entende de peixes, não hesite em pedir conselhos ao vendedor. Essa é a vantagem das feiras: os feirantes também estão lá para ajudá-lo a escolher e dar algumas dicas de preparação.

Como fazer sashimi?
Você prefere linguado, atum ou salmão?

Para ter a garantia de servir um peixe fresco, é fundamental comprar o ingrediente no mesmo dia da refeição. Se você comprar seu peixe no dia anterior, ele não estará muito fresco e o sucesso do seu sashimi só depende dele.

Pergunte ao feirante quais são os peixes que podem ser consumidos crus. Para verificar o quão fresco está o peixe, verifique se os olhos dele não estão opacos. Os olhos ainda devem estar brilhantes e isso garante que o produto esteja bom para o sashimi.

O salmão é um dos peixes mais consumidos para o sashimi, pois é muito pescado e muito bem preservado. O pargo também é uma excelente escolha. Apesar de um pouco menos conhecido que o salmão, é no entanto perfeitamente adequado a esse tipo de receita.

O melhor é escolher peixes que não são muito grandes. Dessa forma, você evita a desperdício, pois é muito complicado manter o sashimi fresco por vários dias. Também prefira peixe vendido em postas, ou seja, sem espinhos. Se necessário, peça ao vendedor de peixe para prepará-lo para você.

Para uma refeição para quatro pessoas, você pode pedir metade de um filé de salmão (por exemplo) e um pargo ou outro peixe pequeno. Isso deve ser suficiente se você considerar o seu sashimi como uma entrada.

Mantenha sua faca sempre bem afiada para tirar o melhor proveito de suas fatias sem rasgar o peixe. Uma pinça também pode ajudar a remover os últimos espinhos, se sobrar algum.

Por fim, um pouco de wasabi e molho de soja pode deixar a receita ainda mais saborosa.

Por que não descobrir o universo culinário na aula de japonês?

Preparando o peixe para o sashimi

Depois de comprar o peixe, não espere muito tempo para prepará-lo. Este último pode permanecer algumas horas na geladeira, dependendo de quão fresco estava no mercado, e não deixe passar disso. Portanto, é muito importante reduzir o tempo entre o momento da compra e a realização do sashimi.

Para fazer um sashimi, coloque o filé de peixe à sua frente. Lembre-se de cobrir sua mesa com uma tábua de qualidade. O peixe deve ficar na horizontal na sua frente para que o corte das fatias aconteça de maneira perpendicular à carne do peixe. Use as pinças para remover os últimos espinhos, se você os vir.

Em seguida, pegue uma faca muito afiada e coloque a ponta da faca no lado oposto a você. Enfie a faca na carne e deslize lentamente a lâmina da faca em sua direção, empurrando-a para dentro do peixe.

Como preparar um prato japonês?
Como cozinhar um sashimi? A arte do sashimi está no corte.

A arte do sashimi está em cortar as fatias de peixe de uma só vez. Não serre o peixe, mas o fatie. Uma única facada deve ser suficiente para fazer a primeira fatia. Se você não conseguir realizar isso, afie bem sua faca para que ela seja o mais eficaz possível.

A regra geral é que se deve cortar o peixe branco em fatias menores do que os peixes vermelhos. Assim, as fatias de salmão serão mais grossas que as fatias de linguado. O salmão, por ser mais gordo, é menos consistente que outros peixes mais magros.

Tente fazer todas as fatias o mais rápido possível, para não superaquecer o peixe ao manipulá-lo.

Depois que as fatias estiverem prontas, coloque o conjunto na geladeira até servir.

Descubra toda a cultura do Japão nas aulas de japonês.

Culinária japonesa: a apresentação do sashimi

Os japoneses costumam comer sashimi de entrada. Para fazer uma boa apresentação, arrume-os em um prato e sirva acompanhado de diferentes tigelas de tempero.

Você pode, por exemplo, adicionar wasabi, mostarda, pimenta, sementes de gergelim, um delicioso vinagrete, mas também folhas de gengibre ou shiso. Pegue, como exemplo, as caixas de sushi e maki que são vendidas em lojas ou comida para viagem.

O molho de soja também é essencial nesse tipo de refeição. Prepare uma tigela pequena de molho doce e outra tigela de molho salgado. Seus convidados poderão escolher o tempero que preferirem.

Se você quiser preparar o sashimi como prato principal, experimente servi-lo com uma tigela de arroz basmati, uma salada ou uma sopa japonesa. Você também pode associar outros pratos tradicionais do Japão, como tempurá ou outros.

Coma com os pauzinhos japoneses!
Como preparar comida típica japonesa? E você, sabe como comer com os famosos hashis?

Não se esqueça dos hashis para degustar seu sashimi da maneira mais tradicional possível!

Você conhece o natto japonês?

Como aprimorar a preparação do sashimi?

Como explicado anteriormente, a realização do sashimi pode ser comparada a uma verdadeira arte japonesa. Fazer isso sozinho é muito fácil, mas os fãs da gastronomia japonesa podem querer descobrir ainda mais e aprender todas as pequenas dicas e truques para se tornarem um mestre na área.

Para fazer isso, é bem possível fazer aulas de culinária japonesa. No Brasil, muitos cursos estão disponíveis e permitem que os amantes dessa arte se aperfeiçoem ainda mais e produzam lindas lascas de peixe.

Na maioria das vezes, os cursos não se concentram apenas no sashimi, mas em todos os sushi, maki, sashimi, etc. A oportunidade perfeita para explorar o enorme universo culinário japonês do peixe cru, combinando muitos outros ingredientes (pepino, coentro, cebolinha, cebola, salmão defumado, abacate, espinafre, cenoura, etc).

Aulas de culinária japonesa também podem ser uma opção muito boa. O Superprof reúne muitos professores prontos para ensinar arte culinária japonesa em todo o seu esplendor.

E, claro, se você quiser fazer uma viagem ao Japão para apreender a cozinha in loco, só nos resta incentivá-lo! Comece já!

Precisando de um professor de Japonês ?

Você curtiu esse artigo?

0,00/5, 0 votes
Loading...

Fernanda

Apaixonada por educação, música e cinema, é especialista nos encontros e desencontros das línguas.