Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

A importância do Português

De Joseane, publicado dia 04/10/2018 Blog > Apoio Escolar > Português > Língua portuguesa na formação das ciências exatas

O Português é a língua oficial no Brasil, a língua materna de mais de 200 milhões de falantes espalhados pelo mundo e língua nativa ou oficial de mais 8 países espalhados por diferentes continentes, totalizando aproximadamente 273 milhões de falantes, o que a coloca na posição de quinta língua mais falada do mundo.

Para nós falantes do português, essa língua é de extrema importância em nosso cotidiano e no nosso convívio em sociedade. Necessitamos do português como forma de pertencimento a sociedade na qual estamos inseridos. O português está presente na nossa vida pessoal, social e profissional, ou seja, é parte do nosso dia a dia.

O objetivo primeiro de uma língua é facilitar a comunicação entre os povos. Necessitamos da estrutura da língua para exprimir ideias, nos posicionar e interagir com os demais indivíduos da nossa sociedade. Nesse caso, dominar a língua e todos os seus códigos linguístico nos aproxima dos nossos iguais.

Dominar o português também nos aproxima dos nossos objetivos acadêmicos e profissionais. É importante conhecer, compreender e dominar a estrutura da língua pois necessitaremos desse conhecimento durante toda a nossa trajetória de vida. Na escola, na faculdade e na vida profissional não basta saber falar português, é preciso falar “corretamente”, respeitando a estrutura gramatical e os códigos linguísticos.

Por essa razão, aprendemos o português desde os nossos primeiros anos na escola. Primeiramente com a professora do primário que nos dá as primeiras bases da estrutura da língua, corrigindo os vícios e falhas de linguagem típicos das crianças, e futuramente com os professores do ensino fundamental que introduzem as primeiras regras gramaticais que nos serão úteis durante toda a vida acadêmica.

Não temos para onde fugir. Desde pequenos temos essa urgência em aprender a nossa língua materna, primeiramente para nos comunicar e depois para nos posicionar como seres sociais na escola, na faculdade e na vida profissional.

Falar português é importante em todos os âmbitos da vida. Falar o português gramaticalmente correto é sobretudo importante na vida acadêmica e profissional.

Continue lendo para saber como o ensino do Português língua materna se estabelece ao longo dos anos escolares e qual a sua importância para as formações universitárias da área de exatas.

O português no ensino fundamental

O ensino do português na escola começa ainda no jardim das infância quando aprendemos o alfabeto e as primeiras lições sobre a estrutura da língua…vogais, consoantes, etc.

aprender português no primário O português está presente desde os primeiros anos escolares

Ainda no ensino fundamental as crianças começam a se habituar com as estrutura da língua, aprender a reconhecer as letras e, em seguida aprendem a ler e a escrever a língua portuguesa.

Não é o papel da escola ensinar a criança a falar. Ao entrar na escola a criança normalmente já passou por essa etapa. No entanto, a escola fornece os códigos e informações necessárias para que a criança alinhe a sua fala e se expresse com clareza. As atividades em grupo incluindo discussões e debates, leitura de um texto criado pelo próprio estudante são exemplos de tarefas que exercitam a oralidade em português.

O ensino de portugues no ensino fundamental explora a também a leitura, incentivando a criança a reconhecer o código linguístico, compreender o que está escrito e ter dar a sua opinião sobre o assunto. Nessa fase, o professor ensina algumas das convenções ortográficas da gramática do português, o que possibilita ao aluno de ler e escrever em autonomia.

O ensino da ortografia se dá através do ditado. O professor fala as palavras acentuando bem a pronúncia para que o aluno a escreva fazendo atenção a ortografia. Nesse estágio acontece, ainda, o ensino da pontuação que acontece pouco a pouco mas em concomitância com o ensino da ortografia.

É importante que o aluno deixe o ensino médio sabendo todas as bases gramaticais da língua portuguesa.

O português no ensino  médio

O ensino de língua portuguesa no ensino médio , segundo os PCN – Parâmetros Curriculares Nacionais –  visa desenvolver as habilidades de uso, comunicação em diferentes contextos sociais, interpretação e compreensão. No ensino médio o aluno já deve saber tomar posse da língua, se exprimir de forma clara e condizente com o contexto no qual está inserido.

habilidades e competencias de portugues no ensino medio No ensino médio o aluno já deve ser capaz de se apropriar totalmente da língua nos diferentes contextos de comunicação

No ensino médio o estudo da gramática do português se torna ainda mais significativo já que é a fase de preparação para o vestibular. Dependendo da área que o aluno queira seguir, a prova de português terá mais ou menos peso. Em todo caso, a nota de português conta bastante para o resultado final tanto no vestibular quanto no ENEM.

É importante lembrar que a produção literária e a redação é um dos maiores “monstros” do vestibular, senão o maior. A nota de redação costuma ser decisiva na hora de ocupar uma das vagas nos cursos mais concorridos do país. Para produzir uma boa redação é necessário dominar todo o conteúdo de português desde as bases do primário, por essa razão é importante que o aluno tenha aprendido a língua portuguesa de forma eficaz.

O ensino de gramática no ensino médio inclui a continuação do aprendizado das classes gramaticais, ortografia e acentuação, significação, classificação e uso das palavras, morfologia, sintaxe, regência e crase, figuras de linguagem e funções da linguagem…um programa denso mas que retoma certas bases já aprendidas nas séries do ensino fundamental e que serão importantes no vestibular , na produção textual e, consequentemente, na  faculdade independente da área que o aluno vai seguir.

O português no vestibular da área de exatas

Dentre os alunos que fizeram a escolha por prestar o vestibular na área das ciências exatas (matemática, física, química, engenharias, entre outras), alguns não dão o devido valor ao aprendizado de português e redação durante o ensino médio. Grande erro já que o aprendizado de língua portuguesa se trata de um conhecimento chave tanto na hora do vestibular quanto na faculdade, para a produção dos trabalhos e produção de textos, incluindo os trabalhos de conclusão de curso.

O português na universidade O português é matéria chave em qualquer curso universitário

Não importa a área a qual o aluno deseja seguir, ciências humanas ou exatas,  aprender portugues , as regras gramaticais, a estrutura e aplicação da língua nos diferentes contextos de comunicação é obrigatório. No vestibular, mesmo para a área das ciências exatas, o português possui um peso relativamente importante, embora seja uma matéria de humanas. Isso por quê se trata da nossa língua materna, a língua que servirá como referência primeira de comunicação não somente durante a faculdade mas, obviamente, na vida profissional que se segue.

Seja no vestibular ou no ENEM, ou em qualquer outro processo de acesso a universidade, certamente o aluno candidato terá que escrever. A produção escrita faz parte da vida acadêmica. Posso dizer sem medo que 60 por cento da faculdade gira em torno da produção escrita em língua portuguesa. Por essa razão o português ocupa grande parte da carga horária escolar desde o ensino fundamental de base.

É urgente saber escrever bem o português. É ainda mais urgente saber interpretar e compreender bem a produção escrita em português. E tudo isso só é possível através do aprendizado de gramática.

Quer saber sobre a importância do português na formação das ciências humanas? Clique aqui.

O português na faculdade e na vida

Depois do vestibular, a faculdade é o momento que o aluno mais se arrepende de não ter se dedicado mais as aulas de português. Na faculdade não se há tempo para explicação de regras de gramática, já que se espera que o aluno que aqui chegou não somente conhece mas, também, sabe utilizar toda a estruturação da língua materna.

ensino de português nas universidades Quando você escreve um texto na facul e o professor sai riscando tudo…

Não é incomum que alunos universitários busquem aula particular de português. Infelizmente a vida universitária se torna impossível para aqueles que não escrevem bem, falam bem e se expressam bem nos diferentes contextos de fala. A faculdade exige que os alunos façam jus a sua presença nesse espaço dedicado a poucos. A academia não tolera os “erros”, é preciso conhecer. Você pode ser muito bom com os números e com os conceitos de física e química, mas é essencial saber explicar, oralizar o conhecimento e isso só é possível se você souber utilizar a língua portuguesa gramaticalmente falando.

A boa notícia é que nunca é tarde para aprender português. Graças aos professores particulares, um aluno pode voltar no tempo e aprender o conteúdo de português relativo a qualquer série. Porém, o ideal é sempre prevenir e não deixar para a última hora. Até por uma questão de tempo, é certamente melhor ter aulas particulares de português durante o ensino fundamental e médio, para que se chegue na faculdade já preparado!

E a obrigação pelo “falar bem português” não para na universidade não. É fundamental mandar bem no português em todos os âmbitos da vida…inclusive na vida profissional. Os entrevistadores não perdoam, em tempos de grande concorrência, um verbo mal conjugado pode significar a eliminação durante um processo de recrutamento.

Quer dar um “up” no seu português? Conte com um professor particular…

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (média de4,00 sob 5 de 1 votos)
Loading...

Deixe um comentário

avatar