"O violão é uma pequena orquestra. É polifônico. Cada corda tem uma cor diferente, uma voz diferente." André Segovia

Sabe-se que o violão é um dos instrumentos mais populares no Brasil. Personagem principal da MPB, do rock e do pop, esse instrumento de cordas é venerado por muitos estudantes que desejam fazer da música sua profissão.

Mas quando você toca violão profissionalmente, nem sempre é fácil conseguir evoluir na sua carreira. A profissão de músico não é um trabalho como outro qualquer. Portanto, cada guitarrista vai evoluir de maneira diferente, dependendo do caminho profissional que ele escolheu: artista solo, professor de música, músico trabalhando em uma comunidade, violonista em uma orquestra nacional ...

Descubra as possíveis progressões de carreira se quiser fazer da sua paixão uma maneira de ganhar a vida.

Violonista profissional: evolução de carreira nos grupos artísticos públicos

Faça uma aula de guitarra iniciante!

Por que virar musico?
Como um guitarrista profissional evolui? Tornar-se músico é uma profissão única!

Não é tão fácil conseguir integrar um Grupo Artístico, como uma orquestra nacional. Existem muitas orquestras municipais, estaduais e nacionais, e em todas é exigido um nível alto de conhecimento teórico e prático. Para ter a honra de tocar em uma orquestra, é preciso seguir longos estudos musicais dentro de escolas nacionais ou conservatórios de renome.

Essas instituições são frequentemente consideradas como a formação musical por excelência na música clássica. Em algumas é possível ingressar já a partir de seis anos de idade, em outras na adolescência. Os cursos de formação podem durar anos e é possível escolher um caminho profissional.

Mas, mesmo seguindo o caminho glorioso do conservatório, você vai ter que redobrar seus esforços, ter um talento incrível, fazer relacionamentos e ter um pouco de sorte para tocar na orquestra nacional ou na filarmônica.

Você provavelmente começará como tuttista, ou seja, tocará em uníssono com os outros instrumentistas. Por fim, a única progressão de carreira que você pode ter é se tornar um solista. Você terá a chance de tocar sozinho violão.

Seu salário também vai mudar de acordo com seu tempo no grupo.

Desenvolvimento de carreira como professor de música

Você pode optar por se tornar um professor de música e dar aula de violao. Muitos músicos atribuem maior importância à transmissão de seus conhecimentos e ao compartilhamento com jovens estudantes.

Na Educação Pública

O ensino de música é obrigatório por lei na Educação Básica. A mais recente legislação sobre o tema, que inclui a disciplina no currículo obrigatório, é de maio de 2016, assinada pela então presidenta Dilma Rousseff.

Apesar disso, as escolas de ensino médio que ficam sob a responsabilidade dos estados já não estão mais obrigadas a oferecer o ensino de artes. A flexibilização ocorreu após a aprovação da medida provisória nº 746, de 2016, que tornou o ensino de artes compulsório apenas na educação infantil e no ensino fundamental.

Para ensinar no sistema público de ensino e se tornar professor de música no ensino fundamental e médio, é obrigatório ser graduado e licenciado. Você aprenderá, portanto, pedagogia, além de teoria musical.

Seja em escolas de ensino fundamental ou ensino médio, saiba que você não vai tocar seu violão o quanto você gostaria. Nos primeiros anos da educação básica, o programa de música baseia-se mais na prática vocal, na prática auditiva e no ensino da cultura musical do que na prática instrumental. Ah, e nem pense em ensinar aos alunos o básico da teoria musical ou ler partituras!

As possíveis progressões na carreira dizem respeito principalmente a mudanças de estabelecimentos e remuneração, que aumentam com seu tempo de atuação e seu nível de estudos (mestrado, doutorado, pós/MBA).

Onde dar aulas de violão?
Como ganhar um bom salário sendo músico profissional? Qual a verdadeira satisfação de transmitir seus conhecimentos musicais para os pequenos?

Na escola de música

Procurando por uma aula de guitarra para iniciantes?

A progressão de carreira em uma escola de música depende muito da escola escolhida. Você começará a dar aula de violao para iniciantes, depois para estudantes intermediários e, finalmente, alunos avançados.

Se você leciona em uma associação, seu salário vai aumentar menos do que se você ingressar em uma escola de música reconhecida para formar futuras estrelas do rock, jazz ou blues!

Como professor particular

O mesmo se aplica se você é um guitarrista dando aula de violao em casa. Você começará com poucos alunos no nível iniciante para desenvolver gradualmente sua clientela. Sua agenda vai ficar aos poucos mais cheia e você poderá dar aulas de guitarra para alunos intermediários e avançados à medida que ganha experiência.

Quanto mais você for solicitado, mais vai poder subir seus valores. Mas cuidado: não é fácil dar aula de vilao como professor particular. É necessário se posicionar no mercado e a concorrência é severa! Você pode começar preenchendo seu perfil no Superprof para ter uma boa visibilidade e desenvolver seu catálogo de alunos graças ao boca a boca.

Como se desenvolver profissionalmente em um grupo como guitarrista?

Durante a sua formação como músico, você pode querer criar um grupo de rock, música popular brasileira, jazz, música moderna, folk ou blues. É uma ótima maneira de ganhar experiência e uma oportunidade de criar grandes possibilidades para sua vida futura como músico.

Mas ser guitarrista de uma banda dá trabalho. Você tem que ser um músico profissional, compositor, às vezes cantor, mas também um verdadeiro empreendedor. Para encontrar contratos e remuneração para o seu grupo, você terá que ter um lado comercial e saber como construir relações profissionais.

Como tocar violão?
Como crescer profissionalmente sendo guitarrista? Não hesite em dar uma apresentação ao vivo na rua para experimentar!

Cuide da sua imagem

Descubra como aprender a tocar violao!

Em geral um grupo é composto por vários músicos: baterista, baixista, guitarrista e às vezes pianista, contrabaixista, violinista, trompetista, flautista ou até mesmo acordeonista, dependendo do estilo de música que você deseja tocar.

O primeiro ponto a ser trabalhado é a imagem da marca da sua banda de música. Seu grupo deve se tornar uma marca. Isso passa por vários elementos:

  • A escolha do nome,
  • Seu universo musical,
  • Sua identidade visual: logotipo, fotos dos membros (baterista, baixista, cantor ...),
  • Os títulos do seu álbum e aqueles que você vai fazer ao vivo,
  • A mensagem que você deseja transmitir,
  • Os métodos que você vai usar para promover sua música ...

Se a música é sua primeira fonte de renda, você deve imperativamente pensar em tudo ao seu redor, se quiser crescer profissionalmente nesse ambiente!

Escolha os canais de comunicação certos de acordo com o seu objetivo. Talvez você possa criar um canal do YouTube, página do Facebook, conta do Instagram ou até uma conta do SoundCloud para promover seu grupo.

Continue praticando!

Lembre-se de que o violão vai continuar sendo o elemento mais importante do seu trabalho e do seu desenvolvimento profissional. Não se acomode e continue trabalhando duro e estudando novas técnicas para continuar seu progresso.

Se você não tem um bom domínio das redes sociais, mas seu baterista é craque nisso, delegue essa tarefa para ele. Em um grupo, cada pessoa tem suas habilidades fora do seu instrumento musical. Você pode ser o melhor tocando violão e fechando apresentações, por exemplo!

Estabeleça metas

Reserve regularmente um tempo para discutir seus objetivos a curto e longo prazo com o baterista e o baixista.

Confira alguns exemplos de objetivos:

  • Ensaios: fazer X ensaios por mês,
  • Criação de música: crie X músicas até tal data,
  • Financeiro: ganhe X reais por mês com seu grupo, ganhe dinheiro suficiente para gravar nosso primeiro álbum de estúdio,
  • Social: ganhe X seguidores em nossas redes sociais, conheça X pessoas que podem nos ajudar a progredir,
  • Promocional: grave um vídeo promocional, envie nossos modelos de álbum para gravadoras X,
  • Datas: fazer X shows ao vivo este ano ...
Seja um musico profissional!
Qual é a evolução na carreira de um guitarrista? A educação artística também envolve experiência no palco e improvisação.

Avalie seu sucesso

Saber como medir o progresso do seu projeto musical é essencial antes mesmo de você estabelecer metas. Você precisa se entender com seu baterista e baixista e identificar seus sucessos e fracassos.

Você participou de X concertos de rock ou de jazz ao vivo, tem X músicas prontas para o álbum, gravou X títulos no estúdio, tem o roteiro do vídeo e precisa encontrar alguém para fazer isso. ..

Avaliando seus sucessos regularmente, você vai se sentir mais motivado e vai saber para onde está indo.

Faça uma carreira solo

Para evoluir como um verdadeiro guitar hero, por que não começar uma carreira solo em paralelo? Isso não significa que você vai abandonar seu baterista e outros músicos, mas que vai gravar um álbum em paralelo, com seu estilo pessoal, além de atingir outro público e contratar outras pessoas para apresentações.

Talvez você possa tocar ao vivo em um programa de televisão, participar de festivais alternativos ou acompanhar um artista de renome da cena brasileira em turnê! É um complemento à sua carreira em grupo e pode ser ainda uma experiência enriquecedora para ambos! Já pensou?

Depois de ler todas as nossas dicas, você já entendeu: a evolução de sua carreira tocando guitarra depende muito das oportunidades disponíveis para você!

Precisando de um professor de Violão ?

Você curtiu esse artigo?

5,00/5, 1 votes
Loading...

Fernanda

Apaixonada por educação, música e cinema, é especialista nos encontros e desencontros das línguas.