Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Planeje suas aulas particulares!

De Erico, publicado dia 26/08/2019 Blog > Aulas particulares > Reforço escolar > Como dar aula de reforço escolar?

O reforço escolar é uma das práticas que vem se tornando bem comum no Brasil, tanto para quem prefere fazer disso uma principal fonte de renda, quanto para quem precisa de uma graninha extra no fim do mês.

A procura por mentoria escolar ocorre muito por parte dos pais que buscam por esse tipo de serviço para os filhos que, geralmente, estão matriculados no ensino fundamental ou médio. Obviamente que essa busca por reforço tem como objetivo uma melhora desse estudante na escola, evitando o risco de reprovação.

Além disso, uma aula particular vai ajudar o aluno a se preparar melhor para enfrentar um vestibular ou se dar bem na prova do Enem e, assim, conseguir ingressar em uma boa faculdade.

Trabalhar com reforço escolar é, sem dúvida, uma opção bem interessante, mesmo porque, muitas pessoas que planejam entrar nesse mundo das aulas particulares podem lecionar tanto na própria casa ou também indo até o aluno.

Há também profissionais que contam com um lugar próprio para atender seus clientes, bem como aqueles que oferecem a opção de um reforço escolar online. Considerando que muitas matérias se enquadram em qualquer uma das opções mencionadas, é importante destacar que dezenas de pessoas que começam a trabalhar com acompanhamento escolar conseguem tirar um valor relativamente bom.

Mas, é interessante destacar que o lucro desejado vai depender muito da quantidade de aulas e, claro, da qualidade delas – há diferentes fatores relacionados a uma monitoria escolar que podem ajudar a conseguir mais alunos e ampliar esse negócio que precisa ter como meta um ensino de qualidade.

E você? Tem interesse em se tornar uma professora ou um professor de reforço?

Então, bora lá saber nos tópicos a seguir os detalhes de tudo isso!

Aulas particulares, como começar?

Se você tem grande conhecimento em uma determinada matéria – teoria e prática – e conta com uma didática bacana, saiba que esses dois requisitos já são suficientes para você compreender que está no caminho certo para começar a ganhar dinheiro com aulas particulares. Afinal, dedicar-se às monitorias de reforço escolar requer total domínio do conteúdo, facilidade de comunicação, paciência e saber como lidar com todo tipo de pessoa.

É importante estar sempre se atualizando e buscando fazer cursos, participar de congressos e indo a palestras que te ajude nesse aprimoramento. E não veja isso como um gasto, mas sim como um investimento para o seu trabalho.

É claro que para trabalhar com aulas de reforço é imprescindível gostar de ensinar e ter algum lugar disponível (seja em casa ou qualquer outro local) para trabalhar os conteúdos de apoio. Esse local não deve ter coisas que possam distrair o aluno, na verdade o ambiente tem que ser preparado de tal forma que o estudante fique focado na aula e consiga adquirir o conhecimento transmitido.

Agora, se você planeja em dar aulas de reforço escolar pela internet, saiba que o local tem que preencher os mesmos requisitos para uma aula presencial, ou seja, um ambiente agradável, sem barulho e que proporcione total concentração do estudante e do professor de reforço. Além disso, é pertinente contar com uma boa internet e computador em excelente estado.

Montando um projeto de reforço escolar

A primeira coisa que você deve  pensar para montar o seu projeto de reforço escolar é o que de fato vai querer trabalhar em suas aulas de reforço. Independentemente da matéria é sempre interessante organizar os tópicos de tal forma que haja uma compreensão do aluno, desde o básico até as questões mais avançadas.

Se for aula online, é importante contratar um plano de internet bem bacana e deixar o computador zero bala para que não ocorra nenhum problema com o equipamento.

Aulas de reforço! Um local adequado para aulas particulares garantem o bom aprendizado!

Já para as aulas presenciais de reforço, é pertinente ter um local adequado que favoreça sempre o aluno, a fim de que ele consiga adquirir o conhecimento no ritmo dos encontros e sem muita distração. Também deve oferecer conforto, de preferência que seja arejado e disponha de todas as condições necessárias de trabalho.

Depois de de definir como será sua sala de reforço, você deverá escolher a metodologia que irá utilizar nos encontros presenciais – lembrando que o objetivo aqui é conseguir passar o conhecimento para o aluno. Nem sempre a melhor maneira de abordar o conteúdo é ter um professor falando muito e um aluno anotando tudo sem parar.

As aulas de reforço podem ser dadas de uma maneira dinâmica com atividades, exercícios de fixação, jogos, quiz, entre outras maneiras – e isso serve tanto para aulas presenciais quanto online. Você pode se inspirar em métodos encontrados nas áreas de pedagogia, educação, psicologia da educação, psicologia cognitiva, etc.

É importante reforçar que a pesquisa de métodos de ensino deve servir apenas para inspirar na criação de seu método. Assim, pegue o que for de bom neles e aprimore – trazendo para a sua realidade – e o que não for bom, descarte. Lembre-se que cada aluno tem um conhecimento específico que almeja adquirir. E esse conhecimento varia de acordo com a matéria em que ele tem mais dificuldade.

Após escolher a forma com que vai passar o conteúdo para o aluno e quais artifícios irá utilizar para ensinar, é interessante pensar em como isso fará com que o objetivo do estudante seja atingido. Exemplos:

  • Quais exercícios devem ser aplicados;
  • Quais atividades devem ser feitas;
  • Quais jogos estão relacionados com a matéria;
  • Quais as principais questões que ajudam na fixação da matéria;
  • Quais livros e apostilas utilizar ao longo das aulas particulares.

Depois de pensar nesse itens, procure elaborar uma maneira de colocá-los em prática, ou seja, selecione os exercícios, perguntas, atividades que serão apresentadas e veja a melhor forma para dividir tudo isso no tempo da aula de reforço que será disponibilizada.

Material de reforço escolar online

Material que auxilia! Criar um material de reforço escolar não precisa ser um pesadelo!

Na internet há diversos materiais que servem de apoio para o aluno que está frequentando aulas de reforço escolar. Dentre eles, sites e canais que apresentam gabaritos e correções comentadas de exercícios de diversas matérias.

Também é possível ter acesso a aplicativos de conteúdos online, em que muitos deles são gratuitos e podem ajudar o estudante a ter um melhor desempenhos nas matérias, principalmente nas aulas de reforço de Matemática, Português, Ciências, História e Geografia.

Ao preparar seu conteúdo, você pode organizar um e-book que os alunos possam baixar e, além disso, produzir vídeos comentando as questões trabalhadas nas aulas particulares.

Se você planeja criar um material de reforço escolar online, saiba que isso não é um bicho de sete cabeças – às vezes é mais simples do que imaginamos.

O bacana é que a opção de gravar as aulas e disponibilizar para os alunos faz com que o conteúdo venha atingir uma maior número de pessoas. E isso, de certa forma, pode trazer ainda mais alunos.

Como é o preparo de uma produção de vídeos para reforço escolar?

Para você  gravar suas aulas de reforço online é interessante considerar o seguinte:

  • Escolher um lugar harmônico, sem muitos itens que possam desviar a atenção do aluno;
  • Ter um quadro para te auxiliar na explicação do conteúdo;
  • Relacionar livros para comentar alguns tópicos no vídeo;
  • Contar com uma câmera de qualidade e um bom microfone para que o áudio fique limpo, fazendo com que o aluno compreenda muito bem o conteúdo.

Tendo em mãos todos esses materiais, você deve posicionar a câmera em um local em que ela fique estável – de preferência utilizar um tripé. Lembre-se que é necessário ficar em uma posição, onde a atenção de quem está assistindo esteja toda em você.

Processo de Produção! Sem dúvida, um vídeo de aula particular com boa qualidade atrai muita audiência!

O quadro de anotações deve estar em uma posição em que ele apareça por inteiro na gravação. Não se esqueça de fazer as anotações em letra legível e tamanho grande – para quem estiver vendo consiga ler através da tela.

A dicção de quem está passando o conteúdo é de extrema importância. Pronuncie bem as palavras para quem estiver assistindo não tenha dúvidas acerca do que está sendo dito.

Após fazer a gravação da aula, edite o material e observe se o objetivo final está sendo cumprido. Corrija no próprio editor algumas falhas que, eventualmente, tenha cometido na gravação e, se necessário, grave de novo.

Um material de boa qualidade se torna atrativo para o público e as chances de mais pessoas quererem consumir esse conteúdo se torna bem maior.

E quanto custa uma aula de reforço escolar?

Os preços da hora aula de um professor de apoio variam de uma cidade para outra – principalmente nas capitais. Por exemplo, em São Paulo a hora/aula está custando em média 58 reais. Já no Rio de Janeiro, a aula/hora está em torno de 52 reais. E, em Belo Horizonte, o valor está um pouco mais em conta, algo próximo a 46 reais a hora/aula.

Como é possível notar acima, os valores diferenciam um pouco nas grandes cidades brasileiras. Por isso, confira abaixo outros exemplos acerca de valores de reforço escolar em algumas capitais:

  • Porto Alegre – 51 reais a aula/hora;
  • Brasília – 49 reais a aula/hora;
  • Curitiba – 45 reais a aula/hora;
  • Recife – 38 reais a aula/hora.

Média de valores! Evite cobrar muito barato em suas aulas de reforço para não se desvalorizar no mercado!

Isso é apenas uma base para que você possa calcular o preço da sua aula de reforço, sem fugir muito do que está sendo cobrado no mercado. Para calcular esse valor leve em conta todos os gastos que você teve para dar a aula. Exemplos:

  • Aluguel de sala (caso prefira outro local ao invés de atender em casa);
  • Luz;
  • Água;
  • Internet;
  • Câmera;
  • Microfone;
  • Quadro;
  • Caneta;
  • Papel;
  • Cartucho para impressora.

Calcule também quanto pretende  ganhar por mês dando as aulas particulares. Leve em consideração o investimento intelectual que teve para adquirir o conhecimento e para escolher sua metodologia.

Evite cobrar muito caro e, tampouco, muito abaixo do valor médio de mercado. A primeira opção não vai render alunos e, a segunda, você desvalorizará sua mão de obra – o que será bem prejudicial para a seu projeto de aulas particulares.

Caso use de algum meio de divulgação de seu trabalho e isso tenha algum custo, inclua também no produto. Com o passar do tempo você terá retorno de todo investimento feito nesse início e, deste modo, começará a ter condições de investir com o que ganhar nessa carreira de aulas de reforço escolar.

Sucesso nas aulas!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar