Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Escolher uma boa técnica para pintar

De Camila, publicado dia 27/08/2018 Blog > Artes e Lazer > Desenho > Qual método de pintura escolher

“Não desprezes a pintura, pois estarás a desprezar a contemplação apurada e filosófica do universo.”
Leonardo da Vinci

A pintura é, acima de tudo, uma atividade criativa que permite expressar emoções, criar belas formas ou simplesmente passar o tempo.

Seja qual for o caso, a pintura é uma arte que requer trabalho, dedicação e disciplina.

Conhecer as diferentes técnicas de pintura não fará de você um grande artista, pois somente a prática faz com que um pintor se torne bom naquilo que faz, assim como o permite adquirir um toque pessoal na hora de criar suas pinturas.

Aqui estão alguns processos que você pode usar em seus cursos de pintura online, presencial e práticas autodidatas!

Confira ainda nosso guia para se transformar em um pintor iniciante de mão cheia!

Técnica de pintura: pintura a óleo

A pintura a óleo pode parecer antiquada, mas ainda hoje é considerada a “técnica mãe” deste tipo de expressão artística.

No Ocidente, ela apareceu no final da Idade Média e era produzida através do método da têmpera. Com o passar do tempo, ela foi se modernizado, deixando de ser apenas uma superposição de esmaltes para se tornar uma técnica mais “empapada” (tinta mais cremosa, menos rala).

Pintores classicamente conhecidos gostavam muito desta técnica de pintura. Vermeer, Leonardo da Vinci e Van Gogh, por exemplo, usaram este método para pintar suas obras atualmente famosas no mundo inteiro.

O que é pintura a óleo?

A pintura a óleo é, acima de tudo, uma técnica pictórica. Este tipo de tinta é obtido misturando os pigmentos e o óleo de secagem que serve como aglutinante. É uma massa mais ou menos espessa e mais ou menos oleosa.

Óleo aglutinante e pigmento são a base de uma tinta para pintura a óleo. Como o próprio nome indica, a tinta à óleo possui óleo em sua base.

Como diluir a tinta a óleo?

A tinta a óleo tem uma consistência mais espessa e mais grossa do que a tinta com base de água. Isto implica em um tempo de secagem bastante longo entre cada camada e requer um pouco de preparação para que as cores permaneçam fluidas, brilhantes e resistentes ao tempo.

Assim, é necessário preparar o fundo da pintura com uma primeira camada de tinta muito diluída, pois isso permite às camadas seguintes ganharem aderência ao corpo da composição sobre essa superfície.

Existem duas maneiras de se fazer iss:

  • Dilua a tinta a óleo com óleo de terebentina ou álcool branco para torná-la muito fluida;
  • Ou faça a primeira camada com tinta acrílica (ela tem a vantagem de secar rapidamente).

Como pintar com a tinta a óleo?

Se há uma coisa a lembrar quando você quer aprender a pintar com tinta a óleo: cada nova camada deve ser um pouco mais oleosa do que a anterior.

Se você não aplicar esta regra, você pode acabar com uma pintura rachada depois que ela secar.

Mas como fazer isso concretamente?

  • Para a primeira camada: diluir a cor uma preparaçã de, por exemplo, 60% de óleo de linhaça e 40% de óleo de terebintina,
  • Aumentar a porcentagem do óleo de linhaça a cada camada (diminuir a de terebentina, consequentemente)
  • A última camada deve ser diluída com 100% de óleo de linhaça.

Ninguém se torna um bom pintor sem antes praticar muito. Pintar exige esforço e dedicação.

A utilização do diluente permite:

  • Que a sua natureza morta ou o seu retrato seque em menos tempo;
  • Que sua tinta tenha transparência e brilho quando aplicada sobre a tela ou o papel;
  • Que você modifique a textura da tinta (mais grossa ou mais diluída);
  • Que a sua pintura fique mais resistente ao tempo.

Atenção: não aplicamos o óleo diluente diretamente sobre a superfície pintada. É preciso pegar a cor com o pincel e depois mergulhá-lo no óleo para, em seguida, misturar os dois em sua paleta, em gestos circulares. Agora sim a tinta está pronta para ser aplicada sobre a superfície desejada!

Veja como as opções de material de pintura são inúmeras!

Outras técnicas de pintura a óleo

Ao fazer aula de pintura, você pode se familiarizar com técnicas de aplicação de tinta a óleo e aperfeiçoar seu estilo próprio:

  • Aplicar esmalte: é uma camada de tinta transparente e fina que torna possível obter tons mais brilhantes e mais profundos;
  • Pintar e desenhar “alla prima: técnica que permite pintar uma tela mais rapidamente, mas requer muita experiência;
  • Sfumato: esfumaçar as bordas dos elementos da pintura para evitar contornos nítidos e fazer borrões artísticos;
  • Impasto: permite manter a impressão dos pincéis ou espátulas, dando relevo à pintura;
  • Raspagem de cores: para revelar várias camadas abaixo. Muito útil para editar algumas partes de uma pintura.

Pintar com tinta acrílica

Também conhecida como uma das tintas a base de água, a tinta acrílica é muito popular entre os artesãos, artistas e aprendizes de pintores.

Ela é inodora e é diluída em água, o que facilita muito a limpeza dos pincéis e diminui o tempo de secagem.

Muito recente na história da pintura, ela começou a ser apenas durante a década de 1930, quando foi desenvolvida e ganhou seu lugar nas lojas de materiais artísticos.

Artistas famosos com produções mais recentes como Andy Warhol e David Hockney adotaram este tipo de tinta imediatamente para criar suas obras em pop art e “trompe-l’oeil” hiperrealista.

Esta é a tinta utilizada pelos aprendizes de pintores em um curso de pintura para iniciantes. A tinta acrílica seca mais rápido que a tinta a óleo.

O que é pintura acrílica?

A tinta acrílica consiste em pigmentos tradicionais misturados com resinas sintéticas. O termo também é usado para designar a técnica pictórica associada à sua utilização.

Ao contrário da tinta a óleo, o aglutinante é uma emulsão de água e resina sintética.

No final, o resultado pode ficar próximo da pintura a óleo (dependendo da destreza do pintor) e é muito menos restritiva de se usar!

Por que não estudar este processo com um curso de pintura online?

Como usar tinta acrílica?

Super versátil, a tinta acrílica é perfeita para quem pratica artes plásticas. Muito diluída, ela permitirá que você faça pinturas aguadas, com um resultado parecido com aquarelas. Com um textura mais grossa, o resultado final se aproxima da pintura a óleo.

Aqui estão alguns passos a seguir ao pintar qualquer tipo de tema utilizando tinta acrílica:

  • Escolha seu tema;
  • Siga as regras de composição: regra dos terços como na fotografia. Basta desenhar três linhas horizontais e três linhas verticais e colocar os elementos importantes perto deles. Escolha também o formato da sua pintura (vertical para uma impressão intimista e horizontal para explorar o espaço e quadrado para dar atenção ao centro da composição);
  • Pintura e desenho estão intimamente relacionados. Aconselhamos a desenhar em lápis macio, em carvão ou diretamente em acrílico os principais elementos do desenho;
  • Faça um fundo colorido: não é obrigatório, mas pode ser feito para unificar as cores. Para tal, basta depositar uma camada de tinta muito diluída de um tom principal relacionado ao seu tema. Aplicada em faixas horizontais, a cor cria um fundo homogêneo. Aplicado sem um sentido preciso, dá uma impressão de um fundo em movimento;
  • Misture as cores na paleta de tinta e aplique a tinta em uma camada fina, do mais claro ao mais escuro;
  • Adicione os detalhes depois da tinta ter secado completamente (entre uma camada e outra). Este é o momento de experimentar, adicionando volume ou intensificando as cores para dar mais vida à sua pintura.

Dica: para obter uma cor mais clara, adicione água e não tinta branca, pois ela escurece e torna a cor opaca.

E por que não recorrer também aos cursos de pintura online?

Realizar uma pintura sobre tela

Chega de pintar sobre papel: chegou a agora de aprender a pintar sobre tela, no estilo de grandes pintores como Picasso.

Não é possível se tornar um bom pintor sem possuir um material básico de pintura. Dentro dessa lista não poderiam faltar as telas.

Seja para pintar uma árvore, desenhar um retrato ou fazer arte abstrata, é preciso se lançar de cabeça nesta aventura artística e dar o melhor de si (assim como tudo na vida!).

O que é pintura em tela?

Uma pintura sobre tela é como o nome sugere, uma pintura feita em uma tela esticada. É o meio mais usado hoje pelos pintores em seu estúdio de pintura.

A tela substituiu a madeira que dominou até o Renascimento. É feito de linho ou algodão na Europa e seda no Extremo Oriente.

Você pode escolher entre um tecido absorvente ou impermeável. Uma tela absorvente absorverá as cores que modelarão as asperezas da tela para criar efeitos específicos. Uma tela impermeável verá as cores desenharem mais harmoniosamente.

São muitas as opções de pincéis a serem utilizados nas suas aulas de pintura para iniciantes. A tinta acrílica é mais fácil de ser removida dos pincéis do que a tinta a óleo!

Como preparar sua tela?

Artistas conhecidos dentro da História da Pintura como Jackson Pollock, Kenneth Noland e Francis Bacon pintaram muitas de suas obras em telas ditas “cruas”, isto é, sem nenhum tipo de revestimento. No entanto, isso não é recomendado para um pintor iniciante que deseja obter um resultado duradouro através do tempo.

Então, como preparar sua tela?

Não importa se você faz pintura com tinta acrílica, tinta a óleo ou técnica mista: é sempre necessário preparar sua tela em antes de começar a pintar.

Confira abaixo algumas maneiras de fazê-lo:

  • Cola à prova d’água e enrijecer o tecido: usando um pincel chato, os tecidos da frente e de trás devem ser revestidos para que a substância se impregne por todo o tecido. Deixe secar entre uma camada e outra. O resultado deve dar um aspecto liso e iluminado à superfície;
  • Massa branca: este passo não é essencial, mas dará brilho à sua tela se você quiser sobrepor várias cores durante a pintura. Esta é também uma ótima maneira de proteger seu trabalho contra a degradação e o mofo. Você deve aplicar a primeira camada, deixe secar e depois lixar o excesso para dar polimento;
  • Aplique gesso: essa é uma técnica de alisamento para tornar o grão mais aderente. Para um suporte perfeitamente liso, é necessário espalhar o gesso em camada fina. Após a secagem, lixe para dar polimento.

Depois que essas etapas forem concluídas, você terá que esticar a tela em um chassi (estrutura quadrada ou retangular de madeira). Este é um passo delicado que geralmente requer ajuda quando se é iniciante na prática.

Descubra mais sobre como é ter aulas particulares de pintura.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar