Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Conselhos para dominar a língua japonesa

De Carolina, publicado dia 21/03/2018 Blog > Idiomas > Japonês > Dicas para aprender bem o japonês

“Os perdedores têm metas, os vencedores têm sistemas”.

Mesmo que não concordemos totalmente com essa citação de Scott Adam, há verdades nela. Especialmente quando você aprende um idioma como o japonês!

Estudar japonês requer metas, mas acima de tudo uma organização perfeita para memorizar com sucesso os caracteres e entender a cultura japonesa.

Se você quiser aprender a falar japonês fluentemente, aqui estão algumas dicas que devem ajudá-lo antes de ir para o Japão ou simplesmente aprender japones.

Motivação a longo prazo

O aprendizado chinês é mais difícil que o japonês? A dificuldade é algo muito abstrato, não é? De qualquer forma, saiba que aprender a língua japonesa requer disciplina e motivação.

Vamos ser claros: a queda na motivação é natural. Não se culpe se você tiver uma queda na vontade de seguir em frente com os estudos, de vez em quando. Isso é perfeitamente normal!

Você quer aprender a falar japonês para trabalhar no Japão, ir para um estágio ou apenas para uma futura viagem ao Japão?

O importante é ter um objetivo claro. Qual é o seu objetivo?

Tornar-se bilíngue não requer a mesma motivação e o mesmo trabalho. Se você quer simplesmente dominar alguns aspectos básicos da língua, com certeza será mais fácil. Saber ler e escrever também requer mais trabalho que apenas falar o idioma.

Para ter motivação a longo prazo, é necessário, acima de tudo, que o japonês seja uma paixão para você. Se estiver aprendendo essa língua apenas para “mandar bem”, esqueça.

Aprender japonês também é aprender sobre a cultura As tradições são muito importantes na terra do sol nascente

O japonês também é muito contextual, construído com sutilezas em vez de uma comunicação mais direta.

Ao contrário das línguas inglesas ou romanas, em japonês há três sistemas léxicos a serem conhecidos: hiragana, katakana e kanji.

Mas tenha cuidado, só porque você é apaixonado não significa que você não enfrentará quedas mais ou menos grandes.

O mais difícil é passar as primeiras barreiras à motivação que são:

  • A paixão: no início, tudo é novo, você aprenderá palavras japonesas todos os dias, vai melhorar o kana, aprender a pronunciar corretamente… Então, depois de um tempo, ele se tornará repetitivo e chato. Se você conseguir passar essa primeira barreira e realizar tarefas repetitivas como o aprendizado de vocabulário sem queixar-se, você realmente é um grande apaixonado pela língua nipônica,
  • O fracasso: claro, quando você aprende um idioma, há aspectos mais complexos que outros. Em japonês, se a pronúncia é bastante simples, aprender a escrever (hiragana katakana e kanji) pode ser complicado e você pode querer desistir. Lembre-se de uma coisa: o fracasso não existe. É possível cometer erros, mas você sabe o que? Aprendemos muito melhor com os erros que com os sucessos,
  • Perseverança: às vezes, aprender a língua japonesa pode passar para o segundo plano. Você pode enfrentar um momento pessoal difícil, ter muito trabalho no escritório, seus filhos passam por uma prova importante… O que vai fazer com que continue é, obviamente, a perseverança. Mesmo que, por um período de tempo mais ou menos longo, aprender japonês não é sua prioridade, a chave é retornar para continuar progredindo.

Agir como um bebê

Quando a gente aprende nossa língua materna, começa por aprender a falar. Em inglês, esse método é chamado de “act as a baby”, literalmente, “agir como um bebê”.

O que o bebê faz quando ele aprende sua língua? Ele ouve o que seus pais dizem, ele pega algumas palavras ou sons e ele as repete. Pouco a pouco, com a ajuda de seus pais, ele corrige o que diz e progride para se expressar corretamente.

Para avançar rapidamente e poder ir ao Japão, é necessário absorver o máximo do idioma. Ouça rádio, assista filmes, assista a notícias de TV japonesas e curso de japonês online, descubra as músicas populares da terra do sol nascente…

Então, tente repetir os sons e as palavras ouvidas, entendendo-os, é claro, primeiro sozinho depois com um professor de japonês ou alguém que domina a língua melhor que você e seja capaz de corrigi-lo.

Como aprender japonês rapidamente? Vale a pena assistir a um curso de japonês?

“O homem que não cometeu erros é forte,
mas quem comete e aprende com isso é ainda mais forte. “
Boris Becker

Como um bebê que aprende a língua materna, não tenha medo de cometer erros, é assim que você progride melhor, desde que você os corrija. Em geral, lembramos melhor um conceito que erramos nas primeiras vezes que aprendemos.

Ser capaz de falar japonês é a base de tudo e é muito mais fácil que aprender a escrever. A pronúncia não é complicada e é mais fácil integrar-se com um japonês sabendo falar que sabendo escrever.

Conheça o kana de cor

Depois de usar a técnica do bebê para aprender a falar, agora é hora de aprender a escrever.

Faça aulas da língua japonesa no país Ruas, lojas, tudo é mistério quando não se sabe falar japonês

Mas antes de abordar a gramática e o kanji, é preciso começar memorizando kana: hiragana e katakana. Esses dois sistemas silábicos estão na base da escrita japonesa e constituem o que pode ser chamado de alfabeto japonês.

Fazer aulas para ser bilíngue japonês português pode ser útil, mas, eventualmente, para aprender kana, você deve dedicar-se sozinho. Um professor particular de japones pode ajudá-lo, mas você só vai aprender se realmente se esforçar para isso.

Como aprender um idioma facilmente? Para estudar japonês, é preciso estar convencido de que quer chegar lá.

Comece aprendendo a lê-los sem pensar e depois aprenda a escrever de maneira fluida em japonês. Se o romaji é útil para aprender a pronúncia, é necessário tentar praticar ao máximo sem ele. Assim, você vai realmente ler os ideogramas.

Faça um cronograma efetivo e use técnicas de exercícios para ajudá-lo a memorizá-los. O site Kanpai oferece um método eficaz em 3 dias. Bem, somos um pouco céticos sobre os três dias… Pensamos que, para memorizar todos os kanas a longo prazo, leva cerca de duas semanas de trabalho. E não é garantido… Só a prática garante o aprendizado definitivo.

Aula de japonês com um professor podem ajudá-lo a aprender mais rápido. Mas no final, você ainda tem que memorizá-los e utilizar do tempo necessário para aprendê-los e reparar seus possíveis erros.

Encontre seu ritmo, pratique diariamente

Aprender um idioma como a língua japonesa leva muito tempo. Você não se tornará fluente em uma hora de aulas semanais (pronto, falei).

Como progredir com números e caracteres japoneses? Trabalhe o seu japonês diariamente!

O importante é encontrar o seu ritmo e praticar muito regularmente, mesmo que seja apenas 10 minutos por dia.

Aprender um idioma todos os dias é muito mais fácil que aprender de vez em quando.

Para conseguir isso, devemos criar um hábito saudável, uma rotina positiva. Você tem motivação, agora você precisa de disciplina.

Aprenda a culinária do Japão Quer um sushi? Por que não fazer seu pedido em japonês?

Stephen King, em seu ensaio autobiográfico, Unwriting, explica como ele se tornou um escritor: ele escreve todos os dias pelo menos 1500 palavras. Todos os dias, sim, mesmo em feriados ou no Natal.

Embora os rituais sejam muitas vezes criticados, eles são essenciais para o sucesso. Para Stephen King, deve ser muito mais fácil escrever 1500 palavras por dia que escrever 10.000 palavras uma vez a cada duas semanas.

Sem escrever 1500 palavras de japonês por dia, aconselhamos você a configurar momentos do dia: ouvir o rádio, assistir TV, ler um mangá…

Isso não é óbvio no início, você realmente precisa confiar em sua motivação no início da aprendizagem de um idioma. No Youtube, há alguns vídeos de motivação de pessoas que aprenderam línguas em trinta dias. É sobretudo criar um ritual e cumpri-lo além de trinta dias. Mas não se engane! O japonês, como outras línguas, pedem mais de 30 dias de aprendizado.

Fale com um nativo

A escrita japonesa é bastante complicada, mas você pode estudar sem ela mesmo se quiser viver no Japão. O importante é saber como falar japonês. E o que é mais eficaz que falar com um nativo?

Além de corrigir sua pronúncia, sua gramática, seus erros de sintaxe e enriquecer seu vocabulário japonês, um nativo poderá ensinar-lhe mais sobre a cultura do Japão e as fórmulas de cortesia essenciais para não fazer feio no Japão ou com um nativo.

É possível fazer curso de japonês online? Fazer uma troca de idiomas pode ser uma boa maneira de progredir em japonês, até pela internet!

Se você pode fazer uma viagem de idioma no país, é ainda melhor! A vida no Japão é muito diferente da vida no Brasil. Há muitas regras de de boa conduta.

Saiba como ficar craque no japonês Conheça mais sobre a cultura japonesa

Para aprender e se virar sozinho no Japão ou com o idioma, ter um “mentor” em japonês é a solução ideal. Se você não conhece nenhum japonês, pode encontrá-lo online através de fóruns ou grupos do Facebook.

A comunicação entre países é facilitada hoje graças ao Skype. Você ficaria surpreso ao ver o número de japoneses que desejam aprender português também. Isso permite uma troca enquanto progride muito mais rápido que sozinho na frente de sua tela ou fazendo cursos de japonês de vez em quando.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar