Música Reforço escolar Idiomas Aulas particulares Artes e Lazer Esporte
Compartilhar

Lápis de cor para o crescimento do seu filho!

De Carolina, publicado em 09/01/2018 Blog > Artes e Lazer > Desenho > Como o desenho ajuda no desenvolvimento das crianças?

A partir de 18 meses, os bebês adoram rabiscar!

Pouco a pouco, seus desenhos evoluem. Essa atividade divertida não é apenas um jogo. É essencial para o despertar e o desenvolvimento da criança.

Em alguns anos, o jovem aprende a desenhar facilmente e dominar o uso de um lápis. O gesto é mais seguro com o passar do tempo!

  • Então, como ajudar os pequenos a progredir no desenho?
  • Por que é importante deixar as crianças desenharem?

Se os livros de colorir são interessantes, nada melhor que uma folha em branco e alguns lápis de cor para despertar os sentidos dos pequeninos.

Mas, na realidade, quais são os benefícios das aulas de desenho para crianças e como desenvolvê-las?

A evolução dos desenhos das crianças

Nos primeiros meses de vida, o bebê se desenvolve muito rapidamente. Seu progresso é surpreendente:

  • firma a cabeça,
  • vira-se
  • senta-se
  • engatinha,
  • levanta-se
  • anda…

Com as mãos também, ele ganha precisão!

Pintura, uma atividade essencial na escolinha No jardim de infância, o apoio é variado para estimular os pequenos

Ele aprende em seu próprio ritmo a pegar objetos, movê-los, trazê-los para a boca… Até o momento em que seu artista iniciante estiver pronto para segurar um lápis e fazer suas primeiras obras-primas!

Esse passo é essencial para o desenvolvimento da criança.

Entre 12 e 18 meses, o bebê já pode segurar um lápis na mão. E automaticamente, ele começa a rabiscar com o que está em suas mãos… lápis, caneta, giz de cera…

Essa atividade permite que ele desenvolva suas habilidades motoras e, em particular, a gerenciar suas ações, coordenar melhor seus movimentos. Ele explora materiais e faz novas descobertas sensoriais.

A partir dos 2 anos de idade, você pode realmente começar a falar sobre o desenho com a criança!

Ela já não faz rabiscos em forma de espirais. Suas linhas tornam-se mais precisas. Ele começa a ter o hábito de desenhar da esquerda para a direita. Nessa fase, a criança já desenvolveu seus músculos e sua visão. Ele consegue seguir gestos graças à sua visão e antecipar movimentos.

O que não era originalmente um desenho se torna em um com a idade de cerca de 4 anos. É nesse momento que a criança começa a querer representar coisas que ele conhece através de seus desenhos. Ele, então, desenha formas e começa a reproduzir homens. De certa forma, ele desenha um rosto, um retrato, seu auto-retrato.

Durante os anos do jardim de infância, vemos claramente que seus desenhos evoluem. A criança aprende a desenhar personagens de forma mais realista:

Inicialmente, a criança desenha um homem “boneco”. Ele o representa com a forma de um círculo,  com pernas e braços. Posteriormente, a criança adiciona uma segundo círculo que simboliza o tronco e alguns detalhes da anatomia do corpo humano. Ele desenha o pescoço, o cabelo, os olhos, a boca, os dedos, os pés, até o umbigo… É apenas por volta dos 6 anos que a criança começa a vestir o homem atraindo roupas.

Esses estágios comuns à grande maioria das crianças mostram que inicialmente eles não desenham o que vêem, mas uma representação do que sabem. É somente crescendo que eles aprendem localizando-se no espaço, especialmente para fazer representações mais realistas.

Antes de 7 anos, os elementos que compõem o desenho podem parecer desproporcionais. A criança ainda não tem a noção de perspectiva. Também é comum que ela desenhe uma casa e veja seus ocupantes, como se as paredes fossem transparentes.

As virtudes do desenho para as crianças

Você gostaria de saber como acontece uma aula de desenho infantil e possivelmente inscrever o seu em uma oficina?

Coloridos da infância, quem esquece? O pequeno consegue fazer um sol a partir dos 6 anos de idade, normalmente

O desenho é uma das atividades essenciais para o desenvolvimento da criança. Suas virtudes são numerosas! Fornecer ao seu filho materiais de desenho apropriados para a sua idade (lápis, pasteis, marcadores, gizes, etc) vai encorajá-lo a aperfeiçoar muitas habilidades.

O desenho é, portanto, uma atividade que promove:

  • Desenvolvimento cognitivo: a criança usa seu conhecimento para fazer desenhos. Essa atividade faz o pequeno cérebro trabalhar e estimula seu senso de observação.
  • Desenvolvimento de coordenação de gestos: ao desenhar formas geométricas, a criança começa a dominar seus gestos. Ele agora desenha linhas horizontais e verticais e para quando o resultado desejado é alcançado. Isso era impossível para os pequeninos que mexem suas mãos sem controlá-las perfeitamente ou ser capaz de respeitar os limites de uma folha em branco.
  • Melhoria das coordenações motoras finas: em seguida, a criança aprende a desenhar elementos cada vez mais detalhados, em superfícies menores. Acabou-se os grandes desenhos. A criança pode se limitar a uma superfície menor e realizar formas mais complicadas.
  • Afirmação de sua personalidade: a criança se expressa através do desenho. Ela se coloca em prova. Ao longo de suas criações você notará muitas variações: traços fortes se ele estiver irritado ou mais leve. Ele também aprende a desenvolver sua paciência a perceber o desenho que ele tem em mente. Às vezes, tem que redobrar esforços e concentração para conseguir isso.
  • Desenvolvimento do seu senso artístico, da sua criatividade: com o desenho, deixe lugar para a imaginação. Não só para representar os personagens e objetos de sua escolha, mas também para verbalizar o que ele conseguiu. Os desenhos das crianças são, portanto, o suporte de histórias incrivelmente ricas. Você já perguntou a uma criança o que ele desenhou? Seu discurso geralmente é inesgotável sobre o assunto. O mesmo desenho pode ter várias interpretações. Essa atividade desenvolve seu lado criativo.
  • Expressão de emoções: o desenho também permite que a criança se expresse de maneira diferente do que pela fala. Suas criações refletem suas emoções e seu estado de espírito. A escolha das cores é particularmente reveladora. O bebê já é um artista que se expressa criando!

Se o desenho é bom para a saúde das crianças, também é um bom caminho para os pais conhecerem melhor seus filhos. Podemos ver como ele se afirma, se ele mostra timidez, se ele tem autoconfiança… E conhecer melhor seus pontos de interesse.

Como incentivar o desenvolvimento da criança através do desenho?

Você disponibilizou para seu filho várias ferramentas e suportes de desenho para estimular sua criatividade?

Isso é muito bom!

Deixe acessível tudo que ele precisa para colorir Lápis de cor é essencial para o desenvolvimento dos pequenos

É importante que ele possa experimentar diferentes formas de desenho. O desenho é acima de tudo um jogo para a criança. A criança tem mais vontade de jogar, ou desenhar, se você oferece vários tipos de ferramentas para colorir.

Por outro lado, o desenho deve continuar a ser um prazer para ele.

Não o obrigue a desenhar se ele não quiser. Geralmente, as crianças não se cansam de desenhar, mas, caso contrário, não é motivo para se preocupar.

Deixe ele desenhar quando quiser. Da mesma forma, aqui estão alguns erros para não cometer. Evite ser muito exigente:

  • Deixe ele escolher o que ele vai desenhar.
  • Avalie e felicite seu desenho.
  • Escreva seu nome nos desenhos que ele fez.
  • Peça-lhe para explicar o que ele desenhou.

Você verá rapidamente seu progresso e a evolução de seus desenhos!

A pintura é também uma atividade complementar essencial. Verdadeiros pintores , os pequeninos adoram desenhar com pincéis. Eles gostam de aprender a pintar com mãos, estêncis ou ferramentas como espumas.

A modelagem também estimula a criatividade da criança e o ajuda a desenvolver suas habilidades manuais. Você já entendeu: desenhar, pintar ou fazer qualquer tipo de artes plásticas ajuda seu filho a crescer bem.

Descubra também aulas de desenho online!

O começo da escrita

O desenho é um passo essencial para o aprendizado futuro da escrita!

Durante as aulas de desenho, desde o maternal, as crianças são apresentadas ao design gráfico. Eles começam a reproduzir linhas, pontos, curvas, ondas, bolas… Todos esses elementos que lhe permitem escrever e formar as letras mais tarde.

No maternal, a criança aprende a reproduzir letras em maiúsculas e a escrever seu primeiro nome.

Na maioria dos casos, ela começa a se familiarizar com a escrita cursiva. Somente no colégio que ela aprofunda suas habilidades de escrita.

Portanto, é importante estar atento ao progresso da criança e ensinar-lhe a manter o lápis corretamente. Desta forma, ele pode adquirir os gestos certos e adotar a postura correta para formar suas primeiras letras.

As letras não são nada mais que um desenho Desenhar também ajuda os pequenos na hora de escrever

Antes da idade de 6 anos, é inútil forçar a criança a escrever. É somente nessa idade que ela é capaz de realmente segurar um lápis corretamente. Além disso, é necessário respeitar o desejo e a vontade da criança. Alguns pedem para aprender a escrever palavras simples como pai ou mãe. Mas antes do colégio, a principal abordagem para levar naturalmente ao domínio da escrita continua a ser o desenho.

Se com a aprendizagem da leitura, algumas crianças abandonam o desenho, outras mostram um interesse real por esse modo de expressão.

Eles aperfeiçoam suas técnicas de desenho e começam a produzir trabalhos muito mais complexos e realizados.

Aulas de desenho e de pintura podem, então, se tornar uma ótima atividade para estimular o aprendizado das crianças dentro e fora das escolas!

Descubra também ferramentas online para ensinar as crianças a desenhar!

Procurando por um bom curso de desenho artistico? Encontre no Superprof!

Compartilhar

Nossos leitores curtem este artigo
Este artigo trouxe a informação que você estava procurando ?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar