Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Como é o processo administrativo para conseguir um visto russo

De Glicia, publicado dia 11/12/2018 Blog > Idiomas > Russo > É preciso um visto para viajar para a Rússia?

A Rússia é o maior país do mundo em termos territoriais. Seu vasto território se estende por dois continentes: a Europa e a Ásia!

O país dos czares possui uma beleza única, seja por seus  traços arquitetônicos imponentes ou por sua cultura exótica – uma bela mistura de costumes orientais bizantinos e tradições típicas das tribos eslavas.

Apesar do idioma russo não ser tão procurado quanto o inglês, o espanhol ou o francês, a demanda por aulas desse idioma tem crescido.

A Rússia possui uma história e cultura riquíssimas! São Petersburgo, também conhecida como a “capital dos czares” é a cidade preferida dos turistas ocidentais e tornou-se um destino cultural muito procurado pelos amantes de artes, arquitetura, história e gastronomia.

conhecer e explorar a Rússia Já imaginou conhecer as belas e gélidas paisagens da Sibéria?

O fascínio exercido pela cultura russa desperta igualmente o interesse por sua língua. Muito diferente do português e das línguas latino-romanas em geral, o que mais chama atenção no idioma é sua sonoridade e seu alfabeto completamente diferente do nosso. Para aprender esse idioma complexo, aulas de russo são necessárias.

Mas, a Rússia não se resume aos grandes centros urbanos como São Petersburgo ou Moscou. Seu território é cheio de terras selvagens, com vastas florestas de tundra e taiga, e vilarejos perdidos entre montanhas e estepes.

Diante de tantas belezas naturais e arquitetônicas, quem não sonharia em ver e descobrir a encantadora cultura da Rússia? Mas, o que é preciso para pegar o primeiro avião rumo às terras geladas da Sibéria?

Se você deseja visitar a Rússia, saiba que preparar sua estadia com antecedência é primordial. Se tratando de um país muito diferente do Brasil, com uma língua e cultura totalmente estranhas para os despreparados, nenhum detalhe da sua viagem pode ser deixado ao acaso.

Neste artigo, preparamos algumas dicas muito úteis para quem está com viagem marcada para a terra dos czares.

Brasileiros precisam de visto para entrar na Rússia?

A resposta é NÃO. Se você tem um passaporte brasileiro, fique tranquilo! Você não precisa de visto prévio para viajar para a Rússia.

passaporte brasileiro viagem Rússia Prepare sua viagem para a Rússia para evitar contratempos.

No entanto, você deve estar atento a alguns detalhes para evitar complicações na hora de passar pela imigração russa. Os russos são um povo direto, não fazem rodeios na hora de falar algo. Além disso, a maioria não fala outras línguas, assim é importante que você aprenda algumas palavras em russo antes de marcar sua viagem.

Outro ponto importante que deve ser levado em consideração na hora de passar pela imigração é que eles são bem exigentes e olham todas as páginas do passaporte. Por isso, é importante que seu passaporte esteja em bom estado, com todas as folhas intactas e sem rasuras, pois isso pode ser uma razão para que você seja barrado.

Para poder entrar no país também é necessário preencher um formulário. Esse formulário deve ser preenchido em duas vias; a primeira fica com eles, e a segunda fica com você. É muito importante manter esse formulário bem guardado, pois ele deve ser devolvido ao sair do país.

Então, tome muito cuidado, guarde-o em local seguro, pois se você não apresentá-lo no dia do embarque de volta poderá ter problemas com a imigração.

É importante ressaltar que as regras relacionadas a vistos podem mudar, então o mais recomendado é acessar o site do consulado russo ou ligar para obter maiores informações.

Por que você deveria conhecer a Rússia?

As cidades mais visitadas da Rússia – pelos ocidentais – são Moscou e São Petersburgo. Ambas as cidades ficam na parte européia do país, e talvez seja essa a razão pela qual os ocidentais preferem essas duas cidades em especial.

diversidade da cultura russa As famosas matrioskas representam maternidade, fertilidade e amor.

Mas, a Rússia se estende por um vasto território, cheio de natureza, montanhas, florestas, tundra a perder de vista, lagos…

Então, aqui vão 5 boas razões para você visitar e se maravilhar com esse imenso país.

A riqueza da cultura russa

Extremamente variada, a cultura russa foi influenciada por diversas nações que compõem sua população. Na arquitetura, por exemplo, é possível identificarmos estilos como bizantino, rococó, renascentista, barroco e neoclássico.

Além do mais, as artes em geral e a música são muito fortes e presentes na cultura local, com suas óperas e balés famosos, como o conhecidíssimo Bolshoi. Outro destaque da cultura são as típicas matrioskas, aquelas bonequinhas que se encaixam uma dentro da outra. Elas simbolizam a ideia de maternidade, fertilidade, amor e amizade.

Na culinária, a especialidade russa são as sopas, preparadas com base em raízes e sabores um tanto quanto peculiares. Não deixe de experimentar a típica culinária local durante sua estadia no país.

A fascinante capital dos czares

São Petersburgo é a segunda maior cidade do país. Ela é importante tanto do ponto de vista econômico quanto turístico. Mantendo a elegância e imponência da época dos czares, a cidade abriga os coloridos palácios e catedrais que já se tornaram famosos em todo o mundo.

Além disso, belíssimos jardins e museus completam um roteiro pelo lugar. À noite, São Petersburgo reserva bons bares e excelentes restaurantes com culinária típica russa que com certeza, agradarão a todos os turistas. Não deixe de visitar: Museu Hermitage, a Catedral de Santo Isaac e o Palácio Yusupov.

Paisagens selvagens e lagos

O rigoroso inverno russo nos faz pensar que a paisagem é sempre inóspita e gélida. Entretanto, algumas regiões com lagos, montanhas, vulcões e gêiseres podem te surpreender agradavelmente. Lugares como Kamtchatka, no leste do país, o Lago Baikal – no sul da Sibéria – e Altai, ao sul, tem cenários deslumbrantes que valem muito à pena serem visitados.

A rota Transiberiana

As linhas férreas são um dos meios de transporte mais utilizados na Europa em geral. Na Rússia, as viagens de trem são um dos jeitos mais fáceis de percorrer longas distâncias.

Para viver uma experiência super autêntica e única, nada melhor do que o fazer o famosos roteiro da Transiberiana, que percorre mais de 9 mil quilômetros. Essa rota passa, inclusive, por outros países, como Mongólia e China, e por 8 diferentes fusos horários. Uma viagem inesquecível, sem sombra de dúvidas.

As mais belas estações de metrô da Europa

As estações de metrô de Moscou são, sem dúvida alguma, as mais bonitas de toda a Europa. Além disso, já são conhecidas no mundo inteiro por sua arquitetura.

Assemelhando-se a palácios de mármore, as mais de 200 estações são consideradas patrimônio cultural do país. Além da beleza que por si só já constitui uma ótima razão para usar o transporte público da cidade, os trens são conectados com wi-fi gratuito para todos os usuários. Destaque para as estações: Mayakovskaya, Komsomolskaya e Prospekt Mira.

O que você precisa saber antes de viajar para a Rússia

Apesar de todos os pontos positivos e de todas as belezas naturais e arquitetônicas oferecidas pela Rússia, nem tudo são flores.

leis de imigração da Rússia Certifique-se de conhecer as regras de imigração do país antes de comprar suas passagens.

Os russos são extremamente exigentes quanto ao cumprimentos das leis ligadas à imigração. Enquanto turista, brasileiros não precisam de visto, como já mencionamos anteriormente. Entretanto, qualquer outro motivo de viagem necessita de um visto de entrada.

Se sua viagem tem outros fins que não o turismo, não pense que você conseguirá burlar as leis. Como os turistas não tem custos adicionais com trâmites administrativos, algumas pessoas são tentadas a entrarem no país como turista para depois tentar permanecer no território para estudar ou trabalhar.

Péssima idéia! Se a KGB já não existe mais hoje em dia, as autoridades russas estão muito longe de serem negligentes e os suas agências de segurança vigiam os estrangeiros que entram e saem do país. Parece coisa de filmes e teoria da conspiração, mas não é.

Existe um controle muito forte de quem entra e sai. De acordo com as leis de imigração do país, as autoridades russas podem recusar a entrada ou saída, por 5 anos ou mais, de uma pessoa que tenha violado as regras administrativas. Além disso eles também podem cancelar vistos se algo não estiver conforme.

Mas, o que seriam essas violações administrativas?

Toda atividade não especificamente ligada ao visto do viajante pode resultar em delito administrativo e deportação.

Outro ponto que vale ser ressaltado é que portadores do vírus HIV têm restrições de entrada no país. Os candidatos a vistos de longa duração a trabalho ou de autorizações de residência devem fazer o teste de HIV. O governo russo também pode pedir a esses candidatos que façam testes para tuberculose e lepra.

Os viajantes portadores dessas doenças devem se dirigir diretamente ao consulado russo para obter maiores informações. Também é recomendado (mas, não obrigatório) ser vacinado contra a hepatite B e estar em dia com as vacinas contra difteria, tétano, coqueluche e poliomielite.

Por último, mas não menos importante, guarde muito bem todos os seus documentos e não saia sem seu passaporte e o formulário de entrada no país. Isso evitará qualquer aborrecimento no momento do retorno, mas também em caso de um controle policial durante a viagem. Se você não estiver com seus documentos poderá pagar uma multa de 20 000 rublos.

 

 

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar