Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Curiosidades sobre o idioma de Dostoiévski

De Glicia, publicado dia 08/12/2018 Blog > Idiomas > Russo > História da língua russa

A língua russa é uma das mais importantes línguas do mundo. Graças ao número de seus falantes, ela ocupa o quinto lugar como língua mais falada, depois do chinês, híndi, inglês e espanhol. O russo é também uma das línguas oficiais da ONU.

Apesar do russo não ser uma língua tão procurada quanto o inglês, o espanhol ou ainda, o francês e o alemão, a demanda por aulas desse idioma tem crescido. A Rússia possui uma história e cultura riquíssimas: da literatura às artes, a cultura russa é cheia de nuances e traz um rico repertório.

São Petersburgo, também conhecida como a “capital dos czares” é uma cidade com traços arquitetônicos imponentes e se tornou um destino cultural muito procurado pelos amantes de artes, arquitetura e história.

Com suas noites de inverno intermináveis e congelantes e seus longos dias de verão – as famosas “Noites Brancas” do romance de Dostoiévski –  a elegância é uma das características mais marcantes da cidade. São Petersburgo está situada às margens do rio Neva e foi construída pelo czar Pedro I, em 1703, justamente para ser a capital dos czares.

O fascínio exercido pela cultura russa desperta também o interesse por sua língua. Muito diferente do português e das línguas latino-romanas em geral, o que chama atenção no idioma é sua sonoridade e seu alfabeto completamente diferente do nosso.

Mas, a história da língua russa é longa e o idioma sofreu inúmeras mudanças ao longo dos séculos. Neste artigo tentaremos fazer uma retrospectiva para entender melhor as origens e a evolução do idioma de Dostoiévski.

A origem étnica dos russos

O povo russo é de origem eslava e são oriundos da Europa Central, das terras onde nascem os rios Danúbio, Elba e Vístula.

A partir dessa região eles migraram em direção ao leste, rumo às margens dos rios Dnieper, Prípiat e Desná, sendo as tribos dos polanos, dos devlanos e sieveranos as principais.

descendência étnica dos russos Os russos são descendentes dos povos das antigas tribos eslavas.

Os eslavos formaram um vasto grupo etno-cultural e linguístico de vários povos.  Durante a era pré-cristã, o território que hoje é a Rússia era habitado por grupos de diferentes tribos nômades.

A região do norte era povoada por tribos de eslavos. No sul, a região da Cítia foi ocupada por uma sucessão de povos asiáticos, como os cimérios, os citas e os sármatas. Os comerciantes e os colonos gregos estabeleceram numerosos assentamentos ao longo da costa norte do mar Negro e na Criméia.

Quando os vikings começaram a navegar e comerciar pelos rios russos, no século IX, a organização política dos eslavos orientais ainda era tribal. As divergências entre as diferentes tribos eram tantas que os vikings conseguiram impor sua supremacia através da  instauração de uma aristocracia escandinava sobre os povos eslavos.

A língua russa nasceu nesse contexto multicultural e linguístico e foi sendo moldada ao longo dos séculos, até chegar a forma que conhecemos hoje.

Quais são as origens da língua russa?

O russo é uma língua de origem eslava e pertence à família linguística indo-europeia, ou seja, a família de línguas faladas na região leste do continente europeu. Provavelmente, o russo surgiu nessa região entre os séculos IX e X.

Entre as línguas eslavas, o russo é a mais divulgada delas. Todas as línguas eslavas apresentam uma grande semelhança entre si, mas as mais semelhantes ao idioma russo são o bielorrusso e o ucraniano. Essas três línguas eslavas orientais formam um subgrupo, pertencente à família linguística indo-européia.

Como você deve imaginar, a história da origem da língua russa é bem antiga. Por volta do segundo e do primeiro século a.C., de um grupo de dialetos relacionados à família das línguas indo-européias surgiu uma língua proto-eslava, que foi, mais tarde, denominada de pré-eslavo.

Bem mais tarde, entre os séculos IX e XII, a chamada língua russa antiga tornou-se o meio de comunicação de algumas tribos de nacionalidades bálticas, fino-úgricas, turcas e iranianas. Nos séculos XIV e XVI, a variante  literária da língua dos eslavos orientais era também a língua do Estado e da Igreja Ortodoxa, no Grão-Ducado da Lituânia e no Ducado da Moldávia.

A fragmentação feudal contribuiu para a fragmentação do dialeto eslavo. Aos poucos, a unidade da língua russa antiga desintegrou-se por completo e formaram-se então, três novas famílias etno-linguísticas: os russos no nordeste,  os ucranianos no sul e os bielorrussos no oeste.

Nascem assim os idiomas eslavos orientais: russo, ucraniano e bielorrusso!

O que é o alfabeto cirílico?

O alfabeto cirílico é um sistema alfabético de escrita utilizado atualmente para representar a língua russa. Ele também é usado em outras línguas da Europa oriental e da Ásia central.

especificidades do russo escrito O alfabeto cirílico foi desenvolvido a partir do alfabeto grego.

Além disso, o alfabeto cirílico é também conhecido como azbuka, palavra derivada dos antigos nomes das suas duas primeiras letras. Seu nome é uma referência a dois santos, Cirilo e Metódio, ambos missionários religiosos oriundos de Constantinopla, antiga capital do Império Bizantino.

Entretanto, apesar da homenagem aos dois missionários bizantinos, acredita-se que o criador do alfabeto cirílico seja São Clemente de Ohrid, que em algum momento durante o século X o desenvolveu a partir do alfabeto grego. Ele teria acrescentado ligaduras e consoantes do alfabeto glagolítico e do búlgaro antigo para representar sons que não haviam na Antiga Grécia.

Esse sistema de escrita foi criado para escrever o antigo eslavo eclesiástico, a primeira língua eslava literária. Foram também acrescentados alguns símbolos inspirados na escrita hebraica para representar fonemas característicos das línguas eslavas.

O alfabeto cirílico foi criado na Bulgária e com o afastamento de Roma das missões eslavas, sua assimilação foi gradativamente  sendo incorporada pela igreja cristã oriental.

O sistema de escrita cirílico tomou a forma que tem atualmente em 1708, durante o reinado de Pedro I da Rússia – também conhecido como Pedro, O Grande. Entre 1917 e 1918, o alfabeto cirílico passou por uma reforma onde foram eliminadas quatro letras: Ѳ (“fita”, soava como Ф), Ѣ (“yat”, soava como e), i e ѵ (“i” e “ijitsa”, soavam como и).

Com a entrada da Bulgária na União Européia em 2007, o alfabeto cirílico passou a ser o terceiro alfabeto utilizado pelo bloco econômico, ao lado do alfabeto latino e do grego.

Além do mais, ele é utilizado na escrita de cerca de 50 línguas nos seguintes países: Bielorrússia, Bósnia e Herzegovina, Bulgária, Cazaquistão, Macedônia, Mongólia, Montenegro, Quirguistão, Rússia, Sérvia, Tajiquistão e Ucrânia.

A literatura russa e o nascimento do russo moderno

O chamado russo literário moderno nasceu no século XVIII. O czar Pedro, O Grande († 1725), em seu desejo de ocidentalizar seu império, foi o principal incentivador dessa mudança linguística.

escritores russos e a língua literária A literatura russa está entre as mais influentes do mundo.

Ele não apenas restringiu a antiga língua eslava à liturgia (hoje denominada como eslavo eclesiástico), mas também presidiu a modernização da língua administrativa russa então em vigor na época, herdada do russo antigo.

O russo moderno é o resultado de uma mistura entre a gramática de Lomonosov (1711-1765) e a língua eslava. Grandes e talentosos escritores lhe deram seus ares de língua nobre, dentre eles: Pushkin (1799-1837), Gogol (1809-1852), Dostoiévski (1821-1881), Tchekhov (1860-1904), entre outros.

As obras produzidas por esses escritores russos podem ser colocadas entre as mais influentes e importantes do mundo. No país, foram produzidas obras como Ivan – o Imbecil, Crime e Castigo, Anna Karenina e Guerra e Paz.

Uma das especificidades da língua russa é que ela não foi formada a partir de um dialeto particular, como foi o caso de outras línguas eslavas e também do castelhano que se tornou o idioma espanhol, ou ainda do dialeto florentino, escolhido como língua oficial da Itália depois da reunificação do país.

O apogeu da língua russa aconteceu na época da criação da URSS (União das Repúblicas Socialistas Soviéticas), pois ela não apenas era a língua oficial usada em todos os países da União Soviética, como também era a língua usada em todas as transações econômicas e políticas.

O idioma russo no século XXI

Hoje em dia o russo é falado por 145 milhões de falantes como língua materna, e por 135 milhões como segunda língua. O russo é uma das línguas mais faladas na Europa. Ele faz parte do grupo de línguas eslavas, da família das línguas indo-européias.

história e cultura russas São Petersburgo é a capital cultural da Rússia.

As línguas eslavas orientais são faladas nos países da antiga União Soviética, enquanto as línguas eslavas meridionais são faladas nos países da península Balcânica, na região meridional da Europa e nos países que faziam parte da antiga Iugoslávia. As línguas eslavas ocidentais são faladas na Polónia, na República Tcheca e na Eslováquia.

Os países de língua russa são numerosos e se concentram na metade norte da Ásia e no extremo leste da Europa. Se há, de fato, uma forma do russo considerado língua acadêmica e literária, há ao mesmo tempo vários dialetos russos, que podem ser classificados em três grandes grupos:

  • O russo setentrional, diferente em alguns aspectos, sobretudo ligados à fonética;
  • O russo meridional, menos acentuado e com mais consoantes fricativas;
  • O russo central, uma mistura do russo setentrional o do russo meridional.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre a história do idioma de Dostoiévski, que tal se aprofundar e fazer um curso de russo? Lembre-se que no Superprof você encontra os melhores professores do Brasil.

 

 

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar