Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Curso de mangá: como desenhar personagens japoneses

De Camila, publicado dia 13/09/2019 Blog > Artes e Lazer > Desenho > Curso de desenho mangá: dicas para aprender a desenhar

Se você cresceu vendo Naruto, Dragon Ball Z ou outros animes japoneses do tipo? Você tem uma alma de desenhista e adora se dedicar a fazer vários tipos de traços diferentes? Então você provavelmente já teve a ideia de criar seu próprio personagem no estilo mangá ou no estilo gráfico da animação japonesa!

Esta é uma tarefa muito fácil para uns e extremamente complicada para outros. No entanto, isso não quer dizer que aqueles que têm mais dificuldades não possam aprender o básico para treinar bastante e ficar fera no processo de desenho e criação!

Para isso, é preciso revisar conceitos básicos de desenho, pois um mangaká – nome dado aos cartunistas japoneses – precisa de habilidades diferentes de um cartunista brasileiro ou norte-americano. Do rosto do mangá, passando pelo corpo inteiro e chegando ao processo de passar o desenho à tinta, a criação de um personagem em estilo japonês requer habilidade e técnica.

Para te ajudar nesse processo, Superprof preparou esta matéria com dicas para te ajudar a se lançar no esboço de um mangá. Depois desta leitura, a arte de mangakás como Kishimoto, Toriyama ou Matsumoto não será mais nenhum mistério para você!

Aulas de desenho: características do mangá japonês

Antes de mais nada, é necessário entender o que é um mangá e o que ele representa na cultura japonesa. Se você não conseguiu parar de ler mangá durante a adolescência, então sabe que esses quadrinhos japoneses têm um enorme sucesso em todo o mundo, e o Brasil não fica de fora.

Cada edição é aguardada com ansiedade pelos leitores e os novos lançamentos são muito regulares no Japão. As histórias possuem estilos diferentes, pois elas visam atingir um público-alvo variado.

Os três principais tipos de mangá são:

  • Shonen (para meninos);
  • Shojo (para meninas);
  • Seinen (para adultos).

O estilo de desenho também varia entre os mangakás. As técnicas de desenho de Eiichiro Oda, por exemplo, não têm nada a ver com as de Jiro Taniguchi. Embora algumas características sejam comuns – como olhos grandes, gráficos de expressões faciais e emoções ou referências à cultura asiática -, os conhecedores no assunto conseguem facilmente distinguir esses dois cartunista japoneses.

Os mangás Shojo possuem características diferentes dos mangás Shonen e Seinen.

A anatomia do corpo também pode ser muito diferente de um mangá para outro. Exemplo: em um mangá Shojo, meninos e meninas são muito magros e esbeltos; já as personagens femininas dos mangás Shonen possuem frequentemente seios fartos…

Para começar a desenhar o primeiro mangá, é preciso pensar cuidadosamente sobre o que se procura. Saiba também que os desenhos serão principalmente em preto e branco, que será necessário praticar a organização das páginas através de esboços (sketches).

Com tudo isso em mente, chegou a hora de embarcar em um dos hobbies artísticos mais populares entre os jovens nos dias de hoje: se tornar um ilustrador de mangás. Com lápis em mãos, agora só falta se inscrever em uma oficina de desenho japonês!

Aprender a desenhar rostos e corpos de personagens

Desenhar um herói de Final Fantasy ou um dos grandes vilões de City Hunter pode não ser uma tarefa assim tão fácil. No entanto, é preciso começar em algum lugar. E nada melhor que iniciar um desenho pela cabeça e o rosto, não é mesmo?

A cabeça deve ser de um tamanho muito grande e os olhos devem ocupar cerca de 50% do espaço do rosto – especialmente se você embarcar nas personagens femininas kawaii!

Aqui estão as etapas para desenhar um rosto de mangá:

  • Desenhe o modelo do rosto (o contorno) com as orelhas;
  • Trace a linha superior do cabelo e depois faça-a cair sobre a testa (a menos que você desenhe Saitama);
  • Desenhe os olhos, maiores ou menores, dependendo do gênero e do caráter do personagem;
  • Lembre-se de demarcar a pupila ou seu personagem parecerá morto por dentro;
  • Escolha uma expressão do rosto (emoção do personagem);
  • Desenhe o nariz e a boca pensando nessa expressão;
  • Termine acrescentando detalhes característicos (cicatrizes, acessórios, marcas de tempo, emoções…).

Seja uma personagem de mangá ou um desenho de um ser humano normal, você deve sempre começar a desenhar o rosto ou o corpo pelo esqueleto. Depois dessa estrutura bem estabelecida, você  pode começar a acrescentar os contornos do personagem.

Olhos grandes são algumas das características marcantes dos desenhos de mangá.

Para fazer isso, normalmente esboçamos um círculo para delimitar o espaço da cabeça, traços retos para demarcar os braços e as pernas, e triângulos para as mãos e pés. Com esse esqueleto, é possível ter uma visão geral da estrutura primária do personagem.

É melhor desenhar os detalhes do rosto depois de desenhar a forma do corpo, para que as proporções sejam respeitadas (e para que você não precise refazer tudo caso erre algo).

Depois de fazer o contorno dos braços e pernas, desenhe as roupas, levando em consideração as características do personagem.

É chegada a hora de colorir. Faça-o de acordo com suas preferências: lápis de cor, tinta, pastel, feltro… O colorido depende apenas de você! Se você preferir, pode também deixar tudo em preto e branco, sem problemas!

Por fim, é preciso representar seu personagem em diferentes posturas para torná-lo vivo, pois esta é a base da história em quadrinhos. Antes de criar um Goku Goku, um Luffy ou um Light, é necessário fazer muitos testes para ficar craque na hora de representar seus novos mangás em diferentes situações.

Aprendendo a desenhar objetos e detalhes de mangás

Seu mangá não pode ser composto de personagens que evoluem em um mundo vazio: é necessário fazê-los evoluir em uma decoração adequada.

É preciso saber se sua história acontece em um ambiente urbano, vegetal ou rural. Para tal, você precisa aprender algumas técnicas para conseguir representar edifícios, árvores, lagos, mar e assim por diante.

O ambiente vegetal é essencialmente composto de grama sobre a qual você pode acrescentar árvores e rochas espessas, mais ou menos frondosas, de pedras a montanhas.

O ponto mais importante na hora dar detalhes ao seu ambiente é o nível de sombra: brincar com a luz é essencial para detalhar seus elementos, como troncos e pedras.

O mar é composto por uma extensão mais ou menos plana, composta de escalas de cinza, o que permite dar uma impressão de profundidade. As ondas são mais simples se desenhadas de perfil para que possam ser bem diferenciadas dos outros elementos. Já as ondas que batem nas rochas, por exemplo, devem parecer pequenas explosões.

Muitos personagens de mangá possuem a franja caindo sobre a testa.

Para ambientes urbanos, a principal técnica a ser usada é a perspectiva com vários pontos de fuga: comece por um horizonte e coloque seus pontos de fuga nele. Em um terço da altura total, posicione o topo dos edifícios . Você pode detalhá-los com portas, janelas, etc.

Para dar perspectiva à sua decoração, você também pode usar a técnica de múltiplos planos para facilitar a composição da profundidade de campo. Para tal, desenhe os vários elementos do cenário (do mais distante ao mais próximo) em várias páginas e depois monte suas folhas para criar uma paisagem unificada. Use uma paleta cinza escura para constrastar com o branco do fundo.

Por fim, procure por exemplos para desenhar objetos do cotidiano e meios de transporte. Tais detalhes podem ser difíceis de fazer “de cabeça” para quem está começando a desenhar. Comece com as formas brutas, sem detalhes. Em seguida, trabalhe para melhorá-las gradualmente, da mesma maneira que os rostos dos personagens.

Trabalhando no seu próprio tempo e com paciência, você alcançará o sucesso!

Algumas dicas para progredir no desenho do mangá

Tornar-se um mangaká pode ser uma completa diversão para muitos. Já para outros, transformar esse sonho em realidade pode representar horas de investimento e trabalho árduo até atingir o ponto ideal. Isso porque para se criar mangás não basta pegar lápis, caneta ou aquarela e improvisar um storyboard. No entanto, é totalmente possível atingir um resultado satisfatório quando seguimos certas regras básicas de construção da narrativa e dos desenhos.

Para iniciantes, uma maneira simples de desenhar algo que você não visualiza é procurando – e seguindo – exemplos na Internet. Exemplos em papel também podem, obviamente, ser muito úteis, já que nada melhor do que ter uma revista de mangá em mãos na hora de praticar! Sejam poses, objetos, ambientes ou efeitos visuais, você encontrará sua felicidade nos trabalhos disponíveis no mercado e no mundo virtual na hora de adaptar esses elementos.

No entanto, não copie completamente uma obra original. Se você quiser se tornar um bom cartunista que domine a técnica do mangá japonês, então você precisa encontrar seu próprio estilo. Não deu certo no começo? Não se desespere, pois é errando e praticando que se aprende!

Melhor desenhar pés horríveis enquanto progride do que desistir completamente!

É preciso pensar não só no personagem, mas também no ambiente em que ele está inserido, assim como nos objetos que ele porta.

Finalmente, o melhor conselho que podemos dar é não desanimar. Motive-se e tenha paciência. Ninguém se torna um desenhista de mangá samurai desistindo de continuar um desenho após apenas trinta segundos de tentativa. É preciso ter garra e perseverança – além de um bom estoque de lápis!

Antes de mais nada, lembre-se que o mais importante é se divertir! Quando amamos o que fazemos, nos dedicamos com mais entusiasmo, aumentando as chances de termos sucesso. Lembre também que sempre é possível aulas de desenho mangá com professores desenho experientes no assunto!

Preparado para começar seus primeiros esboços?

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar