"Na minha opinião, o chinês é a língua mais difícil do mundo! "

Você já ouviu essa afirmação antes? Nós também! Mas será que entender e se comunicar em mandarim facilmente é possível?

A maioria dirá não. De fato, o mandarin não é simples de apreender.

Como bom lusófonos que somos, muitas vezes pensamos que dominar os ideogramas e seus tons é extremamente complicado.

Ideogramas, pronúncia e tons diferentes são radicalmente o oposto de nossas raízes linguísticas.

Se assimilar o inglês, o espanhol ou o italiano é simples, porque os vocábulos chegam perto do nosso bom e velho idioma nativo, é bem diferente quando se trata de dominar o mandarim com facilidade.

Aprender mandarim é também aprender a cultura
Não deixe de pesquisar sobre aspectos culturais sínicos.

Já pensou em aprender mandarim online?

Quando temos o projeto de simplesmente assimilar a língua chinesa, a tarefa é muito mais complicada do que pensamos.

Uma assimilação simplificada da língua chinesa pode ser complicada para um iniciante perfeito.

Mas fique tranquilo, se muitos brasileiros ganharam a luta contra a aprendizagem dessa língua, você pode fazer o mesmo em suas sessões de ensino.

Quais são as soluções para aprender mais facilmente? Como ousar atravessar o percurso? Que dificuldades você enfrentará ao aprender mandarim?

Se hoje você se perguntar sobre isso, no SuperProf forneceremos respostas para facilitar sua aquisição de conhecimento.

Aqui estão nossas dicas sobre mandarin para ajudá-lo a tornar a aprendizagem mais simples.

Você acha que o chinese é complicado para um lusófono?

O chinês é uma língua rápida de se aprender?

Os melhores professores de Chinês disponíveis
Chien ling
5
5 (14 avaliações)
Chien ling
R$96
/h
Gift icon
1a aula grátis!
York
5
5 (18 avaliações)
York
R$130
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Henrique
5
5 (12 avaliações)
Henrique
R$70
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Lin
5
5 (16 avaliações)
Lin
R$70
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Leticia colombo
5
5 (9 avaliações)
Leticia colombo
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Ma
5
5 (15 avaliações)
Ma
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Rodrigo
5
5 (15 avaliações)
Rodrigo
R$30
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Benjamin
5
5 (23 avaliações)
Benjamin
R$70
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Chien ling
5
5 (14 avaliações)
Chien ling
R$96
/h
Gift icon
1a aula grátis!
York
5
5 (18 avaliações)
York
R$130
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Henrique
5
5 (12 avaliações)
Henrique
R$70
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Lin
5
5 (16 avaliações)
Lin
R$70
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Leticia colombo
5
5 (9 avaliações)
Leticia colombo
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Ma
5
5 (15 avaliações)
Ma
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Rodrigo
5
5 (15 avaliações)
Rodrigo
R$30
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Benjamin
5
5 (23 avaliações)
Benjamin
R$70
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Vamos lá

Mandarim: por que fazer um curso do idioma?

Alguns acreditam que assimilar o chinês é um dos melhores investimentos que você pode fazer. Isso pode parecer hiperbólico, mas os números confirmam isso.

A China é uma das economias de crescimento mais rápido nas últimas 2 décadas. Está moldando o entretenimento, os negócios e até a política em todo o planeta. Embora haja muitos falantes de inglês morando na China e em outros países que têm o mandarim como oficial, você encontrará mais pessoas que não o fazem. Além disso, mesmo se alguém for bilíngue, não há som mais doce do que ouvir sua língua nativa.

Então, hoje, vamos compartilhar com vocês os 10 principais benefícios de conhecer ideogramas de mandarin. Alguns você já deve estar ciente e alguns podem até surpreendê-lo. De qualquer forma, será aquele impulso extra de que você precisa para finalmente dar o salto para dominar o mandarin.

Pronto para conhecer os 10 principais benefícios de fazer um curso de mandarin e dominá-lo rapidamente? Então vamos lá.

Faça um curso de mandarim rj!

1. Comunicar-se com mais de 1 bilhão de pessoas

Chineses fazendo compras na rua.
Já pensou conseguir interagir com mais de 1 bilhão de pessoas?!

Como mencionamos, o mandarin bate recorde em termos de quantidade de pessoas que o dominam. Em qualquer lugar que você viaje ou more dentro desse mundão, certamente encontrará um colega que fala mandarin ao seu redor. Dominar mandarim abrirá instantaneamente oportunidade para que você se comunique com mais de 1,2 bilhão de pessoas em qualquer lugar do planeta!

2. Abrir novas oportunidades de emprego em em qualquer lugar do mundo

A capacidade de se comunicar com mais de um bilhão de pessoas tem um grande valor no mercado de trabalho. Obviamente, isso inclui empresas na China e em outros países que falem mandarim aos quais você possa se interessar.

Empresas em todo o planeta estão se esforçando para entrar no mercado asiático, e você imediatamente se diferenciará se souber falar mandarin.

3. Apreciar a comida típica da região como você nunca o fez antes

Ama dimsum, wontons e arroz frito?

Quando se trata de avaliar a qualidade dos restaurantes de comida típica desta grande nação oriental, o sinal número um é observar o quanto de inglês está no cardápio. Quanto menos inglês - e mais mandarin -, mais autêntica a comida vai ser.

Dito isso, se você realmente quiser fazer um pedido com confiança em um restaurante raiz, precisará dominar pelo menos o básico para conseguir escolher sua refeição.

4. Obter vantagem competitiva no mundo dos negócios

Texto impresso todo escrito em mandarim chinês.
Você com certeza vai se destacar no seu trabalho ao conseguir ler um contrato escrito assim (além de agradar muito mais seus clientes sinófonos!)

Além de ganhar vantagem em sua carreira, dominar mandarin é uma ótima opção para os negócios. Quer você seja proprietário de uma empresa ou esteja procurando entrar no mercado, o futuro dos negócios está na China. Quer você goste ou não, este país é o primeiro lugar que qualquer grande empresa deve procurar se quiser se internacionalizar.

Esta é a sua oportunidade de dar aquela passo à frente.

5. Construir relacionamentos mais fortes com colegas de trabalho e clientes chineses

Embora o inglês seja amplamente ensinado e falado entre os falantes de mandarin, poucos podem realmente falá-lo com confiança. Vai se passar muitas décadas antes que a maioria dos falantes de mandarim possa falar português ou inglês, e isso também reflete o lado conservador dos costumes desta parte do oriente.

Além dos relacionamentos que você pode formar na vida real, há uma necessidade ainda maior no espaço online. Ao contrário de outros países, o governo chinês impõe regulamentações rígidas sobre permitir que os consumidores usem aplicativos não chineses.

Os exemplos incluem o uso de Tudou em vez de YouTube, QQ em vez de WhatsApp e redes sociais como o Facebook não estão disponíveis para uso de habitantes locais.

6. Desfrutar de filmes, programas de TV e música chinesas com autenticidade

Com produtoras como Alibaba Pictures, Tencent Pictures e outras entrando no cenário global, o entretenimento asiático em mandarim está se acelerando rapidamente. Isso está crescendo mais rápido com o advento de canais de streaming como Netflix e Prime Video.

Embora existam legendas para filmes e séries chinesas, as traduções nem sempre fazem sentido. Especialmente porque, na maioria das vezes, elas são traduzidas para o português à partir do inglês, ou seja, pegamos a "tradução da tradução" com legendas direcionadas para o público brasileiro.

Se você deseja desfrutar autenticamente dessas formas de entretenimento em sua mais alta qualidade, sua melhor aposta é dominar o mandarin.

7. Viajar com confiança para qualquer lugar do planeta (e não apenas para a China)

Escadaria chinesa.
Fazer intercâmbio em terras sinófonas deve ser um sonho!

Planejando viajar para a Ásia em um futuro próximo? Então saiba que dominar o mandarin é o que o ajudará a se deslocar e se comunicar facilmente. Mesmo que você não planeje viajar para um país onde ele seja que é oficialmente, pessoas da China estão sempre visitando e migrando para lá.

Você também descobrirá que placas, menus e outras formas de comunicação são fornecidas com traduções em mandarim em todos os lugares na Ásia. Tudo isso para acomodar os milhões de viajantes nativos do mandarin que rodam pelo continente.

8. Melhorar sua função cerebral

Considerando a diferença entre os ideogramas, os sotaques e a história entre países asiáticos que falam mandarin, e o nosso conhecimento básico dele sem ter tido sessões de ensino prévias, você terá que pensar fora da caixinha.

Isso porque a lógica e a estrutura do mandarim são completamente díspares das que você está acostumado quando fala português. É exatamente é por isso que estudá-lo é um ótimo exercício para o seu cérebro.

Ao tentar compreender e dominar o conteúdo dos seus cursos, a ler, escrever, falar e compreender o que lhe é transmitido, você vai desafiar sua mente como nunca antes!

Temos certeza que você se sentirá estimulado pelo novo conhecimento que estará acumulando, já que à medida que o conhecemos melhor, mais fascinante ele fica.

9. Dominar o mandarim não é tão complexo quanto se imagina

Não se deixe intimidar pelo fato de você pensar que o mandarim é impossível de ser assimilado por nós lusófonos, pois isso é mentira.

Apesar da diferença entre ideogramas e letras do nosso alfabeto na hora de ler e escrever, a maioria das pessoas superestima o quão complicado é realmente compreender e dominar o mandarim.

Sim, existem desafios para conseguir desbravá-lo. O maior deles é provavelmente porque, enquanto o português usa a escrita fonética, o mandarin é composto de pictogramas e ideogramas semifonéticos.

A boa notícia é que essa é a coisa mais difícil com a qual você vai ser deparar ao se lançar nesta aventura. Isso sem contar que ainda existem coisas que você não precisa dominar, como tempos verbais, gêneros e outras gramáticas simples que são necessárias para a maioria dos outros idiomas.

Considerando quanto tempo um aluno de um novo idioma normalmente gasta aprendendo gêneros, tempos verbais e outras regras gramaticais, você contornará tudo isso quando se deparar com suas lições de aprendizado.

10. Ter acesso a diversos recursos de ensino

Placa de trânsito com texto chinês.
Já pesou alugar um carro em Pequim e se deparar com isso? Se você for um aluno dedicado, então vai saber pra onde ir!

Talvez o mais importante na hora de se lançar nesta aventura sejam os recursos que você encontrará à sua disposição.

Como o mandarim é o idioma mais falado no planeta, ele também oferece opções de aprendizagem poderosas, incluindo aplicativos e conteúdos em diversos canais do youtube, por exemplo.

‍Rype, por exemplo, é um site que conecta você a verdadeiros professores profissionais nativos, e tudo isso sem precisar sair do conforto da sua casa. Com apenas alguns cliques, você pode ter acesso a uma aula individual com um professor particular, tudo de maneira personalizada.

Existe ainda o aplicativo gratuito Duolingo, tão famoso dentre as pessoas que gostam de uma aprendizagem mais leve através do smartphone.

Isso sem falar nas infinitas possibilidades de vídeos do YouTube. Se você se lançar na descoberta desta plataforma, temos certeza que você encontrará um canal com uma metodologia e um professor que te agrade.

Podcasts que falam sobre a aprendizagem do mandarim assim como nos apresentam a diversos aspectos culturais asiáticos ligados a ele também são uma boa opção de exercício para melhorar suas habilidades entre uma sessão de ensino e outra.

Ah, e lembre-se que na nossa plataforma do Superprof você ainda pode encontrar um professor particular de mandarim para te dar aula presencial ou aula online, tudo bem perto de você!

O mandarim é simples de aprender?

O mandarin pode sim ser uma língua complexa para os falantes de línguas latinas. Mas fique tranquilo, pois nosso idioma também não é assim tão simples de ser dominado pelos estrangeiros.

Então, vamos ver cinco razões que mostram que o mandarin não é tão complicado de entender. Se você não sabe o básico do mandarim, ficará surpreso com o que segue.

Sinais chineses e o método simples de pinyin

Caligrafia chinesa, um teste real para avaliar nossa motivação quando tomamos a decisão de estudar essa língua estrangeira.

Vamos analisar juntos a imagem abaixo. Os caracteres chineses não parecem simples para um iniciante.

Então, como analisar e identificar a caligrafia em mandarin?

Você não entende esses sinais? Saiba que existe um método para entender os caracteres chineses!

Para você não se sentir abandonado em sua aprendizagem do mandarin, descobrimos para você um método que facilita a compreensão dos signos chineses.

Faça um curso de chines aqui.

Faça aulas de chinês
Aprenda mais sobre essa nação tão maravilhosa através de um intercâmbio linguístico. Se isso for muito caro, então por que não um site que tenha cursos grátis para você começar a dominar o chinese?

Não ser capaz de ler um caractere pode assustar muita gente. É principalmente por essa razão que a maioria dos ocidentais acha que entender e se comunicar em mandarin é uma missão impossível.

A primeira coisa a fazer é simplificar o alfabeto. Uma maneira simples de fazer isso com o alfabeto latino é usar o pinyin.

O pinyin é um método que usa as letras que usamos todos os dias para construir palavras em chinês.

Com o pinyin, a compreensão dos caracteres chineses é mais simples e mais simpática para os falantes de língua latina.

Os tons chineses

O mandarim tem quatro tons distintos. Isso quer dizer que, para a mesma palavra, pode haver quatro significados diferentes.

Essa notícia te assusta?

A nós também, no começo. E, então, no SuperProf, decidimos abrir o jogo:

Você sabia que até mesmo alguns chineses não fazem os tons quando falam em seu dialeto local?

Não estamos sozinhos em atender o problema dos tons no curso de mandarim. O mais importante é se fazer entender e mesmo que você tenha dificuldades para identificar os quatro tons no começo, nós prometemos que poderá se comunicar facilmente em com Jet Li ou Jack Chen.

Com uma Ferrari você tem a classe internacional. Mas com um Uno Fiat, você circula do mesmo jeito com facilidade.

Você deve ter o mesmo estado de espírito quando quiser aprender chinês de maneira lúdica.

Identificar e dominar os quatro tons é ter uma classe mundial. Não os compreender ainda, não é de modo algum uma desvantagem para assimilar e praticar o mandarim da vida cotidiana.

Para facilitar o aprendizado na aula de chinese, não pense nos tons como um problema, mas como uma maneira de melhorar seu comando dessa língua.

Será que a língua chinesa é mais simples que a nossa?
Quem disse que a gramática do mandarim era complicada?

Gramática chinesa

Para todos aqueles que tiveram problemas para compreender a conjugação do espanhol ou para todos os estrangeiros que aprendem desesperadamente o português, o mandarin é o oposto de todas essas complicações.

No mandarin, gramática e conjugação não existem. Nomes e adjetivos não concordam em gênero, número e grau. Não pode ser mais simples!

Não desista do aprendizado da língua chinesa
Nem sempre é evidente identificar o que significam os ideogramas em mandarin

Por exemplo, ao invés de colocar um "s" quando se fala no plural, em mandarim tudo é fixo no singular.

Tomemos o exemplo de vários cães. Os brasileiros, escrevem "esses cães", enquanto os nativos do alfabeto sínico vão falar "esses cão".

Nós não dizemos "um homem" mas um "homem macho".

Em relação à conjugação, é muito simples. Nós não dizemos "eu como", "você come", "nós comemos" mas "eu comer", "você comer", "nós comer".

Não há tempo também. Se você quer dizer "vamos comer amanhã", então em mandarin significa "nós comer amanhã".

Nós concordamos com você, é bem mais simples e desconcertante em comparação com a língua portuguesa.

O bom senso do vocabulário

A pronúncia e memorização de palavras são questões que enfrentamos na aprendizagem de línguas.

Isso não é necessariamente específico para o idioma chinês. É tão complexo para um nativo entender uma palavra no nosso idioma.

Mas, em geral, o vocabulário deles é bastante simples porque é construído logicamente. Depois de conhecer um vocabulário básico, seu aprendizado será simples e rápido.

Conforme você avança, ficará surpreso ao ver que muitas palavras novas são simplesmente uma combinação de outras básicas que você já memorizou.

Para simplificar nosso exemplo, vamos fazer um jogo, com um pouco de lógica e senso comum, seu papel será adivinhar o que está escrito abaixo:

  1. 电脑 diàn-não = eletricidade + cérebro = ?
  2. 电话 diàn-huà = eletricidade + fala = ?
  3. 电视 diàn-shì = eletricidade + ver = ?
  4. 变色龙 biàn-sè-lóng = mudar + cor + dragão = ?
  5. 长颈鹿 cháng-jĭng-lù = longo + pescoço + rena = ?
  6. 猫头鹰 māo-tóu-yīng = gato + cabeça + águia = ?
    (As respostas estão no final deste post!)

Duas alternativas para aprender chinês fácil e rápido

Para ter facilidade em assimilar fala e escrita, você tem que praticar e treinar diariamente! Então, há um método radical para os aventureiros...

Etapa 1: viajar para a China

Seja em um ambiente escolar, em um intercâmbio universitário, para o trabalho ou para o seu prazer de descobrir a culinária chinesa durante uma viagem cultural, a maneira mais simples e rápida de progredir em mandarim é se estabelecer temporariamente na China.

Há muitas empresas com relações comerciais com o Brasil que têm sede na China. Por que não fazer uma pesquisa e enviar o seu currículo?

Passo 2: Fazer um curso de mandarim na China

Viajar para a China para fazer um curso de mandarin, por que não? Já imaginou ainda fazer um intercâmbio na terra do inspirador Confúncio?

Entre a tradição e a modernização, estudar na China será uma ótima maneira de facilitar seu conhecimento sobre esse império.

Se você não tem dinheiro suficiente para pagar por um instituto de idiomas na China, a SuperProf recomenda uma troca simples entre um chinês.

Sugerimos que você encontre um estudante chinês que queira se lançar na aprendizagem do nosso idioma. Em troca, você esperará dele sessões de ensino de chinês da forma mais simplificada possível.

Faça aulas de mandarim
Já pensou em fazer uma aula de culinária para aprender chinês?

Há sempre uma maneira de facilitar a absorção de conhecimentos ligados a um idioma. Além do progresso, você incrementará sua vida diária com novos encontros.

É simples estudar chinês no Brasil?

Onde é possível estudar mandarin em terras brasileiras? A questão é legítima se o seu objetivo é dominar o mandarin rapidamente. E se a gente estudar mandarim como autodidata? É possível?

Institutos de língua chinesa

Muitas escolas estão crescendo no território brasileiro. É uma maneira simples de assimilar o básico com curso de chines enquanto progride rapidamente.

As mais conceituadas são escolas como o Instituto Confúcio. Esse instituto de idiomas oferece cursos intensivos de chinês para progredir com facilidade e rapidez.

Chinês na universidade

Não há aula de mandarim somente em universidades no Rio de Janeiro e em São Paulo. A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em Belo Horizonte é uma das melhores universidades para assimilar com facilidade e rapidez todas as sutilezas do mandarin.

Os diplomas de idiomas concedidos por essas universidades são reconhecidos nacional e internacionalmente.

Aprenda chinês simplesmente com um professor particular

Com a emergência do chinês, os professores do idioma também fizeram sua aparição para o bem maior dos amantes desta linguagem.

Por que fazer sessões particulares de mandarin é importante? Reserve uma aula com um professor particular para aumentar sua velocidade de progressão em chinês!

Ter um professor particular é garantir um ensino facilitado das línguas modernas. É um acesso fácil e rápido ao conhecimento.

Há pelo menos um professor particular de chinês nas principais cidades brasileiras.

Para aqueles que querem dominar o chinês facilmente, você com certeza vai encontrar o professor ideal para ministrar um curso da disciplina. As sessões de ensino de chinês serão de uma grande serventia.

Graças a plataformas como o Superprof, é cada vez mais simples encontrar um professor de chinês perto de você. Já pensou em fazer curso de mandarim online?

Resposta ao jogo:

  1. computador
  2. telefone
  3. TV
  4. camaleão
  5. girafa
  6. coruja.
>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou desse artigo? Deixe uma nota!

4,33 (3 note(s))
Loading...

Carolina

Jornalista, pós-graduada em mídias digitais, mestre pela Sorbonne (França) em turismo, patrimônio e meio-ambiente. Minha formação em diferentes áreas permite que eu escreva com liberdade e interesse.