Dançar é uma forma dos idosos se manterem ativos, evitar a solidão e a depressão. Dançar faz bem para a saúde física e mental. Diversos estudos e artigos científicos demonstram os inúmeros benefícios da dança na vida dos sêniores. Dançar faz bem em qualquer idade, mas para os mais velhos, as vantagens são incontáveis.

Para usufruir dos prazeres que a dança pode lhe proporcionar, você pode fazer sua inscrição em um curso de dança, fazer aula de dança em casa, fazer aula de dança em uma escola ou academia especializada, procurar um professor particular, frequentar bailes dedicados à terceira idade... Temos várias opções disponíveis.

E quais são as principais danças procuradas pelas pessoas com idade mais avançada? O idoso pode arriscar-se em qualquer modalidade? Há aquelas que adaptam-se melhor ao gosto da pessoa idosa? Vamos trazer para vocês os queridinhos da terceira idade no decorrer deste artigo.

Dança de salão, forró, gafieira, jazz e até balé. Cada dia a procura fica mais diversificada e há mais professores que oferecem aulas específicas para as pessoas mais velhas. Fique por dentro de cada modalidade e escolha a sua preferida, mas não deixe de colocar o corpo e a mente em movimento.

Os melhores professores de Dança disponíveis
Bárbara
5
5 (25 avaliações)
Bárbara
R$100
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Mychelle
5
5 (29 avaliações)
Mychelle
R$120
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Alvaro luiz
5
5 (17 avaliações)
Alvaro luiz
R$80
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Gregory
5
5 (23 avaliações)
Gregory
R$75
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Karenina
5
5 (23 avaliações)
Karenina
R$120
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Erika
5
5 (14 avaliações)
Erika
R$85
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Carolina
5
5 (15 avaliações)
Carolina
R$95
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Patricia
5
5 (18 avaliações)
Patricia
R$120
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Bárbara
5
5 (25 avaliações)
Bárbara
R$100
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Mychelle
5
5 (29 avaliações)
Mychelle
R$120
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Alvaro luiz
5
5 (17 avaliações)
Alvaro luiz
R$80
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Gregory
5
5 (23 avaliações)
Gregory
R$75
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Karenina
5
5 (23 avaliações)
Karenina
R$120
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Erika
5
5 (14 avaliações)
Erika
R$85
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Carolina
5
5 (15 avaliações)
Carolina
R$95
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Patricia
5
5 (18 avaliações)
Patricia
R$120
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Vamos lá

Aprender dança de salão na terceira idade

A dança de salão é certamente a mais procurada pelos sexagenários. Seja o samba de gafieira no Rio de Janeiro, forró no nordeste, tango no sul, mambo, passo doble ou bolero. De norte a sul do Brasil, o que não faltam são opções de ritmos para a dança de salão. É uma excelente aliada para quem a pratica de forma regular, funcionando com um exercício aeróbico de baixo impacto, ótimo para a manutenção do peso e desenvolvimento psicomotor. Ajuda a melhorar a respiração, a circulação, a musculatura, o equilíbrio e a postura.

Além de todas essas vantagens para o corpo físico, a dança de salão pode proporcionar também melhora da parte psicológica, já que torna a vida social do idoso mais ativa, proporcionando momentos de descontração com amigos e aumentando assim a longevidade. Além de ser uma atividade física, é uma verdadeira terapia.

Não seja apenas expectador, entre você também na dança. | Imagem: Morguefile

Mesmo que você nunca tenha dançado, ou já tenha se passado muitos anos desde a última vez que dançou, nunca é tarde para começar ou recomeçar. E fazer aulas de dança vai trazer mais segurança para que você volte a frequentar os bailes. Tanto nas aulas, como nos bailes, você terá a oportunidade de conhecer outras pessoas, fazer novas amizades e principalmente divertir-se.

Se você não tem uma academia de dança na sua rua, entre em contato com um dos nossos SuperProf e agende uma aula experimental. Um grande número de professores de dança oferecem uma primeira aula grátis, para que você possa conhecer a metodologia de ensino. Você pode optar pela aula online e dançar no jardim ou na sala de casa. Aproveite a oportunidade para solicitar informações de como são as aulas, qual o plano de aula de dança para idosos ele oferece, quais os tipos de dança ele ensina e o que pode ser melhor para iniciantes da melhor idade na modalidade.

Dois pra lá, dois pra cá: forró na terceira idade!

Essa dança tão brasileira, original do Pernambuco, que foi disseminada primeiramente no nordeste e depois em todo o Brasil, é certamente um queridinho dos senhores e senhoras brasileiros. Forró é usado para denominar vários gêneros musicais como o xote, xaxado, baião ou arrasta-pé.

A dança do xote, dois pra lá, dois pra cá, é o passo mais característico e praticado do forró. É uma modalidade super possível para os idosos de todo o país, afinal, já estamos muito familiarizados com essa dança tão típica no Brasil. Se você gosta do ritmo e sempre dançou ao som de Luiz Gonzaga e Elba Ramalho, essa pode ser a sua escolha.

Aula de dança para idosos
Dançar junto, separado ou em grupo, o importante é movimentar-se no ritmo da música. | Imagem: StokSnap

Se você é iniciante na modalidade, você pode procurar uma academia de dança e fazer a sua matrícula em um curso de forró. Há também a opção de procurar um professor particular. Aqui na SuperProf temos diversos professores disponíveis que podem te atender em casa ou de forma online, com um preço que certamente cabe no seu orçamento.

Como dissemos, a dança na terceira idade está entre o exercício físico mais recomendado pelos médicos, e pode melhorar tanto sua condição física como aumentar a qualidade e expectativa de vida. E fazer um ritmo animado e familiar como o forró, pode ser uma excelente opção. A prática da dança ajuda a fortalecer os músculos, melhora o equilíbrio, tem impactos positivos na memória, além de ser uma aliada na melhora da saúde emocional.

Aula de jazz para quem tem mais de 60 anos

Uma outra modalidade que antes era praticada apenas pelas pessoas mais jovens, mas que tem ganhado adeptos da terceira idade é o jazz. O jazz recebe influência de outras danças como o balé e a dança contemporânea.

Indo de encontro com o estilo musical homônimo, o jazz é uma forma de expressão pessoal, de estilo improvisado, que ganhou popularidade no final do século XIX principalmente entre a população negra estadunidense. Mas o estilo também é bem popular no nosso país, chegando por aqui nos anos 30 e ganhando popularidade nas décadas de 50 e 60. Já nos anos 80 e 90 o jazz ganhou os estabelecimentos de ensino da dança, angariando o seu espaço nas academias de dança clássica e/ou contemporânea.

Aula de jazz para idosos
A origem da dança é associada ao estilo musical jazz. Movimentos livres e improvisados são suas principais características. | Imagem: Pixabay

Com movimentos mais livres, apesar da origem da dança ter acontecido junto ao estilo musical, as coreografias não são necessariamente acompanhadas desse estilo de música. Esse certamente é um ritmo que pode devolver vitalidade para quem o pratica.

Um professor certificado e competente é capaz de montar um plano de ensino de dança tanto para iniciantes como para pessoas que já dançam há mais tempo. Procure por cursos de jazz para idosos ou aulas compatíveis com a sua faixa etária e divirta-se colocando o corpo em movimento.

Fazer atividades prazerosas é um primeiro passo para que exercitar-se vire uma rotina.

Outros tipos de dança recomendados para a terceira idade

Dançar inclui decorar movimentos, entender o espaço a sua volta e lembrar uma coreografia. Tudo isso, trabalhando em conjunto corpo e mente. A partir da realização dessa atividade tão prazerosa, você pode prevenir o envelhecimento, melhorar sua qualidade de vida, eliminar dores e sentir-se mais disposto. Essa disposição pode ajudar nos serviços do dia a dia como arrumar a casa, cozinhar, lavar louça e até mesmo levantar da cadeira, da cama ou do sofá.

Vale ressaltar que, uma coisa importante antes de começar a colocar seu corpo em movimento é fazer um checkup. Avaliar seu ritmo cardíaco, pressão arterial, articulações e estado geral de saúde. Converse com seu médico ou cardiologista e veja qual a melhor atividade para a sua realidade. Evite lesões ou outros problemas de saúde. Modalidades de dança como o zouk, que possui muitos movimentos de cabeça, não são indicados pois podem causar tonteiras e desequilíbrios.

Aula de danca para idosos
Aulas de dança para idosos ajuda no envelhecimento saudável. | Imagem: Unsplash

A lei aqui é ser alegre. Veja então quais são os outros tipos de dança muito populares entre os mais velhos:

Zumba: de origem latina é um ritmo divertido e também indicado para os idosos, por ser uma modalidade que possui movimentos seguros para as articulações.

Balé: engana-se quem pensa que balé é apenas para as crianças e os jovens. O balé tem ganhado adeptos na fase adulta e porque não entre os idosos? Auxilia na flexibilidade, alongamento e no fortalecimento muscular.

Tango: de origem argentina, essa dança cheia de sensualidade e movimentos precisos pode auxiliar na recuperação da autoestima na terceira idade.

Bolero: esse ritmo cubano e com vertentes espanholas é mais lento e romântico. Por essa razão, ele ganha bastante adeptos no grupo dos sêniores.

Tanto o tango, como o bolero, são modalidades de dança de salão.

Dança do ventre: popularizada no oriente médio, a dança que imita os movimentos de uma serpente, pode ser também praticada por essa faixa etária.

Dança sênior: modalidade criada especialmente para as pessoas mais velhas, é uma dança pensada justamente para essa faixa etária. Com ritmos mais lentos é uma modalidade muito indicada pelos médicos e geriatras.

Já pensou em fazer uma aula de zumba para iniciantes?

Chegar a essa fase da vida significa muito e é um privilégio. Mas é importante envelhecer de maneira saudável e se reinventar. São muitas opções factíveis na dança e que podem ser incluídas na rotina da pessoa idosa. Consulte seu médico no seu próximo atendimento, procure um professor certificado e preferencialmente com experiência em danças para idosos e esteja pronto para entrar em campo, ou melhor, para rodopiar na pista.

Estudar e praticar a dança pode deixar seus dias mais alegres. Saia da zona de conforto e escolha o ritmo musical que mais te agrada.

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou desse artigo? Deixe uma nota!

4,00 (2 note(s))
Loading...

Camila

Administradora, mineira, mãe, cursando Mestrado em Economia e Gestão da Inovação em Portugal. Apaixonada por viagens e pela vida, me arrisco na cozinha, amo conhecer pessoas e passear em dias frios com sol.