Um provérbio bretão diz que "quem ouve muito a previsão do tempo, passa a vida sem sair de casa".

Se você procurar em um guia de viagem quando visitar Pequim para suas próximas férias, certamente verá que as melhores estações são a primavera ou o mês de setembro.

Muitas pessoas preferem, de fato, visitar a cidade entre abril e maio ou setembro e outubro. Se o clima é uma variável importante para chegar a Pequim, também é necessário considerar os períodos de afluência relacionados aos eventos culturais e à tradição chinesa.

Então, afinal, quando visitar a capital da China? Aqui está o nosso mini-guia!

Visitando Pequim: o clima da capital chinesa

Capital da República Popular da China - em contrapartida à República da China em Taiwan -, Pequim ou Beijing está localizada no nordeste do país, a latitude de 39° norte ou em paralelo equivalente a Ancara (Turquia), Nápoles (Itália), Valência (Espanha) ou Nova York (Estados Unidos).

A capital chinesa fica a 110 quilômetros do mar de Bohai, cercada por montanhas e perto da Grande Muralha da China, que outrora formou a fronteira norte do território chinês.

O clima de Pequim é continental, com invernos frios e secos e verões quentes e úmidos: as temperaturas do verão às vezes podem exceder os 45°C durante ondas de calor; e os períodos de frio no inverno podem causar a queda da temperatura até -25°C.

Entender o clima na capital chinesa é a melhor forma de definir quando visitá-la.

Além disso, o ano em Pequim é marcado por uma alta precipitação no verão, com 160,1 e 138,2 milímetros em julho e agosto: chove em dois meses cerca de 50% de toda a precipitação do ano (média de 532 mm por ano).

Isso equivale a 13 dias de chuva em julho, para uma temperatura média de 27°C: você entenderá que o calor - escaldante no verão - se torna ainda mais sufocante à medida que a atmosfera é úmida.

Por outro lado, os relatórios meteorológicos de Pequim mostram uma temperatura média de 20,8°C em maio e 25,1°C em junho, com temperaturas máximas médias respectivas de 26,7°C e 30,5°C.

A primavera é marcada por poucas chuvas e sol muito generoso: calcula-se entre 230 e 270 horas de sol por mês.

Durante todo o ano, Pequim registra 2.555,9 horas de sol, um nível comparável ao sol anual no Drôme ou nos Pirineus Orientais na França.

No entanto, se é bom andar pelos becos da cidade velha na primavera e em setembro, você também deve saber que a cidade está sujeita a muitos problemas ambientais, notadamente relacionados à poluição (industrialização, tráfego de carros, exaustão de veículos, recursos hídricos, etc.).

De fato, Pequim é uma das cidades com a pior qualidade do ar do mundo.

Você quer visitar a Cidade Proibida - o antigo palácio imperial construído no século XV por Yongle, o terceiro imperador da dinastia Ming -, passear na Praça Tiananmen, descobrir a história da China ou ir a outras cidades chinesas (Tianjin , Nanjin, Xangai, etc.)?

Verifique o clima em cada época do ano e planeje sua visita a Pequim. Você pode também fazer um curso de mandarim para ajudá-lo a se comunicar durante a sua estadia.

Verão e inverno na capital chinesa: que época evitar?

Beijing significa, na língua dos chineses mandarim, a capital do norte, em oposição a Nanjing (ou Nanjin), a capital do sul.

Visite Pequim no inverno

O inverno não é a estação mais recomendada para uma viagem à China, porque as temperaturas são baixas e até congelantes. Os edifícios estão, portanto, superaquecidos o que significa que podemos sofrer amplitudes térmicas significativas entre o interior e o exterior (garganta seca, calafrios, etc.).

Porém, é o período da baixa estação turística, pelo qual haverá muito poucos turistas a visitar os locais essenciais da capital:

  • A cidade imperial;
  • A Praça da Paz Celestial;
  • A Grande Muralha;
  • Os templos, incluindo o Templo do Céu, local de sacrifícios nas dinastias Ming e Qing, listados como Patrimônio Mundial pela UNESCO;
  • O Museu Nacional da China;
  • Os túmulos do Ming.

Outra vantagem de visitar a China no inverno: você pode encontrar uma passagem de avião muito barata com escala na Europa ou Oriente Médio, seja ela até Hong Kong ou Chengdu e muitos descontos nos preços de acomodações, devido à baixa demanda geral por esse serviço no período.

No inverno, as temperaturas na China costumam ser bem frias.

A proximidade com o deserto de Gobi, na Mongólia, reduz a temperatura de -20°C às vezes até -30°C na capital do país: entre dezembro e março, a cidade costuma vestir um pequeno casaco branco, que pode atrair crianças enquanto viajam com a família.

Mesmo para uma estadia curta na China, seja ela para turismo ou um curso de chinês, você terá que encher sua mala de viagem com roupas quentes para enfrentar o frio!

Visite Pequim no verão

Por outro lado, o período de junho a agosto é o mais quente do ano, o mais movimentado e o mais caro: portanto, paradoxalmente, não é o melhor período para ir a Pequim.

Aqui estão as temperaturas médias do verão em Pequim:

  • Junho: 20°C a 34°C;
  • Julho: 25°C a 36°C;
  • Agosto: 26°C a 34°C.

Essas são apenas médias, o que significa que em alguns dias a temperatura pode se aproximar de 45°C. Isso seria, no Brasil, considerado acima do calor que costuma fazer.

A este fator deve-se acrescentar também a umidade do ar, muito alta no verão, e a poluição que suja os pulmões e a pele...

Mesmo que as autoridades chinesas e o Partido Comunista Chinês estejam tentando reduzir o impacto da poluição, Pequim ainda é uma megalópole de 21,5 milhões de habitantes: uma superlotação que pode parecer insustentável para alguns, especialmente se adicionarmos a isso as multidões de turistas!

Em 2017, mais de 60 milhões de turistas visitaram a China!

Portanto, você achará difícil fotografar o patrimônio arquitetônico de Pequim sem ter uma horda de turistas em primeiro plano na foto!

Esses períodos mais lotados podem interferir também na hora de encontrar a sua estadia em Pequim!

Outono e primavera em Pequim: a melhor época?

Finalmente, você deve saber que um país como a China tem uma temporada muito curta de outono: deixamos o verão abrasador para chegar rapidamente ao inverno com as primeiras geadas da manhã.

O outono se dá oficialmente entre setembro e outubro mas, dependendo do ano, pode durar apenas dez dias ou uma semana no máximo.

O outono do norte da China é bastante fresco pela manhã e ameno durante o dia, é um período favorável para descobrir os grandes pontos turísticos do país: depois de Pequim, veja Tianjin, Xangai, Xi'An, Chengdu, Guilin.

Esta temporada também é marcada por poucas chuvas, enquanto as temperaturas caem ao longo dos dias. A primavera é a segunda melhor época para visitar Pequim.

Entre abril e maio, a cidade aquece após um inverno gelado, as flores florescem - magnólias, por exemplo - ainda é a estação seca e não faz muito calor: pouco mais de 20°C.

A primavera corresponde à baixa temporada na China, que permitirá beneficiar o turista de taxas vantajosas durante cada excursão, com algumas exceções: por exemplo, em 1º de maio, a China celebra o Dia do Trabalho, que pode dobrar os preços de hotéis e centenas de milhões de turistas lotam os locais turísticos da capital.

A primavera na China é a estação preferida de alguns turistas.

Você está procurando mais informações sobre a China? Algo que vá além do clima e da época? Descubra os diferentes distritos da capital e o que fazer de acordo com os seus gostos.

Você pode também pesquisar por cursos de chinês em sua localidade ou cursos de chinês online.

Datas dos eventos que movimentam Pequim

A China é o país mais populoso do mundo, com uma média estimada em 1,5 bilhão de habitantes. Sentimos informar que será muito difícil encontrar um voo barato durante o Ano Novo Chinês ou no meio do verão.

Você não precisa ser um especialista em chinês para saber quando ir; mas é necessário estar bem informado sobre os períodos de pico, pois isso afetará fortemente sua estadia.

Não se visita Pequim durante os festivais tradicionais chineses, quando se gosta de viajar em paz, por exemplo.

Na medida do possível, é aconselhável evitar feriados, datas comemorativas nacionais, Ano Novo Chinês ou Festival da Lua, bem como períodos de férias escolares.

Aqui está uma pequena lista de festivais tradicionais celebrados em Pequim:

  • Ano Novo Chinês: 24 a 31 de janeiro de 2020, 11 a 18 de fevereiro de 2021 - varia um pouco a cada ano;
  • Feriado nacional: de 1 a 7 de outubro;
  • Dia dos Mortos: 4 a 7 de abril;
  • Dia do Trabalho: 1 a 4 de maio;
  • Festival do Barco-Dragão: 7 a 9 de junho de 2019, de 25 a 27 de junho de 2020 - também variável;
  • Festival da Lua: meados de setembro.

Durante esses eventos, o transporte está literalmente lotado, os preços sobem e as ruas estão muito movimentadas.

Durante o ano novo chinês, por exemplo, centenas de milhões de estudantes e trabalhadores se juntam a suas famílias ao mesmo tempo, de aeroportos, estações e estradas chinesas. Isso causa um deslocamento da população a cada ano, tanto que o evento é comparado às migrações de aves!

Essas festividades dão origem a férias para o "Festival da Primavera" e encontrar uma passagem de avião ou trem fica cada vez mais difícil à época. Os preços do hotel são multiplicados por dois ou três, para você ter uma ideia.

Portanto, é uma semana para evitar, a menos que você queira contemplar as danças de leões e dragões nas ruas ou experimente o yuanxiao durante o Festival das Lanternas (último dia do Ano Novo Chinês).

Se você deseja uma viagem de descanso e tranquilidade, evite as datas comemorativas chinesas.

O Dia Nacional da China ocorre de 1 a 7 de outubro de cada ano. Isso causa picos em locais turísticos e não é realmente o melhor momento para visitar a cidade.

E que tal começar a se programar agora mesmo, fazendo a matrícula em um curso de mandarim?

Precisando de um professor de Chinês ?

Você curtiu esse artigo?

5,00/5 - 1 nota(s)
Loading...

Marcia

Jornalista. Professora. Tradutora. Bailarina. Mãe. Mulher. Dedicada às minhas lutas diárias. Em constante transformação. Escrevo para vencer as inquietações e incertezas da vida.