Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Ferramentas indispensáveis para uma boa aula de canto

De Glicia, publicado dia 27/11/2017 Blog > Música > Canto > Quais instrumentos para acompanhar a voz?

Uma aula de canto tem por objetivo principal o aprimoramento das técnicas vocais e a progressão do aluno. No entanto, as aulas também precisam ser dinâmicas e agradáveis, pois a música é, antes de qualquer coisa, uma paixão. Dessa forma, cabe também ao professor transmitir essa paixão aos seus alunos.

O papel do professor vai além do simples fato de ensinar técnicas vocais. Ensinar o canto é transmitir conhecimentos técnicos, assim como sentimentos e emoções. Cabe ao professor também trabalhar a autonomia de seus pupilos, para que estes possam continuar estudando e melhorando suas técnicas mesmo fora das aulas.

Para isso, nós preparamos uma lista de materiais e ferramentas que você poderá usar para deixar suas aulas ainda mais dinâmicas e atrativas.

Veja também nossa dicas para se tornar coach vocal.

Uso de instrumentos musicais

Para reproduzir uma nota musical utilizando a voz, é necessário ouvi-la antes para, dessa forma, se ter um parâmetro de comparação. Assim, o aluno conseguirá encontrar o tom adequado para sua voz na hora de interpretar as canções escolhidas. Essa tarefa não é tão simples quanto parece, pois cada nota possui um intervalo baseado em uma escala logarítmica. Esses intervalos são medidos em tom ou semitom. Quando o professor usa um instrumento musical para acompanhar o aluno, este último consegue encontrar o tom adequado com mais facilidade. Sendo assim, para um professor de canto, saber tocar algum instrumento é de grande valia.

Instrumentos para acompanhar a voz O instrumento mais usado em aulas de canto é o piano, mas violão e guitarra também podem ser usados para acompanhar a voz.

As aulas de canto são tradicionalmente acompanhadas de um piano, mas se você toca outro instrumento, o uso deste nas aulas pode ser interessante. Aliar o som do violão ou da guitarra, por exemplo, ao som da voz trará outra visão musical ao aluno. Ele será estimulado a pensar de forma criativa e a ver a música de forma mais ampla.

Aprender o canto com um professor que também é músico coloca o aluno numa situação mais próxima da realidade que ele viverá como futuro cantor. Canto e música são duas faces de uma mesma moeda e na maioria dos casos, a voz é aliada à outros instrumentos. Por exemplo, em um casting para integrar uma banda, o cantor dificilmente cantará a capella. Em situações desse tipo, ele será acompanhado pelos músicos da banda em questão.

Outro aspecto interessante do uso de instrumentos musicais nas aulas de canto é o fato de poder acompanhar os alunos quando eles interpretam uma canção. Além de ajudar a encontrar o tom correto, como já ressaltamos a cima, as aulas ficarão também muito mais dinâmicas e prazeirosas para eles.

Apesar de todas as vantagens que o uso de instrumentos apresenta para as aulas de canto, ser músico não é um pré-requisito para se tornar professor. Você pode dar aulas de qualidade sem recorrer ao uso de instrumentos musicais, basta saber escolher as ferramentas corretas.

Descubra qual a melhor formação para se tronar professor de canto!

Partitura: uma ferramenta indispensável

Para que uma aula de canto aconteça, o mais importante é o uso da voz, pois ela é o instrumento principal na interpretação das canções. Se programe e tenha uma boa quantidade de partituras que você utilizará com seus alunos durante as aulas.

Teoria musical A leitura de partituras requer treino e conhecimentos em teoria musical.

Nós aconselhamos que o professor tenha uma boa variedade de canções, de preferência de estilos musicais diferentes: pop, rock, MPB, samba, jazz, sertanejo, etc. A lista é longa e quanto mais diversidade, melhor. Outra coisa importante é ter canções de diferentes níveis de dificuldade de interpretação. Isso vai permitir avaliar a progressão do aluno. Obviamente o professor precisará estar atento ao nível de técnica do aluno. Não é interessante e nem recomendável pedir para um aluno debutante interpretar uma canção que demanda um nível de técnica vocal elevado. Neste caso, opte por canções mais fáceis e vá aumentando a dificuldade aos poucos.

Você deve estar provavelmente se perguntando onde encontrar tantas partituras. Hoje em dia é possível encontrar esse tipo de material na internet. Vários sites oferecem uma grande variedade de arquivos para download. E o melhor, gratuitamente.

Ter conhecimentos em teoria musical ajuda muito na leitura de partituras e na reprodução dos tons. Nem todos os alunos terão esse tipo de conhecimento. Neste caso, o ideal é que o aluno aprenda a teoria musical antes de começar a estudar as técnicas vocais.

Outra opção é escolher um tipo de abordagem metodológica diferente. Você pode ajudar o aluno a desenvolver uma orelha musical. Dessa forma o aluno poderá  interpretar as canções usando apenas a escuta e acompanhando a letra da música.

O ideal é que o aluno possa escolher as músicas que ele gosta e se identifica, por isso a importância de propor um repertório diversificado. Ele se sentirá mais a vontade para interpretar músicas que já conhece.

Se você tem interesse em descobrir onde dar aulas de canto, leia este artigo também!

Qual material utilizar para dar aulas de canto?

Cada professor prepara suas aulas de uma maneira e usa um material de acordo com sua própria pedagogia de ensino. No entanto, certos materiais são necessários e indispensáveis para que a aula flua da maneira correta.

Ferramentas indispensáveis Cabe ao professor definir quais materiais serão adaptados às necessidades de seus alunos.

Se você dá aulas em seu domicílio, você tem a vantagem de poder usar uma maior quantidade de materiais e ferramentas. Professores de canto profissional costumam ter todo o aparato necessário.

Materiais indispensáveis para uma boa aula de canto:

  • Atril, para colocar as partituras e letras de música;
  • Metrônomo, permite medir o tempo e marcar o compasso;
  • Diapasão, para auxiliar na afinação dos instrumentos e da voz;
  • Partituras, para a leitura e reprodução dos tons;
  • Espelho, no qual o aluno se veja e possa, assim, corrigir sua postura;
  • Gravador ou programa de registro de som, para gravar os alunos. As gravações são úteis para avaliar a evolução do aluno e orienta-lo sobre os aspectos que devem ser melhorados;
  • Microfone, para ampliar o som e simular uma gravação em estúdio.

Se o professor tiver recursos financeiros, é interessante investir também em um bom material de som. Muitos alunos de canto sonham em se tornarem cantores profissionais, seja em carreira solo ou fazendo parte de uma banda. Quanto mais profissional for o material oferecido pelo professor, mais o aluno se sentirá confrontado a uma situação real de repetição ou de apresentação em um palco.

Para os professores a domicílio, o computador é uma das melhores ferramentas para uma aula de canto. Além de permitir a leitura de arquivos de som – detalhe muito importante – também permite gravar, baixar músicas, letras e partituras.

Outras vantagens do computador:

  • Como transportar instrumentos musicais para cima e para baixo pode se tornar uma tarefa fastidiosa, o computador permite usar versões instrumentais das canções escolhidas para acompanhar a voz;
  • Gravar os alunos enquanto cantam. As gravações podem auxiliar na avaliação e progressão do aluno;
  • O uso de de programas e suporte para aulas de canto online pode ser interessante para preparar aulas e exercícios de voz;
  • Compartilhar suportes e aplicativos com os alunos.

Se você vai dar aulas a domicílio, um notebook é uma ferramenta indispensável não apenas pela versatilidade, como pela praticidade de poder transporta-lo facilmente. Além do computador, o smartphone, praticamente omnipresente em nossas vidas hoje em dia, também pode ser usado nas aulas. Há uma infinidade de aplicativos que oferecem diversos exercícios de aquecimento e permitem aprimorar as técnicas vocais. Para quem busca praticidade, existem também aplicativos que ajudam a afinar instrumentos. Na falta de um diapasão, essa pode ser uma boa solução .

Um ponto importante a ser considerado quando você for escolher os materiais para suas aulas, é ter em mente que cada aluno tem um objetivo diferente. Se por um lado alunos que desejam se tornar cantores profissionais necessitam ter um aparato maior à disposição, aqueles que querem apenas ter um bom domínio da voz, necessitam apenas aprender as técnicas vocais. Assim, cabe ao professor se adaptar às necessidades de cada aluno e propor aulas personalizadas.

Leia nosso artigo para saber quanto cobrar por suas aulas.

Use a tecnologia a seu favor: aplicativos para aulas de canto

Os aplicativos podem ser grandes aliados para suas aulas. Além de diversificar os métodos pedagógicos do professor, eles trazem praticidade para quem dá aulas a domicílio e recorre ao computador ou smartphone como principais ferramentas.

Uso de smartphone O smartphone, cada vez mais presente no nosso dia a dia, também pode ser um aliado para preparar uma aula dinâmica e atrativa.

Preparamos uma lista com os melhores aplicativos para você instalar no seu smartphone ou notebook:

  • Sing Sharp: mensura a extensão vocal e oferece diversos exercícios de aquecimento com a ajuda de um sensor que indica na tela do seu smartphone se você está atingindo a nota correta ou não;
  • Vocalive: aplicativo para cantar. Trata-se de um gravador que simula uma gravação em estúdio;
  • Vocal Coach: oferece exercícios de aquecimento vocal, cronômetro para exercícios de respiração e indica seu alcance vocal;
  • Smule: traz um vasto repertório de playbacks. Possibilita gravar sua voz ao cantar junto com a música escolhida;
  • Aula Canto: desenvolvido pela cantora e coach vocal Iara Negrete, esse aplicativo traz um formato diferenciado. Na verdade se trata de video aulas sobre diversos tópicos como melisma, extensão vocal, respiração, entre outros. É uma excelente opção para alunos debutantes;
  • Swiftscale: aplicativo profissional e um pouco difícil de usar para quem é debutante. Entretanto, permite que o aluno progrida de forma rápida.

Estes aplicativos podem tanto ser usados durante as aulas, como fora delas. Enquanto professor, seu papel é de ensinar e ajudar seus alunos a evoluirem para alcançar os objetivos estabelecidos. Mas, você deve também dar meios e criar condições para que eles possam praticar o canto fora das aulas. A prática contínua é a chave do sucesso em qualquer área.

Agora que você já conhece as principais ferramentas e materiais usados para ensinar o canto, você pode começar a preparar suas aulas!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar