Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Quais os tipos de alojamentos possíveis na península itálica?

De Fernanda, publicado dia 06/05/2019 Blog > Idiomas > Italiano > Onde se hospedar na Itália?

Quem pode ficar sozinho por um momento na Itália? Cada pedra tem uma voz, cada grão de poeira parece ser o instinto de um espírito do passado, cada caminhada é uma reminiscência de alguma linha, alguma lenda de uma tradição há muito abandonada – Margaret Fuller

Quando ouvimos sobre as Dolomitas, a Costa Amalfitana, as belas praias da Sicília, a gastronomia italiana, ou a Praça de São Marcos, nossa cabeça já imagina viagens incríveis, não é mesmo? A Itália é um destino comum dos brasileiros que viajam para a Europa.

De acordo com a Enciclopédia Larousse, em 1932 havia dois milhões de visitantes estrangeiros na Itália. Em 1950, esse número subiu para 5 milhões, para saltar para 18 milhões na década de 1970 e para 46 milhões em 2011.

Esses dados ilustram o que representa o Lago Maggiore, a Apúlia, a Capela Sistina e a cultura italiana em si. Mas para descobrir este país, é importante saber como fazê-lo.

Então, você sabe qual o tipo de hospedagem mais adaptada à sua estadia na Itália? Isto é o que veremos agora!

Defina o propósito da sua estadia na Itália

Quanto custa uma estadia na Itália? Para avaliar a questão do alojamento, é preciso definir o contexto da viagem na Itália.

Seja o Lago do Como, o Vêneto, o centro histórico de Roma ou a Sardenha…. A Itália garante ser o destino ideal, rico e diversificado. Sim, mas essa riqueza pode às vezes passar batida, especialmente se você não fizer uma boa escolha de moradia.

De fato, entre passar longas férias de família no interior do sul da Itália ou passar dois dias apaixonado em Nápoles, o tipo de acomodação não vai ser necessariamente o mesmo, porque o conteúdo da viagem será diferente. É necessário adaptar a escolha do seu alojamento de acordo com vários critérios:

  • O número de pessoas que irá viajar,
  • O orçamento disponível,
  • As vontades de cada um
  • O projeto da viagem: natureza, cultura, lazer, etc.
  • O tempo que você deseja ficar na casa,
  • O desejo de conhecer a população local,
  • A disponibilidade de alojamento,
  • O período, que muitas vezes corresponde à disponibilidade,
  • E muito mais!

É, portanto, o tipo de viagem que determina em grande parte o tipo de acomodação que vamos escolher. Então, temos que pensar duas vezes antes de reservar qualquer coisa. Sim, tendemos a subestimar a moradia durante uma viagem, e ainda assim é lá que vamos dormir, até mesmo passar algum tempo com algumas pessoas. Pense bem!

Ao planejar uma viagem para a Itália, existem diferentes tipos de alojamento, desde os mais simples, os mais básicos, aos mais caros.

Da Campânia ao Lago de Garda, passando pela Baía de Nápoles e pela Riviera Italiana, estamos aqui em um verdadeiro destino turístico! Embora seja o orçamento que muitas vezes determine o conforto e a escolha do alojamento, aqui estão algumas alternativas para você escolher em sua viagem.

Ficar na Itália com um orçamento pequeno

 Podemos dormir com os italianos? A Itália é um país acolhedor, seja qual for o seu orçamento! É possível curtir e dormir em boas condições sem gastar muito dinheiro!

Seja qual for o seu orçamento, é possível visitar a Itália, sim, sim! Entre o Vesúvio, a Fonte de Trevi e a atmosfera veneziana, até mesmo as pequenas bolsas terão direito a uma estadia digna do nome na Itália. Porque as acomodações são a imagem do país: ricas e variadas! Sem dúvida você vai encontrar uma que satisfaça suas expectativas financeiras e pessoais.

Porque não vamos esquecer que o orçamento não determina tudo, e o conteúdo da viagem também pode influenciar nessa escolha. Um fim de semana de caminhadas em Apúlia não exige as mesmas necessidades de alojamento como dois dias românticos na capital italiana.

Assim, a primeira solução de acomodação possível na Itália, quando se tem pouco dinheiro, é acampar. Então, é claro, este tipo de acomodação é mais para o interior italiano, a Sardenha, as mais belas praias da costa da Sicília, mas tem o mérito de ser barato, e de desfrutar de um ambiente acolhedor.

Não é preciso dizer que, seja qual for o seu tipo de alojamento preferido, quanto maior a antecedência da reserva, mais as tarifas são vantajosas. Camping não é uma exceção a essa regra!

Entre julho e agosto a procura é alta e as vagas são concorridas. Enquanto alguns estabelecimentos oferecem pacotes com tudo incluído, outros cobram um preço por pessoa, entre 10 € e 20 € por dia na alta temporada, e entre 5 € e 25 € por um local.

Naturalmente, a maioria dos parques de camping está equipada para veículos, uma vez que, precisamente, estes estão frequentemente localizados no campo, ou fora das grandes cidades. Nas principais livrarias, também é possível encontrar guias com a lista de todos os campings do país, do mais caro ao menos caro, publicado pelo Touring Club Italiano. Os postos de turismo também são muito úteis, bem como o site de referência Camping.it!

Uma segunda solução poderia ser o Rifugio que, na mesma linha, é voltado para estadas na montanha, como no Val d’Aoste, por exemplo. Aqui, por alguns euros, desfrutamos de um conforto simples, mas de um lar, cuja finalidade é apenas dormir. Depois de longas horas de caminhada pelas montanhas, teremos o maior prazer em encontrar um pequeno refúgio, a maior parte do qual é gerenciado pelo Club Alpino Italiano!

Numa perspectiva completamente livre, o couch surfing é uma solução de alojamento na qual, em troca de alguns serviços, um pequeno presente, ou às vezes gratuitamente, somos acolhidos na casa de locais. Perfeito para conhecer o país italiano de perto, economizando seu dinheiro!

Por fim, você também pode gastar pouco nos albergues da juventude italianos. Estes últimos costumam oferecer serviços de qualidade, conforto bastante aceitável, por preços imbatíveis perto de qualquer cadeia hoteleira. Uma boa alternativa para aqueles que desejam, por exemplo, descobrir o Vaticano, a Torre de Pisa ou o Duomo de Milão da melhor maneira possível.

Estes albergues, chamados Ostelli per la Gioventù, são geridos pela Associazone Italiana Alberghi per la Gioventù, que é afiliada ao Hostelling International. Para se beneficiar dos serviços de um dos albergues, você deve ser um membro e baixar um cartão HI antes de partir, ou na chegada a um dos albergues.

Você pode até baixar o formulário de adesão on-line no site oficial. Uma vez terminada esta etapa, pode reservar o seu quarto ou cama sem problemas, entre 16 € e 30 €, dependendo dos albergues, da cidade ou da época!

Ficar na Itália com um orçamento médio

Um fim de semana em Roma é caro? Com um orçamento médio, você tem muitas opções na Itália, e pode ficar em lugares amigáveis ​​e acolhedores.

Por fim, alguns de nós têm a sorte de saber economizar, ou simplesmente de ter um orçamento mais confortável para moradia. Para essas pessoas, podemos aconselhar especialmente pequenos hotéis, ou o Airbnb, em que um quarto é oferecido em casa de família, ou até mesmo um alojamento inteiro de acordo com bairros e lugares. Soluções que são razoavelmente baratas e que garantem uma boa experiência, onde quer que você esteja na Itália.

Pense também nas pensões, bem difundidas na Itália, que se revelam como uma solução simples e eficaz para um orçamento médio. De fato, quer esteja com amigos ou familiares, é possível beneficiar deste tipo de alojamento, que muitas vezes é muito mais barato que um hotel, e garante conforto e liberdade para andar nas ruas de Bolonha.

No entanto, essas mesmas pensões podem às vezes ser de qualidade desigual. Às vezes é possível confundir com um hotel, e os critérios reais de diferenciação são geralmente muito vagos entre os dois. Simplificando, a pensione é um alojamento de uma a três estrelas, enquanto o albergo (o hotel) chega a cinco estrelas.

Note que as pensões não costumam ter um banheiro individual, nos casos de quartos individuais com um preço inferior a 30 €, e menos de 50 € para um quarto duplo.

Tudo isso obviamente varia de acordo com as regiões da Itália! Sites como Alberghi in Italia ou Hotels web.it são recursos ideais para se informar de acordo com sua experiência!

O mesmo vale para os bed and breakfast (o affittacamere, alugado diretamente do habitante) que, em princípio, de maneira um pouco semelhante, garante passar um bom tempo em Verona, Olbia ou Pisa, em uma acomodação acolhedora e imbuída de um caráter local incomparável. Para fazer turismo rural no sul da Itália, aqui está a solução ideal!

Fique na Itália com um orçamento confortável

Por que ir para a Itália? Quando você tem poucos limites financeiros na Itália, é muito fácil dormir onde quiser, mesmo nos maiores hotéis.

Se, por acaso, o seu orçamento é ilimitado, ou simplesmente confortável, a Itália não vai ter horizontes para você. Nada melhor do que não se preocupar com despesas de hospedagem! Entre os lagos italianos, os copos de chianti, o calor do Carnaval de Veneza, nada é impossível para você!

A primeira e mais cara solução é ficar em hotéis lindos. Há opções em todas as cidades italianas, a preços mais ou menos variáveis, e oferecem conforto absoluto para desfrutar do Palácio dos Doges.

Entre 250 € e 500 €, seja qual for a cidade em que estiver, é possível desfrutar de uma boa cama, com o bônus de uma pequena massagem para alguns!

Um orçamento confortável não é necessariamente sinônimo de moradia cara. Hotéis muito confortáveis ​​a preços mais baixos existem, na cidade, no campo, e garantem uma estadia de qualidade sem deixar a sua carteira.

O mesmo vale para o Airbnb, que, em sua totalidade, é acessível em todo o país, de norte a sul, por uma faixa de preço variável, do mais belo apartamento da Sicília ao estúdio napolitano básico.

Por 50 € por noite, em média, podemos ficar totalmente confortáveis em um pequeno estúdio no centro de Roma, enquanto que por 30 € por pessoa a quatro, teremos acesso a um lindo apartamento em Veneza.

A Itália é um destino ideal para passar bons momentos com a família, amigos ou amantes. Suas paisagens, tão diversificadas, são um convite para ficar e se divertir. Sicília, Sardenha, Roma, Milão, Veneza, muitos lugares para visitar, e as soluções de acomodação, tanto quanto.

Então, pronto para descobrir a Itália? Ela está esperando por você!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar