Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Qual é a duração do aprendizado da batera?

De Carolina, publicado dia 21/12/2018 Blog > Música > Bateria > Quanto tempo é necessário para tocar bateria?

“Você está andando no ritmo, então, isso faz parte da vida cotidiana, e é verdade que é preciso ter convicção de levar essa responsabilidade a sério no banco do baterista”. Chris Coleman

De acordo com um estudo de Malcolm Gladwell em seu livro Outliers: The Story of Success, seriam necessárias 10 mil horas de prática de um instrumento para se tornar um baterista profissional.

Todos os iniciantes não almejam um nível internacional e, para um amador, é bastante lógico dividir esse número de horas por dois ou até três (ou mais). O nível já será muito alto!

Ainda mais fazendo algumas aulas de bateria…

Aprender a bateria ou qualquer outro instrumento musical requer tempo e, portanto, paciência e rigor.

É normal imaginar quantas horas de prática são necessárias para dizer que somos um bom baterista!

Quanto tempo por dia devo praticar a bateria?

Como melhorar com a bateria? A prática intensiva por trás de seu bumbo pode gerar bons frutos!

Para ter uma rápida progressão na bateria, é necessário praticar diariamente. Na escola de música, com um baterista, com um professor de bateria, de maneira autodidata (como aprender bateria?), o importante é treinar todos os dias.

Aprenda a tocar percussão Aulas de batera podem ser importantes no começo

Aprender a tocar este instrumento de percussão não é vem com um piscar de olhos…

E se a bateria tem a reputação de instrumento mais fácil que outros, tire seu cavalinho da chuva. Não é.

Conseguir um bom nível na bateria exigirá tanto tempo quanto qualquer outro instrumento: guitarra, baixo, saxofone, djembê…

Dependendo do estilo de música escolhido, o groove será diferente e o ritmo terá que ser aprendido a cada vez.

O baterista é o guardião do ritmo, sem ele, os outros músicos do grupo tenderão a acelerar ou desacelerar. Você tem um papel crucial e difícil a desempenhar como baterista!

Qual é o tempo de prática diária ideal?

Idealmente, para progredir rapidamente para a bateria, ela deve ser praticada uma hora e meia por dia.

Sim, tocar bateria leva tempo!

E é melhor praticar todos os dias, pelo menos 15 minutos em vez de uma vez por semana durante três horas.

Aliás, descubra os melhores métodos de bateria!

Estou bem ciente que a agenda de muitos está lotada e é difícil encaixar um tempo todos os dias para a prática da bateria. Pode ser difícil de reservar uma hora e meia diariamente de bateria se quiser ter tempo para comer adequadamente, ver amigos ou família e dormir!

Mas, mesmo que você tenha apenas 15 minutos, é melhor que nada. Sinta-se livre para bater ritmos em suas coxas, cadeira ou almofadas durante o intervalo do almoço. Isso é chamado de ruptura ativa em oposição ao intervalo passivo.

A pausa ativa permite que você deixe o seu trabalho por alguns minutos enquanto pratica alguma outra coisa (instrumento musical, desenho, foto, dança, esporte…). A pausa passiva, ao contrário, é passada na frente da tela de seu computador ou em seu celular vendo as redes sociais.

Eu, por exemplo, durante o meu dia de trabalho, danço 15 minutos de maneira improvisada. Por que não fazer isso na bateria? Além de arejar sua mente, você trabalhará sua criatividade!

O que trabalhar na bateria?

Como organizar sua sessão de bateria? Faça uma aula de bateria experimental para ver como o professor divide o seu tempo de curso.

Em uma sessão de bateria de uma hora, é possível dividir sua prática em quatro etapas:

  • Aquecimento do corpo por 10 minutos,
  • Aquecimento do cérebro por 10 minutos,
  • Trabalho técnico por 20-25 minutos,
  • A aplicação musical (o momento de relaxamento) por 10-15 minutos.

Durante os primeiros 10 minutos, faça uma série de batidas, descidas de tons, um tempo regular de chimbal, pratos… O importante é se concentrar em sua postura, suas baquetas e na limpeza do seu som.

Isso é para acordar seu corpo. Mas para acordar seu cérebro, você tem que oferecer um exercício um pouco mais complexo.

Por exemplo, toque a caixa com a mão esquerda para os destros enquanto, com a outra mão – a mão direita para os destros, faça outra coisa nas outras batidas. Toque também com o pedal quando quiser.

O exercício parece simples, mas não é! E é importante fazê-lo por no mínimo dez minutos para melhorar sua capacidade de concentração.

A parte mais longa é dedicada à prática. Por 20 a 25 minutos, você se concentra em um elemento técnico de sua maneira de tocar:

Faça aulas de percussão para iniciantes Quanto meses são necessários para tocar o básico da batera?

  • Paradiddle e outros rudimentos,
  • Uma música que você quer aprender,
  • Um novo ritmo de rock, jazz, funk ou bossa nova,
  • Um trabalho de velocidade com o pé…

O importante é estar muito focado ao longo desse estágio. Comece tocando muito lentamente ao ritmo do metrônomo e decompor todos os seus gestos para assimilá-los.

Aumente a velocidade somente quando chegar lá e pratique por 25 minutos. Não diga que você domina a técnica nos primeiros 10 minutos…

O importante na sua evolução é permanecer firme e consistente. Essa regularidade e constância são adquiridas pela repetição.

Finalmente, dê a si mesmo 10 minutos de aplicação musical: acompanhe uma nova música ou toque como se estivesse em uma audição de música. Deixe de lado sua inventividade. Seu objetivo é estar certo sobre a música.

Prática ou diversão com a bateria?

Como começar os aprendizados para ser baterista?

Ler uma partitura não é divertido, mas tenha certeza que isso torna a aprendizagem mais fácil!

Bateria eletrônica ou bateria acústica, com ou sem curso de bateria, hard rock ou folk, saber tocar esse instrumento leva tempo.

Para se divertir tocando, você deve adquirir um mínimo de técnica.

Mas fique tranquilo: é possível se divertir depois de apenas algumas horas de prática.

A coisa toda é começar do começo: os ritmos de rock e especialmente o poum-chak.

Então, é claro, a prática é essencial. Consiste em concentrar-se em técnicas que não sabemos executar para progredir mais rapidamente.

Assim, não descansamos em nossas conquistas e aprendemos todos os dias.

Por outro lado, a prática leva tempo. E se você puder gastar 20 minutos a cada dois ou três dias, já é muito.

Você certamente verá a diferença.

Se você tiver apenas 10 minutos no seu dia, você pode trabalhar uma música ou um novo rudimento.

Para mim, não podemos realmente nos opor à prática e ao prazer de tocar, já que um não existe sem o outro.

Você não pode se divertir tocando sem saber nada sobre a bateria. Por isso, é importante sempre ir além nas técnicas de bateria, ultrapassar a si mesmo. Esses são valores essenciais para a música!

Já comprou a sua bateria? Ludwing, Odery, Tama

Os verdadeiros fãs podem passar 8 horas atrás da bateria sem reclamar.

Mas cuidado, isso não deve se tornar uma tarefa. Você não deve se sentir obrigado a ir atrás dos tambores. Se não, o prazer de tocar estará totalmente ausente, a motivação cairá e você não vai melhorar.

Portanto, mesmo que às vezes você precise se forçar a praticar esportes ou tocar, quando estiver tocando, normalmente se sentirá bem. Se esse não for o caso, a bateria pode não ser para você!

Aulas de batera para nível avançado? As baquetas estão te esperando!

Como ter o hábito de tocar sempre a bateria?

A melhor maneira de melhorar com a bateria sem perceber é criar um hábito.

Quem sabe pode se tornar um baterista sem fazer aulas?

O que é um hábito?

É algo que você faz todos os dias sem pensar nisso.

Por exemplo, qual é a primeira coisa que você faz de manhã?

Eu pego meu telefone e olho meus e-mails antes de levantar para tomar café da manhã.

Muitas vezes, pensamos que estamos com pouco tempo.

A não ser que você seja um ministro, é sempre possível arrumar um tempo. A falta de tempo é, na maioria das vezes, relacionada a falta de organização. Portanto, não ter tempo e não organizá-lo bem não é a mesma coisa.

Para encontrar tempo, você tem que observar a sua programação.

Abra a sua agenda e comece a anotar tudo o que você faz em um dia que não é substituível.

Por exemplo:

  • 7h30: acordar,
  • 7h30-8h: café da manhã e preparação,
  • 8h-8h30: trajeto para o trabalho,
  • 8h30-12h30: trabalho,
  • 12h30-13h30: pausa para almoço,
  • 13h30-17h30: trabalho,
  • 17h30-18h: trajeto de volta para casa,
  • 18h-18h30: ajudar as crianças a fazer a lição de casa,
  • 18h30-19h: preparação da refeição,
  • 19h-19h30: refeição,

Como criar bons hábitos atrás de sua bateria? Aprender a tocar em grupo pode ajudá-lo a melhorar!

Não perca tempo e faça aulas de batera Ser um baterista requer tempo e dedicação

Várias perguntas já podem ser feitas para encontrar tempo:

  • O trajeto é de carro ou transporte público? Podemos aproveitá-lo para escutar música e tentar decompor a parte da bateria (mais fácil no transporte público, especialmente se você puder fazer anotações),
  • Você precisa de uma hora para o almoço? Você pode gastar 15 minutos da sua pausa para praticar alguns rudimentos básicos (sim, mesmo sem bateria!)
  • Você não faz uma pausa para o café de manhã e à tarde? Aproveite até 5 minutos para ler uma matéria sobre bateria, para trabalhar um ritmo, para ouvir uma música…
  • O que você faz depois das 19h30? Você não pode parar um pouco para uma pequena sessão de bateria por uma hora, mesmo duas vezes por semana?
  • O que você faz nos finais de semana? É possível interromper uma ou duas horas para sessões de bateria ou um pouco mais?

Viu como é possível encontrar um tempinho?

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar