Criar um banco de dados,  fazer a diagramação, o layout, desenvolver um aplicativo com web design responsivo... Com o desenvolvimento da economia "digital", a computação é onipresente hoje.

Até a sua avó já criou uma conta no Facebook para dar um "like" nas suas fotos!

Você quer fazer aulas de informática, por exemplo, para aprender o Illustrator (design gráfico vetorial), para aprender a usar softwares 3D como Catia (CAD), Final Cut Pro (edição de vídeo), seja para desenvolvimento pessoal ou formação profissional? Pois bem, nós temos os professores que você precisa!

  • Mas quanto custa?
  • É mais barato fazer aula de informática em casa?

O Superprof traz todas as respostas...

Custos das aulas particulares: alguns números

No Brasil, a procura por reforço escolar e aulas particulares cresce a cada ano, sobretudo em famílias que desejam ver seus filhos cada vez mais preparados para ingressar o ensino superior (vestibular e enem) e para o mercado de trabalho.

Estima-se que o custo médio de uma aula na área de informática seja de cerca de 45 reais por hora: tanto no caso de o professor se deslocar até a casa do aluno ou se o curso particular for a distância (via webcam).

Se analisarmos o banco de dados do Superprof, que registra todas as aulas particulares realizadas por meio de sua plataforma ao longo dos anos, podemos observar que a aula de iniciação à informática está no ranking das 25 aulas mais solicitadas, com mais de mil horas ministradas pelo Brasil.

Hoje, existem cerca de 1.300 professores particulares de informática no Superprof em todo o país.

Mais informações: o custo médio de um curso de iniciação à informática é 46 reais a hora. Para você ter uma ideia, o curso mais popular no portal é o de matemática, com quase 7.000 ofertas em todo o Brasil (44 reais a hora aula em média), enquanto para ensinar a harpa (106 reais a hora) o portal conta com apenas três professores especialistas!

Cursos gratuitos de informática: isso existe?
Não há vergonha em economizar dinheiro para pagar suas aulas particulares e investir nos estudos!

Como comparativo, encontramos em sites específicos aulas de informática cujo preço varia de acordo com a duração:

1 hora: 70 reais,
Pacote de 5 horas: 150 reais,
Pacote de 10h: 220 reais

Você já sabe qual é o equipamento mínimo necessário para começar suas aulas de informática?

O preço das aulas de informática: tudo depende do assunto!

Aqui estão os preços de algumas aulas particulares de computação, classificadas por tipo (informática) e mais abaixo no texto, por software (o mais frequentemente encontrado). Para informações, esses números são extraídos do banco de dados Superprof em 2017.

Preço médio do curso de informatica online ou presencial por assunto e por hora:

  • Design gráfico: 48 reais
  • Banco de dados: 50 reais
  • Desenvolvimento web: 49
  • Programação: 47 reais
  • Linguagens de programação: 46 reais
  • Edição de imagens: 58 reais
  • Telecomunicações: 52 reais
  • Música computacional: 67 reais
  • Animação 3D: 45 reais
  • Iniciação à internet: 45 reais
  • Editoração eletrônica: 60 reais
  • Softwares: 47 reais
  • Infografia: 63 reais
  • Criação de websites: 48 reais
  • Redes sociais: 49 reais
  • Rede de computadores: 48 reais
  • SEO - referenciamento natural - 53 reais

Você tem interesse (ou necessidade) em gastar pouco com suas aulas de informática?

Se fizermos uma análise rápida desses dados, podemos constatar que os chamados cursos "básicos" são os mais baratos:

  • Iniciação na Internet,
  • Uso de sistema operacional,
  • pacotes e softwares de escritório (editor de texto, planilhas, etc.).

Os preços, em seguida, aumentam com programação, linguagens e algorítmicos (animação 3D, criptografia, Java, Unix, etc.).

Os cursos de informática mais procurados

No que diz respeito à criação e otimização de sites em relação aos principais motores de busca, os cursos de SEO (referenciamento natural) estão em grande demanda e, portanto, os custos podem aumentar. Os melhores desenvolvedores de TI são mais solicitados, mesmo que estejam cada vez mais competindo com países como a Índia ou as Ilhas Maurício... Pois é, graças à globalização!

Em geral, as carreiras de TI estão subindo muito depressa no ranking das profissões mais bem pagas do país e é possível encontrar profissionais com salários acima de R$ 50 mil na área. A demanda por profissionais é alta sobretudo em companhias de médio porte, start-ups e grandes empresas. Conheça agora alguns salários em média por área de atuação, segundo o site Catho:

TI Geral:

  • Diretor: R$ 18.386
  • Gerente: R$ 8.855
  • Coordenador: R$ 4.992
  • Analista: R$ 2.432
  • Técnico em TI: R$ 1.483

Redes de Computadores

  • Gerente: R$ 9.933
  • Consultor: R$ 5.746
  • Administrador de Sistemas: R$ 3.838
  • Coordenador de Help Desk: R$ 3.227
  • Analista: R$ 2.797

Telecomunicações

  • Diretor: R$ 15.621
  • Gerente: R$ 5.026
  • Engenheiro: R$ 4.829
  • Analista: R$ 2.772

Infraestrutura

  • Gerente: R$ 8.052
  • Coordenador: R$ 6.116
  • Consultor: R$ 4.080

Banco de Dados

  • Gerente: R$ 11.940
  • Coordenador: R$ 8.953
  • Supervisor: R$ 8.154
  • DBA Pleno: R$ 4.283

Processamento de Dados

  • Diretor: R$ 18.279
  • Gerente: R$ 8.481
  • Coordenador: R$ 5.586
  • Analista: R$ 2.646

Programação

  • Diretor: R$ 16.910
  • Gerente: R$ 9.765
  • Coordenador: R$ 8.729
  • Programador Oracle: R$ 6.332
  • Programador Java: R$ 4.483
  • Programador .NET: R$ 3.786

Segurança da Informação

  • Gerente: R$ 9.386
  • Coordenador: R$ 9.117
  • Analista Pleno: R$ 3.184
  • Técnico em Segurança Eletrônica: R$ 1.462

Os profissionais da engenharia da computação possuem várias habilidades, como o domínio das principais linguagens de programação, o conhecimento dos principais sistemas operacionais (Unix, Oracle, engenharia de software ...), bem como redes de computadores.

E o melhor de tudo: se eles ainda têm habilidades em segurança informática, eles são extremamente requisitados nas médias empresas e start-ups!

Onde aprender informática?
Com foco sobretudo em hardware e demais dispositivos tecnológicos, os profissionais de engenharia de computação dominam programação, banco de dados, sistemas, entre outros.

Outra profissão requisitada é a de analista o Analista de Suporte Técnico, profissional que garante o suporte tecnológico e o tráfego de informações de uma empresa. Ele deve ter conhecimentos de hardwares e softwares diversos, prestar manutenção em redes de computadores, se responsabilizar pela segurança dos dados, fazer instalação e manutenção de softwares e sistemas operacionais, banco de dados, realizar manutenção de rotinas de cópias de segurança.... E muito mais.

Lembre-se também de que muitas pessoas que não nasceram na era digital estão à procura de curso de informatica e eletrônica para dominar:

  • o funcionamento de tablets;
  • computadores em geral;
  • o funcionamento de smartphones no dia a dia.

Seguir a carreira de consultor de informática domiciliar, promover aulas de informática com conteúdos variados e que contribuam para que as pessoas possam aprimorar seus conhecimentos em computação, internet e redes sociais (criação de sites, design gráfico, cursos de photoshop, word, excel...) pode ser uma boa ideia se você for um especialista em informática e também dispor de uma formação ou perfil de educador.

Você pode exercer suas atividades de maneira autônoma enquanto um microempreendedor (MEI).

Formação em informática - preço das aulas de acordo com o software

Os principais softwares utilizados nas empresas exigem no mínimo algumas horas de estudo para que você consiga dominá-los perfeitamente. No Superprof, você certamente vai encontrar o especialista no software que pretende dominar.

Aqui estão os valores de uma hora de aula classificados por software:

Powerpoint (apresentações)46 reais
Excel (planilha)46 reais
CAD48 reais
Word (editor de texto)44 reais
AutoCAD45 reais
Sketchup (3D)45 reais
Final Cut Pro (editor de vídeo)60 reais
Adobe Illustrator (ilustração vetorial)52 reais
Photoshop (imagem)49 reais
InDesign55 reais

Os custos, portanto, variam em média entre 44 e 60 reais por aula. Esses valores são indicativos e baseados em dados do Superprof, e estão sujeitos a mudanças em função da sua localização geográfica.

O curso de edição de vídeo do Final Cut Pro é oferecido no Superprof!
Por que não aprender a editar imagens por conta própria com as aulas de Phoshop?

Quanto mais específica for a área, mais a oferta será limitada e, portanto, mais solicitados serão os professores particulares. Como consequência, o custo por hora também vai aumentar.

Tudo o que é mais específico ou raro é mais caro (se tivéssemos de fazer uma analogia culinária, pense na trufa!)

2 exemplos de softwares

Para aprender a fazer vídeos profissionais, o Final Cut Pro é um software muito eficiente; já o Adobe InDesign permite que você realize diagramação e layout (edição de texto e fotos) com qualidade profissional. Ambos são utilizados em grandes empresas de vídeo e editoras, mas também em agências de comunicação, telecomunicações, escritórios, e muitos outros ambientes de trabalho. Aprender a manipular esses softwares é uma boa ideia para quem quer dar aquela turbinada extra no seu CV!

Como comparação, o curso livre presencial "InDesign - Diagramação Conceitural" oferecido pelo Centro Universitário Belas Artes em São Paulo, com duração de 20 horas, custa 774 reais para o público geral.

Para descobrir as linguagens de programação de computador ou simplesmente para descobrir como seu computador e a web funcionam, os professores do Superprof oferecem aulas de informática via webcam a partir de 40 reais a hora.

Por exemplo: Daniel oferece aulas de iniciação à informática, curso de excel, photoshop, illustrator, indesign. Aulas disponíveis para os níveis 1º ano do ensino médio, 2º ano do ensino médio, 3º ano do ensino médio, ensino superior, formação para adultos, mestrado, doutorado, MBA, iniciante, intermediário, avançado. Ele é graduado em Design Digital e Pós-graduado em Marketing, atuou no mercado editorial por mais de 10 anos, e como freelancer há 5 anos. Daniel cobra 55 reais a hora.

Ainda em dúvida entre as aulas de informática via Superprof e as instituições privadas ou universidades? Se o custo for seu principal critério de escolha, saiba que você sempre vai encontrar valores para todos os bolsos, sem comprometimento de qualidade. Mas invista na sua pesquisa!

Tenha cuidado na hora de escolher seu professor particular e verifique se ele possui o nível de conhecimento em computação ou no software específico que deseja estudar. E não se esqueça de estudar sozinho entre duas aulas de informática!

Saiba também como encontrar um bom curso excel online básico ou então um curso de excel avançado aqui no Superprof!

Por que estudar informática com um professor particular?

As oportunidades na área de TI estão crescendo, mas nem todos têm desejo de começar uma formação ou um curso de informática do zero. Seja por falta de tempo ou por falta de conhecimento, estudar computação pode ser um desafio surpreendente. Se você já tem o nível de bacharelado, se pretende aprender a usar o pacote office, outro software de escritório ou programar linguagens de computador mais complexas, saiba que existem professores particulares disponíveis e competentes.

Além de elaborar seus cursos de acordo com o nível do aluno, o professor particular desenvolve uma metodologia de ensino personalizada. É ele que se adapta ao perfil do aluno e não vice-versa - ao contrário de cursos tradicionais, como na universidade, onde o educador ministra uma aula para alunos ouvintes. Além de poder oferecer aulas online ou cursos por webcam, como um curso de excel online, por exemplo.

Sabe-se que a área de TI e Internet foi uma das poucas que sobreviveram à crise, mantendo o mercado ativo e em busca de profissionais competentes e qualificados. Por isso, é comum encontrar pessoas que desejam entrar na área depois de formados.

Mas tornar-se um desenvolvedor, programador, analista ou técnico sênior pode não ser tão fácil assim, sobretudo quando você não sabe muito sobre TI nem possui formação na área.

É aí que descobrimos a importância do papel do professor particular: ele pode fornecer as ferramentas necessárias para que você descubra essa nova área e quem sabe se torne um especialista em pouco tempo.

Fazer um curso de computação não é tão caro quanto você imagina. Enquanto uma formação em uma instituição especializada vai custar uma fortuna, um professor particular será mais acessível.

Em plataformas especializadas como o Superprof não há taxa de cadastro: você só paga o professor e, muitas vezes, a primeira aula é de graça. O preço da hora do seu professor particular varia de acordo com vários critérios:

  • A localização: em São Paulo você vai pagar mais caro do que em Curitiba,
  • O deslocamento ou não do professor: você pode optar por cursos via webcam, por exemplo, pois é mais barato. O mesmo se você se deslocar até a casa do professor,
  • O diploma e a experiência do professor: quanto maior o nível de estudos, quanto mais experiência ele tiver, maior será o valor da sua hora,
  • O nível do aluno: para um iniciante, os cursos serão mais baratos do que para um estudante experiente,
  • A especificidade do curso: conceitos básicos de edição de texto, programação, HTML, etc. exigem mais ou menos preparação para o professor.

Onde encontrar um prof para fazer aulas de informática?

Por que estudar informática com um professor particular?
Ainda não sabe onde procurar pelo seu guru da computação? Leia nossos artigos!

Sites como do Superprof ou do Profes.com são ótimos portais que colocam você em relação com profissionais especialistas em computação e muitas outras áreas. Com mais de 1.300 professores de informática cobrando o valor médio de 45 reais a hora aula, o Superprof é a melhor opção para encontrar seu futuro educador a em sua cidade. Saiba que muitos professores aceitam dar aulas de informática a distância, via webcam, o que facilita sua vida se você tiver uma rotina agitada e quiser otimizar seu tempo.

O Superprof também compilou uma lista de alguns sites gratuitos para fazer aulas de softwares de escritório, instalação de computadores, desenvolvimento de softwares, hardware ou codificação ...

  • Google: em sua plataforma Actívate, os usuários podem estudar desde marketing digital até produtividade pessoal.
  • Microsoft: a própria Microsoft disponibiliza diversos cursos de informática básica.
  • Fundação Bradesco: a Escola Virtual, da Fundação Bradesco, oferece o curso gratuito de Introdução à Informática. São 20 horas de conteúdo.
  • Prime Cursos: oferece algumas formações gratuitas como informática básica, Windows 7, WordPress, entre outros.
  • Portal Intel: em seu Portal Next Generation Center, oferece cursos gratuitos de informática básica e avançada.
  • O Instituto Politécnico de Ensino à Distância disponibiliza cursos de informática online com certificado.

Aula de informática em vídeo: encontre um professor no Youtube!

Muitos vídeos estão disponíveis no canal do Google. Cabe a você separar o joio do trigo para encontrar os mais relevantes!

Uma boa maneira é verificar o número de visualizações: se tiver algumas centenas de milhares de visualizações, ele começa a se tornar sério!

Na biblioteca do YouTube, você encontra muitos cursos de informática para iniciantes, com os seguintes temas:

  • Limpeza de arquivos temporários,
  • Personalização do Windows e outros sistemas operacionais,
  • Aprender sobre manutenção do computador (limpar um disco rígido, fazer uma varredura antivírus, esvaziar o lixo, desinstalar softwares, …)
  • Navegar na Internet, fazer uma pesquisa efetiva via Google ou Safari,
  • Realizar sua primeira edição de vídeo.

A empresa de telefonia TIM, por exemplo, usou o Youtube como plataforma para disponibilizar diversos cursos gratuitos de informática. Entre eles, os mais populares são os cursos de desenvolvimento web e programação. Há também tutoriais com especialistas que ensinam o básico, como o Descomplicando a Informática ou portais voltados para informática em concurso público.

Antes de iniciar uma sessão no YouTube, certifique-se de ter os materiais necessários para que o curso seja rentável:

  • Um computador com RAM suficiente para carregar o vídeo rapidamente,
  • Conexão de Internet de alta velocidade (fibra óptica é o melhor),
  • Um fone de ouvido de áudio de qualidade, para não irritar seus vizinhos, se você trabalhar em um espaço público (coworking, café, etc …)
  • Lembre-se de trazer um caderno se você não estiver acostumado a registrar suas observações em um software de edição de texto.

Faça cursos de TI sozinho graças aos MOOCs

Por que não se tornar um geek fazendo aulas MOOCs em ciência da computação?
Os “geeks” também são sexy! Isso é o que confirma a famosa série americana ‘Big Bang Theory’.

Segundo a Wikipedia, o MOOC ou Massive Open Online Course (MOOC)em inglês é um tipo de curso aberto oferecido por meio de ambientes virtuais de aprendizagem, ferramentas da Web 2.0 ou redes sociais que visam oferecer para um grande número de alunos a oportunidade de ampliar seus conhecimentos num processo de co-produção.

Ainda, o MOOC é um desenvolvimento recente na área de educação a distância, e uma progressão dos ideais de educação aberta sugerido pelos REA – recursos educacionais abertos.

Enquanto não há uma definição em comum acerca do que seja um MOOC, duas características básicas merecem ser destacadas:

  • Acesso aberto: Para participar de um MOOC não precisa ser um aluno efetivamente matriculado em uma escola clássica, e não é obrigado a pagar nenhuma taxa. Embora possa haver custos de manutenção, mas em princípio são totalmente gratuitos e abertos para qualquer tipo de público;
  • Escalabilidade: Muitos cursos tradicionais dependem de um certo número de participantes e alguns professores para serem iniciados. No entanto, pela proposta do MOOC em ser massivo sugere que o curso é projetado para suportar um número indefinido de participantes.

Outras características associadas com esses projetos de MOOC’s iniciais, são o licenciamento aberto de conteúdo (Creative Commons), estrutura aberta e metas de aprendizagem, comunidade de prática, etc. Embora possam não estar presente em todos os projetos MOOC’s.

Em seu canal do Youtube, o Massachusetts Institute of Technology (MIT), com sede em Boston, oferece dezenas de vídeos com conferências em sala de aula em vários assuntos científicos.

MIT OpenCourseWare (1,2 milhão de assinantes) publicou dezenas de vídeos de cursos de matemática, física, física quântica e informática. O curso de Introdução à Ciência da Computação e Programação de 53 minutos foi visto mais de 3,6 milhões de vezes no YouTube!

Ao visualizar os vídeos MIT, além de desenvolver seus conhecimentos em física, matemática e ciência da computação com os professores mais brilhantes em sua especialidade, você também desfruta de aulas de inglês grátis. Uma ótima alternativa, certo?

No portal Coursera você encontra muitos cursos ministrados em português. Reúne 62 universidades, entre elas Stanford, Princeton, Columbia, Yale, Michigan e Pensilvânia. Há o projeto Coursera Brasil, em parceria com a Fundação Lemann, que traduz o conteúdo das aulas para a língua portuguesa com a ajuda de voluntários.

Já o Udacity disponibiliza cursos online gratuitos na área de Tecnologia e Ciências.

iTunesU traz mais de 500 mil aulas, palestras, seminários, vídeos, livros e outros recursos de grandes universidades, entre elas Stanford, Yale, MIT, Oxford, UC Berkeley e Cambridge, além de outras renomadas instituições, como o MoMA e a New York Public Library.

Outra opção é o portal Alison! A plataforma é grátis e oferece ensino global. Há cursos proporcionados pela Google, Microsoft, Universidade de Cambridge, Harvard, Stanford, MIT e outras instituições de renome.

Para otimizar o aproveitamento de suas aulas particulares de informática, o Superprof aconselha você a acessar vídeos especializados em linguagem informática, conversar com especialistas em computação ou assistir a filmes e séries como Big Bang Theory!

Se você gosta de ciências da computação, tecnologia e personalidades raramente vistas em entrevistas de TV, uma boa dica é acompanhar as publicações do canal TED do YouTube. As videoconferências TED (Technology, Entertainment and Design) são uma série de vídeos organizados internacionalmente pela The Sapling Foundation, organização sem fins lucrativos.

Como já dissemos acima, há muitos canais no Youtube com tutoriais e aulas gratuitas de informática. Basta fazer uma busca séria que você vai encontrar dezenas de opções. Quer uma dica? Quanto mais visualizações, mais confiável é o conteúdo. Vale a pena ler os comentários também e buscar referências em sites especializados em informática.

Precisando de um professor de Informática Educativa ?

Você curtiu esse artigo?

3,67/5, 3 votes
Loading...

Fernanda

Apaixonada por educação, música e cinema, é especialista nos encontros e desencontros das línguas.