Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Acessórios essenciais para o desenho

De Carolina, publicado dia 02/09/2019 Blog > Artes e Lazer > Desenho > Quais materiais comprar para desenhar?

Todos certamente já têm algumas ferramentas para desenhar.

Um pedaço de papel em branco, um lápis de madeira e você está pronto. A borracha fica normalmente no fim do lápis.

E esse material é suficiente para aprender a desenhar. Porque essa prática artística é muito acessível! A vantagem é que você pode levar todos esses materiais, partir para uma aventura e voltar com muitos esboços em um diário de viagem.

Mas passo a passo, você sente a necessidade de melhorar e certamente vai querer aprender outras técnicas para progredir cada vez mais! Devemos, então, adquirir outros acessórios, como um cavalete, pincéis, telas…

Aqui está um painel de ferramentas indispensáveis ​para um desenhista experiente!

O material básico para aprender a desenhar

O desenho é uma paixão bastante barata, especialmente quando você é iniciante. Você pode ter certeza que não vai gastar todo o seu dinheiro comprando um lápis e borracha!

Não precisa de muito para desenhar Papel em branco, lápis, borracha, três amigos inseparáveis!

No entanto, é necessário conhecer os materiais necessários para começar bem as aulas de desenho. Comprar o equipamento errado, sem dúvida, vai fazer você perder tempo e dinheiro…

Mas o que comprar além do dos custos com a aula de desenho?

Seu professor certamente vai  guiá-lo durante suas primeiras aulas. Entretanto, vamos fazer uma pequena visão geral do equipamento essencial.

Então, qual material usar para os desenhos? O lápis é a primeira ferramenta básica para ser um bom desenhista.

A menos que seu professor de desenho tenha lhe dado instruções específicas, um lápis, borracha, apontador de lápis e um kit de régua devem ser suficientes.

Na minha aula de desenho, as folhas foram fornecidas pelo professor.

Mas como saber qual lápis escolher?

Enquanto alguns chamam de lápis, outros lápis de escrever ou lápis grafite , o lápis será seu melhor amigo por muitos anos de prática. Ele permite que você desenhe o esboço antes de preenchê-lo com outro material ou o próprio lápis.

Os lápis, ou grafites, têm várias graduações. Há, naturalmente, o HB tradicional, que é um bom começo entre o lápis macio (B) e o lápis duro (H), mas existem muitas variantes.

Para iniciar o desenho, você não precisa comprar todas as graduações. Com o HB você pode adicionar o lápis 2B. Um pouco mais macio que o HB. Ele permite desenhar com menos dificuldade.

Mas como desenhar com um lápis mal apontado? A coisa fica complicada quando sua ponta termina…

Então, nunca se esqueça do seu apontador de lápis.

Com a caixinha para guardar a casca ou não, não há dúvidas. Acima de tudo, é importante prestar atenção ao tamanho da ponta para não quebrá-la.

O estilete também é uma alternativa ao apontador. Permite cortar o lápis livremente e como você quiser.

Também adicione ao seu kit uma borracha para apagar seus erros. Ser capaz de desenhar envolve muitos erros antes de poder melhorar. Os traços podem ser deixados como tal, mas muitas vezes é melhor apagar aqueles que impedem o desenho de evoluir.

Existem dois tipos de borracha.

Faça desenho com tudo que estiver a seu alcance Até aqueles que a gente usa na escolinha vale na hora de desenhar

A primeira é aquela que você usa desde que você era pequeno. Mas também há uma de goma bem flexível. Ela vem sob a forma de uma pasta para misturar e permite borrar as linhas sem apagá-las. Forçando um pouco mais, é possível apagar completamente as linhas.

Essa última borracha é perfeita porque combina duas funções em um objeto.

Tudo o que você precisa fazer é juntar tudo em um kit, adicionar uma pequena régua para ajudá-lo a desenhar linhas retas e pronto.

O material para aperfeiçoar seu desenho

Para não ficar aborrecido durante as férias escolares ou porque você não está evoluindo na velocidade que gostaria, os curso de desenho permitem que você melhore e desenhe por vários dias.

Essa é uma maneira de descobrir diferentes técnicas ou melhorar a técnica de desenho de sua escolha. Aulas de aquarela, caderno de viagens, curso de modelo vivo, natureza morta… a gente fica até em dúvida com tantas boas opções para desenhar e se aperfeiçoar.

Mas que material usar quando se trata de aperfeiçoar? Como fazer aulas de desenho?

O material utilizado por um artista é importante. Permite reconhecer o autor de um desenho apenas analisando o material utilizado.

Mas não há necessidade de uma oficina de pintura inteira para ter sucesso em progredir. No entanto, pode ser útil adquirir o material necessário para abordar um pouco todas as técnicas de desenho.

Você começou com grafite?

Saiba que há um grande número de lápis de grafite que vão melhorar seus desenhos, adicionando contraste, sombra e luz.

Qual tipo de lápis escolher para desenhar?

Ainda hoje, o lápis de grafite é a ferramenta indispensável em muitos desenhos.

Escolha o material adequado para cada tipo de desenho Para desenhar formas e contornos, a ponta dura é mais eficaz

Os lápis de grafite são classificados de acordo com sua dureza:

  • H (Hard): esses são os lápis de ponta dura, chamados de seco. Eles permitem traços precisos, são muito duráveis, mas os traços obtidos são escuros. Sua cor varia de cinza claro a cinza médio. O lápis H é facilmente apagável,
  • B (preto): é um lápis gorduroso com uma ponta suave. Esses lápis oferecem traçados escuros, mas seu grafite macio se desgasta rapidamente. Eles são difíceis de apagar, os desenhistas corrigem as linhas feitas com esses lápis graças a uma goma flexível,
  • HB (Hard Black): são lápis de médio porte, comumente usados ​​pelo público em geral. Os traços obtidos podem ser facilmente apagados,
  • F (Fine Point): esses são os lápis que estão entre o HB e o H por seu nível de dureza.

Você vai ver, há muitas opções de lápis! É certo que o problema é mais fácil de solucionar com um web board para desenho… As minas tipo H são utilizadas para o desenho técnico. Um lápis de ponta B é ideal para uso artístico.

Aprender a desenhar também significa aprender a usar o lápis direito. Para fazer um retrato, por exemplo, você pode escolher o carvão ou um lápis macio.

Até então, tudo é claro?  A coisa complica quando é preciso escolher entre um lápis para desenhar 2B ou 9B ou quando temos vários  lápis de marcas diferentes.

  • Lápis rígido (H) -10H, 9H, 8H, 7H, 6H, 5H, 4H, 3H, 2H, H – Quanto maior o número, mais a ponta será seca.
  • Os lápis macios (B) – B, 2B, 3B, 4B, 5B, 6B, 7B, 8B, 9B, 10B – Quanto maior o número, mais macia será a ponta. Ideal para colorir.

Para os designers e ilustradores, é importante tê-los entre seus vários materiais necessários para desenhar.

Os lápis B são difíceis de apagar, podemos usar uma ponta dura, tipo 2H, para fazer um primeiro esboço. Os lápis H são compatíveis com o uso de uma borracha branca. Podemos corrigir facilmente seus desenhos antes de avançar para o desenho artístico. Mas é justamente para essa modalidade que escolheremos um lápis B, mais ou menos macio, dependendo do resultado desejado.

Não há nenhuma regra definitiva para o assunto. Cada desenhista tem suas preferências. A vantagem do lápis B é que você pode trabalhar facilmente em suas linhas e seu desenho. Dependendo da inclinação do lápis, da força exercida sobre o grafite, você terá movimentos mais ou menos grandes e mais ou menos sombrios. Com um lápis tipo B, você pode obter tons de cinza a preto. Por outro lado, você não poderá apagá-lo com uma borracha comum. Você precisará de uma borracha flexível.

Saiba mais sobre como fazer aulas de desenho!

Esses serão os mais úteis para o desenho.

Mas o resultado do desenho com determinado lápis também depende do tipo de desenho que você quer realizar.

Embora muitos professores de desenho (como encontrar um bom?) forneçam as folhas de papel brancas, ter um estoque em casa permite treiná-lo a qualquer momento.

Como escolher pincéis e lápis, por exemplo? O equipamento para comprar depende da técnica que você prefere desenhar.

É importante que você possa desenhar sempre que quiser! Porque, para aprender a desenhar bem, você deve se evoluir em seu próprio ritmo!

Encontre também um bom curso de pintura em tela caso prefira!

O material é essencial mas não é muito para desenhar Escolha o lápis certo para cada tipo de ilustração

Comprar papel exige um pouco de reflexão. A folha também interfere na hora de desenhar. Por isso, é melhor saber qual tipo de desenho você vai fazer nelas (paisagem, retrato, animais, desenho técnico…).

Os papéis têm gramas diferentes, cores diferentes… Eles são mais ou menos grossos e finos.

Enquanto o papel A4 em 125g/m² é suficiente para começar, o papel mais espesso torna o desenho mais agradável. Os cadernos de desenho são frequentemente os mais práticos.

Suas folhas são espessas o suficiente para evitar que a tinta ou as linhas do desenho anterior interfiram no atual. O formato A5 pode caber em qualquer bolsa. Alguns blocos também possuem formatos A3 para fazer desenhos maiores.

E se você quiser ir mais longe em seu caminho de desenhador, você pode adicionar em seus equipamentos um cavalete para fixar seus quadros. Eles proporcionam estabilidade e inclinação ideais para a posição do pintor ou desenhista.

Se você quer ser ilustrador, a mesa de luz pode ser um bom investimento! Isso pode deixar seus desenhos mais visíveis e ver melhor as possíveis imperfeições.

E há, naturalmente, muitas técnicas que requerem aquisição de equipamentos (pedra preta, carvão vegetal, nanquim, aguarela, guache, acrílico, pintura à óleo…). A maioria dos artistas tem um campo favorito que regularmente enriquece com algumas ferramentas.

Escolha uma ou duas técnicas que você gosta particularmente. Às vezes, é mais fácil se especializar que se perder por aí…

Outros lápis para desenhar

Se o lápis de grafite é obrigatório para o desenho, você também encontrará outras ferramentas para obter resultados diferentes e para apresentá-lo a outras técnicas de desenho. De carvão a giz vermelho, descubra alguns lápis que todos os desenhistas devem ter à mão.

  • A sanguínea
    A sanguínea é uma cor obtida da hematita, uma rocha contendo óxido de ferro que lhe dá a cor característica. A cor do sangue varia de ocre a bege, passando pelo laranja. Você vai encontrar lápis sanguínea , mas também pastéis ou gizes. Usado em particular para retratos ou desenhos de modelo vivo, é interessante no nível artístico porque permite enfatizar os contornos e os volumes. Muitos esboços de Leonardo da Vinci foram feitos com a sanguínea. Por que não ter suas pinturas emolduradas para inspirar você?
  • O carvão
    Indispensável no desenho: desenhe um retrato de carvão. Como o nome sugere, o carvão é produzido a partir de um ramo de carvão, carbonizado isoladamente. Esse bastão de carvão também pode ser apresentado sob a forma de lápis. O carvão torna possível linhas pretas com muita facilidade. Dependendo da técnica utilizada, é possível obter linhas finas ou trabalhar em grandes áreas. Com carvão, você pode trabalhar os jogos de sombra e luz facilmente graças às técnicas de superposição. O carvão permite obter um desenho realista e trabalhar expressões faciais. Uma vez concluído, você precisará usar um spray de cabelo para manter o desenho no tempo. A principal desvantagem do carvão vegetal? É a bagunça.

    Faça desenhos que mostrem seus sentimentos Depois do contorno, você vai poder passar para as cores e outros materiais

  • A pedra negra
    A pedra preta é geralmente em forma de um lápis. Dá uma profundidade preta, escura e fosca. Usado na técnica de três lápis (combinando pedra negra, sanguínea e giz branco), foi uma ferramenta de desenho muito comum no Renascimento. Usado para desenho artístico, é comparável ao carvão vegetal com relação ao seu resultado sujando menos e oferecendo mais precisão.
  • O lápis azul
    O lápis de grafite azul tem a particularidade de desaparecer de um scanner ou fotocopiadora. É a ferramenta de predileção dos cartunistas de cartoons ou desenhos animados. Os desenhos feitos para esboçar um desenho tornam-se invisíveis quando são escaneados para retrabalhar em um computador, por exemplo. Os cartunistas desenham seus esboços com o lápis azul, antes de gravar e digitá-los. A outra vantagem do lápis azul? É fácil apagar e desaparecer completamente.
  • A lapiseira
    O lápis mecânico pode ser uma alternativa ao lápis de grafite. Há grafites com diferentes durezas e espessuras. Novamente, é uma questão de preferência. A longo prazo, a lapiseira pode ser mais cara que o lápis de grafite.

Como guardar suas obras e seu material de desenho?

Quando a atividade pintar ou a aula do curso de desenho terminam, é importante poder arrumar seu material e, especialmente, protegê-lo. O equipamento pode ser danificado muito rapidamente e seria uma pena ter que comprar tudo de novo todas as semanas.

Sem contar com o desgaste que você já provocou na hora de desenhar…

Se você está fazendo aulas particulares, seja em uma escola de arte ou em um estúdio de desenho, você sempre terá que usar uma carteira.

No entanto, seu tamanho vai variar de acordo com suas necessidades.

Ao fazer um quadrinho, as folhas geralmente não são maiores que A4. Já a reprodução de uma pintura exigirá uma caixa maior.

Placa de desenho (como fazer aula?), pasta, arquivador, todas as opções servem.

O importante é proteger suas folhas da luz e da umidade. Alguns papéis são danificados muito rapidamente em contato com a luz. E a umidade torna as folhas onduladas mesmo as mais espessas.

É o mesmo para seus acessórios de desenho. O kit protege seus lápis, mas também a borracha flexível. Se você não guardar essa borracha bem, ela pega facilmente poeira e rapidamente se torna inutilizável.

Para preservá-la, não deixe de colocá-la em uma pequena caixa. Eu pessoalmente usei uma caixa de filme fotográfico para armazená-la. A caixa hermética evitou que a borracha se apegue com os resíduos de lápis de grafite.

Como proteger seus acessórios? É importante preservar o seu material para que ele dure mais tempo.

Lembre-se também de limpar as bordas da sua régua para evitar que ela marque o seu próximo desenho.

Em geral, é sempre aconselhável verificar a condição de seu material uma ou duas vezes por ano para mudar o que é necessário.

Onde comprar o material para desenho?

Em geral, o material de desenho é facilmente encontrado. Você não terá que viajar milhas para encontrar o que você precisa.

Como conservar suas pinturas e materiais Quais pincéis escolher na hora de fazer sua obra de arte?

Várias opções estão disponíveis para você.

As grandes lojas geralmente oferecem equipamentos básicos. Papel branco, papel de desenho, lápis de grafite, borrachas ou estiletes são facilmente encontrados na prateleira. Você pode até encontrar livros para colorir para adultos para reduzir seu estresse.

No entanto, alguns acessórios não se encontram nos supermercados, por exemplo. A papelaria perto de você pode ajudar. Alguns oferecem prateleiras inteiras destinadas a desenho com folhas de várias espessuras, lápis de várias graduações, etc.

Se não, procure na sua cidade uma loja especializada em belas artes ou pintura se estiver procurando por algo mais específico.

Encontre um bom curso de desenho online no Superprof!

Qual tablet escolher para desenho digital?

Vamos voltar ao básico: um tablet gráfico é um dispositivo que funciona via USB (com fio) ou, em alguns casos, através do bluetooth. Ele permite desenhar em um computador com uma caneta, uma ferramenta mais precisa que um mouse sem fio ou um touch pad. A grande vantagem é que você ganha em produtividade. A criação gráfica fica muito mais fácil!

Desenhar com lápis e papel também é muito bom!

Eles são essenciais para produzir produções gráficas em modo digital. Mas cuidado: nem todas as tablets são bons para desenhar personagens bem feitos.

Mais do que uma marca, a Wacom é a referência em tablets gráficos. Eles são conhecidos por sua força, qualidade de acabamento e muitas vantagens profissionais.

Se você não sabe desenhar, não é o tablet que lhe dará mais talento ou sucesso em seus desenhos. No entanto, se você dominar essa ferramenta, você pode desfrutar de incríveis técnicas de infografia.

Um tablet gráfico, ao contrário de uma folha branca com um lápis (Como escolhê-lo para desenhar?), permite que você compile seu desenho de uma maneira completamente diferente. Você pode aproveitar as diferentes camadas do Adobe Photoshop Elements ou qualquer outro software de desenho para quebrar e trabalhar cada parte de forma independente.

Aprenda as técnicas para desenhar e pintar Quando desenhamos e tudo se mistura: cores, linhas, lápis, tinta…

Com o tablet, também fica mais fácil de corrigir os erros. Com alguns modelos, basta virar a caneta para apagar, como faria com um lápis clássico (mas aqui muito mais performático). Para tentar, o design gráfico é adotá-lo.

Finalmente, graças ao software de desenho, você desfruta de uma paleta de cores infinita e você obtém acabamentos perfeitos e uniformes. Simples e intuitivo, é a ferramenta essencial para projetar seus desenhos na íntegra ou finalizá-los. Os tablets gráficos também são muito usados ​​para retocar fotos, mesmo se eles realmente podem tornar possível desenhar um rosto ex nihilo.

Que tal fazer um curso de desenho online?

Qual web board para o desenho?

Os quadros brancos virtuais, também conhecidos como web boards, apareceram há alguns anos na lista de ferramentas colaborativas essenciais para o desenho e afins. Promover o trabalho em equipe, desenvolver inteligência coletiva, fortalecer interações entre colegas, melhorar a organização do trabalho…

Café, tablet e trabalho colaborativo!

Quantas vantagens oferecem as novas soluções colaborativas!

Entre as ferramentas colaborativas, o escritório virtual permite que você compartilhe seus desenhos, sabia? Para trabalhar em equipe, não é mais necessário compartilhar um escritório.

Antes de fazer uma lista de alguns exemplos de quadros virtuais para desenho, vamos rapidamente retornar às principais funcionalidades que podem contar a maioria deles. Deve-se lembrar que essas ferramentas colaborativas foram projetadas para promover a comunicação visual.

  • Compartilhar documentos,
  • Integração de imagens,
  • Desenho e traços,
  • anotação,
  • Compartilhamento e edição entre diferentes usuários,
  • Salvar e enviar documentos,
  • Sistema de bate-papo online,
  • Gravar comentários de voz,
  • Possibilidade de visualizar todas as etapas de realização de um diagrama, desenho,
  • Mapeamento mental e criação de mapas heurísticos,

1. Limnu

Limnu tem um lindo lugar entre as opções de trabalho colaborativo online.

2. Deekit

Muito completa, Deekit é uma ferramenta colaborativa online gratuita que oferece múltiplas funcionalidades.

3. AwwApp

Uma interface muito intuitiva e sóbria, uso básico gratuito e uma oferta premium para acessar ferramentas de desenho adicionais… AwwApp é uma das tabelas virtuais online mais utilizadas com mais de 200 mil usuários.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (média de4,33 sob 5 de 3 votos)
Loading...
avatar