Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Saiba como dar aula em domicílio de língua japonesa

De Carolina, publicado dia 01/03/2018 Blog > Idiomas > Japonês > Como ser professor particular de japonês?

A educação privada é muito vantajosa para um futuro professor: além de ser um excelente treinamento em técnicas de ensino, lhe permite complementar seu salário ou financiar seus estudos.

No entanto, existem poucas formações em língua japonesa.

Por isso, muitos aficionados da língua de Mishima estão se perguntando como podem encontrar um professor particular de japones…

Aqui estão as nossas dicas para se tornar um professor de japonês de acordo com sua formação educacional (curso de japonês)!

É preciso um diploma para ser professor de japonês?

Ao contrário da educação através das escolas tradicionais, a profissão de professor particular de japones é muito mais flexível em termos de obrigações.

Apenas restrição: ter mais de 14 anos (idade mínima legal para se trabalhar no Brasil)!

Teoricamente, qualquer um pode dar aulas de japonês…

Que treinamento devo seguir para me tornar um professor particular de japonês?

Estudar no Japão é um “must” para aprender a língua!

Seja você também professor do idioma Ninja em japonês? Dê aulas do idioma!

Na prática, ainda é muito melhor ter algumas qualificações e ter um certo nível para oferecer um curso de japones variado:

  • gramática,
  • vocabulário ilimitado de palavras japonesas,
  • Cultura japonesa
  • ou mesmo a história do Japão, você terá que conhecer bem sobre o assunto!

Claro, uma rápida olhada em seu currículo não deverá bloqueá-los.

Não é porque você tem um mestrado em biologia que você não pode se tornar um bom professor de japonês!

Na verdade, para garantir suas aulas e para agradar seus alunos, é necessário remediar sua falta de diplomas graças a uma experiência variada.

Por exemplo, você pode aumentar suas habilidades seguindo nosso conselho:

  • Trabalhe no Japão por alguns meses / anos,
  • Viva no Japão em uma família,
  • Tenha um correspondente japonês,
  • Faça aulas em uma escola japonesa,
  • Faça uma viagem de imersão no Japão,
  • Faça curso online de japones, graças aos MOOC, por exemplo.

Para falar bem japonês, ter um sotaque perfeito, uma boa pronúncia e saber como dominar a caligrafia japonesa (kana, kanji, katakana, hiragana…), nada melhor que estar em contato direto com o povo japonês. Isso atrairá mais estudantes para vir aprender japonês com você.

Muitos estudantes vão preferir um professor que viajou para o Japão em vez de um professor que sempre ficou no Brasil!

O diploma não é obrigatório, mas é aconselhável: é importante que seus alunos tenham a certeza da excelência do seu nível em língua japonesa!

Quais são os diferentes perfis de professores de japonês?

Se você consultar a lista dos nossos Superprofs de japonês, você pode se surpreender com os perfis ecléticos!

Sim, professores particulares e especialmente professores de línguas estrangeiras, todos têm caminhos muito diferentes uns dos outros!

Cada tipo de professor pode começar a dar aulas particulares porque as restrições são mínimas!

Para oferecer aulas de japonês a um ritmo intenso, você não precisa necessariamente de treinamento profissional: muitos professores particulares aprendem o ensino “com a mão na massa”, que é um bom treinamento para a profissão!

Compreensão, pedagogia e escuta… Se você tem essas qualidades, você certamente encontrará estudantes interessados ​​em seus cursos de japones!

Dê aulas particulares do idioma do Japão Como fazer para se aprimorar na língua japonesa?

Então, quais são as diferenças entre professores particulares de japonês?

Aqui está uma lista dos perfis mais comuns:

  • O professor-aluno: estudantes de letras com habilitação em japonês ou outro curso. Eles podem dar aula de japones para iniciantes ou para nível intermediário. Isso vai depender do nível do estudante de letras. As aulas particulares de japonês complementam a sua renda e financiam seus estudos.
  • O professor bilíngue: o professor bilíngue corresponde ao perfil de alguém que já morou no Japão (para o trabalho, intercâmbio, etc). Ele pode ensinar japonês porque tem um bom nível para transmitir aos estudantes. A vantagem que ele conhece as principais dificuldades que nós brasileiros temos ao aprender japones.
  • O professor nativo: o japonês é a língua materna do professor nativo. Não há necessidade de ir para o Japão, ele sabe tudo sobre sua cultura! Caligrafia japonesa, conhecimento irrepreensível do dicionário japonês, cozinha japonesa… Suas habilidades são muitas!
  • O professor de escolas tradicionais ou escolas de idiomas: diplomados, aposentado ou não, esse tipo de educador está familiarizado com a metodologia dos cursos individuais e sabe como garantir a progressão de um aluno. Ele sabe perfeitamente como organizar um curso de japones!

É claro que os perfis não acabam por aí! Há muitos outros tipos de professores que estão dando seus cursos de japones e ganhando dinheiro por aí!

Não podemos nos esquecer dos autodidatas que podem ser muito preparados para dar aula! E ele não passou por nenhum desses organismos para ficar craque na língua!

Existe também um perfil que é procurado por todos: o japonês legítimo! Professores nativos e experientes são os mais populares!

Seja qual for a sua idade, carreira ou habilidades, você vai encontrar necessariamente um perfil certo de professor de japonês!

Claro, você terá que adaptar seu orçamento de acordo com o aluno: se você tiver diplomas japoneses, não hesite em direcionar mais estudantes “experientes” e aumentar suas tarifas.

Preparar o aluno para seus estudos superiores de japonês

Já pensou em dar aulas de japonês para alunos que queiram estudar a língua em seus estudos superiores?

Porque muitos alunos estudam o idioma nipônico antes de entrar na faculdade para se aprimorar e até para ter certeza que é isso que eles querem.

Então, você pode dar aula de japonês para essas pessoas se prepararem antes de entrar no curso de letras com habilitação no idioma nipônico.

Dê aulas sobre a civilização japonesa As tradições japonesas são muito interessantes, ensine-as!

Há também aqueles estudantes que precisam estudar para fazer uma prova de proficiência na língua japonesa!

Eles precisam de aprender, revisar e praticar o idioma do Japão o máximo possível para ter os melhores resultados!

Como passar em um teste de língua japonesa?

Com esse teste, o aluno vai poder provar o seu nível em japonês.

Então, a maioria dos estudantes que quer fazer os testes de proficiência escolhe um professor de japones para ajudá-los: ao chamar um professor particular, você pode praticar a língua com um perito e descobrir as melhores técnicas para aprender a língua.

Os testes serão um excelente meio de encontrar mais alunos para suas aulas de japonês!

Sem contar que muitos passam por eles com o objetivo de complementar seu currículo profissional!

Alguns professores fazem cursos especificamente para estudantes que desejam iniciar uma carreira em negócios internacionais.

Esse curso é feito para treinar a expressão oral, o vocabulário específico para o mercado de trabalho, as técnicas de marketing ou os costumes da civilização do sol nascente!

Esse setor é muito enriquecedor a nível cultural porque permite ao professor ensinar as especificidades da cultura e da sociedade japonesa!

Para ensinar bem a linguagem de Mishima, não se pode negligenciar a cultura!

Aqui, o objetivo não é necessariamente ensinar-lhe a língua japonesa utilizada no cotidiano: é especialmente o vocabulário comercial que será importante!

Aqui estão algumas aulas de japonês que você pode ensinar:

  • Tradução profissional,
  • Negócios japonês
  • Curso de comunicação,
  • Assuntos Internacionais,
  • Economia,
  • Direito internacional,
  • Gestão de projetos internacionais, etc.

Graças a um aprendizado regular, você conhecerá todos os truques do complexo mundo dos negócios!

De novo: um professor especializado geralmente cobra mais caro pela aula de japonês! Por isso, talvez seria uma boa opção se você pudesse se especializar em preparação para os testes de proficiência ou para o japonês para o mercado de trabalho!

Dar aulas online de japonês

A tecnologia é maravilhosa para quase tudo! Inclusive, revolucionou o mundo da educação!

Isso mesmo, com a internet, ficou ainda mais fácil de aprender e ensinar! Há muito conteúdo disponível na rede para saber cada vez mais!

Mas não ache que a internet abriu as portas somente para as pessoas que querem fazer curso de japonês online de graça.

Como dar boas aulas do idioma nipônico? Quer ensinar a língua japonesa?

Os professores também podem dar aulas de japones online graças a webcam e programas como Skype, Facetime, Whatsapp, etc…

A grande vantagem é que você pode ganhar dinheiro sem sair de casa! Além disso, os potenciais alunos não terão mais a desculpa de não ter tempo, ou não poder se deslocar.

Com a aula de japones online, não há tempo perdido no transporte público nem nos engarrafamentos! Sem contar na economia feita sem precisar de comprar passagem para o metrô ou ônibus nem gastar com gasolina e manutenção do carro.

Para dar curso online de japones você precisa ter um computador, um tablet com webcam. Não recomendamos muito o smartphone, mas não é impossível dar uma aula com ele!

Outro ponto muito importante é a conexão internet. Você vai precisar de uma que funcione e não caía em cada 10 minutos.

Se não, ninguém vai querer fazer cursos de japonês com você…

Então, computador ou qualquer outro tipo de dispositivo móvel, boa conexão e um planejamento de aula adaptado para a internet!

Pronto, você já pode dar seu curso de japonês online, aulas de japones para iniciantes, como quiser!

Agora você já está preparado para começar suas aulas do idioma nipônico?

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar