Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Como redigir uma avaliação do aprendizado de trabalho?

De Camila, publicado dia 06/08/2019 Blog > Artes e Lazer > Desenvolvimento Profissional > Estágio: como escrever um relatório?

“Viver é experimentar, e não pensar no sentido da vida.”
Paulo Coelho

De acordo com definição apresentada no site Ondefor, “o estágio é a porta de entrada de um profissional em formação em sua área, um momento de preparação assistida para os desafios que esperam os universitários. Todo profissional de sucesso já passou por ao menos um estágio profissional na vida“.

Embora o estágio não garanta a contratação do aprendiz depois de formado, uma pesquisa de 2015 apontou que 22% dos entrevistados disseram ter encontrado um emprego depois de fazerem um estágio. A experiência que carrega um estagiário, portanto, o ajuda a ver com mais clareza seu futuro profissional.

Ao final da experiência de formação profissional, vários alunos precisam redigir um relatório de estágio. Um curso de desenvolvimento profissional ou um curso de coach online pode te ajudar a se preparar para realizar essa tarefa. No entanto, nem todo estudante sabe que pode recorrer a um professor coach para obter mais clareza na hora de produzir tal documento.

Um relatório de estágio bem feito deve incluir as dificuldades encontradas pelo aprendiz durante sua experiência profissional, assim como os resultados obtidos e outras avaliações pessoais. Introdução, desenvolvimento, conclusão, revisão, agradecimento… Essas são apenas algumas das partes que um relatório deve possuir, o que mostra que a sua redação não pode ser algo improvisado deixado para o último minuto.

Se você é um estagiário que precisa escrever um documento desses, mas ainda está meio perdido sobre o que fazer, então aqui vão algumas dicas para um relatório de estágio de sucesso!

Confira também nosso guia sobre como encontrar um bom estágio!

Quais são as partes de um relatório de estágio?

Escrever um relatório de estágio é uma maneira de fazer um balanço ou avaliar sua nova experiência de trabalho (muito diferente de escrever suas experiências profissionais em um currículo). Além de ajudar você a ver o que o estágio lhe trouxe, esta também é uma maneira de ser avaliado em seu treinamento. É por isso que o relatório de estágio deve ter uma certa estrutura e conter uma distinção visível das diferentes partes.

Folha de rosto

O relatório de estágio começa com uma folha de rosto. Nesta página de abertura, você deve apresentar informações como:

  • Nome completo,
  • Local,
  • Data de entrega do relatório,
  • Título do estágio (exemplo: Estágio dentro da empresa “nome da empresa”),
  • Datas do estágio,
  • Nome e logotipo da empresa de estágio,
  • Nome e logotipo da escola,
  • Nome do orientador de estudos,
  • Nome do orientador de estágio.

Um relatório de estágio precisa de planejamento: não dá para ser escrito do dia para a noite.

Agradecimentos

Após a folha de rosto, encontramos a página de agradecimentos. Ela é dedicada às pessoas que ajudaram o aluno durante o estágio: outros estagiários, tutores, colegas, chefe da empresa… Ou seja, todas as pessoas que foram direta ou indiretamente importantes em seu estágio podem – e devem! – ser citadas.

Apresentação do relatório

A sequência do relatório de estágio deve conter uma apresentação do relatório, ou seja, um resumo do que o leitor irá encontrar nas próximas páginas. Esta parte pode ter de uma a duas páginas e deve ser muito clara.

A apresentação e o conteúdo desta página devem estar impecáveis!

Os números das páginas devem estar alinhados e tudo deve estar organizado. Os revisores são muito bons em avaliar a qualidade de um relatório de estágio apenas lendo o resumo.

Estrutura do corpo do relatório de estágio

A estrutura do relatório de estágio começa com uma introdução de uma a duas páginas. Este texto introdutório apresenta as razões que levaram a fazer este estágio e as expectativas antes de começá-lo. A introdução também permite que a apresentação da posição do estagiário e as tarefas atribuídas a ele. Dessa maneira, os leitores podem entender o básico da experiência apresentada.

Abaixo apresentamos alguns elementos básico que uma estrutura típico de um relatório de estágio deve conter.

O ambiente da empresa

  • O setor de atividade,
  • Apresentação e história da empresa,
  • A organização da empresa.

O desenvolvimento do estágio

  • As várias tarefas de estágio que foram delegadas, especificando os objectivos, as responsabilidades, as diferentes fases, a assistência recebida, etc.
  • A avaliação das missões realizadas.

Avaliar a empresa em que se trabalha é uma das tarefas do aprendiz.

A avaliação do estágio

  • Avaliação do supervisor de estágio,
  • Crítica pessoal (gestão do tempo, dificuldades, tarefas bem sucedidas, conhecimentos e habilidades adquiridas durante o curso, pontos negativos, pontos positivos, etc.).

Conclusão

Depois da redação do corpo do texto, é chegada a parte da conclusão do relatório de estágio. Esta parte deve delinear as principais linhas do seu desenvolvimento, adicionando uma abertura à empresa e ao projeto profissional do aprendiz.

Durante a conclusão ainda é possível falar sobre o futuro da organização anfitriã e sobre o que o estagiário levará para o resto de sua formação e vida profissional.

Apêndices e bibliografia

Finalmente, para finalizar o relatório de estágio, as últimas páginas devem ser dedicadas aos apêndices e à bibliografia. Esta parte permite inserir os diferentes documentos que podem ser relevantes para a compreensão do papel do estagiário ao longo da experiência apresentada, assim como as referências dos textos utilizadas durante o período de estágio, etc.

Se ainda restam dúvidas sobre como organizar os textos dentro de um relatório de estágio, então outra opção é fazer uma busca por modelos disponíveis na internet ou na biblioteca da universidade.

Veja ainda dicas para você conseguir encontrar o estágio dos seus sonhos!

Como coletar informações importantes durante o estágio?

Muitos estudantes preferem se concentrar apenas no estágio e deixar o relatório de estágio para o final. No entanto, todas as informações necessárias para redigir o relatório devem ser obtidas durante o período de estágio.

Mas como coletar essas informações?
Quais informações são realmente importantes?

Diário de bordo: ponto de vista pessoal

Ter um diário de bordo é uma das melhores maneiras de coletar informações sobre o estágio para colocar no relatório.

A primeira dica é manter um diário de bordo. Essa maneira de fazer anotações permite reunir as informações dia após dia e realmente acompanhar a evolução sem se perder nas datas no final do estágio.

O diário de bordo é ainda mais necessário se o estágio durar 6 meses. Isso porque, ao consultar anotações, fica muito mais fácil lembrar o que foi feito nos primeiros meses!

Para preencher o diário de bordo, a hora do almoço pode ser utilizada, assim como algum outro “buraco” no dia. Alguns minutos são suficientes para marcar o essencial. Um bom conselho é re-escrever corretamente anotações durante a noite, para que elas possam ser usadas alguns meses depois.

O diário de bordo é uma ferramenta que acompanhará todas as tarefas, dificuldades encontradas, missões preferidas, relacionamento com o supervisor de estágio, etc.

Reuniões com supervisor: informações sobre a empresa

Para obter informações sobre a empresa, o melhor é marcar uma consulta com um gerente ou com o supervisor e utilizar esse momento para fazer todas as perguntas necessárias, assim como para solicitar alguns documentos que possam ser úteis para o relatório.

Quer ficar craque em escrever uma carta de motivação? Então confira nossas dicas!

Como se organizar para escrever um relatório

Não espere até o final do estágio para começar a escrever o relatório. Isso apenas aumentará o estresse, contribuindo para o esquecimento de informações importantes, mesmo que estejam escritas em um caderno.

Escrever constantemente

Portanto, é essencial preparar o relatório regularmente ao longo das semanas. Mesmo que ele necessite de revisão, ter uma grande parte do texto pronto para ser lido faz o aluno ganhar tempo e reduzir seu estresse.

As partes relacionadas à empresa do estágio podem ser escritas nas primeiras semanas. Ao longo do tempo, informações complementares pode ser adicionadas. Além disso, escrever essas partes desde o início ajuda os alunos a entenderem melhor a estrutura da empresa em que estão inseridos, contribuindo para um melhor desenvolvimento do estágio.

A parte mais importante do corpo do relatório ainda é o desenvolvimento das missões de estágio. Estes também podem ser escritos, pelo menos em parte, ao longo do tempo. Para cada missão, você pode fazer vários parágrafos que detalhem a finalidade e a função das mesmas.

Lembre-se de acrescentar críticas construtivas no corpo do texto do seu relatório de estágio.

Apresentar uma crítica construtiva

O relatório de estágio não deve ser uma apresentação, mas sim uma crítica construtiva da empresa, da experiência e do aprendiz em questão. É necessário responder a perguntas como:

  • Por que escolher este estágio em seu projeto de carreira?
  • Quais as expectativas antes de se começar o estágio?
  • O que se descobriu sobre a personalidade da empresa escolhida?
  • Que influência o estágio teve sobre as futuras escolhas profissionais do aprendiz?

Esta é uma análise que deve ajudar a construir o futuro do aluno, onde ele tem a oportunidade de descobrir o que quer, o que não quer, o que poderia ter feito melhor, quais habilidades aprendeu, e assim por diante.

A escrita deve ser feita em frases curtas para que o leitor não se perca em muitos detalhes.

Revisar e diagramar

Assim que o relatório de estágio estiver concluído, é chegada a hora de fazer uma boa revisão. Mesmo que essa parte não seja a mais apreciada, ela é fundamental para a correção de erros bobos de ortografia e gramática, assim como para identificar inconsistências no desenvolvimento das ideias apresentadas.

Depois de tudo revisado, é chegada a hora da diagramação. Nesta hora, é fundamental lembrar de numerar as páginas do documento!

Preparamos também algumas dicas sobre como conseguir um Termo de Compromisso de Estágio.

Utilizar ilustrações no relatório de estágio

Um longo relatório de estágio pode ser difícil de digerir quando se trata de lê-lo de A a Z. É por isso que os avaliadores apreciam quem se esforça para tornar o documento um pouco mais agradável de ler. Para tal, o jeito mais simples é de espaçar bem os parágrafos, os capítulos e subcapítulos, e acompanhá-los de ilustrações.

Apresentar fotos do local de estágio, das pessoas presentes, e das várias missões se elas puderem ser fotografadas pelo próprio aprendiz são um complemento positivo ao documento. Essas fotos permitem ainda que o aluno tenha uma ideia real de sua participação na empresa, contribuindo para visualização do desenvolvimento do estágio.

Mas as fotos não são a única maneira de ilustrar um relatório. Gráficos e outros tipos de desenhos que ajudem a transmitir ideias (como um organograma) também podem ser utilizados.

Todas essas imagens arejam os textos, deixando o leitor descansar por alguns segundos.

E então, pronto para começar a escrever o seu relatório de estágio?

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar