Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Assistente de língua portuguesa fora do Brasil

De Joseane, publicado dia 28/08/2019 Blog > Idiomas > Português para estrangeiros > Lecionar PLE no exterior

Viajar o mundo, obter experiência internacional, experimentar novas cultural, aprender uma nova língua…tudo isso faz parte do sonho de muitos brasileiros. Agora imagina viver tudo isso ao mesmo tempo em que engradece o seu currículo?

Essa é uma realidade possível para os profissionais da área de Letras, isto é, os professores de português. Graças a inúmeras parcerias entre escolas e universidades brasileiras e estrangeiras, alunos de Letras e professores diplomados de português podem lecionar no exterior.

Para você que é da área de Letras e que já possui diploma ou está prestes a se formar na graduação ou na pós e quer dar aula no exterior, mas ainda não sabe se a escolha é a mais acertada, o presente artigo enfatiza a real importância do profissional que viaja para outros países em busca do desenvolvimento pessoal e profissional.

Hoje trouxemos ótimas dicas para quem deseja seguir carreira docente fora do país e expandir seus horizontes! Continue conosco e saiba tudo sobre o programa de assistente de língua portuguesa no exterior!

Como se tornar assistente de língua portuguesa

O assistente de língua portuguesa no exterior tem com o função ensinar o português, língua e aspectos culturais dos povos de língua portuguesa, para os alunos estrangeiros.

A aula de Ple fora do Brasil Ensine o português do Brasil mundo a fora, seja um assistente de língua portuguesa

Quem pode ser assistente de língua portuguesa no exterior?

A formação em Letras é sempre a mais adequada para quem almeja dar aulas de português para estrangeiros, seja no Brasil ou no exterior.

A razão?

Quando o estudante presta vestibular para o curso de Letras, escolhe uma segunda habilitação que poder ser literatura brasileira ou um idioma de escolha: inglês, francês, alemão, espanhol, árabe, chinês, entre outros.

O estudo acadêmico de um idioma envolve o estudo da língua, literaturas, cultura dos povos, filologia, o que prepara o futuro professor para a formação plena.

No Brasil, ter o curso de Letras viabiliza dar aulas para o Ensino Fundamental, Ensino Médio e alguns cursinhos de idiomas (para quem estudou outra língua).

Quem deseja dar aulas em outro país, necessita muitas vezes validar seu diploma com estudos complementares. Muitas vezes, fazer um curso de formação para dar aulas em instituições de ensino, a depender das regras do país ao qual deseja residir.

Mas isso não significa dizer que você não possa dar aulas de português para estrangeiro sem ter um diploma de Letras. Muitas vezes, ter didática, compromisso com o ensino e pleno domínio na língua portuguesa e outro idioma estrangeiro passa ser bons critérios para quem almeja se destacar como professor particular de portugues para estrangeiros.

Alguns aspectos fazem muita diferença para quem se destaca oferecendo aulas de PLE em outro país, como:

  • Interesse em conhecer diferentes culturas
  • Interesse em conhecer e respeitar os hábitos do lugar
  • Os valores predominantes e a história

No entanto, é preciso atentar para o fato de que ser professor de portugues para estrangeiros como assistente de língua portuguesa no exterior faz parte de um programa específico de mobilidade acadêmica e que alguns requisitos são mandatórios.

Os requisitos para ministrar um curso portugues para estrangeiros no exterior depende dos requisitos estipulados pelo edital de cada país que recebe o professor assistente de língua portuguesa.

Veja aqui como se tornar professor leitor no exterior.

Assistente de língua portuguesa na França

A França é um dos países anfitriões do programa de mobilidade acadêmica para assistentes de língua portuguesa.

Se você gostaria de ensinar portugues brasileiro para estrangeiros., saiba que este programa está aberto a todos os estudantes brasileiros.

portugues para estrangeiro na franca Ser assistente de língua portuguesa no estrangeiro é transmitir a língua e a cultura brasileira…

Requisitos para dar aulas de português para estrangeiros na França

  • Ter de 20 a 30 anos de idade,
  • está matriculado em último ano de graduação no momento de sua candidatura,
  • caso já tenha um curso superior completo, matriculados em outro curso superior (uma segunda graduação, mestrado, doutorado ou especialização),
  • está matriculado numa universidade brasileira em letras, línguas estrangeiras ou qualquer outro curso,
  • possuir bom conhecimento da língua francesa (nível B1 do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas).

Por qual razão você deveria dar aula de PLE na França?

O objetivo geral do programa é oferecer a oportunidade a estudantes brasileiros de familiarização com a língua e a civilização francesas, levando às escolas e aos estabelecimentos franceses a autenticidade de sua língua e a riqueza de sua cultura. Por conseguinte, apenas falantes de língua materna brasileira, que estudem no Brasil, de onde são cidadãos de pleno direito, poderão ser selecionados para este programa.

Durante sua permanência na França, os assistentes brasileiros, que beneficiarão do status de funcionários temporários do Estado francês, terão a possibilidade de se inscrever numa universidade, desde que a atividade e o curso escolhido não tragam prejuízo à sua função de assistente na escola ou no estabelecimento para onde tiverem sido designados.

Desde julho de 2018, a França conseguiu o status de Estado observador associado da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Através desse novo status, a França reforça os vínculos com os Estados membros da Comunidade, com a qual compartilha princípios e objetivos, entre os quais a promoção do plurilinguismo e a diversidade cultural. O programa de assistentes de língua portuguesa na França é um exemplo desses objetivos.

O formulário de inscrição pode ser consultado e retirado na página eletrônica do CIEP.

Os candidatos devem indicar a cidade de sua preferência no âmbito das academias escolares participantes do programa tanto na França metropolitana quanto na França ultramarina. Mas são as instituições responsáveis pelo programa que se mantêm soberanas quanto às decisões sobre os locais para onde serão selecionados os candidatos em função das vagas e do perfil de cada um.

Saiba tudo sobre dar aula de português língua estrangeira no exterior.

Assistente de língua portuguesa nos Estados Unidos

Além da França, também é possível dar aula de português para estrangeiro nos Estados Unidos.

O programa Foreign Language Teaching Assistant (FLTA) da Fulbright oferece até 20 bolsas de nove meses de duração para brasileiros ensinarem português nos EUA.

profesoor de portugues do brasil para estrangeiro O programa de assistente de língua portuguesa é uma excelente forma de fazer carreira a nível internacional….

Em parceria com a CAPES, o programa está aceitando candidaturas de brasileiros com bacharelado ou licenciatura em língua portuguesa e/ou língua inglesa para o programa de Professor Assistente de Língua Portuguesa nos Estados Unidos

Os selecionados são alocados em universidades norte-americanas, onde auxiliam no ensino de português e frequentam cursos sobre a cultura e história dos EUA, além de outras disciplinas de seu interesse.

  • Possuir nacionalidade brasileira e não ter nacionalidade norte-americana;
  • Possuir bacharelado ou licenciatura em língua portuguesa e/ou inglesa, com conclusão do curso após 31 de dezembro de 2014;
  • Ter proficiência em inglês, com certificado com data posterior a 27 de julho de 2017 (TOEFL-ITP com nota mínima de 550 pontos; TOEFL-iBT de 79 pontos; ou, IELTS de 6.0);
  • Residir no Brasil no momento da candidatura e durante todo o processo de seleção;
  • Não receber ou ter recebido bolsa ou benefício financeiro da Comissão Fulbright ou outras agências ou entidades brasileiras para programa similar.

Os benefícios irão variar de acordo com a universidade na qual o bolsista será alocado, podendo, por exemplo, incluir itens como:

  • Estipêndio mensal
  • Passagem aérea internacional
  • Seguro para acidentes e doenças limitado (ASPE – Accident and Sickness Program for Exchanges)
  • Seminário de Orientação Pré-Partida em São Paulo
  • Seminário de Orientação na chegada aos Estados Unidos
  • Seminário de Acompanhamento em Dezembro de 2020
  • Taxa de visto J-1.

Objetivos do programa de Assistente de língua portuguesa nos EUA

O programa, que é o carro-chefe do intercâmbio de educação internacional patrocinado pelo governo dos EUA, tem o objetivo de avançar o ensino da língua portuguesa em universidades norte-americanas e estreitar as relações entre o Brasil e os Estados Unidos.

O número de bolsas oferecidas pelo programa varia de ano para ano (é preciso ficar ligado!). A bolsa inclui passagem de ida e volta, auxílio mensal, seguro-saúde e outros benefícios que variam de acordo com a universidade nos EUA, como hospedagem e alimentação.

Quer se tornar professor particular de PLE? Veja por onde começar, aqui.

A experiência como assistente de língua portuguesa fora do Brasil

Muitos dos profissionais recém formados da área da educação não fazem a menor ideia da diferença que faz conter no seu currículo a experiência profissional em uma instituição no exterior, seja na Europa, na América ou em qualquer outro lugar.

Professor de poprtugues do brasil Dar aula de PLE no exterior, uma experiência enriquecedora….

Muitos professores de PLE já possuem experiência com aulas de portugues para estrangeiros online ou curso de lingua portuguesa a distancia para alunos estrangeiros. No entanto, uma experiência real de nível internacional faz toda a diferença quando se é professor de línguas.

Por exemplo,  a experiência de dar aulas em um instituição na Inglaterra faz total diferença para o professor de inglês em relação a outros professores que nunca saíram do país.

Da mesma forma que para o um professor de francês faz toda diferença dar aulas na França. A experiência no exterior assegura ao profissional vivência na língua.

Para o professor de português para estrangeiros, dar aula no exterior é um plus que certamente agregará valor ao currículo.

Podemos então afirmar que a experiência de dar aulas de PLE no exterior é muito salutar para o professor de portugues.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar