"A matemática não se resume a números, equações, cálculos e algoritmos: é sobre compreensão" (Willian Paul Thurston)

A aversão a tudo o que se relaciona aos números acompanha muitos alunos desde as primeiras aulas matemática da escola. Há alguns que até se esforçam: passam horas a estudar a matéria e, ao final, se sentem ainda mais desanimados com a sensação de pouca evolução. Mas o que fazer?

Embora seja verdade que a matemática é uma das disciplinas convencionais mais difíceis, vale ressaltar que ela faz parte da vida cotidiana. E é a essa vertente que você deve se apegar para motivar-se a aprendê-la.

Adição, subtração, divisão, frações, álgebra e gráficos podem ser recursos úteis em muitas situações. É por isso que precisamos, o quanto antes, aprender as tabuadas para poder utilizá-los com propriedade e eficiência.

E então? Está pronto para uma aventura extravagante pelo mundo da multiplicação? Vem com a gente!!!

A plataforma que conecta profes particulares e alunos
1a aula grátis!
Sarah
5
5 (45 avaliações)
Sarah
Matemática
R$60
/h
1a aula grátis!
Victor
5
5 (56 avaliações)
Victor
Matemática
R$60
/h
1a aula grátis!
Julio
5
5 (38 avaliações)
Julio
Matemática
R$120
/h
1a aula grátis!
Pablo
5
5 (29 avaliações)
Pablo
Matemática
R$60
/h
1a aula grátis!
Isidoro
5
5 (28 avaliações)
Isidoro
Matemática
R$29
/h
1a aula grátis!
Najla
5
5 (86 avaliações)
Najla
Matemática
R$100
/h
1a aula grátis!
Takemitsu
5
5 (46 avaliações)
Takemitsu
Matemática
R$114
/h
1a aula grátis!
Alexandre augusto
5
5 (67 avaliações)
Alexandre augusto
Matemática
R$80
/h
1a aula grátis!
Sarah
5
5 (45 avaliações)
Sarah
Matemática
R$60
/h
1a aula grátis!
Victor
5
5 (56 avaliações)
Victor
Matemática
R$60
/h
1a aula grátis!
Julio
5
5 (38 avaliações)
Julio
Matemática
R$120
/h
1a aula grátis!
Pablo
5
5 (29 avaliações)
Pablo
Matemática
R$60
/h
1a aula grátis!
Isidoro
5
5 (28 avaliações)
Isidoro
Matemática
R$29
/h
1a aula grátis!
Najla
5
5 (86 avaliações)
Najla
Matemática
R$100
/h
1a aula grátis!
Takemitsu
5
5 (46 avaliações)
Takemitsu
Matemática
R$114
/h
1a aula grátis!
Alexandre augusto
5
5 (67 avaliações)
Alexandre augusto
Matemática
R$80
/h
Ver todos os professores>

Vamos começar com uma aula particular de matematica - a história da multiplicação

Há coisas que existem há tanto tempo que nunca paramos para pensar em sua origem. Para nós, é como se sempre tivessem existido. Quer exemplos? A caneta, a bicicleta, os óculos escuros, a tabuada... todas essas invenções são usadas com frequência e simplificam a nossa vida cotidiana.

Multiplicações são aprendidas desde as antigas civilizações egípcias.

No entanto, vamos nos concentrar em apenas uma delas: a tabuada! Quando ela surgiu? Embora pesquisadores nunca tenham chegado a um consenso, o que se pode afirmar é que seus primeiros exemplares tiveram origem há aproximadamente 4.000 anos.

Os criadores seriam os babilônios. Entretanto, descobriu-se que eles utilizavam apenas uma base de 60 para a multiplicação. As bases de 10 passaram a ser usadas pelos chineses, somente séculos mais tarde, à época dos Reinos Combatentes da China. A representação era feita em tiras de bambu.

Embora tanto os babilônios quantos os chineses pareçam ter usado suas tabuadas por séculos, ela é oficialmente creditada ao matemático grego Pitágoras (570-495aC). Em francês e russo, por exemplo, a tabuada é até hoje conhecida como tabela de Pitágoras.

Entretanto, apesar dessas diferenças linguísticas, a tabuada é hoje importante em todo o mundo, como forma de simplificar grandes cálculos. Experimente perguntar ao seu professor de matemática sobre a sua importância. Aliás, esse será o assunto do nosso próximo tópico.

A importância dos cronogramas fora da aula de matemática

Ok, já sabemos que a última coisa que você quer ouvir agora é mais uma explicação do porquê os cronogramas são vitais. Mas será que você pode nos dar uma última chance? Assim como a maioria dos tópicos matemáticos, a tabuada é lógica e relativamente simples de se compreender.

Pode ser que você esteja lendo isso antes de uma aula de matemática e já esteja se sentindo exausto de tentar examinar o gráfico que o professor pediu como lição de casa. Enfim... abaixo vamos apresentar alguns motivos que são incontestáveis.

  • Abre caminhos para o futuro - Assim como os alicerces de uma casa, a tabuada representa as bases para construção de uma vida acadêmica. Sem esse início, será difícil compreender outros conceitos matemáticos mais complexos no futuro. Divisões, frações e porcentagens são exemplos de temas que se tornam muito mais fáceis quando se "começa pelo começo";
  • Aumenta a sua autoconfiança - Em uma aula de matemática, o aluno que já conhece as tabuadas se sente muito mais confiante. Ele vai aprender mais fácil álgebra e trigonometria, por exemplo. Seu professor de matematica será o seu melhor aliado também nesse caminho;
  • Exercita a sua mente - Muita gente não sabe que memorizar multiplicações é um exercício que ajuda a construir uma aritmética mental. Mas o que é isso? Também conhecida como habilidade para "contas de cabeça", estamos falando da capacidade de realizar pequenas operações matemática sem a ajuda de meios externos. Essa habilidade se desenvolve quando o aluno aprende as tabuadas.
Cabeça em expansão
O estudo é um ótimo exercício para o seu cérebro.

E essas são apenas três das muitas razões para você estudar tabuadas. Entretanto, se você até compreende, mas vem encontrando dificuldades nos estudos, acompanhe nossas dicas de técnicas no próximo tópico.

E não se esqueça também que você pode, a qualquer momento, encontrar um professor particular de matemática para ajudá-lo a superar essa e outras dificuldades.

Técnicas de um professor de matemática para aprender tabuadas

Ensinar é uma arte. Por essa razão, professores passam por toda uma preparação que lhes permite ajudar o aluno a aprender. O tempo e a meditação são seus aliados na hora de encontrar meios para que diferentes pessoas, de diferentes perfis, tenham sucesso na aprendizagem.

Mas e as tabuadas? Basta exigir que os alunos as decorem? Não necessariamente. Embora existam técnicas antigas, cuja eficiência já foi inquestionavelmente comprovada, devemos considerar que os tempos mudaram e os alunos de hoje já não são os mesmos, e enfrentam desafios diferentes do que se enfrentava há alguns anos. Portanto, bom senso e adaptação são fatores que não podem ser negligenciados.

No entanto, não importa quem é o aluno e qual o seu contexto. Existem algumas técnicas para ensinar e aprender que se aplicam a todos. Vamos descobrir algumas delas?

  • Compare multiplicação com adição - Uma vez que o conceito matemático de adição vem antes da multiplicação, é altamente recomendável comparar essas duas operações para encontrar o que há de comum entre elas, antes de simplesmente partir para a memorização. A multiplicação nada mais é que uma adição repetida;
  • Comece devagar para continuar sempre - Certifique-se de dominar a multiplicação por zero e um antes de partir para outros números. Lembre-se sempre de que ela é o oposto da divisão. Hoje em dia, temos muitos recursos visuais e interativos para tornar esse processo mais agradável e fluido. Vá evoluindo aos poucos;
  • Aprenda a memorizar - Depois de aprender os números mais simples, é importante também fazer exercícios para a memorização. Um erro muito comum é começar já acreditando que tudo se resume à memória. Quando começam a estudar, as pessoas são muito jovens e não entendem a necessidade de "saber todas aquelas contas" para o futuro. É necessário aprender a memorizar. Assim, entender técnicas que tornam essa evolução mais agradável é fundamental para que o aprendizado funcione na prática;
  • Jogue com a matemática - Vamos considerar que começamos a aprender tabuadas antes dos 12 anos. Utilizar jogos para isso ajuda o aluno a criar memórias positivas dessa época, o que influencia em sua relação com a matemática durante toda a vida.
Somar muitas vezes
A multiplicação é uma adição que acontece repetidas vezes.

Esperamos que essas nossas dicas possam ajudar você tanto a aprender quanto a ensinar matemática, seja como professor ou para ajudar seus filhos nas lições de casa.

Vale ainda ressaltar que as revisões de matéria importante são essenciais.

O papel do professor em uma aula particular de matemática

Se mesmo depois de analisar todos esses conceitos e colocar em prática técnicas importantes, você ainda continua com as mesmas dificuldades em aprender tabuadas, talvez seja o caso de buscar ajuda profissional. Você já pensou em contratar um professor particular de matemática?

É importante que você não veja tal questão como um custo, mas sim como um investimento. Quer entender por quê? Entenda das principais razões:

  • Personalização - Aprender qualquer matéria com professor particular, significa ter alguém 100% dedicado a ajudar você a superar as suas dificuldades. O tratamento é totalmente personalizado. Trata-se de algo importantíssimo para alunos que requerem uma assistência especial, que jamais estaria disponível em uma sala de aula com 25 ou 30 alunos;
  • Aquisição de dicas truques úteis - Uma sala de aula convencional segue metodologias tradicionais de ensino. Além disso, o fato de ter que dar atenção para muitos alunos, com diferentes perfis e ritmos de aprendizagem, faz com que o professor acabe ficando limitado, sem oportunidade de utilizar sua experiência de forma mais intensa. Professores particulares não têm pressa, desejam apenas que seus alunos aprendam no seu tempo. Isso significa que eles têm espaço para explorar recursos e avaliar os resultados com cada perfil de aluno;
  • Adequação de horários - Muitos estudantes de hoje são extremamente ocupados. Crianças e jovens em idade escolar normalmente realizam muitos cursos extracurriculares. Quem está se preparando para vestibulares e concursos, precisa organizar seu tempo para estudar todas as disciplinas. Assim, uma aula particular pode acontecer nos dias e horários que forem mais convenientes ao aluno. Não será necessário se adequar a horários pré-estabelecidos, basta que a disponibilidade do aluno esteja de acordo com a do professor. Além disso, as aulas podem ser presenciais (para isso, é importante encontrar um professor da sua região, para que ninguém perca muito tempo no trânsito) ou online (sem sair do conforto da sua casa).
Contas manuais ou cerebrais.
Usar o cérebro pode ser tão prático quanto usar uma calculadora e seu professor pode ajudá-lo nisso.

Agora que você já conhece os benefícios de estudar com um professor de matemática a domicílio, pode ser que esteja se perguntando onde é possível encontrá-lo. A resposta é: no Superprof! Podemos dizer que se trata da melhor plataforma hoje em dia para contratar aulas particulares.

Mas por que é tão bom assim? Todos os nossos tutores são profissionais qualificados, as aulas podem ser presenciais ou online e a primeira aula normalmente é gratuita. E ainda há opções em sua cidade, basta utilizar esse filtro ao procurar.

Temos certeza que agora você está preparado para encontrar seu professor e aprender tabuadas no seu tempo.

Tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto? Deixe seu comentário abaixo e compartilhe conosco!

 

 

 

Precisando de um professor de Matemática ?

Você curtiu esse artigo?

5,00/5 - 1 nota(s)
Loading...

Marcia

Jornalista. Professora. Tradutora. Bailarina. Mãe. Mulher. Dedicada às minhas lutas diárias. Em constante transformação. Quando não há mais nada a dizer, escrevo!!!