“A música dá alma aos nossos corações e asas ao pensamento." - Platão

Cantar é uma atividade que acalma e aumenta a autoestima. Ao exercitar a sua própria voz, cada cantor se afirma e consegue emitir uma voz forte e potente. Mas para que os cantores possam fortalecer sua voz, é essencial conhecer as técnicas de respiração.

Sem respirar corretamente, cantar seria muito mais complicado. Então, como saber se você respira bem quando canta? Aqui estão algumas dicas para melhorar suas técnicas vocais e respiratórias.

Os melhores professores de Canto disponíveis
1a aula grátis!
Murilo
5
5 (43 avaliações)
Murilo
R$89
/h
1a aula grátis!
Fer
5
5 (24 avaliações)
Fer
R$80
/h
1a aula grátis!
Arthur
5
5 (20 avaliações)
Arthur
R$35
/h
1a aula grátis!
Erica
5
5 (26 avaliações)
Erica
R$135
/h
1a aula grátis!
Evelyn
5
5 (162 avaliações)
Evelyn
R$150
/h
1a aula grátis!
Fernando
5
5 (76 avaliações)
Fernando
R$119
/h
1a aula grátis!
Natália
5
5 (16 avaliações)
Natália
R$40
/h
1a aula grátis!
Victor
5
5 (15 avaliações)
Victor
R$100
/h
1a aula grátis!
Murilo
5
5 (43 avaliações)
Murilo
R$89
/h
1a aula grátis!
Fer
5
5 (24 avaliações)
Fer
R$80
/h
1a aula grátis!
Arthur
5
5 (20 avaliações)
Arthur
R$35
/h
1a aula grátis!
Erica
5
5 (26 avaliações)
Erica
R$135
/h
1a aula grátis!
Evelyn
5
5 (162 avaliações)
Evelyn
R$150
/h
1a aula grátis!
Fernando
5
5 (76 avaliações)
Fernando
R$119
/h
1a aula grátis!
Natália
5
5 (16 avaliações)
Natália
R$40
/h
1a aula grátis!
Victor
5
5 (15 avaliações)
Victor
R$100
/h
1ª aula gratuita>

O diafragma para melhorar a respiração na aula de canto

Já pensou em fazer aula de canto gospel?

Cantar, antes de tudo, é uma questão de respiração. Sem uma boa respiração, é difícil segurar uma nota musical ou controlar o ritmo de uma canção. Mas o maior erro que os novos cantores cometem é pensar que cantar deve ser feito com uma tensão nas cordas vocais.

Um garoto cantando na frente do microfone
Como não prejudicar sua voz? Forçar a voz é desnecessário durante o canto. Saber como usar o diafragma é mais importante.

A maneira realmente certa de cantar, sem machucar a garganta, é ativar o diafragma para controlar a respiração e, assim, impulsionar o ar para fora dos pulmões. Desta forma, o som é amplificado e o cantor não tem que forçar a voz.

O diafragma é, portanto, um músculo importante para a prática do canto.

Localizado na parte inferior da caixa torácica, ele se contrai na inspiração e relaxa na expiração.

Compreender onde está o diafragma e como ele funciona é um passo importante para controlar com sucesso a respiração enquanto canta.

Aprendendo a fazer exercícios respiratórios regularmente

Para realizar a técnica, nada melhor do que fazer exercícios respiratórios regulares. E isso mesmo quando você não está cantando. Isso porque eles são fundamentais para desenvolver bons hábitos respiratórios, além de fortalecer o diafragma.

Em particular, existe o exercício denominado "milkshake". Para fazê-lo, basta fingir que está sugando um copo de milkshake com um canudo, enquanto mantém os ombros retos. Lembre-se que você deve sentir seu abdômen contraído.

Você também pode soprar como um cachorrinho para treinar seu fôlego.

Outro exercício pode ser útil: o exercício da bolha.

Encha um copo com água e use um canudo para soprar e fazer bolhas. Ao expirar para fazer bolhas, vibre as cordas vocais com um som que sai no início e depois continue a soprar baixinho. O fluxo de ar enviado deve ser o mesmo. Para verificar que está fazendo corretamente, as bolhas devem ser constantes do início ao fim.

Este último exercício vai permitir que você exercite a faringe e relaxe as cordas vocais. E, em geral, todos esses exercícios o ajudarão a respirar mais facilmente e a treinar o diafragma.

Para verificar seu progresso, existe um truque: respire profundamente e, na expiração, conte em voz alta enquanto expira. Você perceberá que, com a prática, vai durar cada vez mais.

Aprender a cantar melhor em uma boa postura

Como o diafragma, a postura também é essencial para uma respiração bem-sucedida. Experimente você mesmo, tentando respirar profundamente de forma curvada e, em seguida, endireite-se. Manter uma postura ereta permite que você inspire muito mais ar e, portanto, tenha mais resistência ao cantar. Permanecendo ereto, você vai facilitar o fluxo do ar.

Para se posicionar bem, suas costas devem estar retas, ombros e costas relaxados. O torso deve então estar arredondado, mas, é claro, não exagere. A posição deve ser confortável.

É melhor cantar em pé, embora isso também seja possível enquanto estiver sentado. Quando estiver em pé, todo o corpo deve ficar alinhado da cabeça aos pés. Assim, é mais fácil ficar em pé corretamente. Uma posição que também dá autoconfiança e facilita a aprendizagem do canto.

Já pensou cantar como a Gal Costa?

Cantar com a garganta aberta nas aulas de canto

É difícil fazer o ar circular com a boca fechada. Quanto mais a boca estiver aberta, mais o ar poderá circular livremente. Cada cantor deve, portanto, cantar abrindo a boca tanto quanto possível, mantendo-se natural (não precisa escancarar a boca!)

O processo é semelhante ao fenômeno do bocejo. A boca deve, portanto, ficar aberta tanto quanto possível, mas de uma forma completamente relaxada. Você não tem que esticar os músculos.

Para ajudá-lo a cantar com a boca e a garganta abertas, pratique vocalizações e imagine que uma bola está presa na garganta. Em particular, você pode praticar seu treino de escalas desta forma (sem usar uma bola real, é claro!).

Uma mulher de vestido vermelho cantando no palco
Como cantar com mais potência? A respiração precisa de espaço para fazer a voz ressoar.
Os melhores professores de Canto disponíveis
1a aula grátis!
Murilo
5
5 (43 avaliações)
Murilo
R$89
/h
1a aula grátis!
Fer
5
5 (24 avaliações)
Fer
R$80
/h
1a aula grátis!
Arthur
5
5 (20 avaliações)
Arthur
R$35
/h
1a aula grátis!
Erica
5
5 (26 avaliações)
Erica
R$135
/h
1a aula grátis!
Evelyn
5
5 (162 avaliações)
Evelyn
R$150
/h
1a aula grátis!
Fernando
5
5 (76 avaliações)
Fernando
R$119
/h
1a aula grátis!
Natália
5
5 (16 avaliações)
Natália
R$40
/h
1a aula grátis!
Victor
5
5 (15 avaliações)
Victor
R$100
/h
1a aula grátis!
Murilo
5
5 (43 avaliações)
Murilo
R$89
/h
1a aula grátis!
Fer
5
5 (24 avaliações)
Fer
R$80
/h
1a aula grátis!
Arthur
5
5 (20 avaliações)
Arthur
R$35
/h
1a aula grátis!
Erica
5
5 (26 avaliações)
Erica
R$135
/h
1a aula grátis!
Evelyn
5
5 (162 avaliações)
Evelyn
R$150
/h
1a aula grátis!
Fernando
5
5 (76 avaliações)
Fernando
R$119
/h
1a aula grátis!
Natália
5
5 (16 avaliações)
Natália
R$40
/h
1a aula grátis!
Victor
5
5 (15 avaliações)
Victor
R$100
/h
1ª aula gratuita>

Aula de canto: trabalhe a transição de vozes

No curso de canto e de música, existem algumas partes que são mais técnicas do que outras. Este é particularmente o caso de quando o cantor deve mudar da voz de peito (as notas mais baixas) para a voz de cabeça (as notas mais altas que ele pode alcançar). A respiração deve, em particular, ser muito bem controlada para passar por esta transição.

É por isso que é essencial praticar a mudança de uma voz para a outra enquanto continua respirando corretamente, para não ficar sem fôlego. Para isso, é altamente recomendável trabalhar as escalas durante sua aula canto para respirar corretamente com o diafragma.

Esses treinos devem ser feitos regularmente, principalmente durante o aquecimento da voz.

Precisa de aulas de canto em São Paulo?

Aprenda a articular para respirar melhor

Assim como cantar com a boca aberta, saber articular bem o ajudará a mover o ar com mais facilidade e sua voz será mais bem ouvida. As palavras devem ser todas compreensíveis quando você canta.

A melhor maneira de praticar é ler o texto no início sem cantar e em voz alta. Não hesite aprimorar a articulação, pois isso também ajuda a trabalhar os músculos da mandíbula. Esta etapa pode ser realizada especialmente quando você está preparando uma música e a descobrindo pela primeira vez.

Este exercício também vai te ajudar a se lembrar bem do texto.

Preste atenção especial às consoantes, que tendem a ser cortadas durante o canto. Isso não significa que você deve acentuar as consoantes, mas trate-as naturalmente e evite de comer as letras.

Aprenda a relaxar para respirar melhor

Uma mulher fazendo um ásana em frente ao mar.
Que tal ficar bem zen antes de cantar?

Estar zen é importante para cantar bem. O estado de relaxamento permite uma melhor passagem do ar.
Para cantar bem é preciso estar bem descansado. Este é um conselho que qualquer professor de canto ou profissional da voz lhe dará. Não só para descansar a voz, mas também para cantar relaxado. Se os cantores estão estressados, isso automaticamente afeta o canto, especialmente por causa dos músculos tensos e postura inadequada.

Nesse caso, a respiração é mais curta, como se estivesse interrompida. Impossível conseguir emitir boas notas nessas condições!

Felizmente, os exercícios respiratórios também são exercícios de relaxamento. Na verdade, o diafragma atua ativamente no estresse e ajuda a reduzi-lo. Tudo o que você precisa fazer é respirar fundo, prender a respiração por alguns segundos e depois expirar lentamente.

Esta técnica é usada principalmente para acalmar os mais novos quando estão agitados.

Uma vez desestressado, fica mais fácil de circular o ar por todo o pulmão, garganta e boca.

Para relaxar, existem muitas maneiras eficazes. Você pode se concentrar enquanto ouve peças de Mozart, Bach ou Beethoven, tirar uma soneca, fazer uma meditação guiada, caminhar por um bosque...

Onde encontrar aulas de canto em sua cidade?

Economize ar para cantar melhor

Controlar bem a respiração enquanto canta significa ter controle sobre o fluxo de ar - uma situação nada natural. Respirar é um processo que ocorre sem que necessariamente pensemos sobre isso. Portanto, controlar sua respiração é um exercício mental e físico.

No entanto, controlar a respiração também ajuda a economizar oxigênio, algo que vai te ajudar a não ficar sem energia no meio de uma frase.

Para ajudá-lo a economizar ar, aqui está um pequeno exercício:

Comece inspirando por 4 segundos, depois expire por 4 segundos enquanto pronuncia a letra "S". Até agora tudo bem. Agora repita a operação dos 4 segundos de inspiração, mas desta vez expirando por 10 segundos. Um pouco mais difícil. Com o tempo, aumente o tempo de expiração enquanto reduz o tempo de inspiração.

Aos poucos, você vai adquirir o hábito de economizar seu fôlego para que ele dure o máximo possível.

Um homem embaixo da água com um óculos de natação
Você está sem fôlego? Como segurar o ar enquanto canta?

Aqueça sua voz e seja mais persistente ao cantar

Pode parecer óbvio, mas uma das primeiras coisas a fazer é aquecer a sua voz apropriadamente fazendo escalas, por exemplo. Aquecer sua voz permite que você segure uma nota por mais tempo e, portanto, tenha o ritmo certo ao cantar.

E quais são os riscos de perder o ritmo?

Se sua voz tropeçar em uma nota, você vai se desestabilizar. Em seguida, quando você recuperar o fôlego e vai perder o controle da respiração.

Quando aquecer a voz, também aproveite a oportunidade para realizar alguns exercícios respiratórios para treinar todas as áreas. Este momento de aquecimento também pode ser um bom momento para relaxar.

Agora você está pronto para cantar com toda a força de seus pulmões!

Precisando de um professor de Canto ?

Você curtiu esse artigo?

5,00/5 - 1 nota(s)
Loading...

Fernanda

Socióloga e mestre em Letras Modernas pela Sorbonne. Entre França e Brasil, trabalho com jornalismo e projetos socioeducativos há 20 anos. Apaixonada por música, cinema e yoga. Acredito na cultura e na educação como pilares de transformação da sociedade.