Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Aprendendo francês: tudo sobre o básico da conjugação

De Camila, publicado dia 24/06/2019 Blog > Idiomas > Francês > Aprender francês: conjugação básica

“Demora-se dois anos a aprender a falar e sessenta anos para aprender a ficar em silêncio.”
E. Hemingway

Aprender uma língua é sempre difícil, ainda mais quando ela é a segunda ou a terceira a ser assimilada.

Aprender a falar frances e a conjugar os verbos nesse idioma, por exemplo, demanda a exploração de diferentes momentos do passado, presente e futuro: os tempos verbais.

Fazer aulas de frances – ou qualquer outro idioma estrangeiro – é excelente para desenvolver atividades sociais e profissionais – principalmente em um país francófono -, sem mecionar os inúmeros benefícios ela proporciona ao cérebro.

Em um estudo científico conduzido por Ping Li, professor de psicologia e linguística, 39 alunos de língua inglesa fizeram aulas intensivas de chinês por seis semanas, levando os pesquisadores a concluírem que aprender uma língua estrangeira não apenas melhora as habilidades intelectuais, mas também atrasa a deterioração cognitiva dos idosos (manifestação de demências como Alzheimer).

Você que está fazendo aula frances online – ou particular – já sabe quais são os tempos verbais mais usados no idioma?

Então chegou a hora de descubrir como conjugar verbos no indicativo na língua da França na matéria abaixo, preparada pela equipe do Superprof com todo amor e carinho, especialmente para você!

Confira também nosso guia com tudo sobre conjugação do francês!

Os tempos verbais do indicativo em francês

Como língua românica, a morfologia verbal do idioma da França – país que possui muitas maravilhas turísticas e intelectuais – se assemelha ao latim, assim como a nossa língua materna. É por isso que pensamos que aprender francês é mais fácil para um brasileiro do que aprender chinês ou árabe.

No entanto, existem algumas diferenças entre as conjugações da língua portuguesa e francesa.

Por exemplo, em francês, o famoso passé composé é muito mais usado que o passado simples, que, por sua vez, é o tempo verbal mais utilizado no português para expressar ações que já passaram.

Na gramática francesa, existem quatro principais tempos verbais no indicativo:

  • O presente,
  • O passado (passado simples e passé composé),
  • O imperfeito, (algo equivalente ao pretérito imperfeito em português)
  • O futuro simples -> algo equivalente ao futuro do presente simples.

Principalmente quando se trata da conjugação da língua francesa. Aprender o básico do francês fica muito mais fácil com as nossas dicas!

Presente do indicativo

Este tempo é usado para descrever, enunciar, afirmar ou discutir uma situação de verdade geral.

Exemplos:

“A casa é vermelha” -> “la maison est rouge
“Você come uma maçã” -> “tu manges une pomme
“Eles moram no México” -> “is vivent à Mexico“.

Como em português, este é o tempo mais utilizado em uma conversa. Durante as suas aulas de francês, você perceberá que ele também é o mais fácil de aprender.

Para dominar o presente do indicativo, é preciso conhecer seus três grupos verbais e seus sufixos:

  • 1º grupo: verbos terminados em -ER (manger, chanter…).
    – Sufixos: -e, -es, -e, -ons, -ez ou -ent.
  • 2º grupo: verbos terminados em -IR (finir, choisir…).
    – Sufixos: -is, -is, -it, -issons, -issez, -issent.
  • 3º grupo: o resto dos verbos, que podem terminar em -IR, em -RE ou -OIR, além do verbo ALLER (partir, atteindre, pouvoir, mettre…).
    – Sufixos genéricos: -s, -s, -t, -ons, -ez, -ent.
    – Sufixos para verbos terminados em -DRE (exceto para aqueles que terminam em – OINDRE): -ds,-ds, -d, -ons, -ez, -ent.
    – Sufixos dos verbos vouloir, pouvoir, valoir…: –x, -x, -t, -ons, -ez, -ent.

O passé composé

O passé composé é equivalente ao pretérito perfeito em português. Este tempo verbal expressa uma ação passada finalizada e destaca o resultado ou conseqüência da ação. Na língua falada, ele geralmente substitui o passado simples.

O passé composé é usado para falar sobre uma ação que ocorreu apenas uma vez no passado e / ou cujo resultado ou consequência permanece em primeiro plano.

Exemplos:

“Ontem nevou muito, então hoje está frio” -> “il beaucoup neigé hier, donc il fait froid aujourd’hui“.

Para construí-lo, o verbo auxiliar avoir ou être (para verbos de movimento e pronominais) é conjugado no presente e o particípio do verbo principal é adicionado.

Superprof te mostra também os verbos mais comuns do francês.

O futuro do indicativo

O futuro simples é provavelmente o mais fácil de aprender: ele expressa o mesmo que em português (uma ação que ainda não ocorreu ou uma hipótese) e é formado com o infinitivo mais um sufixo -ai, -as, -a, -ons, -ez ou -ont.

Exemplos:

“Eu cantarei” -> “Je chanterai“.

“Em julho, o ano letivo terminará” -> “En juillet, l’année scolaire finira.

Isso porque o francês é derivado do latim, assim como o português. Aulas de francês para iniciantes são muito mais fáceis que aula de alemão para iniciantes, por exemplo.

Pretérito imperfeito do indicativo

Este tempo verbal expressa a repetição e continuidade de uma ação desenvolvida no passado.

Para formá-lo, a primeira pessoa do plural do presente indicativo é utilizada, e o sufixo -ons é removido.

Em seguida, à raiz obtida, pode ser adicionados os seguintes sufixos: -ais, -ais, -ait, -ions, -iez, -ient.

Exemplo:

“Quando ele era pequeno, Lucas gostava muito de bolo” -> “Quand il était petit, lucas aimait beaucoup les gâteaux“.

Passado simples

Este tempo verbal é usado apenas em linguagem muito formal, especialmente escrita. Portanto, para uma pessoa que está aprendendo francês, esse tempo verbal não deve ser uma prioridade. Na linguagem falada no dia-a-dia, o passé composé é usado em seu lugar.

Para conjugar uma palavra em passado simples, elimina-se o sufixo do infinitivo e acrescenta-se outro específico desta conjugação de acordo com o grupo ao qual pertencem os seguintes fins:

  • 1º grupo: -ai, -as, -a, -âmes, -âtes, -erent.
  • 2º grupo: -é, -é, -it, -îmes, -îtes, -irent.
  • 3º grupo: -é, -é, -it, -îmes, -îtes, -irent.

Exemplo:

“Enquanto visitava Saint-Malo, tirei muitas fotos” -> “Pendant que je visitais Saint-Malo, je pris beaucoup de photos.”

Os verbos avoir e être são irregulares, como venirtenir e seus derivados, e ainda aqueles que terminam em -oir.

Pretérito mais-que-perfeito

Usado para expressar uma ação anterior à do passado simples, esse tempo verbal é formado com o avoir ou o être no tempo imperfeito enquanto auxiliares + particípio passado do verbo principal.

Exemplo:

“Quando você voltou, eu já tinha colocado a mesa” -> “Quand tu es rentré j’avais déjà mis la table

Particularidades dos tempos indicativos

Presente do indicativo

Na primeira conjugação de verbos (aqueles que terminam em -ER), pode haver algumas mudanças na forma de escrita se as seguintes circunstâncias ocorrerem:

  • Verbos terminados em “-cer” e “-ger”: o radical desses verbos não muda, mas você tem que substituir o “c” por um “ç” ou o “g” por um “ge” na primeira pessoa do plural (“Nós” -> “Nous”).
    Exemplo:
    Avancer (avançar): J’avance -> nous avançons
    Manger (comer): Je mange -> nous mangeons
  • Verbos terminados em “-oyer” e “-uyer”: o “-y-” é substituído por «-i-» ao se conjugar o verbo, exceto na primeira e segunda pessoa do plural. O final “-e” não é pronunciado.
    Exemplo:
    J’envoie / Tu envoies / Il envoie / Nous envoyons / Vous envoyez / Ils envoient
  • Verbos com dois radicais no presente: estes verbos mudam o radical:
    – na 1ª, 2ª e 3ª pessoa do singular,
    – na 3ª pessoa do plural.
    Quando isso acontece, na 1ª, 2ª e 3ª pessoa do singular e na 3ª pessoa do plural, a sílaba tônica cai sobre o radical. Nas outras pessoas (nous e vous) a sílaba tônica cai no final da palavra .

Então é melhor começar a praticá-los desde já durante suas aulas de francês online. A conjugação dos verbos irregulares em francês precisa ser decorada.

Veja ainda dicas sobre a conjugação de verbos regulares e irregulares do francês.

Passé composé

Como dissemos antes, existem alguns verbos que possuem o être como auxiliar (são verbos de movimento ou mudança de estado). Abaixo você conhecer alguns dos mais importantes e mais utilizados:

  • aller: ir
  • arriver: chegar
  • descendre: descer
  • entrer: enter
  • monter: subir
  • mourir: morrer
  • naître: nascer
  • partir: partir, sair
  • sortir: sair
  • tomber: cair
  • venir: vir

Exemplo:

“Eu fui ver um amigo” -> “Je suis allé voir un ami ”

É preciso ter em mente que com os verbos que possuem o être como auxiliar, deve haver concordância entre gênero e número entre o sujeito e o particípio.

Exemplo:

il est arrivé“, “elle est arrivée“, “ils son arrivés“, “elles sont arrivées“.

Futuro do indicativo

No futuro simples, os verbos da primeira e segunda conjugação são regulares. Sendo assim, os sufixos indicados anteriormente devem ser adicionados.

Quanto à terceira conjugação, os verbos são irregulares. Sendo assim, é necessário aprendê-los de cor.

Exemplo:

être

je serai
tu seras
il sera
nous serons
vous serez
ils seront

Pretérito imperfeito do indicativo

Como dissemos antes, a raiz é construída a partir da conjugação da primeira pessoa do plural do presente.

Exemplo:

O presente de finir é “nous finissons“.
A raiz para formar o imperfeito é finiss-.
Sendo assim, o imperfeito é “je finissais“.

O verbo être tem uma pequena irregularidade na formação do imperfeito. Sua raiz é et-. Por isso, ele não cumpre a regra geral de tirar a raiz da primeira pessoa do plural (nous). Sendo assim, a conjugação do imperfeito de “être” é a seguinte:

étais
étais
était
étions
étiez
étaient

Nada melhor do que praticar muito para conseguir aprender a falar francês. Se você faz curso de francês para iniciante, não se desespere: com a prática, o domínio da conjugação melhora.

Te contamos também como aperfeiçoar a conjugação verbal da língua francesa!

Pretérito mais-que-perfeito

Para se conjugar um verbo no pretérito mais-que-perfeito, a única coisa a considerar é a concordância entre o sujeito e o particípio quando o auxiliar for o verbo être , como acontece no tempo verbal passé composé.

Exemplo:

il était allé
elle était allée
ils étaient allés
elles étaient allées

Resumo

Relembrando e resumindo o que foi visto sobre a conjugação em francês de verbos no indicativo:

  • Os tempos verbais utilizados são:
    – Presente do indicativo,
    – Pretérito simple,
    – Pretérito mais-que-perfeito,
    – Passé composé,
    – Pretérito imperfeito,
    – Futuro do indicativo.
  • Os tempos verbais no indicativo possuem particularidades que variam de acordo com:
    – As terminações de cada verbo,
    – O grupo verbal ao qual ele pertence (1º grupo, 2º grupo ou 3º grupo),
    – Se ele é regular ou irregular,
    – Se ele é composto ou não.
Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar