A palavra rap, vem do inglês "falar, conversar, proclamar", ou também pode ser vista como uma sigla retroacrônima, que significa "ritmo e poesia" (na língua original: "rhythm and poetry"). Ela representa um dos elementos fundamentais para a existência da cultura Hip-Hop, juntamente com o beatbox, os djs, os MCs (ou mestres de cerimônia), o break dance e o graffiti.

O hip-hop nasceu entre as comunidades latino-ameicanas e afro-americanas nos guetos de Nova Iorque, nos Estados Unidos, por volta do início dos anos 1970. Um dos grandes responsáveis pela criação desse movimento, especialmente do rap, foi o DJ Kool Herc.

Naquela época, o subúrbio novaiorquino passava por diversos problemas sociais como a pobreza, a criminalidade, o tráfico de drogas, racismo e etc. e era bastante comum ver as pessoas descontentes com essa situação e querendo vocalizar isso de alguma forma. As pessoas costumavam ir para as ruas e expressar todo seu descontentamento através da arte, fazendo rodas de break dance, pixando muros e recitando poesias. Logo, Herc que era jamaicano, começou a trazer adaptações do reggae como fundo musical para esses recitais e foi percebendo que isso deixava a expressão dor artistas ainda mais intensa e criativa.

Assim nasceu o rap, que além do reggae jamaicano, teve também influências do jazz, blues e R&B americanos. Diante disso, nasceram as batalhas de improvisação, onde os artistas competiam entre si para ver quem tinha a melhor rima. Este é um dos únicos gêneros musicais cujo a letra das músicas é mais importante do que a melodia, justamente por conta dessa cultura de proclamar poesias e elucidar problemas sociais.

Mas a militância oriunda do rap demorou décadas para ser bem vista. Por abordar assuntos tão pesados como a pobreza e a criminalidade, acreditava-se que estar envolvido com a música significava estar necessariamente associado à questões fora da lei, o que de fato acontecia eventualmente por muitos dos cantores virem desses espaços marginalizados, porém, por outro lado o rap também tirou muita gente desse ambiente hostil, dando um novo propósito de vida para estes artistas.

O boom do gênero musical aconteceu de fato por volta dos anos 90, quando ele finalmente estourou a bolha e começou a se alastrar pelo mundo, mas isso foi apenas o início do movimento. O rap é hoje um dos estilos que mais cresce atualmente, se tornando cada vez mais popular entre as massas da sociedade e abrindo espaço para além dos homens, cisgênero e heterossexuais que sempre foram maioria nesse meio. O propósito dos rappers segue sendo o mesmo, trazer visibilidade e voz para minorias da sociedade em forma de crítica social, mas com a expansão do movimento hoje o rap consegue alcançar muito mais gente e abordar certos assuntos que nem mesmo eram pauta na década de 70.

Atualmente, o rap e a cultura hip-hop como um todo se tornaram maiores do que a própria tribo. Sua influência vai além da música, sendo também responsável por criar muitas das tendências de moda que vão para as passarelas, estilo de vida e até mesmo gírias. E se você quer conhecer um pouco mais sobre o mundo do rap, fizemos um resumo com tudo o que você precisa saber para ficar por dentro dessa cultura!

Os melhores professores de Canto disponíveis
Igor
5
5 (35 avaliações)
Igor
R$115
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Fer
5
5 (35 avaliações)
Fer
R$80
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Eric
5
5 (26 avaliações)
Eric
R$160
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Murilo
5
5 (54 avaliações)
Murilo
R$79
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Grívan
5
5 (53 avaliações)
Grívan
R$90
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Arthur
5
5 (48 avaliações)
Arthur
R$80
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Erica
5
5 (35 avaliações)
Erica
R$135
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Anne maryse do lago baldovino
5
5 (20 avaliações)
Anne maryse do lago baldovino
R$90
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Igor
5
5 (35 avaliações)
Igor
R$115
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Fer
5
5 (35 avaliações)
Fer
R$80
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Eric
5
5 (26 avaliações)
Eric
R$160
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Murilo
5
5 (54 avaliações)
Murilo
R$79
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Grívan
5
5 (53 avaliações)
Grívan
R$90
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Arthur
5
5 (48 avaliações)
Arthur
R$80
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Erica
5
5 (35 avaliações)
Erica
R$135
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Anne maryse do lago baldovino
5
5 (20 avaliações)
Anne maryse do lago baldovino
R$90
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Vamos lá

Melhores rappers americanos

Por ter nascido nos Estados Unidos, o rap americano é hoje um dos mais ouvidos do mundo e, muitos dos artistas que ainda estão em evidência nas paradas e premiações viram nascer o estilo musical e contribuíram assiduamente para que ele se tornasse o que é agora.

Por ter apenas 50 anos de mercado e 30 como um gênero musical globalizado e internacional, grande parte dos gigantes que tornaram o movimento lendário ainda estão em atividade, não somente na música mas também em outras áreas do entreternimento como o cinema, moda, tecnologia, arte, imóveis, bebidas e até mesmo criptomoedas.

Os rappers americanos ficaram marcados para a história, como por exemplo Kanye West que se tornou o primeiro rapper bilionário do mundo, ou o Eminem que bateu recordes de mais palavras cantadas por segundo, Tupac que teve uma das carreiras mais curtas da indústria e ainda assim ficou marcado na memória dos fãs ou até mesmo 50 Cent que estava envolvido com o mundo do crime e encontrou o rap na cadeia, finalmente conhecendo sua verdadeira paixão e escolhendo um caminho diferente.

Alguns dos melhores rappers americanos são:

E se você adoraria descobrir mais da história do rap nos Estados Unidos, nós preparamos um artigo contando um pouco mais sobre as origens de cada um deles, sobre o que eles cantam e porque eles são, ou foram, tão importantes.

Os maiores rappers da França

Se tem um país da Europa que adotou o rap com força foi a França. O gênero musical é, atualmente, o mais tocado nas rádios e nos streamings franceses. A cultura hip-hop chegou na terra do croissant no início dos anos 80, uma década após o seu surgimento nos Estados Unidos.

E como todo estilo musical marginalizado, o rap de início não era bem aceito e por isso tocava apenas em rádios piratas. Com o passar dos anos, foi ganhando espaço e conquistando o coração dos franceses e também de outros países francófonos como a Bélgica, Suíça e grande parte da África.

Inicialmente, o gênero se popularizou através de grupos, ao contrário dos americanos que deslancharam em carreira solo. Alguns dos grandes nomes que fizeram parte dessa chegada do rap na França são NTM, Assassin, IAM, Ministère AMER, La Cliqua, Ideal J, Time Bomb e Lunatic.

Um dos primeiros rappers a fazer sucesso como cantor independente foi MC Solaar, que segue em atividade produzindo músicas até hoje. Mas diferentemente dos raps americanos que tiveram influências do blues, jazz, R&B e reggae, os raps franceses foram buscar batidas em raízes mais latinas, como o reggaeton, funk brasileiro e olodum.

Por grande parte da África ser francófona e também possuir estilos musicais similares aos nossos no Brasil, os raps em francês se tornaram ainda mais famosos com essa fusão de gêneros e, diferentemente dos americanos que costumam cantar sobre pobreza, tráfico, criminalidade e racismo, muitos dos rappers na França cantam sobre ostentação, relacionamentos e ascensão de vida e carreira, o que também é uma influência do nosso funk.

Para descobrir um pouco mais sobre como o rap foi parar do outro lado do mundo e se tornou o estilo mais ouvido entre os franceses, preparamos para vocês uma lista com os 10 rappers mais importantes na França:

Os rappers mais famosos do Brasil

E é claro que o Brasil não ficou de fora dessa. O rap chegou no nosso país mais ou menos no final dos anos 80 e início dos anos 90 e veio para ficar. Por ser um gênero marginalizado, ele naturalmente se tornou muito popular nas favelas, onde as pessoas buscavam na música uma válvula de escape da realidade dura que era conviver com o crime, o tráfico de drogas, prostituição e etc.

Porém, o Brasil conseguiu estourar bolhas que a maioria dos outros países não conseguiu. O rap, como já sabemos, é sobre fazer críticas sociais e dar voz e visibilidade à minorias, mas o estilo sempre foi majoritariamente masculino, hétero e cis em todos os países. Diferentemente, em terras brasileiras o ritmo se popularizou tanto que em nossa lista de rappers mais famosos nós temos uma vasta gama de representatividade.

Entre gays, drag queens, bissexuais, travestis, mulheres, homens, classe média, classe baixa e diferentes etnias, nosso rap está super bem representado e abordando assuntos bastante relevantes para os dias atuais como empoderamento feminino, transfobia, homofobia, oportunismo e relacionamentos tóxicos.

Deixamos aqui uma lista com os 10 nomes mais importantes do rap brasileiro para você descobrir um pouco mais sobre estes artistas, ativistas e militantes que representam nosso país na cultura hip-hop:

Top 10 músicas do RAP Nacional

O rap é um dos gêneros mais amados entre os brasileiros atualmente. Está sempre entre o top das paradas de streaming e certamente não sairá tão cedo, pois a cada dia que passa chegam novos artistas, novos talentos, novos hits e novas questões a serem discutidas.

O hip-hop, em geral, é um dos grandes responsáveis por ditar as tendências no Brasil, sejam de moda, comportamento ou até mesmo influenciando nossas gírias e maneira de falar. Muitas das nossas referências vem dos Estados Unidos, mas com o toque brasileiro tudo se adapta para ficar a nossa cara.

Por exemplo, nossas batidas e harmonias musicais não são importadas mas sim apropriadas de outros gêneros musicais brasileiros igualmente marginalizados como o funk, o tecnobrega e o olodum. É super interessante ver como que conseguimos fundir nossa cultura no rap sem perder nossa herança histórica e cultural.

E como no Brasil grande parte das músicas que bombam não necessariamente são dos artistas mais conhecidos, também fizemos uma lista com as 10 músicas mais famosas do rap nacional atualmente, com alguns dos hits clássicos e que nunca saíram dos nossos corações e outros que chegaram agora e a gente já considera pacas:

E se você gostou de saber sobre como o rap se espalhou pelo mundo e como ele está hoje nos Estados Unidos, Brasil e França, comenta aqui embaixo. Você conhece algum rapper ou música que não foi mencionado(a) aqui? Deixe nos comentários e vamos bater um papo!

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou desse artigo? Deixe uma nota!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Ana Carolina

Capixaba morando em Paris. Publicitária, Redatora, Mestre em Moda e Comunicação, expert em Mídias Sociais para empresas de moda/beleza e influencer nas horas vagas.