Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

O top 10 das cidades alemãs mais imperdíveis

De Fernanda, publicado dia 05/11/2019 Blog > Idiomas > Alemão > Quais são os melhores destinos turísticos da Alemanha?

Se você planeja viajar para a Alemanha, terá que decidir em quais cidades incluir no seu roteiro! Felizmente, Superprof está aqui para ajudá-lo a resolver isso!

Ir para a Alemanha é um ótimo projeto se você organizar bem a sua viagem. Este país da Europa Central é um dos mais ricos economicamente e culturalmente, para não mencionar a gastronomia alemã, um verdadeiro deleite!

A Alemanha tem muitas cidades perfeitas para passear e entre elas estão algumas dos destinos mais visitados da Europa. Não importa em qual cidade você vá, não ficará entediado!

O Superprof preparou uma lista das dez principais cidades alemãs para visitar durante a sua estadia na Alemanha e assim descobrir a rica herança cultural e histórica do país de Bach e Beethoven!

Berlim, a capital alemã

Descubra as melhores cidades turísticas alemãs para uma viagem de descoberta! O Portão de Brandemburgo, símbolo de Berlim.

Como pensar em uma viagem germânica sem passar na cidade cosmopolita, cultural e artística que é Berlim, a capital da Alemanha!

Aqui está uma lista não exaustiva do que será possível na maior cidade da Alemanha:

  • Admirar o Portão de Brandemburgo
  • Visitar o Palácio do Reichstag,
  • Conhecer a praça Gendarmenmarkt,
  • Visitar o Memorial do Muro de Berlim,
  • Fazer compras na Potsdamer Platz,
  • Visitar Torre de TV,
  • Visitar a Catedral de Berlim (Berliner Dom).

A cidade obviamente tem muitos lugares mais fascinantes para descobrir e você levará mais de um dia para visitar tudo. Com mais de 142 bibliotecas, 60 teatros e 166 museus, os berlinenses não têm tempo para ficar entediados!

Munique, o reino da cerveja na Baviera

Procurando por um curso alemão online?

Munique é a terceira maior cidade da República Federal da Alemanha e, sem dúvida, uma parada imperdível na Baviera. Importante centro industrial, Munique é uma cidade que conta muito na economia alemã.

Se você é amante de cerveja, então Munique é a cidade certa para visitar! A cada ano, no final de setembro e início de outubro, a cidade é palco de celebração da cerveja alemã e europeia com a Oktoberfest, o grande festival de cerveja!

Há também o turismo cultural, com belas visitas como o Castelo de Nymphenburg, a Catedral de Munique e os muitos parques. A Marienplatz (Praça de Maria) é também um local que recomendamos visitar durante a sua estadia em Munique!

Colônia, a Roma do norte

No oeste da Alemanha, no Vale do Reno, fica a cidade de Colônia, hoje uma grande metrópole europeia e, originalmente, a cidade mais antiga da Alemanha!

Os turistas podem desfrutar de várias visitas e atividades, como a da Catedral de Colônia, uma maravilha arquitetônica e patrimonial, mas também vários museus, como o Museu do Chocolate ou o Museu Ludwig. Finalmente, para diversão em família, Colônia também tem um parque de diversões chamado Phantasialand a apenas 10 km do centro!

Colônia também é famosa por suas especialidades, como a famosa Eau de Cologne:

“Eau (água): a água de Paris dá cólicas. A água do mar ajuda a nadar. A água de Colônia cheira bem” – Gustave Flaubert

A cidade de Colônia também está muito perto da cidade de Bonn, cidade natal de Beethoven!

Finalmente, não se esqueça de provar a cerveja tradicional de Colônia, a Kölsch!

Encontre os cursos de alemão que você está procurando!

Frankfurt, o centro econômico da Alemanha

Quais são as cidades turísticas da Alemanha para visitar? Frankfurt am Main, uma das razões pelas quais a Alemanha é a principal potência econômica da Europa!

Frankfurt é, sem dúvida, o coração econômico e financeiro da Alemanha. É uma cidade de negócios, mas não só: é o lar do maior aeroporto da Europa e também é um local altamente turístico!

Com sua arquitetura arqui-moderna, Frankfurt vai apelar claramente para o urbano, como uma visita à Torre Principal, que permite ter uma visão panorâmica de toda a cidade. O Museu de Arte Moderna e Contemporânea de Frankfurt é também uma oportunidade para descobrir as formas de arte atuais e a era do tempo.

No entanto, a cidade também tem uma parte histórica que também vale a visita: o Römerberg ou o centro histórico de Frankfurt. É possível saborear uma espécie de sidra local, Apfelwein, no distrito de Sachsenhausen, que é repleto de tabernas!

Finalmente, você também pode visitar a casa do maior escritor alemão, Goethe. Chique!

Hamburgo, entre tradição e modernidade

No norte da Alemanha, Hamburgo, o maior porto alemão, acolhe todos os anos muitos turistas!

Com seus muitos canais, Hamburgo pode lembrar Veneza, especialmente porque conseguiu proteger seu patrimônio histórico da agitação do tempo e pode combiná-lo com uma modernidade alemã única. É considerada por alguns como a cidade mais bonita da Alemanha!

Há muita atividade na bela cidade de Hamburgo:

  • O Zoo Tierpark Hagenbeck,
  • O mercado de peixe,
  • O distrito de Saint Pauli,
  • A torre de telecomunicações Heinrich Hertz,
  • O Museu de Belas Artes de Hamburgo,
  • A igreja de Saint Michel,
  • O parque Planen un Blomen,
  • O porto e as praias de Hamburgo,
  • Ópera Estatal de Hamburgo.

Compras, visitas culturais, degustações gastronômicas, entretenimento noturno … Essas palavras ilustram o seu passeio a Hamburgo!

Düsseldorf, cidade turística entre duas margens

Dividida pelo rio Reno, Düsseldorf é uma cidade alemã repleta de história!

Duas paisagens convivem harmoniosamente: de um lado, a modernidade com suas construções futuristas, e de outro o patrimônio histórico com o antigo porto agora classificado como Patrimônio Mundial da UNESCO. Exatamente, nesta cidade antiga encontra-se um paraíso de compras de luxo, o Königsallee, meca da moda da Alemanha.

O Castelo de Benrath é também uma grande atração turística em Düsseldorf: uma obra-prima do estilo rococó que também abriga dois museus.

Dusseldorf também é uma cidade onde você pode se divertir em noites agradáveis ​​e onde você pode fazer boas degustações em pequenas cervejarias autênticas. Finalmente, a cidade hospeda o carnaval do Reno no final de fevereiro e início de março. Nada mal, hein Düsseldorf!

Dresden, cidade de arte na Alemanha

Quais são os lugares imperdíveis em uma viagem às cidades alemãs? Seja por suas paisagens ou arquitetura, a Alemanha tem um lado muito romântico (o que não é o caso de sua língua …).

Dresden é a capital da Saxônia, no leste da Alemanha. Se você quer fazer turismo cultural, artístico e histórico, então não perca esta mina de ouro da herança alemã!

No programa, muitas visitas, como:

  • O terraço de Brühl,
  • O Palácio Taschenberg,
  • A estátua do rei Johann,
  • A ópera Sempre,
  • A Frauenkirche (Igreja Protestante),
  • O museu Grünes Gewölbe,
  • O Castelo de Moritzburg.

Estes edifícios históricos e artísticos são de renome internacional e os eventos culturais não são incomuns em Dresden, especialmente no nível musical. Há muitas apresentações; aliás, é de Dresden que vêm a Orquestra Nacional e a Orquestra Filarmônica!

Além disso, a cidade de Auguste le Fort é de uma beleza incomparável. Não perca!

Stuttgart, epicentro da cultura alemã

Stuttgart é a capital de Baden-Württemberg, um dos estados alemães mais ricos, o que a torna um importante centro econômico da Alemanha, mas não a impede de manter o seu charme de velho mundo!

A cidade é cercada por vinhedos e sua vida noturna obviamente se beneficia deste grande patrimônio:

“Se o vinho não fosse cultivado em Stuttgart, a cidade logo se afogaria em vinho” – cronista medieval

Stuttgart também é um centro cultural: universidades renomadas, o centro antigo, a praça Schloss, o castelo, etc. A cidade preservou uma forte marca medieval, moderna, mas também contemporânea, com a destruição associada à Segunda Guerra Mundial.

Também é possível visitar o grande parque ou a exposição da Porsche, a lendária marca de carros!

Encontre um curso de alemão sp!

Nuremberg, principal centro histórico

A cidade de Nuremberg, cidade bávara, é uma verdadeira pérola histórica e turística!

Sua história remonta ao século 9 e pode ser testemunhada em alguns locais, visitando o Kaiserburg (Castelo Imperial) ou a casa de Albrecht Dürer, um pintor alemão do século XV.

A cidade também é conhecida por sua história mais recente, na Segunda Guerra Mundial: é aqui que ocorreram os famosos julgamentos de Nuremberg para julgar os crimes contra a humanidade cometidos pelos nazistas. Um memorial permite que você mergulhe nesta história fascinante.

Na época, a cidade também acolhia o congresso do Partido Nazista, que agora deu origem a um centro de documentação, o Dokumentationszentrum Reichsparteitagsgelände (de uma simplicidade surpreendente).

Entre museus e zoológicos, Nuremberg também é famosa por seu mercado de Natal, mundialmente famoso. História, diversão e descoberta!

Baden-Baden, no meio da Floresta Negra

Encontre todas as nossas dicas para organizar sua viagem turística nas cidades da Alemanha! Uma cidade no coração da Floresta Negra!

Entre spa e resort de floresta, Baden-Baden tem um charme que atrai turistas de todo o mundo, com o seu cenário típico entre a planície do Reno e a Floresta Negra.

Se a cidade é famosa pelos seus banhos, também é famosa pelo seu casino, palácios e museus. Baden-Baden é uma das cidades mais bonitas da Alemanha, com o seu encanto pitoresco e o cenário encantador de árvores ancestrais, pontes históricas e o Oos, um rio romântico!

A cidade antiga de Baden-Baden também vale a visita pelo seu aspecto de vilarejo, que faz contraste ao luxo dos palácios.

Finalmente, se você quiser um passeio digno de um conto de fadas, dê uma volta no Parque Nacional da Floresta Negra: lá você terá vistas panorâmicas fantásticas e florestas selvagens de coníferas, lagos profundos em vales de origem glaciária e pântanos escuros.

É claro que poderíamos citar outras cidades famosas: Hannover, Heidelberg, Augsburg, Aachen, Mannheim ou Saarbrücken, mas a lista seria longa demais. Da mesma forma, não conseguimos listar todos os monumentos classificados como Patrimônio Mundial pela UNESCO e datados do Sacro Império Romano, Prússia do Terceiro Reich ou reunificação. Há muito o que ver!

Depois de descobrir as riquezas de todas as grandes cidades da Alemanha, você deve ter ficado com vontade de ali passar suas férias e mergulhar na cultura germânica. Se assim for, o Superprof pode ajudá-lo a se preparar para esta viagem, aprendendo a língua alemã por meio de aulas de idiomas!

Nossa seleção dos monumentos alemães mais bonitos

Nossa seleção dos monumentos alemães mais bonitos. O top dos dez edifícios históricos imperdíveis na Alemanha

É especialmente a partir da queda do Muro de Berlim que o país se abriu ao turismo de massa, abrindo para o mundo a possibilidade de descobrir seus locais históricos, fazer cruzeiros no Reno ou mergulhar de novo na triste história de Berlim com a visita aos campos de concentração.

Desde o período do Sacro Império Romano aos dias de hoje, o país da Europa Central está cheio de monumentos e lugares que são essenciais durante uma estadia na Alemanha!

Vamos citar alguns deles aqui:

A Marienplatz de Munique

Traduzido como “Praça Santa Maria” em português, a Marienplatz é a praça no centro de Munique, fundada em 1158.

Aqui está uma lista não exaustiva do que você pode ver e visitar por lá:

  • A antiga prefeitura neogótica com sua famosa torre
  • A igreja da Marienplatz, também em estilo neogótico,
  • O relógio mecânico (Carillon), que fica no alto da torre, executa a disputa (e dança) de bonecos em miniatura em determinadas horas do dia: 11h, 12h e 17h.
  • A coluna chamada Mariensäule, representando uma Maria dourada que segura seu filho Jesus,
  • A nova prefeitura gótica,
  • Catedral de Notre-Dame, emblema da cidade,
  • Muitos restaurantes como Zum ewigen Licht, que teria criado a salsicha branca de Munique!

Este lugar tem muito para entreter os turistas com suas muitas atrações turísticas e atividades típicas alemãs!

A Coluna da Vitória, uma glória germânica

Também chamado de Siegessäule, a Coluna da Vitória é um dos mais belos monumentos da capital da Alemanha. Desenhada por Heinrich Strack, foi construída para comemorar a vitória da Prússia sobre a Dinamarca na guerra Prússia-Dinamarca de 1864. Em poucos anos a Prússia ganhou mais duas guerras, desta vez contra a Áustria, em 1866 e contra a França em 1870/1871.

Originalmente instalada na Praça Königsplatz, em 1938 foi transferida por Hitler para o meio da “Grande Estrela”, a travessia das 5 principais ruas do distrito de Tiergarten.

Esta coluna tem 67 metros de altura e se você subir seus 285 degraus, pode admirar de perto a estátua de ouro do anjo, direcionada para o oeste. Ela representa Victoria, a alegoria da vitória (nikè em grego). Também é possível encontrar balas na torre, testemunhas dos confrontos da Segunda Guerra Mundial.

Se você quiser descobrir a Alemanha, uma parada para contemplar esta coluna sublime é obrigatória: uma verdadeira testemunha de um passado de grandes batalhas!

Monumentos alemães: Catedral de Colônia

Localizada ao norte do rio Reno, a Catedral de Colônia é o monumento mais visitado da Alemanha!

As obras começaram em 1248 e não terminaram até 1880, mostrando que o projeto era de longo prazo. Em um estilo gótico marcado, o edifício religioso, listado como Patrimônio Mundial da UNESCO, é um dos monumentos da Europa que mais bem simboliza o passado cristão de todo o continente europeu:

“Além do excepcional valor intrínseco e das obras-primas, a Catedral de Colônia reflete a força e a persistência da fé cristã na Europa” (unesco.org)

Com seus 157 metros de altura, é a segunda igreja mais alta do mundo. Também uma boa oportunidade de provar a Kölsch, uma cerveja típica, ou visitar a famosa Universidade de Colônia!

O Portão de Brandemburgo, símbolo de Berlim

Quais são os 10 edifícios alemães que devem ser visitados a todo o custo para visitar a Alemanha? Entre drama e orgulho, o Portão de Brandemburgo continua de pé!

O Portão de Brandemburgo é certamente o monumento mais famoso de toda a Alemanha: na verdade, é o símbolo da capital alemã. Localizado na entrada da antiga Berlim, foi durante muito tempo o símbolo da divisão desta cidade alemã.

Hoje, o Portão, erguido no século XVIII para o rei prussiano Francisco Frederico II, representa a marca do poder da capital da Alemanha e do seu patrimônio histórico. Simboliza também a vitória da paz sobre as armas, um valor caro ao povo alemão: a deusa da Vitória é representada em uma quadriga de cobre.

Este monumento icônico de Berlim, com sua clara inspiração grega (o Propileus da Acrópole), é sem dúvida imperdível!

Castelo de Neuschwanstein, maravilha alemã

Localizado em um esporão rochoso com vista para o desfiladeiro de Pöllat, este castelo, digno dos mais belos contos de fadas, é um dos edifícios mais bonitos da Alemanha! Sua atmosfera mágica vai iluminar suas férias na Alemanha.

Localizado na região da Baviera, este castelo foi construído por Luís II da Baviera no século XIX. Este rei queria imitar o estilo dos antigos castelos alemães e conseguiu trazer uma elegância à imaginação dos românticos.

Hoje, o Castelo de Neuschwanstein é um dos monumentos mais visitados da Alemanha, com mais de um milhão de visitantes por ano! É, portanto, um destino turístico imperdível!

O Muro de Berlim, a memória do passado alemão

Também conhecido como o “muro da vergonha”, o Muro de Berlim é uma memória dolorosa para o povo alemão, pois representa a fronteira impenetrável entre a Alemanha Ocidental (RFA) e a Alemanha Oriental (GDR) entre 1961 e 1989.

Aqui está um pequeno resumo das principais datas relativas ao Muro de Berlim:

  • Junho de 1948 – maio de 1949: bloqueio de Berlim por Stalin
  • 1949: criação da RFA, depois da RDA
  • 1958: Ultimato de Nikita Khrushchev às forças aliadas
  • 13 de agosto de 1961: construção do Muro de Berlim
  • 26 de junho de 1963: discurso de J. F. Kennedy, “Ich Bin Ein Berliner” em solidariedade aos berlinenses
  • 1970: Ostopolitik, aproximação entre a RFA e a RDA, simplificação das viagens
  • 1985: Mikhail Gorbachev abre uma onda de democracia em todo o bloco soviético
  • 9 de novembro de 1989: queda do Muro de Berlim
  • Maio de 1990: tratado da União Econômica e Monetária entre a RFA e a RDA
  • 3 de outubro 1990: Alemanha é reunificada, este dia torna-se o Dia Nacional na Alemanha

Hoje, a separação não existe mais, mas algumas partes da cortina de ferro permanecem visíveis, testemunhas de uma triste história que agora é possível contemplar.

A cidade antiga de Rothenburg, um lugar congelado no tempo

Rothenburg ob der Tauber, na cidade antiga de Rotheburg, é uma pequena vila medieval na Baviera. Se você viajar para a Alemanha, é essencial conhecer esta cidade e sua atmosfera especial!

Tendo se tornado cidade livre em 1274, conheceu seu apogeu no século XV, antes de declinar no século seguinte. Depois de 500 anos de independência, volta a integrar o reino de Baviera em 1802.

A cidade não sofreu qualquer transformação desde a Renascença (especialmente desde a Guerra dos Trinta Anos) e seus edifícios estão portanto intactos! Ela concentra um grande número de edifícios medievais e tem uma muralha fortificada que foi preservada.

Em suma, Rothenburg é uma das paradas imperdíveis nesse roteiro romântico!

O Bundestag no Palácio do Reichstag, o parlamento dos alemães

Quais são os mais belos monumentos a visitar durante uma estadia na Alemanha? A cúpula, no topo do Palácio do Reichstag.

O Bundestag alemão é o parlamento da República Federal da Alemanha. Estabelecido no Palácio do Reichstag de Berlim, o Bundestag é a sede da assembléia desde 1999. É no Bundestag que são eleitos os chanceleres alemães, dos quais fazemos aqui uma breve recapitulação desde 1949:

  • Konrad Adenauer (1949-1963),
  • Ludwig Erhard (1963-1966),
  • Kurt Georg Kiesinger (1966-1969),
  • Willy Brandt (1969-1974),
  • Helmut Schmidt (1974-1982),
  • Helmut Kohl (1982-1998),
  • Gerhard Schröder (1998-2005),
  • Angela Merkel (2005 – hoje).

É possível visitar o Palácio do Reichstag, assim como a cúpula que o adorna, dois elementos arquitetônicos únicos e uma rica história!

Fernsehturm de Berlim, a torre de Berlim

Do alto de seus 368 metros, a torre de sinalização de TV, a Fernsehturm, contempla a capital da Alemanha!

Em 1979, a Fernsehturm de Berlim recebeu o status de monumento histórico na RDA. Após a reunificação, a torre tornou-se o símbolo da Alemanha unida e democrática.

É o edifício mais alto do país e o quarto mais alto da Europa. É frequentemente usado para simbolizar a capital ao lado do Portão de Brandemburgo ou da Coluna da Vitória.

Outra anedota interessante: a esfera que adorna a torre é apelidada de “a vingança do Papa”, ironizando assim o governo socialista da antiga Alemanha Oriental, que promovia oficialmente o ateísmo e reprimia as instituições religiosas do país.

O Memorial aos Judeus Mortos da Europa

Localizado em Berlim, o Memorial aos Judeus Mortos da Europa é um dos mais importantes locais memoráveis ​​de Berlim sobre o Holocausto. Seu valor histórico e memorial é, sem dúvida, o mais importante para o período da Segunda Guerra Mundial.

Com as suas muitas estelas cinzentas (2.711 no total), o Memorial recorda fortemente a barbárie nazista, a “solução final” de 1942 e o terrível holocausto que se seguiu. Nunca se deve esquecer sua história para avançar no presente, como diz o provérbio judaico:

“Você só pode dar duas coisas para seus filhos: raízes e asas”

Este local de recolhimento e reflexão possui uma exposição permanente sobre o mesmo assunto. Se você passar por Berlim durante a sua viagem, vá até lá para nunca esquecer as atrocidades do nazismo, os erros da nossa história e o progresso indiscutível de hoje!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar