Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Quando começar a fazer aulas de música para se tornar um violinista?

De Fernanda, publicado dia 26/11/2018 Blog > Música > Violino > É possível aprender o violino a qualquer idade?

Você gostaria de fazer aulas de violino depois de adulto?

Ou inscrever seu filho de 3 anos para ele se tornar um grande músico?

Mas será que a idade tem uma importância real no sucesso de um estudante de música?

Curso de teoria, empunhadura do arco, posição das mãos, técnica do vibrato, composição do violino, fazer cursos de violino… Aprender este instrumento às vezes parece quase impossível.

Afinal, o violino é realmente para todos? Aqui estão algumas respostas.

O violino: um instrumento difícil

A decisão de aprender violino pode ser uma voz de sabedoria, mas não de facilidade.

Este instrumento tem há muito tempo a sólida reputação de ser impossível de se apreender, pelo menos em um curto prazo de tempo.

Antepassado da viela, o violino é um instrumento nascido de diferentes evoluções instrumentais. Sua forma atual só foi aparecer no século XVII. Na época e até o final do século XX, o violino só era acessível à burguesia ou à nobreza.

Onde comprar um violino? Quanto custa um instrumento como o violino? | Os violinos Stradivarius estão entre os mais caros do mercado.

O instrumento era excessivamente caro. Hoje ainda encontramos violinos por mais de 10.000 reais.

Mas era preciso também levar em conta os longos anos de conservatório ou aulas particulares com um bom professor de violino, também pedagogo.

Hoje em dia, o violino tem se popularizado.

O surgimento de plataformas de vendas online como a Ebay ou a Amazon reduziram drasticamente o preço desse instrumento.

Uma nova forma também apareceu: o violino elétrico.

Disponível para venda na internet por preços entre 300 e 1500 reais, o instrumento está ao alcance de muito mais carteiras do que antigamente. Sem contar os instrumentos de segunda mão, que são ainda mais baratos.

No entanto, o seu custo não elimina a dificuldade de aprendê-lo.

Se você acabou de começar as aulas, saiba que ainda vai precisar de mais alguns anos de estudos.

Isso também depende da frequência com que o estudante toca e como ele aprende a tocar.

A evolução não será a mesma se o aluno estiver em uma escola de música ou se aprender como autodidata.

A dificuldade de aprender o violino também depende muito da trajetória e da afinidade do aluno com música.

De qualquer forma, um aprendiz de violinista deve aprender os movimentos certos e isso leva tempo.

Vibrato, posicionar os dedos no braço, tocar as cordas da maneira certa, … Tantas técnicas que devem ser dominadas antes de emitir sons agradáveis para seu público!

Os benefícios de aprender a tocar piano desde cedo

Sabendo que aprender a tocar violino é complicado, por que não fazê-lo o mais cedo possível?

Esta é a pergunta que muitos pais se fazem antes de matricular o filho em uma escola de música.

No Brasil, em geral as escolas de música já recebem pequenos músicos a partir de 6 ou 7 anos de idade.

Idade em que os alunos já têm maturidade e habilidades motoras para assimilar os movimentos no violino.

Se os pais quiserem matricular seus filhos mais cedo, existem escolas privadas, como a metodologia Suzuki, que admitem crianças a partir de 3 anos de idade.

Mas é realmente necessário começar tão cedo?

Muitos benefícios são observados na aprendizagem juvenil. As crianças têm muitas vezes um grande desejo de descobrir, atenção especial e facilidades para assimilar o conhecimento.

Segundo a professora de piano Véronique BARRACO:

“Estudos científicos mostraram que antes de 7 anos são criadas a maioria das conexões no sistema nervoso. Esta é a prova de que algo está realmente acontecendo neste período.”

Também é comprovado que os alunos têm melhor desempenho na escola quando fazem ou tocam música. Eles desenvolvem a concentração e o trabalho.

Quanto mais cedo as crianças começarem as aulas de música, menos elas serão condicionadas pelo aprendizado escolar. Elas se tornam, portanto, mais abertas a outros métodos de aprendizagem.

Ainda mais sabendo que até os doze anos de idade o cérebro ainda está se formando e as conexões sendo criadas. As crianças são muito abertas.

Mas ensinar o violino a uma criança não é apenas vantajoso.

Devemos nos lembrar que o primeiro ano de estudo na música é dedicado à teoria musical. Ou seja, ele começa aos 7 anos de idade. Antes disso, as crianças participam de um despertar musical: a musicalização. Mas crianças de 6 ou 7 anos podem ficar rapidamente entediadas com a teoria musical e assim perder o interesse pelo violino.

Portanto, não é realmente aconselhável começar cedo demais e correr o risco de aborrecer a criança com teoria. É somente aconselhável inscrever o seu filho caso ele mesmo peça, depois de demonstrar um interesse particular pela música.

E que tal fazer uma hora de aula como teste para ter certeza de que a teoria musical não o assusta?

Também é preciso levar em conta a motricidade da criança. Aulas de música e de violino para iniciantes podem ajudá-lo a desenvolver seus movimentos ou… perturbá-lo. Mais uma vez, você deve prestar atenção aos sinais que seu filho lhe dá.

Em qualquer caso, a criança deve participar voluntariamente e não ser obrigada pelos pais.

Aprender o violino na adolescência?

O violino nunca teve uma reputação muito rock até a última década. Com a chegada do violino elétrico, aprender o instrumento voltou a ficar na moda. Muitos grupos utilizam em suas composições.

Os adolescentes estão cada vez mais interessados ​​nesse instrumento de cordas, embora não chegam perto da procura pela guitarra ou bateria.

E para aprender a tocar, o jovem só precisa escolher o método de aprendizagem mais adequado: vídeos do youtube, aulas de violino on-line grátis, professor particular, escola de música, livros de métodos, …

Mas é realmente possível começar a tocar violino neste momento da vida?

A adolescência é uma época em que gostamos de ter um grupo de amigos e onde é importante fazer coisas que chamem a atenção. Precisamos encontrar métodos apropriados para não aborrecer os jovens.

Os músicos aprendizes não devem ver as aulas como uma restrição, mas sim como uma maneira de socializar com os amigos e se divertir.

Participar de um curso de violino intensivo é uma solução muito adequada para adolescentes. Durante as férias escolares, é possível participar das aulas durante uma semana.

Naturalmente, não é uma questão de bombardear o cérebro das 8h às 17h, mas sim oferecer atividades diferentes durante a semana para descobrir o instrumento e aprender a lidar com ele.

Seja qual for o nível do aluno (iniciante, intermediário, confirmado) e seu estilo de música preferido (cigano, rock, jazz, música clássica, música irlandesa, folk, música de câmara, música de filme, …): as aulas podem permitir uma interação com outros músicos de sua idade.

Violinistas apostam também em tecnologia Os violinos eletrônicos subiram aos palcos em vários estilos musicais.

Aprender teoria musical não deve ser algo chato.

E por que não compor uma banda?

Tocar em uma banda de música adolescente traz muitos benefícios. Os jovens estabelecem metas para alcançar, como a música de uma banda que eles gostam ou um show para preparar no final do ano.

Além disso, permitir que os adolescentes escolham as músicas que desejam aprender é uma ótima maneira de motivá-los e, ao mesmo tempo, promover o aprendizado.

Mesmo que o adolescente não tenha a mesma facilidade que um jovem que iniciou o violino aos 7 anos, é perfeitamente possível alcançar um bom nível de motivação.

Que tal aprender a afinar seu violino!

Aprenda o violino depois de adulto: possível ou não?

Muitas pessoas desistem de aprender a tocar um instrumento como o violino depois de adultos.

As pessoas dizem que é complicado, se não impossível, atingir um nível aceitável quando você ultrapassa a marca dos 25 anos.

Mas temos boas notícias: isso só depende de você!

A dificuldade real é encontrar o tempo necessário para aprender este novo instrumento. É por isso que alguns adultos levam anos para emitir um belo som de seu instrumento.

Na verdade, às vezes é difícil reservar uma hora de aula de violino entre tantas tarefas: crianças, casa, trabalho…

Além disso, é preciso voltar a um ambiente de aprendizado, o que não é tão fácil para alguém que já terminou a escola há anos, se não há décadas.

Pode ser difícil mergulhar em aulas teóricas e outras loucuras musicais.

A solução pode ser as aulas de violino online. Uma maneira de nos organizarmos como bem entendemos.

Tenha cuidado para não se desmotivar. É fácil perder uma aula aqui e outra acolá.

Para aqueles que preferem ter um espaço físico para tal, saiba que algumas escolas oferecem aulas de violino para adultos.

E para aqueles que preferem um meio-termo, fazer aulas de violino com um professor particular pode ser a solução ideal.

O programa de violino é adaptado ao seu tempo disponível, sua idade, seu passado como músico e suas expectativas e objetivos.

O amor pelo violino além da idade

Costuma-se dizer que o amor não tem idade. Sua paixão pelo violino também não deveria ter.

Se você tem 5, 15 ou 35 anos: saiba que a idade não influencia realmente no progresso de um músico. A criança tem, naturalmente, algumas facilidades, porque os hábitos são ancorados desde cedo, mas só a motivação é necessária.

É a sua motivação que definirá o número de horas que você vai dedicar aos estudos.

É também a medida da sua motivação que desempenhará um papel nos tempos difíceis, nesses momentos que você vai querer desistir.

Uma criança que não gosta do violino não aprende melhor ou mais rápido que um adulto altamente motivado.

Tudo isso depende da sua vontade e de um cronograma.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar