"O melhor professor é aquele que mostra para onde olhar sem dizer o que ver."
Anônimo

Cada profissão tem seus altos e baixos emocionais. Ser professor, de forma alguma, é único em suas oscilações do otimismo exuberante à negatividade esmagadora. Para quem dá aula, porém, é importante estar atento a esses ciclos e abraçar os "baixos" da dúvida como contraponto aos picos dos "bons dias".

A verdadeira beleza de ensinar está no fato incontestável de que, embora cada dia, sem dúvida, traga uma avalanche de adversidades, também traz triunfo e algum crescimento interior.

Paciência, qualidades pedagógicas, organização são, sem dúvidas, qualidades de um bom professor que permitem que as aulas de desenho fluam de maneira satisfatória para todos.

Nesta matéria selecionamos e falamos um pouco sobre algumas das qualidades essenciais para quem dá curso de artes, seja ele curso de desenho artístico, curso de desenho tecnico, curso de pintura em tela, curso de cerâmica, curso de escultura, curso de gravura, curso de colagem, etc.

Os melhores professores de Desenho disponíveis
1a aula grátis!
Agnes
5
5 (17 avaliações)
Agnes
R$55
/h
1a aula grátis!
Rafael
5
5 (21 avaliações)
Rafael
R$50
/h
1a aula grátis!
Janaína
5
5 (9 avaliações)
Janaína
R$40
/h
1a aula grátis!
João paulo
5
5 (10 avaliações)
João paulo
R$70
/h
1a aula grátis!
Jenny
5
5 (19 avaliações)
Jenny
R$60
/h
1a aula grátis!
Val
4,9
4,9 (9 avaliações)
Val
R$50
/h
1a aula grátis!
Alex sandro
5
5 (10 avaliações)
Alex sandro
R$30
/h
1a aula grátis!
Augusto
5
5 (31 avaliações)
Augusto
R$75
/h
1a aula grátis!
Agnes
5
5 (17 avaliações)
Agnes
R$55
/h
1a aula grátis!
Rafael
5
5 (21 avaliações)
Rafael
R$50
/h
1a aula grátis!
Janaína
5
5 (9 avaliações)
Janaína
R$40
/h
1a aula grátis!
João paulo
5
5 (10 avaliações)
João paulo
R$70
/h
1a aula grátis!
Jenny
5
5 (19 avaliações)
Jenny
R$60
/h
1a aula grátis!
Val
4,9
4,9 (9 avaliações)
Val
R$50
/h
1a aula grátis!
Alex sandro
5
5 (10 avaliações)
Alex sandro
R$30
/h
1a aula grátis!
Augusto
5
5 (31 avaliações)
Augusto
R$75
/h
1ª aula gratuita>

Ser um bom pedagogo para ser um bom professor de artes

Ensinar artes, seja na rede de ensino público ou privado de educação básica, em uma escola particular de arte ou como professor particular, exige muita pedagogia. Esta é certamente a qualidade número 1 de um bom professor.

A pedagogia pode ser definida das seguintes formas, de acordo com o dicionário Michaelis:

  1. Ciência da educação e do processo de ensino e aprendizagem;
  2. Conjunto de doutrinas, princípios e métodos que visam assegurar uma educação eficiente;
  3. Método de ensino;
  4. Profissão ou exercício da arte de ensinar.

Mas o que pode significar "uma educação eficiente"?

Pintora na frente de uma pintura sobre tela toda suja de tinta.
Descubra quais as principais qualidades que um professor de artes deve ter.

Ser um bom professor é, antes de mais nada, saber explicar claramente uma ideia, um problema, uma disciplina, etc. O professor deve ser capaz de simplificar o discurso e adaptar suas explicações de acordo com o público que está à sua frente. A história da arte, por exemplo, não será explicada da mesma forma para uma criança de 4 anos e para um adolescente.

Sendo assim, é importante aprender a se expressar em palavras que sejam acessíveis aos alunos. Um bom professor usará referências que os jovens entendam para facilitar a compreensão.

Ser professor também significa ser capaz de explicar o mesmo problema de maneiras diferentes. Na verdade, nem todos os alunos entendem tudo na primeira vez. Dito isso, você também precisa saber modificar sua fala para oferecer outra perspectiva sobre o assunto.

Ouvir seus alunos durante a aula de artes

Artes é uma disciplina que visa ser expressiva e criativa. O objetivo dos alunos, além de adquirir uma cultura artística geral, é conseguir transmitir uma ideia por meio do trabalho visual.

Neste contexto, é importante ouvir atentamente os alunos, com suas dúvidas e seus desejos. Saber escutar é uma qualidade que obviamente é exigida para o ensino de qualquer matéria.

E isso não significa estar à mercê dos alunos e ouvi-los a todo custo. É preciso saber estabelecer momentos em que os aprendizes possam se expressar verbalmente. No programa de aula, o professor deve, portanto, dedicar parte da sessão de ensino à discussão e à troca de informações.

Desenho de criança com lápis de cor.
Um professor de artes para ensino infantil precisa de qualidades diferentes de um professor de ensino médio.

Os alunos também devem se sentir ouvidos se tiverem problemas de compreensão. Alguns alunos não se atrevem a fazer perguntas na frente de toda a classe. Eles podem vir e perguntar por você no final da aula, se acharem que você está aberto.

Ouvir os alunos também envolve adaptar o programa de acordo com o desenvolvimento e as habilidades de cada um.

Ser organizado para ensinar artes

A maioria dos professores com experiência vai afirmar que é preciso ter muita organização para ensinar artes plásticas.

É preciso aprender a se organizar para administrar estoques, encontrar espaço para secar as obras, guardar as obras dos alunos etc.

Organização não é, portanto, apenas uma questão de tempo, mas também de espaço. O professor deve ser capaz de administrar o espaço que utiliza (sala de aula, ateliê...) a ele para evitar o acúmulo de desordem.

Entre os equipamentos necessários (potes de tinta guache, lápis, tesouras, papel, etc.) e os movimentos dos alunos se movendo em busca de um ou outro objeto, a aula deve ser organizada de forma pragmática para que todos tenham sucesso em atingir seus objetivos rapidamente.

A organização do tempo também é algo que deve ser sistemático durante um curso de desenho ou de pintura, por exemplo. O professor deve ser capaz de encontrar tempo para correções, preparação de aulas, conselhos, etc.

Sem uma organização, o professor de artes pode se sentir sobrecarregado rapidamente.

Desenhista desenha casal na rua.
Um bom professor de desenho e artes precisa também ter uma boa prática artística.
Os melhores professores de Desenho disponíveis
1a aula grátis!
Agnes
5
5 (17 avaliações)
Agnes
R$55
/h
1a aula grátis!
Rafael
5
5 (21 avaliações)
Rafael
R$50
/h
1a aula grátis!
Janaína
5
5 (9 avaliações)
Janaína
R$40
/h
1a aula grátis!
João paulo
5
5 (10 avaliações)
João paulo
R$70
/h
1a aula grátis!
Jenny
5
5 (19 avaliações)
Jenny
R$60
/h
1a aula grátis!
Val
4,9
4,9 (9 avaliações)
Val
R$50
/h
1a aula grátis!
Alex sandro
5
5 (10 avaliações)
Alex sandro
R$30
/h
1a aula grátis!
Augusto
5
5 (31 avaliações)
Augusto
R$75
/h
1a aula grátis!
Agnes
5
5 (17 avaliações)
Agnes
R$55
/h
1a aula grátis!
Rafael
5
5 (21 avaliações)
Rafael
R$50
/h
1a aula grátis!
Janaína
5
5 (9 avaliações)
Janaína
R$40
/h
1a aula grátis!
João paulo
5
5 (10 avaliações)
João paulo
R$70
/h
1a aula grátis!
Jenny
5
5 (19 avaliações)
Jenny
R$60
/h
1a aula grátis!
Val
4,9
4,9 (9 avaliações)
Val
R$50
/h
1a aula grátis!
Alex sandro
5
5 (10 avaliações)
Alex sandro
R$30
/h
1a aula grátis!
Augusto
5
5 (31 avaliações)
Augusto
R$75
/h
1ª aula gratuita>

Paciência, a principal qualidade do professor desenho

Depois da pedagogia, a paciência é a segunda qualidade essencial que os professores de cursos de desenho e artes em geral precisam ter. E embora a paciência funcione, é melhor ser naturalmente paciente o suficiente para tolerar comportamentos distraídos e desatentos dos alunos.

Dependendo do assunto estudado e do perfil das suas aulas e dos seus alunos, as sessões de ensino podem acabar tendo que ser repetidas várias vezes. Mesmo que os alunos ouçam a explicação, nem sempre ela é diretamente integrada ou compreendida de primeira.

O professor deve então repetir os detalhes.

Isso sem falar nas aulas a serem repetidos para diferentes turmas.

Na verdade, o professor de artes frequentemente atende todas as classes do ensino fundamental e médio. Se houver várias classes de um mesmo ano, você terá que explicar as mesmas coisas várias vezes. Sem paciência, as aulas podem rapidamente se tornar irritantes.

Saber gerenciar os alunos: cotidiano de quem ensina artes

Todo mundo já experimentou aulas de arte barulhentas e agitadas na escola. Conforme explicado anteriormente, esta disciplina é uma oportunidade tanto para os alunos se expressarem, como também para se movimentarem na hora de obter o material, etc.

É fundamental que o professor tenha sucesso na gestão de sua turma, mantendo uma certa ordem para que a aula não se transforme em um playground. Isso não apenas interfere nas aulas que possam estar acontecendo na sala ao lado, já que a bagunça é contraproducente para os alunos.

Em um ambiente onde os alunos não ficam parados e onde tudo pode rapidamente se tornar perigoso, o professor deve ficar ainda mais atento.

Pistola de cola quente, tesoura e estilete, dentre várias outras ferramentas, podem rapidamente se tornar perigosas se os alunos não souberes os utilizar com calma e concentração.

Bagunça sim, mas uma bagunça organizada!

Criança pinta quadro com tinta e pincel.
Quem dá curso de desenho e curso de artes precisa gostar de fazer parte de uma "bagunça organizada"!

Não ter medo de barulho e bagunça para ser um bom tutor de artes

Mesmo que a aula seja controlada pelo professor, isso não impede os alunos de se deslocarem para durante a sessão, seja para ir conversar com o professor ou para poder trabalhar em grupos.

O trabalho de grupo também implica em os alunos terem que conversar para trocar ideias. Claro, não se trata de gritar, mas toda a conversa pode gerar alguns ruídos de fundo muito irritantes para algumas pessoas.

Principalmente porque o professor de arte costuma usar esses momentos de trabalho prático para se concentrar na preparação de outras aulas ou na correção exercícios feitos pelos alunos.

Sendo assim, um bom professor desenho tem que aprender a gostar de um pouco de barulho durante as aulas.

Ter uma boa cultura artística para se tornar um bom tutor

Tornar-se professor de artes plásticas significa, obviamente, já possuir o conhecimento a ser transmitido.

Esse conhecimento pode ser adquirido através da experiência pessoal, mas também estudando arte na universidade ou em escolas de artes particulares, por exemplo. O educador tem, então, o conhecimento das principais tendências artísticas da história da arte (fauvismo, cubismo, romantismo, etc.), assim como dos grandes artistas que marcaram a história (Courbet, Monet, Manet, Da Vinci, Gauguin, Van Gogh, etc.).

Esteja você estudando - ou já ter estudado - Artes Aplicadas ou Artes Plásticas - seu curso já o prepara para o ensino das artes.

Fazer uma licenciatura ao invés de um bacharelado, ajuda ainda mais a desenvolver ferramentas de ensino.

Prática artística: característica importante para quem ensina artes

Todos os alunos esperam que seu professor saiba como lidar com os elementos artísticos de forma a transformar os materiais ele mesmo da maneira na qual demanda seus alunos durante as aulas de desenho, aulas de pintura, curso de cerâmica...

Guache, modelismo, aquarela, montagem, colagem... É fundamental que o professor possa ajudar o aluno a desenvolver suas habilidades. Isso não significa que você precisa ser o novo Leonardo da Vinci. A prática regular e as habilidades básicas em todas as técnicas são suficientes para a profissão de professor de artes!

Se você é apaixonado por isso, isso não deve ser um problema.

E então, se sentindo mais preparado para se lançar no ensino do desenho de observação ou do desenho artístico?

Precisando de um professor de Desenho ?

Você curtiu esse artigo?

5,00/5 - 1 nota(s)
Loading...

Camila

Aventureira linguística, curiosa por natureza, artista por opção, viajante apaixonada e redatora por vocação.